Log In

Reviews

The Vampire Diaries – Homecoming

Pin it

Série: The Vampire Diaries
Episódios: Homecoming
Temporada: 
Número do Episódio: 3×09
Data de Exibição nos EUA: 10/11/2011

Nostálgico. Essa é a melhor palavra para definir este episódio de The Vampire Diaries que, sem exagero nenhum, foi NO MÍNIMO um dos melhores da temporada… Ou até mesmo da série. E apesar de os acontecimentos terem sempre como plano de fundo alguma festa onde a cidade inteira esteja reunida, isso não conseguiu deixar o episódio clichê por nenhum momento. Até aquelas marmeladas irritantes que já estavam cansando de serem vistas, ficaram ausentes do episódio… Pois é, realmente acertaram desta vez.

Mas vamos direto ao ponto: chegou o grande dia, o dia em que o Klaus será morto e todos ficarão felizes para sempre… Ou pelo menos eles pensam que ficarão, porque para isso tiveram que acordar o Papai Original e, cá entre nós, ele é uma dor de cabeça muito pior do que Klaus (aliás, Klaus não pode nem ser chamado de dor de cabeça quando comparado ao Mikael). E mesmo sabendo que Mikael não é flor que se cheire, os Salvatore e Elena tiveram que incluí-lo nos planos porque ele é o dono da única estaca com o poder de matar definitivamente um Original.

O plano pareceria perfeito se Damon não fosse esperto o bastante para desconfiar de tudo, já que quem se ferra demais (como o Damon) sabe quando as coisas caminham para darem errado novamente, e ele chega à trágica conclusão de que se deu mal de novo (alguma novidade?). Pois é, o plano se resume a ele + Elena + Stefan + Mikael. Elena é uma fracote sentimental produtora das marmeladas da série, Stefan está hipnotizado e não é preciso ser um gênio para desconfiar do caráter de Mikael. Então Damon trai o movimento e faz um plano secreto que não conta nem pra Elena, ficando sozinho para pensar em tudo.

E agora, meu povo, adivinhem quem foi o elemento crucial para o plano do Damônho?? A Katherine, é claro! Isso mesmo, VampBith não morreu e voltou para, além de matar as nossas saudades da aura promíscua do seriado, salvar o dia e até mesmo o mundo. Afinal, ninguém consegue dizer um “Kaboom” tão sexy e ter classe até mesmo para jogar granadas de exterminar híbridos enquanto Mikael fica com a melhor poker face (a famosa “cara de nada”) do mundo ao ver que foi enganado o tempo todo por acreditar que na verdade tinha pegado a Elena como refém.

Se Mikael não tivesse ficado trancado em um caixão por sei lá quantos trocentos anos e conhecesse a reputação de Mystic Falls, não teria se surpreendido com os absurdos que acontecem por ali… Neste caso, não teria ficado surpreso em ver a Katherine vivinha da Silva ao ponto de se distrair com a surpresa enquanto Stefan estragava o plano todo e Klaus virava o jogo. Resultado: Mikael, que caçou vampiros por anos, está morto de verdade, o que de fato foi melhor, porque dos vampiros malvadinhos ele era o pior. Como recompensa, Stefan está livre e saltitante novamente.

Enfim, como a única estaca que pode matar definitivamente um Original foi usada e a vítima não foi o Klaus, Damon fica possesso e Elena que não é boba nem nada vai consolar o cara para que o episódio não fique sem o clima Delena. Só que (para a infelicidade/revolta do Team Delena) VampBitch acaba com o climinha ao ligar para o Damon e se despedir enquanto foge com o Stefânio. Pois é, na primeira oportunidade que tem para aproveitar a liberdade, o vampirão resolve escolher o lado mais divertido da coisa e foge de carro com a VampBitch, enquanto ela esfrega na cara de todo mundo que salvou o dia e a vida do Damon sem ele saber.

E como a Katherine é a única que realmente salvou o dia ali, dá a brilhante idéia para Stefânio usar a desculpa de que está nervosinho e se vingar de Klaus. E Klaus só percebe a vingança quando, na hora de comemorar a morte de Papai Original e acordar a parentada para dar uma festa, vê que os caixões sumiram. Então ele esperneia, roga praga, berra, chora, enlouquece como de costume e promete que vai matar todo mundo, como sempre fala. Coitado…

Pois é, Klaus… Mas você vai ter que esperar até o ano que vem para matar todo mundo, ou  pelo menos continuar ameaçando fazer isso, porque a série vai entrarem hiatus. Issomesmo, podem chorar mais do que Elena e Stefan juntos, porque no fundo sentiremos falta até das marmeladas, tsc.

P. S. [1]: Viram só? VampBitch que salvou o dia enquanto um monte de gente fala mal da coitada, e até comemoraram quando todo mundo pensou que ela morreu. E reparem como Damon ficou abalado quando ela se despediu. Ainda há dúvidas de que ele sente algo por ela?

P. S. [2]: Klaus se ferrou, mas foi meio comovente quando ele agradeceu ao Stefan por tê-lo ajudado e tal. Por cinco minutos até pensei que ele iria ter uma recaída ao lado bom. E por falar em ajuda do Stefânio e liberdade do mesmo, alguém aí pensou que ele estando livre, voltaria para a Elena? Pois é, parece que as coisas não voltarão ao normal tão cedo.

P. S. [3]: Sinceramente, a farra do Mikael acabou cedo, não acharam? Eu pensei mesmo que ele causaria mais dor de cabeça. Agora vamos ver se Klaus piora devido à essa ira por terem roubado a parentada dele.

Séries citadas:

Cinéfila, louca por séries de televisão, leitora compulsiva e movida à música. Cineasta por formação e escritora por paixão.

4 Comments

  1. MicaRM

    Sou só eu que não acho o Klaus esse ser do mau que todo mundo parece acreditar que ele é? Poxa eu até gosto do cara!
    Quero dizer, ele tentou (e conseguiu) matar Elena, mas ela voltou à vida graças ao papai que deu a vida em troca da dela, então está tudo bem. Fora isso, o que mais fez Klaus? Ele quer Elena viva, ele libertou Stefan da servidão, manteve o Stefan sem sentimentos (como o próprio Stefan queria), matou Mikael-o-caçador-de-vampiros…. Qual o risco que ele ainda representava para o povo de Mystic Falls? Nenhum!!!
    Eu não entendo esta sede de vingança do Stefan. Não entendo esse ódio absurdo do povo com ele (ok, ele matou a Jenna também, maldito!, mas ninguém além do Alaric parece lembrar disso). Ele só quer viver a sua vidinha em paz, criar os seus híbridos, ressuscitar sua família… Para quê o povo vai continuar cutucando onça com vara curta? Ainda mais agora que papai Mikael já não existe mais e nem a estaca do carvalho? Esse povo é meio sem noção.
    E não posso nem aceitar o lance da vingança, porque Stefan não recuperou os sentimentos (só se libertou  da servidão) e nem queria fazê-lo. Como Katherine conseguiu convencê-lo a fazer isso?

    Minha grande questão agora é o papel da Doppelganger nesta história toda. Quem será que foi a original? Por que Petrovinha é um clone da original? Elena vem da linhagem de VampBitch, mas e Kath, de onde vem?

    De resto não tecerei maiores comentários pq já discuti este episódio à exaustão no twitter e no facebook, mas vale aqui dizer que gostei muito e estou contando os dias para 05 de janeiro.

  2. Rayssa Kawasaki

    Adorei o episódio!! Muito bom, quando eu pensava que todas as carta estavam sobre a mesa, algo novo acontece. E eu acho a Nina tão boa atriz que ela soube fazer a Kath se passando por Elena! Toda cena da sequencia da festa em que aparecia a Kath/Elena eu colocava a mão na tela do pc cobrindo o cabelo cacheado e, nem precisava pois desde a primeira cena, eu percebi que akela era a Kath. E eu fiquei super feliz por ela não ter morrido. Foi uma volta com glamuor, já que todos pensavam que ela estava morta e ela volta e salva o dia. Enfim, vou ficar louca esperando o próximo episódio. Já é janeiro?

  3. BRIGA

    Boa série, assisti e gostei das 1ª e 2ª temporada, estou baixando, mas confesso que ainda não comecei a assistir a 3 temporada, porém, as críticas estão muito boas em relação a 3 temporada, assim que puder vou assisti-la.

  4. Pingback: Destaques da Semana – Brasil – 23 a 29/7

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account