Log In

Opinião Spoilers

Spoiler: Heroes merece uma quarta chance?

Pin it

Heroes

Quando Heroes estreou, foi aquele estardalhaço. Há muito ninguém fazia super-heróis darem certo no horário nobre da TV americana (o Batman do Adam West conta?). A série do ‘Salve a Cheerleader, Salve o Mundo’ fez isso parecer fácil, com uma 1ª temporada cool e cheia de surpresas. A audiência explodiu e o programa ainda por cima virou case de marketing online, exemplo máximo do uso da internet para alavancar conteúdo na TV e vice-versa.

Aí veio o 2º ano, encurtado pela greve dos roteiristas, e tudo começou a ir ladeira abaixo. Nem dá para culpar a paralisação, que só antecipou o final de uma temporada fraquíssima, que começava a mostrar a dificuldade dos escritores em evitar as armadilhas que eles próprios criaram. Truques como viagem no tempo, personagens imortais, desenhos que prevêem o futuro e a destruição aparentemente inevitável de Nova York/Tokyo/Mundo/Universo viraram carne de vaca e perderam qualquer impacto dramático. Cedo demais, Heroes deu de cara com a total e completa falta de coerência, maldição que assola os gibis de super-heróis da Marvel e da DC.

A 3ª temporada, que começou em setembro do ano passado, foi o fundo do poço. Eram tantas tramas paralelas (e absurdas) que não era possível se interessar por nenhuma delas. A audiência despencou e a imprensa passou a repercutir a crise criativa que afundou o seriado. O criador Tim Kring pediu desculpas publicamente e chegou a ter uma espécie de colapso, xingando a audiência e dizendo que dramas serializados (como Heroes e Lost) são uma maldição (leia aqui). Escritores foram demitidos e pelo menos um voltou para tentar pôr ordem na casa: Bryan Fuller, criador de Dead Like Me, que tinha se ausentado para cuidar da genial e recém-cancelada Pushing Daisies.

Esta semana, finalmente, começou nos EUA o Volume 4 da saga dos heróis. “Fugitives” promete uma “volta às origens” para trazer Heroes das cinzas. Perto da estréia horrenda do Volume 3, esse episódio é uma obra-prima. Talvez o melhor já escrito pelo Tim Kring, e isso não quer dizer nada, porque os PIORES episódios de Heroes são todos dele. Mas, sim, foi um recomeço tolerável. Ninguém viajou no tempo e viu um grande cataclismo que vai precisar ser evitado a todo custo durante os próximos 10 episódios. Ninguém voltou dos mortos, Sylar deixou de ser bonzinho e voltou a abrir crânios, a conspiração Primatech/The Company/Pinehearst que assombrava a série aparentemente foi resolvida, e a maioria dos personagens voltou a uma vida normal, com empregos normais.

A ameaça dessa vez é Nathan Petrelli, que, por motivos ainda obscuros, resolve sequestrar todo mundo que tem habilidades especiais. Para isso ele conta com a ajuda de uns homens de preto e de um cara que é igualzinho ao Ray Fiske de Damages e ao Andre Drazen da 1ª temporada de 24 Horas.

Talvez você se lembre de quando JJ Abrams prometeu uma “volta às origens” para resgatar Alias do poço da podridão na quarta temporada, e no que isso deu (FAIL! A série foi cancelada no ano seguinte). 24 Horas, por outro lado, ficou insuportável na 6ª temporada, não foi ao ar em 2007, mas voltou para um sétimo ano surpreendemente sólido, apesar da fórmula batida.

Ainda é muito cedo para dizer qual dos dois caminhos Heroes vai seguir. Se você ainda se importa com Hiro, Peter e Claire, é bom torcer para que o reboot dê certo — a próxima temporada da série ainda não está garantida.

Texto publicado originalmente no weblog Ultra.

Séries citadas:

21 Comments

  1. Guilherme

    Paulo, só uma curiosidade: por que tem uma barra do uol em cima do banner do Teleseries??
    Desculpa se já teve que responder essa pergunta alguma vez!!

  2. Juninho

    Heroes merece sim uma nova chance,mas não querendo ser pessimista,mas já sendo,tenho quase certeza que a série não recupera a grande audiência.
    Já pude conferir o inicio desse volume e posso dizer que está otimo,o primeiro episódio foi show,o segundo foi mais fraco,mas foi um bom episódio,e o terceiro também foi bem legal,parece que tudo está de volta,mas apesar de não ter odiado tanto o volume Villains não tem como não sentir saudade da Primeira temporada e do explendido Gênesis.
    Fugitives já começa diferente de todos os volumes,acabou a narração;nunca prestei muita atenção mesmo no que o Mohinder falava então não me fez falta,mas posso dizer que gostei muito do Sylar narrando o ultimo volume de Villains,os personagens estão melhores iclusive o Peter e até a Tracy me pareceu mais interressante nesse volume,e olha que sinto muita falta da Nikky,enfim Heroes merece sem duvida uma nova chance só não sei se realmente vai ter!

  3. Rafael B.

    “Talvez você se lembre de quando JJ Abrams prometeu uma “volta às origens” para resgatar Alias do poço da podridão na quarta temporada, e no que isso deu” CERTO, a quarta temporada foi a mais vista da série com 10.3 milhões, já a quita que foi podre e nem chegou aos 24 episódios, e fechou com 7.2 milhões.

  4. Andrei

    Heroes merece sim uma nova chance!

    Ta certo que já não esperamos mais que HEROES volte a ser aquela série da primeira temporada que explodia cabeças e que muitos apostavam que poderia passar LOST (sinceramente a primeira temporada passa Lost sim).

    Os episódios se matem todos em um nivel muito bom, sério, voltaram a focar no drama e da pra dizer sem resalvas que HEROES está voltando sim a ser uma série de respeito.

    E o melhor ainda é saber que isso tudo está acontecendo sem a interferencia do Fuller, pois ele só começa a mexer a partir do episódio 3.20 pois quando ele chegou todo o resto já estava gravado.

    Então se sem o Fuller a série já estava voltando sozinha pros eixos, então quando o Fuller começar a agir quem sabe as coisas possam realmente voltarem a ser boas pra valer.

  5. Mica

    Poxa, a única temporada de Alias que eu gostei foi a terceira….

    Acho que Heroes está melhorando. Não creio que voltará a ficar boa como na primeira temporada, mas se conseguir pelo menos ser coerente e não me deixar querendo matar os roteiristas e afogar os personagens todo santo episódio eu já me dou por satisfeita.

  6. Luciano Guaraldo

    Não achei o retorno bom…
    Os próprios roteiristas parecem já ter desistido de entender as motivações dos personagens, e simplesmente os colocam para agir como “mocinhos” ou “vilões” dependendo do que é melhor para a história (vide Nathan e HRG)… Exceto que nada é melhor para a história!
    Hiro não é mais engraçado, Peter, Matt e Claire estão cada vez mais ridículos e perdidos em cena, Sylar virou um estereótipo de si mesmo (sinceramente, deveria ter saído da série ao fim da primeira temporada, já que sua trama está totalmente alheia ao resto), todo personagem que surge tem uma habilidade, o que torna a série nada identificável… Posso continuar por muito tempo…

    A verdade é que, por pior que tenham sido, os Volumes 2 e 3 ainda proporcionavam risadas (mesmo que involuntárias). O Volume 4, até agora, nem isso conseguiu, só me dá raiva… Ainda não desisti de Heroes porque tenho muita esperança em Bryan Fuller, mas acredito que nem ele conseguirá colocar a série nos eixos… E se não conseguir, bye bye, Heroes, já te dei muitas chances, cansei…

  7. Amanda

    É o tipo de série que leva ao que? a nada. Teve sua chence e morreu na praia , não passará mais de 8 milhões. Acredito que a NBC vai dar a 4ª temp mas deve ser a última.

  8. Henrique

    Por mim a Clarie podia morrer!
    Puta menina chata…
    Vive desafiando os pais (homens).
    Gostava dela quando ela era apenas a cheerleader…

  9. Pedro

    Amanda e LOST (ou qual quer outra série) é o tipo de série que leva ao que? Uma reflexão profunda sobre a vida e como devemos enfrentar nossos problemas.

    Acho que todos aqui já sabemos que por mais que seja interessant de se ver é só isso né, interessante de ver, só entretenimento!

  10. Luciano Cavalcante

    “Paulo, só uma curiosidade: por que tem uma barra do uol em cima do banner do Teleseries??
    Desculpa se já teve que responder essa pergunta alguma vez!!”
    Realmente, também fiquei curiosos. Isso é bom ou ruim para o Telesérie?

  11. Thiago FLS

    Eu achei os dois primeiros episódios do volume 4 apenas um pouco melhores que os do terceiro, que foram tão ruins que conseguiram fazer a segunda temporada parecer boa.

    Mas o episódio da semana passada foi o melhor até agora, e voltei a me envolver com os personagens. Ainda assim, acho que a trama só vai ficar boa de verdade quando o nome de Bryan Fuller começar a aparecer nos créditos. E não pude deixar de notar que os nomes dos roteiristas demitidos continuam a aparecer nos créditos, sinal de que esses primeiros episódios foram escritos antes da demissão deles.

    Sobre Alias, a “volta às origens” que J.J. Abrams prometeu foi no início da 4ª temporada mesmo. Ela foi a que teve a maior média de audiência (pudera, tinha Lost como “lead-in”), mas eu a considero a pior por ter quase eliminado a narrativa serializada que tornava a série tão viciante. Mas até nos seus piores momentos, Alias nunca foi tão ruim como as últimas temporadas de Heroes.

  12. Leonardo Toma

    Parei de ver Alias na 3ª temporada. Parei de ver Heroes na 2ª. Não pretendo ver o final de nenhuma das duas…

  13. edson moraes

    Ta um lixo a serie… historia sem graça… peter so se fode, galera simplesmente perdeu os poderes… aff… se for assim é melhor cancelar e virar filme…

  14. Gilberto Guerra

    Se esquecerem as estórias já batidas e os clichês Heroes ainda tem chance sim, de talvez, mais umas duas temporadas segurando a adiência atual. Os roteiristas tem que aprender que o público americano raramente da uma segunda chance a uma série que pisa na bola.

  15. Jefferson

    O primeiro volume foi ótimo, o segundo foi pessimo, mas eu gostei bastante do terceiro (acho q fui o unico o/) e so vi os dois eps do quarto, mas me parece que tmb vai ser bom =D

  16. João Paulo

    A incoerência da série é cada vez maior, é tanta viagem no tempo, tanta chatice, e também essa palhaçada de perder poderes que tá dureza assistir. Mas nada me irrita mais que Sylar, um dos vilões mais medíocres de todos os tempos e que nunca é morto. Acho que nem o Madin Boo resistiu a tanto, o cara já morreu umas trocentas vezes e sempre volta, isso é completamente irritante!!

  17. Dyeison

    Eu gostei :)

    Não paro de assistir por nada, Heroes é melhor que muita série por aí, e não merece tantas críticas.

    Claro que teve suas falhas, mas esse Volume 4 melhorou muito em relação ao 2 e o 3!

  18. Walber

    Eu fico pensando, assisti só a primeira temporada, e nem aguentei ver toda pq achei um saco a serie, tava vendo mais para ver se melhorava mas larguei no 1×17, aí falam que a 2 e a 3 são mt piores, fico pensando o quanto deve ser ruim estas temporadas…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account