Log In

Reviews

Suits – Unfinished business

Pin it
Série: Suits
Episódio: Unfinished Business
Número do Episódio: 3x03
Exibição nos EUA: 30/07/2013

Tudo, aparentemente, vai bem no paraíso. Sublinhe-se o aparentemente, e por paraíso, entenda-se a Pearson & Darby.

Mike e Harvey voltaram  a trabalhar juntos, para defender Ava Hessington novamente, agora de uma acusação de homicídio. E como tem gente que não aprende nem com muito esforço, a diretora insiste em que deveriam subornar as possíveis testemunhas. (Quase consigo ouvir Mary Shannon (Mary McCormack em In Plain Sight) exclamando: Jesus!)

Aqui vamos abrir um parênteses. Não sei qual personagem interpretado pela Michele Fairley é mais antipática, se a sua Catilyn Stark de Game of Thrones ou se sua Ava Hessington de Suits. Que duas mulheres mais insuportáveis! E aquela expressão de esfinge da atriz não ajuda muito. Mas vou ser honesta e dizer que, dela, somente conheço esses dois trabalhos, então pode ser que em uma próxima oportunidade ela me surpreenda. Fecha parênteses.

Entre Mike se entender com Louis, voltar às boas com Dona, e ter uma idéia genial para livrar Ava, nuvens negras formam-se no horizonte: uma, ironicamente, chama-se Katrina; outra, Stephen Huntley.

Para não tornar-se um apêndice no escritório de advocacia, Katrina aproxima-se de Louis e passa a trabalhar com ele. O desenvolvimento desta relação veremos nos próximos episódios. Dói-me ver a expressão ingênua de Louis ao escolhê-la como primeira integrante de sua equipe. Com sinceridade, espero que diretores e roteiristas poupem Louis Litt de mais uma decepção, pois tenho a impressão de que a moça fará qualquer coisa para conseguir uma posição de destaque na firma, mesmo que isto parta mais uma vez o coração, já partido, de Louis.

Stephen Huntley, aparentemente uma incógnita, pode ser a arma com a qual Harvey irá atingir Jéssica. Ao que tudo indica, mesmo que não seja mais o desejo de Harvey, Edward Darby o quer como diretor da firma em Nova York. Mas como em Suits os acontecimentos estão mais para uma montanha russa do que para um carrossel, pode também acontecer que o advogado seja mais uma pedra no sapato de Harvey.

Uma aposta? Talvez Huntley, de alguma forma, venha a ser a peça que Harvey irá usar para desfazer a fusão entre a Pearson e Darby. Apenas uma aposta, já que diante das possíveis cifras que envolveram a fusão, desfazer o negócio pode não ser uma opção.

Enquanto isso, vale reiterar a agilidade dos roteiros de Suits, e a genialidade de seus cliffhangers. E, por falar em cliffhangers, “negócios inacabados” pode ser muito mais uma referência à relação de Harvey e Jéssica do que ao novo julgamento de Ava.

Séries citadas:

Historiadora e professora não praticante. Adora uma boa história, seja ela escrita ou encenada. Atualmente, em seu coração, dividem espaço Person of Interest e Once Upon a Time. A Guerra dos Tronos? Prefere o livro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account