Log In

Reviews

True Blood – Sunset

Pin it
67.625
3.3
8
Série: True Blood
Episódio: Sunset
Número episódio: 5x11
Data exibição EUA: 19/08/2012

Russell, você por aqui?

Faltando um episódio para o final, True Blood recebeu novamente o memorando da semana, e ao descobrir novamente que estava acabando a temporada, resolveu ir um passo a mais: Acabar de vez com a minha vontade de assistir a sexta temporada.

Veja, não estou tirando o mérito da série de fazer um episódio redondinho, mas tudo tem limite. Falei comigo mesmo, ano passado, que daria mais uma chance para True Blood, mas a verdade é que a preguiça de continuar a acompanhar e ser constantemente irritado por plots e mais plots desnecessários e mal uso dos principais está falando mais alto.

É só pegar o episódio, por exemplo. Fiquei feliz com ele? Mais ou menos. Porém, a OBRIGAÇÃO da série era apresentar um bom episódio antes da Finale, e foi isso que eles fizeram? Sim, foi. O problema é que todo o desenvolvimento até chegar aqui, sem contar a maioria dos plots, que ainda nem funcionam no geral dentro da série. O interessante seria se True Blood tivesse apertado os episódios, entregando outros tão bons quanto esse.

Porém, não é só felicidade nesse episódio. Aparentemente, jogaram toda aquela conversa de fundamentalismo religioso para o lado e explicaram que essas aparições de Lilith Matagal e todas as mudanças de personalidade dos vampiros são porque eles se encontram há muito tempo juntos. Não havia necessidade de mudar isso. Sem contar que Nora, a pessoa que devia ter sido a primeira a voltar à sanidade após ver seu maker, demorou um século para entender as coisas. Pelo menos a primeira coisa que ela fez quando voltou ao normal foi transar com Eric. Muito bem pensado, menina, congratulations. E ainda chega Salome, falando que não precisa se preocupar com Rusell, que isso tudo é um PLANO DE LILITH. Pelo amor de Deus.

Lilith vem em um sonho dizer aquilo para Bill, como se na vida real alguém fosse realmente deixar Bill no comando. Verdade seja dita, ele nem consegue controlar a própria filha. Aliás, isso foi uma coisa muito sem graça que aconteceu, também. Cometi o grande erro de ver a promo do episódio por causa da HBO brasileira, mostrando Jason aparentemente morto dentro da cova com Jessica chorando. Outro plot desnecessário, mais uma vez. Concordo que provavelmente Jason iria ganhar o prêmio de Vampiro Mais Burro, mas no momento, esse prêmio vai para: Bill.

O que obviamente vai acontecer semana que vem é fato: Bill vai salvar Sookie e vai acabar voltando ao normal, à mentalidade que tinha antes de tudo isso. A que custo? Se for mudar, então continue do mesmo jeito, não dê passos para trás. Provavelmente vai ser outro tiro no pé retornar o personagem às suas origens.

Roman era o único que manteve os vampiros, se aliando ao movimento do populismo. Ainda queria MUITO ver como a situação está nas ruas, como o povo está lidando com os acontecimentos em geral, o que me leva a concluir que aparentemente está tudo ok, com um monte de vampiros matando todo mundo, agora que acabaram os Tru-Bloods.

Alcidão parecia ter mais função na temporada passada do que nesta e olha que ano passado ele nem era regular. Para promover algum personagem à regular, os roteiristas deveriam ter, pelo menos, desenvolvido mais de um plot na temporada inteira. Bons tempos quando Alcide ficava com dor de cotovelo por causa de Debb, que ficava se aventurando com o ex-líder da matilha ano passado. Provavelmente Alcide só está passando um bom tempo no trailer do pai, para chegar semana que vem e ele se auto-proclamar novamente o líder da matilha, e tentar não cometer os mesmos erros que o seu velho cometeu no passado.

No final, tudo se resume à Sookie e a incansável busca de Russell pelo sangue da fada. Novamente, demorou muito para algo finalmente acontecer, sem contar que Sookie está muito apagada, inclusive no próprio plot. E como eles querem ligar a história do Warlow no próximo episódio? Não vejo como.

O pior foi Luna e Sam, que faziam bom tempo que estavam dentro da Autoridade HQ e até agora nem sabiam onde estava a filha. Isso é o que eu chamo de bom trabalho. Na realidade, é bem desespero da parte dos roteiristas em colocarem (quase) todos os personagens no mesmo lugar. Só fiquei com pena da Tara, que perdeu sua mamãe e agora vai ter que assustar a Ginger sozinha de agora em diante.

 

P.S: Como não rir do timing da (sa)fada do Andy, que apareceu bem quando Arlene estava falando sobre fidelidade, sem contar que ela ainda chegou grávida de Andy. As coisas não estão promissoras para você, Andy.

P.S: Eric estava todo bravo no quarto porque obviamente ele descobriu que o quarto dele é o menor de todos.

P.S: Parece que Tara e Jessica possuem lapsos de memórias. Já estavam fazendo juras de BFFs, pouco tempo depois daquele super briga. Parece que Jessica está mesmo desesperada para conseguir uma amiga.

P.S: Bill ficou super bravo, já que percebeu que Lilith não pratica a monogamia e quer ficar liberando o sangue para todo mundo.

@marcoacpontes

Séries citadas:

Cinéfilo e viciado em séries. É também um podcaster, blogueiro e estudante de Letras e Jornalismo. Acompanha mais de 60 séries, sem contar as milhares que já passaram. Gosta de todo tipo de série, não discrimina. Usa o sarcasmo, a ironia e a acidez para lidar com as situações ordinárias. Pode ser encontrado no twitter pelo user @marcoacpontes.

Website: http://www.mundodaseries.com

3 Comments

  1. Danilo Artimos

    * A Pam explicou que quando vampiros se unem em ninhos eles ficam mais “doidos”, mas ela falou disso sem saber que Bill e cia estão tomando daquele sangue bizarro, então foi uma das suposições que ela deu para Jessica;
    * Anna Paquin está grávida, acredito que isso atrapalhou muito no desenvolvimento de sua personagem, deixando as coisas totalmente apagadas para ela. Espero que Warlow mude um pouco disso, mesmo parecendo ser só um espírito… Algo me diz que Lafayette vai dançar nessa história.

  2. Anderson Luiz

    Até q gostei desse epi. Comparado aos 3 últimos, esse foi bom,deu até uma empolgada.
    Aliás, não sei se repararam mas True Blood tá fazendo a limpa. Nesses últimos epi só tem morte.

  3. Aline Lemos

    Toda vez que venho ler os reviews sobre True blood, eu me pergunto o que leva alguém que não gosta mais de uma serie a olha-la?
    Acho que deve ser pelo simples prazer de criticar.
    Peço encarecidamente que o TELESERIES chame outra pessoa para resenhar TB.. já se tornou chato e massante semana após semana vir achando que alguém novo e com interesse em fazer algo para os fãs estará aqui e ter sempre as mesmas reclamações e criticas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account