Log In

Reviews

The Good Wife – And The Law Won

Pin it
89.6
4.4
5
Série: The Good Wife
Episodio: And The Law Won
Número do Episódio: 4×02
Exibição nos EUA: 07/10/2012

Alguns autores de novela se recusam a mudar o rumo de suas tramas para agradar o público. No entanto muitas vezes são obrigados a interferir porque não deixam de ser empregados. Aposto que alguém está se perguntando: por que raios você está citando novelas? Porque novela está para a TV brasileira o que seriado está para TV nos EUA. Por mais que hoje a internet permita com que espectadores de outros países escrevam para as emissoras emitindo sua opinião e/ou paixão por uma série, o efeito que isso causa é quase nulo. No máximo os executivos sabem que o lançamento de uma determinada série pode ser rentável em um determinado lugar. E só. Quem importa (ainda) é o telespectador “local”. É a vontade desse telespectador que é levado em conta. Muitas vezes essa vontade pode ser rentável mas prejudica a trama.

Não gosto de fazer duras críticas quando a série acabou de voltar. Os primeiros episódios geralmente servem para lançar subtramas que serão amarradas na reta final. Porém confesso que estou começando a me preocupar com The Good Wife. Kalinda sempre foi uma das minhas personagens prediletas. E a relação dela com Alicia era muito interessante e bem trabalhada. Porém quando uma personagem secundária acaba ficando muito popular é normal ganhar uma subtrama só para ela. Só que nem sempre isso dá muito certo. A subtrama envolvendo Kalinda e seu ex-marido está chata e se mostrando um desperdício de atores. Aliás a sorte de The Good Wife é ter grandes atores. Mesmo quando a trama não anda, as atuações te predem mas isso não funciona para sempre. Um adendo: a tal cena polêmica do sorvete não achei nada demais. Foi só nojenta mas não merecia alarde nenhum. As cenas de violência entre o casal acredito que deveriam chocar muito mais.

A volta de Will aos tribunais quase fracassou – eu torcia na verdade por um derrota porque para mim movimentaria mais a trama – em parte porque Kalinda não fez bem o seu trabalho e também por excesso de confiança de Will. Mas a história em si foi interessante. Eu gosto quando os roteiristas trabalham em cima de fatos reais. Realmente houve esse protesto em Chicago, felizmente na vida real não houve nenhuma morte. Diane dizendo a Alicia que a queria trabalhando com Will por ele trabalhar melhor quando tenta impressionar alguém foi a deixa do autor para deixar acesa a ligação romântica entre a Alicia e seu chefe.

Fomos apresentados a Maddie Hayward, dando início a participação de Maura Tierney. Como fã de ER só de poder ver Julianna e Maura juntas novamente foi maravilhoso. Gostar da personagem foi um bônus. A função de Alicia é tentar convencer Hayward a renogociar o aluguel de um dos andares na firma. Ela não tem sucesso mas acaba conseguindo um doação para campanha de Peter. Alicia deixa a claro a Diane que não sabe o que levou Hayward a tal gesto, a chefe não parece muito convencida disso. O episódio também contou com a participação Edward Herrmann e Dakin Matthews, dois atores que participaram de Gilmore Girls. Foi um episódio de reunions.

Maddie Hayward é aquela personagem que chega sem dizer exatamente a que veio. Há uma aura de mistério nela. Em nenhum momento fica claro o porque do interesse por Alicia – ótima a cena em que ela chama Alicia para um drink, e Alicia responde que é casada porque entendeu o convite como uma cantada – e nem motivo de  apoiar Peter. Será interessante acompanhar esse desenvolvimento.

A cena final entre Peter e Alicia mostra que apesar de tudo que aconteceu existe um cumplicidade e um carinho entre o casal. Para mim mostra mais, mostra que Alicia gostava sim da vida que tinha traçado para ela e que talvez tenha sido isso que a fez “cega” diante das traições do marido. Eu nunca enxerguei a Alicia como uma mártir e nem o Peter como demônio. Para mim eles tem desejos em comum sim. E por isso ficaram tanto tempos juntos. Enxergo na Alicia a mesma ambição que enxergo no Peter e isso pode unir os dois novamente.

Séries citadas:

Pós-graduada em História Contemporânea, pretende fazer mestrado usando séries como fonte. Seriados fazem parte da sua vida desde sempre. Magnum, Casal 20, Macgyver, Super Vicky são alguns deles. Assiste aproximadamente 40 séries (incluindo algumas já canceladas). Está aprendendo a abandonar séries mas sempre acaba colocando outras no lugar.

3 Comments

  1. Rafael Ruiz

    Até o momento estou gostando do desenvolvimento da série.

    Em relação a Kalinda e ao marido, ainda não entendi muito bem para onde tudo isso vai. E também não achei nada de mais na cena do sorvete. Álias, não esperava outra reação vinda da Kalinda.

    No mais, o caso da semana foi bom e gostei bastante.

    Julianna e Mara S2! hahahaha

  2. Tati Leite

    Minha esperança (que vem da minha confianças nos roteiristas) é que o (ex) marido da Kalinda tem mais a acrescentar a trama do que nos foi mostrado. E por isso a cena que a Alicia descobre que será obrigada a aceitá-lo como cliente novamente.

  3. Pingback: Destaques na TV – quinta, 3/10

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account