Log In

Reviews

The Killing – Ghosts Of The Past

Pin it


Série: The Killing
Episódios: Ghosts Of The Past
Temporada: 
Número dos Episódios: 2×05
Data de Exibição nos EUA: 22/04/2012

Não tão bom quanto os anteriores, Ghosts Of The Past serviu para minhas expectativas baixarem. Foram poucas as coisas aproveitáveis desse episódio e foi bom eu ter esperado um tempo depois de assisti-lo para escrever essa review, ou seriam 500 palavras de reclamações.

Eu não me importo na demora da investigação, eu sei que a série não é isso e que eles não podem achar facilmente o assassino. Não é isso que incomodou. Se na semana passada  tivemos vários elementos legais que juntos fizeram com que o episódio fosse ótimo, nesse foi o contrário. Teve o beijo de Stan e Terry, o suspeito que quer falar algo, mas enrola o episódio todo e ao revelar, no último segundo, só deixou aquela impressão de “era só isso?”

Eu queria que The Killing fosse mais que isso. Não esperava que Alexi fosse realmente o culpado, mas que ele acrescentasse algo durante a investigação. Quando ele começou a falar de como era a Rosie, eu lembrei que isso era algo que eu gostava na série: descobrir cada vez mais detalhes sobre a vida dela e da família. Mas o que recebi foi algo muito, muito forçado.

Mitch, que agora está em uma história totalmente aleatória, fez eu sentir saudade de quando achava que ela estava apenas tendo visões. Essa garota aparece do nada só para ela lembrar da Rosie? Que sutil, The Killing.

Algumas (poucas) observações positivas do episódio:

*O ex-marido de Linden falando que ela estava mais preocupada com a menina que morreu do que com seu filho. É sua maior qualidade que se torna em seu maior defeito. Linden é uma ótima policial e está obcecada pelo assassinato, mas que preço terá que pagar por isso?

* Embora o roteiro tenha deixado a desejar, Mireille Enos continua ótima.

*Richmond e todas suas cenas de sofrimento. Impossível não se emocionar e pensar novamente em todas as conseqüências que esse assassinato causou. Agora, ele quer vingança e eu mal posso esperar por isso.

Espero que semana que vem seja melhor.

Jornalista e pessimista. Começou assistindo My So-called Life. Gosta de Doctor Who, Happy Endings, The Good Wife e Homeland, entre outras. Fã de Tina Fey e das comédias da NBC (mas não vê a hora de Arrested Development voltar). Ama Studio 60, The West Wing e sonha em viver numa série do Aaron Sorkin.

5 Comments

  1. acerola

    achei esse episódio bem fraco.
    e o final foi meio decepcionante. fez parecer que o que a rosie sabia era muito pior do que saber que o pai dela era um assassino. no fim ele só não era pai dela de verdade, aff.
    ainda bem que tem a linden sendo incrível sempre.
    e agora o richmond vai buscar revenge. isso vai ser legal.

  2. Bianca Mafra

    Ai, gente, eu gostei. e dois pontos que eu não encarei da mesma forma, simplesmente acho que a Mitch está querendo entender que motivos poderia ter a filha para sair de casa, mas em vez de investigar a filha, está conversando com outra adolescente problemática. Não sei se eh o certo, mas é um outro ponto de vista e que pode ajudar a ela compreender as coisas. mas acho que o tiro vai sair pela culatra. 
    E não eh que não ser o pai dela seja pior que ser assassino, só muda o foco, veja bem, ser assassino vc vai ficar com raiva do pai, simplesmento não sendo o seu pai, a sua raiva muda de foco para a mãe. eh questão da perspectiva da Rosie. sendo que ela não faz a menor idéia de que opai era assassino, então a raiva é outra, nada a ver com maior ou menor. 

  3. Dierli M Santos

    Oi Bianca, achei interessante suas considerações.

    O meu problema foi que pareceu ser uma grande revelação, quando na verdade achei algo clichê e manipulativo. Mas respeito sua opinião, talvez o problema seja comigo e essa história ainda renda algo bom.

  4. Bianca Mafra

    Isso lá eh verdade, o grande problema das grandes revelações são sempre que só saberemos se são boas ou não com o andar da carruagem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account