Log In

Especiais Opinião

Tributo ao R.E.M.: a banda e os seriados de TV

Pin it
0
0

R.E.M.
Uma das bandas mais importantes mais importantes do Estados Unidos, o R.E.M., partiu o coração de milhares de fãs esta semana ao anunciar a sua separação. “A todos que alguma vez se sentiram tocados por nossa música, nós agradecemos profundamente por ter nos escutado”, dizia a nota assinada pelo trio Michael Stipe, Peter Buck e Mike Mills.

De fato, o grupo e seus hits foram a trilha sonora de gerações de fãs – em três décadas na estrada. Música estas que, volta e meia, serviram como trilha para série de TV, embalando momentos de drama ou humor. Confira abaixo alguns vídeos selecionados que ilustram a importância banda na nossa cultura pop – tanto musical, como televisiva.

Boston Public, episódio Chapter Seventy-Six

Talvez muita gente não lembre, mas o produtor especializado em séries de tribunal David E. Kelley emplacou entre 2000 e 2004 a série Boston Public, que mostrava o dia-a-dia de um grupo de professores de uma escola pública fictícia da cidade de Boston – mesclando momentos cômicos e outros muito dramáticos. No episódio 76, da última temporada, Kelley conseguiu chamar o R.E.M. pra dar uma canja no episódio, tocando uma versão acústica de Losing My Religion. A cena, divertida, abre com a professora Marla Hendricks (Loretta Devine, que atualmente é coadjuvante em Grey’s Anatomy) apresentando o grupo no bar, sem saber que eles são “o” R.E.M”.

The Office, episódio The Fire

Hit do álbum Automatic for the People, a canção Everybody Hurts se tornou ao longo dos anos a trilha sonora ideal pra cenas de dor de cotovelo e alguns momentos românticos. No episódio Grace Period, da série NCIS, em 2007, ela toca no momento em que o agente Dinozzo vai se declarar para Jeanne (personagem da atriz Scottie Thompson). Apareceu ainda em dramas como Minha Vida de Cão (My So-Called Life), comédias como Perfect Couples e nos desenhos animados Daria e Mission Hill, entre outros. No vídeo acima, do episódio The Fire, da segunda temporada de The office, ela é a canção que consola Dwight (Rainn Wilson), quando vê que perdeu o posto de preferido do chefe, Michael Scott (Steve Carell).

Smallville, episódio Slumber

Slumber é um daqueles típico episódios horríveis de Smallville! Na trama, Clark Kent (Tom Welling) fica preso dentro dos sonhos de uma garota – que os fãs da série convencionaram chamar de “freak da semana”. E como o episódio é ambientado em sonhos, e R.E.M. é a sigla de rapid eye movement (movimento rápido dos olhos), a fase do sono onde sonhamos, os produtores decidiram usar só canções da banda na trilha. São cinco músicas ao longo do episódio. A cena preferida do fãs da série, claro, é a do link acima, que mostra um momento sexy entre Clark e Lana (Kristin Kreuk) ao som de Imitation of Life.

Ugly Betty – Blackout!

O acelerado rock It’s the End of the World As We Know It é bastante usado em filmes, mas volta e meia aparece em seriados de TV. Em 2010, é a canção que a “ugly” Betty (America Ferrera) canta no videokê durante uma desanimada festa em sua casa – antes de acontecer um blackout em Nova York. A escrachada comédia Uma Família da Pesada (Family Guy), também usou a canção no episódio McStroke, de 2008 – em que Peter como trinta hamburgers de uma só fez e tem um derrame. Você pode ver o vídeo clicando aqui.

Barrados no Baile – Brandon Leaves

R.E.M. embalou ainda um momento importante do novelão Barrados no Baile (Beverly Hills 90210). A música Nightswimming marca os momentos do sexto episódio da nona temporada, no momento em que o protagonista Brandon (Jason Priestley) sai da série.

Glee – Grilled Cheesus

E, claro, uma banda do porte de R.E.M. não poderia ficar de fora da trilha da série musical Glee. O hit Losing My Religion – vencedor do Grammy de Gravação do Ano e de Canção do ano de 1992 e videoclipe vencedor de seis MTV Video Music Awards em 1991 – é usado no divertido episódio Grilled Cheesus, em que os garotos lidam, cada um de sua forma, com questões relativas a fé. E Finn (Cory Monteith), que no início do episódio viu a imagem de Jesus num Queijo Quente, é quem interpreta a canção (e a versão de Glee ficou bacana!).

Séries citadas:

É jornalista, pós-graduado em Jornalismo Digital pela Pucrs e trabalha com produção de conteúdo para Internet desde 1995. É editor de internet do Jornal do Comércio, de Porto Alegre. Fundou o TeleSéries em agosto de 2002. Na época, era fã de The West Wing, The Shield, Família Soprano e Ed. Atualmente é viciado em The Good Wife, NCIS, Game of Thrones e Parks and Recreation.

12 Comments

  1. Gabrielle Matos

    o famoso rompimento brenda e dylan  do  mesmo barrados no baile tb é o som de loosing my religion

  2. Flávia Ribeiro Varsano

    AMEEEEI, Paulo! REM é uma das minhas bandas favoritas, Top 3, atrás só de Beatles e U2. O show deles no Rock in Rio de 2001 é um dos shows da minha vida, inesquecível!
    E Dwight sofrendo ao som de Everybody Hurts é um clássico, hahaha!

  3. Cleide Pereira

    tributo muito merecido a uma banda no calibre de REM
    fico feliz de ter tido o prazer de vê-los no Rock’n Rio

    que venham mais tributos o/

  4. Anônimo

    Eu, infelizmente, não sou da época do REM. Quando eu nasci, eles já eram super reconhecidos e faziam muito sucesso. Mesmo assim, fiquei triste quando descobri do final da banda. 

  5. Tati Leite

    REM = Melhor show da minha vida. Agradeço a Antunes por ter me lembrado do episódio de Boston Public. E confesso que todas as vezes que ouço Nightswimming lembro do Brandon indo embora.

  6. Messias seabra martins

    E minha banda R.E.M preferida, lembro bem quando ele iniciaram, Falando de música meu cantor predileto é Micha Jackson. estamos perdendo aos poucos os bons músicos…..

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account