Log In

Notícias

Sony anuncia Latin American Idol, finais de temporada e maratonas em julho

Pin it

A Sony exibirá em julho no Brasil a versão latino-americana de American Idol, primeira grande produção do grupo Sony na América Latina. O Latin American Idol vai mostar a busca por uma nova estrela pop em audições feitas em quatro diferentes países: Argentina, Colômbia, México e Venezuela.

Assim como na versão brasileira, Ídolos (que acabou sendo produzida pelo SBT e não pela Sony), o programa terá dois apresentadores: a locutora venezuelana Erika de la Vega e o apresentador argentino Monchi Balestra. O programa terá três jurados famosos: os cantores Jon Secada e Elizabeth Meza e o produtor porto-riquenho Gustavo Sánchez.

No Brasil, a Sony optou por não exibir o programa em seu primetime. O reality show irá ao ar aos sábados, a partir do dia 15, às 17h.

Outro destaque da Sony em julho é a exibição do final de temporada de diversas de suas séries. Confira as datas:

4 de julho: That ´70s Show e Everybody Hates Chris
5 de julho: Charmed
7 de julho: Everybody Loves Raymond, The King of Queens e Law & Order:CI
8 de julho: Situation Comedy e Queer Eye for the Straight Girl.
12 de julho: Tommy Lee Goes To College e Emily’s Reason Why Not?
1º de agosto: Scrubs
3 de agosto: Desperate Housewives

No horário nobre, a Sony também promoverá algumas mudanças. A partir do dia 19 de julho, o canal exibirá maratonas de Will & Grace nas noites de quarta-feira, das 19h às 22h. Com isto, Tommy Lee Goes To College e Emily’s Reason Why Not? saem em definitivo da grade do canal e Beautiful People e Charmed passam a ser exibidas somente em horários alternativos. A principal prejudicada com a mudança será Beautiful People, que ainda está na metade de sua temporada.

Nas noites de quinta-feira, a partir do dia 13 de julho, o canal passa a exibir reprises de According to Jim e Everybody Loves Raymond às 19h. As duas saem da grade nas noites de sexta, dando lugar ao retorno ao horário nobre das sitcoms Hope & Faith e Out of Practice.

E no dia 29 de julho, sábado, a Sony promete exibir mais uma maratona “Six Pack”, que reunirá episódios de suas sitcoms com o tema “Caminho para a Fama”.

É jornalista, pós-graduado em Jornalismo Digital pela Pucrs e trabalha com produção de conteúdo para Internet desde 1995. É editor de internet do Jornal do Comércio, de Porto Alegre. Fundou o TeleSéries em agosto de 2002. Na época, era fã de The West Wing, The Shield, Família Soprano e Ed. Atualmente é viciado em The Good Wife, NCIS, Game of Thrones e Parks and Recreation.

9 Comments

  1. Eric

    Se o Latin American Idol fosse transmitido no horario nobre eu até assistiria, mais num pleno sabado ás 17h não dá. E estou pulando de alegria com a volta de Out of Practice ao horário nobre, essa série é boa demais!!!

  2. Rafaposh

    WILL & GRACE GANHA UM DIA DA SEMANA DE MARATONA E CHARMED FICA APENAS NOS HORÁRIOS ALTERNATIVOS??
    ISSO ESTÁ ERRADO.. PQ CHARMED SEMPRE TEVE UMA ÓTIMA AUDIÊNCIA NA SONY.
    NÃO GOSTEI…
    ACHEI LEGAL AS SÉRIES HOPE&FAITH E OUT OF PRACTICE VOLTAREM AO HORÁRIO NOBRE, PQ AMBAS SÃO DIVERTIDAS E MERECIAM UMA SEGUNDA CHANCE (ESTOU FALANDO EM RELAÇÃO AO CANCELAMENTO DAS 2 SÉRIES)

  3. Victor Regis

    Eu também Eric!!!
    Acho Out of practice muito melhor do que a super hype My name is Earl.!!!!

  4. Caio

    Eu achei que agora eles fossem colocar America’s next top model de volta.
    Pelo que eu saiba, ANTM, era muito bem aceito pela audiência. Ou eu estou errado?

  5. Marcio

    Realmente… Eles podiam exibir loga a “nova” temporada de ANTM!!!

  6. Victor Pacheco

    Ridículo. Não há razões para tirar, por exemplo, Beautiful People da Grade:

    That 70’s Show acabou.
    Frasier acabou.
    Will & Grace acabou.
    Commander In Chief Acabou.

    Das quatro, That 70’s Show, Frasier e Will & Grace já são reprisadas exaustivamente durante o dia: não precisam ficar ocupando espaço no horário nobre semanal. Seria facílimo, por exemplo, vagar UMA hora em outro dia pra passar Beautiful People(e olha que eu nem gosto da série).

    Pra que ficar passando reprises no horário nobre, seja como maratonas ou o que quer que seja. Há muitas séries no exterior que ainda não chegaram ao Brasil. Porque não trazem a “nova temporada”, como já disseram, do American Next Top Model?? Cadê o aclamado Survivor??? E The Unit?? Onde está George Lopez???

    Muitas séries ainda inéditas aqui poderiam prencher o horário nobre da Sony, evitando reprises exageradas e desnecessárias. Mas ao invés disso, eles preferem incentivar a audiência a mudar de canal.

    Se não podem comprar séries novas, porque não fazer, até novembro uma “super temporada de reprises”?? Mas não reprises de séries que estão aí sendo reprisadas exaustivamente há meses ou anos. Poderiam sim, trazer de volta, temporariamente, séries que há muito(ou mesmo nem tanto assim) saíram do ar, como Cheers, Newsradio, Chicago Hope, Early Edition, Party of Five, Becker, etc.., etc…, etc… Essas séries que citei, a maioria conheço apenas de nome, e adoraria ter a oportunidade de conhecê-las. Mas ao invés disso, a Sony prefere reprisar séries que já foram reprisadas ao limite do aceitável.

    Aposto que sei quem está rindo à toa com isso… os executivos da Warner e FOX que, mesmo não fazendo muita coisa no mid-season abocanharão boa parte da audiência da Sony, que entre julho e novembro aparentemente não faz nenhuma questão de manter seus telespectadores.

  7. Daniela

    Concordo com o Victor.
    E Beautiful People melhorou em relação a melosa temporada passada. Melhor que OC! Embora isso não seja um mérito…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account