Log In

Reviews

The Following – Guilt

Pin it
98
4.9
1
Série: The Following
Episódio: Guilt
Número do episódio: 1×10
Exibição nos EUA: 25/03/2013

Culpa. De quem é a culpa? Guilt não mostrou o mesmo envolvimento que todos os outros episódios da série até aqui, mas a quem vamos culpar? Talvez ao fato de que o episódio não conseguiu surpreender muito. Desde o final do último episódio, Love Hurts, ficou evidente que Claire seria pega em Guilt. E não pega por Ryan no sentido bom da coisa, o que também aconteceu, enfim. Apesar de eu ter torcido durante todo o episódio para que The Following me surpreendesse, dessa vez isso não aconteceu.

Outra situação que foi repetitiva foi o fato de não deixarem Ryan entrevistar o seguidor preso de Carroll, nesse caso, Amanda Porter. Pelo menos foi engraçadíssimo acompanhar as informações que ela estava passando ao FBI: “ela é de peixes, o filme preferido é Diário de uma Paixão, ela defende a pena de morte, é criacionista, gosta de soft rock dos anos 70 e odeia manteiga de amendoim, leite integral e Anne Hathaway…”. Ri muito.

Ryan ainda precisou convencer Donovan a deixar ele ir até o encontro de Claire. Foi ridículo Donavan sugerir que Hardy ligasse para Claire logo depois deles descobrirem que a segurança das ligações não era tão segura assim. Desse jeito vai ficar difícil o FBI virar o jogo para cima de Carroll, principalmente porque deixam Ryan de lado. Não foi à toa que no final de Guilt, Hardy diz a Carroll que desiste. Talvez essa decisão tenha algo a ver com o fato de que doeu em Ryan ver Claire optando a se entregar a Joe. A desistência de Hardy também pode ter algo a ver com tentar atrapalhar a história de Carroll, já que Joe precisa de seu herói. De todas essas alternativas acredito que a mais sensata é que Ryan perdeu suas forças em Guilt. Perdeu a última força que o fazia continuar e agora resta esperar que Whips and Regret traga alguma coisa que faça a história do novo livro de Joe, equilibrar o enredo para o lado de Hardy.

Guilt mostrou também que Carroll está de olhos abertos com Roderick, e não aceita mais erros. O andar da carruagem mostrou que Joe estava certo. Não foi nada fácil capturar Claire e provavelmente o grupo de Carroll só conseguiu a façanha porque a moça resolveu cooperar. Enquanto isso, mais amigos de Ryan entram na dança, pessoas com as quais ele se importa e tem medo que elas entrem na sua maldição da morte.

Gostei muito do Tyson, torço que ele se recupere e ganhe espaço na série. Também estava gostando do agente Ferguson, que estava de guarda costas de Claire, só não entendi porque ele ficou esperando os bad guys bem atrás da porta, é… não deu muito certo. Enquanto a coisa para o lado do FBI só piora, Carroll descobre que tem dois seguidores que eram da milícia, e eles possuem mais conhecimentos que militares ou os próprios policiais do FBI. Que maravilha.

Guilt também apresentou Molly, uma ex-namorada de Ryan que é amiguíssima de Carroll. Às vezes parece que a situação de Hardy não tem como piorar. Por outro lado, não entendi no episódio porque Ryan não pediu reforços depois que descobriu que eles haviam sido rastreados pela equipe de Joe. Que mal haveria em chamar o FBI – por mais desastrados que fossem – para ajudar, sendo que o esconderijo já não era tão escondido assim. Poderia não ter dado tempo para a chegada do reforço, mas poderia ter sido uma ajuda de grande valia.

Apesar de não ter se dado bem na parte tática, finalmente Ryan se deu bem com Claire. Claro que foi bem comum ele ter conseguido se declarar para ela, e vice e versa, um pouco antes de perdê-la. No entanto, isso também garante mais emoção no contexto da história. Agora Ryan perdeu Claire e Joey. Este último, em um ótimo trabalho do ator Kyle Catlett, vem cada vez mais encantando em The Following. Agora Joey começou a cair no encantamento de Carroll, da mesma forma que acontece com seus seguidores, Joe sabe como cativar.

Enquanto isso, como se não fosse possível pirar mais na batatinha, Jacob está vendo a assombração de Paul e mostrou para Emma que não é mais aquele homem praticamente inofensivo que ela conheceu: “eu já matei agora. Matei meu melhor amigo por causa de você. Eu tomaria cuidado se eu fosse você”. Ferrou Emma.

Guilt termina dando mais um show de trilha sonora e mostrando que a desistência de Ryan fez Carroll lembrar que Hardy ainda não se tornou o homem que precisa ser, segundo Joe. Mas que homem é esse que Joe acredita que Ryan precise ser? Hardy acaba passando mais uma noite com um amigo no hospital, Mike ainda não se recuperou, e Joe está sentado, à luz da lareira, tomando um vinho e aguardando por Claire. A história de The Following, a história de Carroll, não se baseia em heróis felizes.

Séries citadas:

é Jornalista, Publicitária, Gaúcha, Capricorniana de 84. Além de escrever no TeleSéries, trabalha como coordenadora de imprensa na Prefeitura de Taquari e assessora de imprensa no Campeonato Gaúcho de Rally 4x4. Fã de cinema, esportes, literatura, música e séries de televisão. Começou a assistir seriados com E.R. e Arquivo. X. Gostaria de ter estudado em Hogwarts, jogado quadribol e tomado cerveja amanteigada, mas se contenta com um gol do Grêmio e uma Heineken. Nunca ganhou um prêmio importante, mas já levou pra casa um Kikito de chocolate de Gramado/RS.

Website: http://www.alineben.blogspot.com

4 Comments

  1. Paullo Kidmann

    Para mim o episódio agradou assim como os outros, eu meio que torci pra Claire ser pega, pq eu quero muito ver como vai ser a convivência dela no meio daquele bando de loucos! achei burrice do Jacob mandar a Emma se cuidar, isso na minha opnião o põe em risco já que a Emma “não tem segredos” com o Joe. Odeio o Donovan ele entrou mesmo só para atrapalhar!

  2. Aline Ben

    Eu não gostei muito da Claire no meio do bando do Joe, Paullo, mas vamos ver a sequência. Acho que Emma não está tão em alta assim com Joe e Jacob agora que já é um assassino talvez Joe olhe para ele com mais orgulho, vamos ver. E o Donovan tá horrível de tão chato, credo.

  3. Paullo Kidmann

    Realmente Aline eu tava querendo muito ver a dinâmica de Claire com os loucos mas até agora, nada me surpreendeu…não tô gostando…só nos resta esperar!!

  4. Pingback: Destaques na TV – Quinta, 25/4

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account