Log In

Opinião

Um balanço da 10ª temporada de Law & Order: Special Victims Unit

Pin it

Elenco de Law & Order: Special Victims Unit

Casos de estupros, assassinatos e crimes envolvendo menores de idade. SVU está há uma década no ar. A bem sucedida série de Dick Wolf, embora já tenha sido mais poderosa, ainda apresenta sólidos números de audiência – sempre por volta dos 10 milhões de telespectadores – e acabou se tornando a mais popular da franquia Lei & Ordem desde cedo. Sempre instigante, atual, polêmica sem ser apelativa e conduzida por um elenco extremamente carismático, a série nunca vislumbrou o fantasma do cancelamento. Até recentemente.

A possibilidade de que seus protagonistas não renovem seus contratos assombra aqueles que acompanham há tanto tempo os membros da Unidade de Vítimas Especiais. Christopher Meloni e Mariska Hargitay (vencedora tanto do Emmy quanto do Globo de Ouro por seu papel na série) indiscutivelmente se tornaram marcas registradas do sucesso do programa e a rotineira troca de elenco já famosa na série matriz corre o risco de não se aplicar aqui. Mas isso ainda é pura especulação.

Estamos prestes a entrar na segunda metade da atual temporada. A pausa do Universal Channel na exibição dos episódios inéditos proporcionou a chance de um breve balanço deste décimo ano. E o resultado, para a surpresa de ninguém, é bom.

A temporada começou com a difícil chegada de Michaela McManus ao elenco fixo da série. Conquistar o público não é tarefa fácil para as novas promotoras. Casey Novak que o diga! Tudo é uma questão de tempo e aqueles que ainda não simpatizam com Greyleck não vão amá-la da noite para o dia.

Vamos aos episódios:

Episódios Fracos Episódios Regulares Episódios Excelentes
Trials (10X01)
Smut (10X10)
Lunacy (10X04)
Persona (10X08)
PTSD (10X09)
Stranger (10X11)
Confession (10X02)
Swing (10X03)
Retro (10X05)
Babes (10X06)
Wildlife (10X07)

Fracos: Trials foi realmente uma estréia bem morna, não foi? Já Smut apresentou péssimas escolhas no desenvolvimento do caso e nem o bom desempenho de Greyleck no tribunal reverteu o saldo final.

Regulares: Eu gosto de Lunacy, porém ele ainda divide opiniões entre os fãs. Enquanto Persona e Stranger apresentaram inícios maravilhosos, não conseguiram manter o mesmo vigor até o desfecho. PTSD contém um grande desenvolvimento da personagem Olivia. No entanto, acho que todo o arco da tentativa de estupro que ela sofreu deveria ter sido explorado num espaço de tempo menor e as conseqüências foram amenas demais dentro do Squad (repito sempre: lembram que a Monique Jeffreys foi transferida por muito menos?). Foi uma ótima história com um desenrolar um pouco pobre.

Cena de Law & Order: Special Victims Unit

Excelentes: Confession, Retro e Babes foram sólidos e instigantes do começo ao fim e Swing dispensa comentários, certo? Agora quando o assunto é Wildlife, não tem jeito. Apesar dos pesares, eu amo esse episódio porque ele representa o apogeu do desenvolvimento do Elliot no que se refere ao seu trabalho e sua vida pessoal. Eu nunca havia sentido tanto pelo Stabler. E, de bônus, ainda teve uma certa cena clássica. Para mim, um episódio relevante.

Muitas surpresas ainda nos aguardam, já que ainda temos mais de uma dezena de episódios pela frente. O esperadíssimo retorno de Alex Cabot (Stephanie March) é uma delas. E então, o que vocês têm achado desta temporada de Special Victims Unit?

Law & Order: Special Victims Unit retorna com novos episódios apenas no dia 31 de março no Universal Channel, com o episódio Hothouse.

Séries citadas:

17 Comments

  1. Jorge P.

    SVU tem seus altos e baixos, mas seu desenvolvimento sempre me agradou. A profundidade dos personagens e boas atuações fazem a série ser constante.
    Ah, a Mariska na “cena clássica” estava belíssima (ficou ainda mais bonita depois que foi mãe).

  2. Edson R. Okudi

    Continuo achando a atuação de Michaela McManus, no papel da promotora Kim Greylek, fora do tom. A atriz diverge completamente do “modelo” de atuação das promotoras anteriores, que eram extremamente sóbrias, com ar consternado (como é o de todos os atores da série). Michaela McManus, ao contrário, exibe expressões de “triunfalismo”, de “sarcasmo”. Talvez seja proposital, ou não. Ela franze a testa, como se estivesse brava, mas a boca continua sorrindo, enquanto solta um texto de indignação. Ou seja, ela dá várias informações contraditórias, ao mesmo tempo. Por outro lado, essa volta temporária da promotora Alexandra Cabot (Stephanie March) é positiva. Stephanie March dá muito mais credibilidade à série.

  3. Izadora

    SVU raramente me decepciona. Adoro assisitir todos os episódios, inclusive os de temporadas anteriores.

    A melhor DA(promotora) é a Alexandra Cabot, na minha opinião. Espero q ela retorne e continue na série.

  4. Ana Maria

    Que bom é rever o texto correto e aguçado do Ângelo Romão. Falar sobre SVU para mim sempre é motivo de prazer e nesta temporada em especial seria inevitável.Isto porque a série voltou aos seus bons tempos exibindo capítulos de alto nível. Não considero nenhum episódio fraco, acho que Trials o primeiro e Retrô foram regulares e os demais eu os enquadro como muito bons.Swing, Waldlife e Lunacy me pareceram excelentes. O primeiro porque foi um drama emocional e pungente envolvendo a vida do Elliot e os demais porque foram episódios singulares, pelo enredo e cenas inéditas. Entendo que a sobrevivência de SVU, até agora ostentando números consideráveis de audiência, deve-se tão somente a sua dupla principal de detetives. Elliot Stabler e Olívia Benson já representam um patrimònio da televisão e suas atuações, aliadas ao carisma pessoal e a química perfeita entre os atores constiuem-se a meu ver, no grande trunfo do seriado. A franquia Lei e Ordem, cujo autor é Dick Wolf caracteriza-se pela seriedade dos seus temas, na maioria das vezes retratando acontecimentos verídicos e casos polêmicos que afetam a sociedade. Esse mesmo Dick Wolf tem dito que o sucesso de sua série se deve sobretudo à qualidade de suas histórias e capricho na produção. Pode ser. Mas no caso especial de SVU não abro mão do meu ponto de vista: sem Cris e Mariska SVU jamais teria chegado onde chegou.Quanto a nova promotora ainda não a digeri totalmente.Não a detesto mas também sua atuação não me empolga muito.Acho-a um tanto arrogante e a sobriedade que fala o Edson no comentário acima tem sentido se levarmos em conta a dramaticidade do espetáculo. Alex Cabot é para mim a melhor das três promotoras e estou aguardando ansiosa o seu retorno. Se Mariska e Cris vão continuar não sei.Se não, vai ser difícil encontrar susbstitutos à altura.

  5. Ângelo Romão

    Nossa, que saudade eu estava desses nossos encontros!

    Ana Maria, adoro suas reflexões e sua paixão pela série. Teus comentários sempre traduzem a sensação que todos sentiremos caso Chris e Mariska saiam de cena.

    Já a Greyleck…

    A Michaela tem encontrado uma resistência enorme devido a essa dita falta de serenidade e a sua aura sarcástica, como bem apontou o Edson. Sinceramente, eu prefiro enxergar isso como parte do escudo que todas as promotoras usam ou usaram à sua maneira durante sua passagem pelo squad. Vou explicar melhor.

    A questão da supremacia masculina no Direito sempre apareceu na série de uma maneira ou de outra. E nesse clube do bolinha, nossas “guerreiras” sempre construíram uma fachada que as resguardava no confronto diário.

    Elizabeth Donnely, a pioneira, e sua expressão intimidante e sua postura inflexível, resultantes de um erro cometido no passado que a pôs em maus lençóis.

    Cabot e sua postura fria (contida) e aparentemente inabalável. Eu só lembro de vê-la vulnerável no excelente episódio ‘Guilt’, da 3ª Temporada. Quem não adorava a expressão imparcial dela perante as inúmeras vezes que era chamada de ‘cadela’ pelos suspeitos?

    Casey com seu pavio curto e sua obstinação exagerada em jamais ceder(que até causou sua demissão), mesmo quando havia atenuantes, para não suavizar sua imagem.

    E Greyleck é jovem, minha gente. Uma novata sem moral em um ambiente de mais de uma década de entrosamento. Sua juventude e suas poucas credenciais associadas a sua beleza radiante contribuem ainda mais para que todos sejam condescendentes com ela.

    Então, a única maneira de erradicar o esteriótipo de bonequinha de luxo é se tornando mais agressiva, é demonstrar triunfo perante aqueles que a subestimam e ser sarcástica perante aqueles que duvidam de seu julgamento. E a responsabilidade de mostrar resultados em seu novo cargo, faz com que ela se torne ansiosa demais em alguns momentos.

    Por isso é que eu não a vejo como um má promotora ou uma péssima atriz. Pelo contrário, acho que seu comportamento condiz com sua inserção nesse ambiente.

  6. Ana Maria

    Prezado Ângelo,
    Sem dúvida voce tem alma de psicólogo e explicou de forma convincente as prováveis razões do comportamento sarcástico/arrogante da Greyleck. Na
    realidade, como disse anteriormente, nada tenho contra a atriz e personagem.É que , por uma questão de temperamento tenho mais afinadade com o jeito sóbrio e discreto, mas determinado e altivo, da Alex Cabot. É uma questão de predileção.Vamos ver agora com o retorno da Stephanie como se comportará o público fiel de SVU.Hoje, dia 10 de março,nos EUA, é o 1º episódio no qual ela aparece. E, Ângelo, obrigada pelo elogio. Sem dúvida temos algo em comum: o amor por SVU. Só não tenho são os conhecimentos técnicos e sua verve para escrever e colocar em rede sua sabedoria sobre os seriados.Para mim, ler seus comentários é um verdadeiro deleite. Gente inteligente é outra coisa.

  7. Gilberto Guerra

    É uma pena que fui descobrir essa série apenas na 8º temporada. Acompanhei alguns episódios das anteriores em reprises esporádicas. Estou gostando muito dessa temporada.

  8. Silvia_05

    Vi 2 episódios desta série e detestei. E olha que o meu gosto é bem amplo. Mas não deu. Então, muito me admira que tenha chegado até a 10a. temporada. O que sugere que deve ter tido seus bons momentos.

    Também só vi outros 2 ep. do Criminal Intent e achei bem melhor, mas não consegui acompanhar a série.

  9. Fernando dos Santos

    Pra mim o unico ponto fraco desta temporada até o momento é a Michaela McManus.Espero que a personagem venha a passar por alguma mudança num futuro bem próximo.

    “a rotineira troca de elenco já famosa na série matriz corre o risco de não se aplicar aqui.”

    Eu acho que dificilmente a troca de elenco vai dar certo em SVU, as chances são mínimas.Em SVU a vida pessoal dos protagonistas é uma das bases da série, ao contrário de L&O.E estes protagonistas estão lá faz dez temporadas, então as chances de rejeição dos substítutos de Mariska e Chris são altíssimas.

  10. Pingback: michaela mcmanus | video and pics about michaela mcmanus

  11. Leonardo Toma

    SVU pra mim nunca perdeu o ritmo e a qualidade. Posso dizer isso de todas as séries da franquia Law & Order. Diferente de outras franquias policiais mecanizadas…

  12. Renata Simone Braga

    Chegar à décima temporada não é para qualquer série não, muito menos consiguir manter a qualidade dos episódios ao longo de cada temporada. SVU está de parabéns e espero sinceramente que continue assim por mais tempo ainda.

  13. Vitória

    Estou achando essa décima temporada excelente, bem melhor que a anterior.A série está de parabéns porque, como diz a Renata não é fácil chegar aos dez anos com o prestígio e a audiência que Lei e Ordem SVU ostenta. Acho que a razão do sucesso de SVU é o enfoque emocional, psicológico dos seus enredos, que, como diz o Leonardo, a diferencia das demais séries policiais.Talvez por isso a série não seja entendida e apreciada por aqueles que só gostam de ver muita ação e violência.E, quanto ao elenco não dá para contestar: Cris e Mariska são insuperáveis e insubstituíveis.Acho que se ambos sairem eu não vejo mais SVU.

  14. Flávia C.

    Também acho que esta temporada está infinitamente melhor que a anterior. Ainda bem, fiquei preocupada com aquela temporada tão insossa. Mas SVU é SVU, e está aí mostrando muito vigor.

  15. Mariana

    Eu comecei a assistir SVU na 7ª temporada, com uns 10 ou 11 anos (O_O)
    Com certeza a Alex Cabot é a melhor ADA q a série já teve! Com o tempo tmb vou me acostumar com a Kim, assim como me acostumei com a Casey.
    10 anos é muito tempo para uma série! Mas claro, se a Mariska ou o Chris sair, a série não sobrevive. Na 8ª temporada, a Mariska saiu quando estava grávida e veio a Dani, eu já nem tinha aqueeela vontade de assistir SVU… Tentei assistir Law and Order: Lei e Ordem e não consegui. Assisti 5 minutos e desliguei a tv. Criminal Intent tmb não gostei muito, mas consegui assistir um episódio inteiro xD

    Mas eu concordo que a 10ª temporada não estreiou com aquilo tudo, poderia ter sido melhor. Quando terminou o 1º episódio eu pensei “Putz, essa temporada não vai ser boa… Vai ser chata!” Ainda bem q eu estava enganada *-*

  16. Joanna

    Olha, pra mim todas as temporadas foram ótimas!
    Adooooro a série, e não consigo ficar sem assisti-lá… assisto todos os dias as reprises da temporada anterior e as terças o episódio da nova série… faço de tudo pra não perder nada! Mas com certeza sem Stabler e Benson, a série perderia toda a graça! Não vejo a hr de começar a nova série para novos episódios! Das promotoras, eu tbm prefiro Alex, mas as outras tbm são boas! Eu assistos muito aos episódios, mas faz pouco tempo…alguém sabe onde posso conseguir as temporadas mais antigas, tem em dvd??
    Gente tenho certeza que a 11ª vai ser ainda melhor!
    :)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account