Log In

Opinião Spoilers

Spoiler: Life Unexpected, o novo drama da CW

Pin it

Life Unexpected

Eu fiquei pensando em como escrever sobre Life Unexpected sem dizer que ela é totalmente diferente de todas as outras séries da CW, que lembra Gilmore Girls ou Juno e que é o tipo de produto pela qual a finada The WB era conhecida. Todas essas coisas são verdade, mas é mera repetição do que todas as outras pessoas estão dizendo e não diz realmente muita coisa sobre porque a série é relevante ou porque eu gostei dela.

E para falar a verdade, ainda é cedo para dizer que a série é relevante. Todos os fatos mencionados acima à parte, o piloto de Life Unexpected é muito bom em estabelecer sua premissa, mas também é corrido e tem alguns pontos do roteiro que são totalmente implausíveis. Então eu não vou dizer que vi um piloto equivalente ao de Gilmore Girls ou Everwood (ou The O.C., ou Veronica Mars), porque não vi. Mas eu gostei do que assisti e pretendo seguir em frente.

Life Unexpected, para quem ainda não tinha ouvido falar, narra a história da adolescente Lux, fruto de uma noite de sexo entre Cate Cassidy e Nate ‘Baze’ Bazile no ensino médio. Ela engravidou, ele achou que ela faria um aborto, mas ela teve a criança e a deu para adoção. O problema é que Lux nunca foi adotada, e depois de passar anos em lares adotivos (uma peculiaridade do sistema americano onde a criança é alocada com um voluntário, que é pago por cada criança de quem toma conta) e ela precisa das assinaturas de Cate e Baze para se emancipar. Mas é claro que, como era previsível, Lux acaba mesmo é na custódia dos imaturos pais.

Life Unexpected

Apesar de, como já disse, tudo acontecer muito rápido e o roteiro ter alguns furos (Baze e Cate estudavam na mesma escola e ele não percebeu que ela continuou grávida? A juíza deu custódia conjunta para os pais baseada somente no seu status financeiro?), a série tem um ponto forte que é muito importante, seu elenco.

Brit Robertson, apesar de como é de praxe, não ser de fato uma adolescente, parece jovem o suficiente e está bem natural como a adolescente Lux e consegue carregar bem as cenas mais dramáticas, sem cair no melodrama. Shiri Appleby também é destaque, pelos mesmos motivos, e eu ressalto a cena em que ela descobre que Lux é sua filha e que nunca foi adotada.

Kristoffer Polaha, que faz o papel de pai, e Kerr Smith, que interpreta o noivo e co-apresentador de Cate, Ryan, estão muito bem também, mas eles não têm material da mesma qualidade que Brit e Shiri para explorar, especialmente Baze, que é usado mais de maneira cômica. Contudo, ele e Brit protagonizam o melhor e mais tocante momento do episódio, que é quando os dois estão assistindo vídeos no YouTube e se debulhando em lágrimas.

Essa também acaba por ser a melhor gag dos 40 minutos e praticamente a única que funciona, pois se há um problema grande em Life Unexpected, é justamente querer ser engraçada e sarcástica e não encontrar um tom. A maioria das piadas não funciona, e Brit não consegue emplacar o sarcasmo de Lux.

Life Unexpected

Apesar dos defeitos, já mencionei que pretendo seguir em frente e o motivo é simples. Além de ser fácil de empatizar com os personagens e desejar seguir em frente com eles, para saber o que vai acontecer em seguida, a série tem uma premissa extremamente promissora. Se sua criadora Liz Tigelaar conseguir guiar os arcos dramáticos para longe dos clichês e explorar de maneira convincente as questões familiares que devem surgir, ela tem um hit em mãos. E quem sabe, ela pode até vir a ser tão boa quanto todas aquelas séries da The WB a quem todo mundo a está comparando.

* * *

Life Unexpected estreou nesta segunda-feira (18/1) nos Estados Unidos, pela rede The CW. A série ainda não tem emissora no Brasil – mas sendo uma produção da Warner Bros. Television, possivelmente deverá ir ao ar pela Warner Channel.

Séries citadas:

É estudante de comunicação. Não vive sem The Good Wife, Parks and Recreation e 30 Rock. Ah, e Gossip Girl, que apesar do bom senso, ainda nao conseguiu largar.

20 Comments

  1. Lu

    “Não indo para a fox para ser dublada já está ótimo rsrsrs.” [2]

    Ou tbm pra Warner, que coloca horários toscos de reprise. Isso quando tem reprise, é claro.

  2. Pedro Paulo

    Gostei muito do piloto. Realmente destaque para a cena da 1ª foto: vendo o vídeo do leão que reconheceu seus donos e eles chorando até… kkk… ri muito.
    Enfim, a série nem parece CW. E ansioso para ver Ellen Karpluk na série!

  3. Felipe Rocha

    Então, o roteiro é recheado daqueles velhos clichês de séries teen, a trilha sonora é tosquíssima e, em alguns momentos, sem sentido, o elenco (tirando a protagonista) é fraquíssimo… ainda assim eu gostei.
    Vou dar uma chance à CW e tentarei ir até o quinto episódio. Já é alguma coisa, afinal, nunca consegui passar de 10 minutos em nenhuma série do canal.

  4. Lara Lima

    Poxa gostei demais do que vi, mas não posso comparar muito com as séries que você mencionou Thais porque só fui até a segunda temporada com elas e larguei (com exceção de Everwood porque esta eu acompanhei pelo SBT, mas já tava no meio da temporada e não deu pra acompanhar tudo e ainda não tive tempo de terminá-la). Mas gostei do que vi, aliás, de quase tudo, Cate Cassidy é puro clichê. Típica garota bonita e inteligente que cai na lábia do garotão da escola, mas que se decepciona e vive praguejando que casamento é sinonimo de fracasso, não acredita no amor etc etc etc, mas no final se rende ao mesmo cara do passado porque ele mudou bla bla bla.

  5. Pingback: Tweets that mention Spoiler: Life Unexpected, o novo drama da CW » TeleSéries -- Topsy.com

  6. Raruiz

    Eu gostei do piloto também e pretendo seguir em frente para ver até onde vai.

    Realmente não tem cara de CW. Me lembrou um pouco Gilmore Girls… Mas, bem pouco hahaha

    E também gostei bastante da cena deles vendo o vídeo no youtube.

  7. Paullo kidmann

    Amei a série…esperava que ela fosse boa e é…
    realmente tem muitos erros mais hj em dia e se falando de CW todas tem. o Elenco muito bom concordo…E a Shiri me lembra muito a JoAnna Garçia em Privileged. hehehehe
    Gostei muito do teleséries ter feito uma post só para Life Unexpected.
    A série está só no començo,as séries tendem a ter um começo meio confuso ou muito rápido mais vai toda a trama se encontra dpois assim a aconteçe com algumas e espero que aconteça com L.U
    que eu realente gostei, e é pura verdade eles tem um Hit na mão, vamos ver o que vai aconteçer…
    xoxo

    p.s Cate Cassidy é tão Melrose…heheheh

  8. Bruno Carvalho

    Não é furo o lance de Nate não saber do bebê. Eles se envolveram na noite de formatura, ou seja, depois disso não se viram mais.

  9. Rodolfo

    Vou assistir só porque tão dizendo que lembra “Gilmore Girls”, que é, até hoje, a minha série favorita.

  10. Lucía

    Ótimo review… realmente na hora não percebi que me lembrava outra coisa mas depois pensando bem realmente tem um ar de Gilmore e Everwood!!

    Gostei bastante!! Vou assistir!!! Quem sabe a CW não para com a papagaiada de GG, Melrose e 90210 (admito que assisto todas!!) e se volta para séries sem putaria e guerra de popularidade…

  11. Claudemir A. Z.

    Assisti o piloto e não gostei, pois contém muitos furos e as interpretações são pífias. Vou arriscar assistir o segundo episódio e dar mais uma chance; espero ser surpreendido.

  12. Bruno Costa

    vai passar no people arts! anunciaram com a programação 2010!!

  13. Pingback: Lá Fora: as estreias de Human Target e The Deep End e a volta de The Vampire Diaries e Supernatural » TeleSéries

  14. Josefa

    “Baze e Cate estudavam na mesma escola e ele não percebeu que ela continuou grávida?”

    Também percebi isso, mas pode ser que ela tenha mudado da escola depois que descobriu a gravidez.

  15. Eudes Junior

    Adorei! Há muito tempo não assistia uma série que me conquistasse episódio piloto. E como foi dito, nem parece série da CW e sim da saudosa The WB.
    Eu gostei muito e pretendo acompanhar.Espero q não cancelem pois a CW só da oportunidades para séries chatas como 90210 e Gossip Girl

  16. Thiago

    E lá vamos nós em mais uma série.
    Eu não assistia Gilmore Girls, mas Life Unexpected me lembrou demais One Tree Hill(no incio de tudo) e Everwood. E bom, mesmo tendo clichês e todo o resto…ainda assim já me apaixonei(tem coisa mais clichê do que isso?) pela série, pelos personagens…enfim, mais uma pra lista de série que eu acompanho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account