Log In

Reviews Spoilers

Smallville – Luthor e Icarus

Pin it

Série: Smallville
Episódio: Luthor e Icarus
Temporada: 10ª
Número do Episódio: 10×10 e 10×11
Datas de Exibição nos EUA:

Negação. Esse é o estado em que me encontro. Se eu começar a fingir que não sei onde estamos, talvez, como em um passe de mágica, meu desejo se torne realidade. E o que eu mais quero é que essa temporada passe o mais devagar possível. Cheguei a comemorar o hiatus, assim, teremos mais tempo para nos acostumarmos que já estamos caminhando para o fim.

Não deveria ser assim, 10 anos é muito tempo. Tempo demais para muitos desistirem no caminho e os poucos que restam pedirem para que tudo isso acabe logo. Meu coração está dividido, talvez seja bom que acabe agora.

Não, não é! Como eu posso querer que acabe a série depois de Luthor e Icarus? Não tem como. Por isso, continuo em negação, e vou fingindo que estamos apenas no começo e não no fim.

Vamos as reviews, antes que eu fique depressiva.


Luthor

Duvido muito que isso seja genialidade deles, roteiristas e produtores de Smallville. Conseguir amarrar uma história que leve aos Luthors em plena décima temporada, quando nem Lex e nem Lionel estão por perto é… genialidade ou um golpe de sorte. Acredito no acaso mais do que qualquer outra coisa agora, apesar de alguns fatores me intrigarem.

Por exemplo, porque Tess Mercer é ruiva? Sabemos que a Cassidy é loira, será que eles já pensavam nela como uma Luthor lá na oitava temporada? Ou seria apenas estilo? E os clones do Lex do projeto Cadmus que rolam desde quando? Quinta temporada? Os clones foram pensados como uma alternativa para o futuro? Na oitava temporada quando Rokk disse que Chloe não existia? Isso seria um prelúdio de que ela se ‘apagaria’ logo mais? Quando Dr. Fate alertou Chloe estaria ele vendo que ela se sacrificaria?

Tudo isso me intriga, mas é só pensar nos imensos buracos que aparecem na história que eu fico com a possibilidade de um belo golpe de sorte, e tudo o que não tem explicação passa a ser no mínimo aceitável.

Exemplo? Lutessa passa a existir, ela é uma Luthor, e assim ela recebe sua herança: um objeto kryptoniano que controla a realidade do universo. Lutessa esconde de Clark sua verdadeira identidade. Clark fica com raiva e aciona o objeto.

E de repente, tudo sai dos eixos, até aquela pegação toda da Tess Real com o Clark Alternativo. Que diabos!

Mas apesar da pegação dos dois, o episódio tem um propósito nobre. LEX LUTHOR! Serviu para provar que só uma mente malígna pode criar um montro assassino e egoísta como Alexander. Serviu também para dar redenção a Tess! Apesar de uma Luthor, ela tem o coração no lugar – assim espero.

Mas além disso, serviu para mostrar a vesatilidade de Tom Welling, sobre isso comento depois.

Sinceramente, não gosto de histórias sobre Universos Alternativos. É muita fisíca para a minha cabeça, e há sempre a possibilidade de buracos gigantescos e possibilidade infinitas. O que será que aconteceu com Clark Luthor? Lois Lane-Queen? Oliver choramingão? Nunca saberemos.

Sabemos somente que Lionel está entre nós! E quem adorou o final de Luthor, levante a mão!

Icarus

Lois Lane, quer se casar comigo?

Aí o episódio acabou. Ou eu desmaiei. Não lembro!

Para o Alto e Avante

Ultraman!

Tess e Clark estavam muito bons nesse episódio. Adorei a interação deles, mas que fique bem claro: se afastem da boca um do outro, ahn?!

Senhor Thomas Patrick Welling, parabéns pelo diploma de formatura da Acadêmia de Atores do Canadá. Depois de anos, o senhor aprendeu algo. Seu lindo!

Noivos! Eles estão noivos!

Liga da Justiça, Legião, vem, vem! Adoro quando o episódio está cheio de super-heróis. Alaina Huffman, meu coração é teu!

E essa história de Checkmate, Darkseid, ahn? Promete muito!

Coquetel de Kryptonita

Luthor? Nada. Adorei o episódio, o tom sombrio, a direção, a tuação de todos.

Icarus? Sim. Eu queria mais emoção. Foi um episódio com grandes acontecimentos, mas não foi grandioso. Pecou pela humildade. Pôxa, onde já se viu fazer um pedido de casamento sem trilha sonora de banda emo, sem grandes expectativas? Sem carvão sendo transformado em diamantes, sem orquestra? Que diabos, Smallville!

E o Slade? Já se foi? Quem será o próximo vilão? Eu já estava me acostumando com o mau velhinho em Metrópolis. Já foi, e cedo demais.

Na minha opinião, Luthor foi bem melhor do que Icarus. Teve mais ação, mais paixão. Mas vou deter esse último comentário ao 11º episódio, só porque ele foi especial.

Algumas coisas me chamaram atenção, a primeira é o sentimento de união que a turma tem agora. Apesar de um tanto brega, a cena da festa do noivado passou isso, todos juntos e mais fortes. E sabe o que a Clara gosta quando assiste Smallville? Heróis, heróis por todos os lados. Por isso eu apreciei muito mais a cena na qual o Oliver leva uma surra na rua, do que a do noivado em si.

Também gosto de ver a Lois investigando. Apesar de Smallville romper com todas as regras de ética no jornalismo. Lois Lane repórter é o que me faz gostar da série. Eu gosto do envolvimento dela com a história da lei contra os Vigilantes, mas ainda acho que ela poderia ser mais ativa. E certo, Slade estava ‘possuído’ pela besta, mas Lois é faixa preta em um monte de coisa, não justifica a surra que ela levou.

Mas o xodó do episódio foi mesmo o Gavião Negro. Carter Hall, seu fofo. Obrigado por salvar Lois Lane, descanse em paz.

Não foi um episódio ruim, apensar poderia ter sido melhor. Agora é se preparar para o retorno da série em janeiro. Aliás, do retorno de muitas coisas, não é fãs de uma certa personagem?

Só espero que a cena final de Icarus não nos leve a uma lavagem cerebral ou algo do tipo. Isso seria uma violação aos Direitos Humanos.

Luthor resolveu 9 paradoxos temporais e Icarus levantou 8 voos.

Icarus foi escrito por Genevieve Sparling e dirigido por Mairzee Almas.

Luthor foi escrito por Brian Miller e dirigido por Kelly Souders.

Séries citadas:

30 anos, é formada em jornalismo pela Unesp e em Letras Inglês e Literaturas pela UFRN. No "TeleSéries", já foi colaboradora e editora de Notícias, agora é Editora de Conteúdo e escreve a coluna mensal "Sintonia". Já passou pelo Vírgula e pela Rede BomDia, do DIário de S. Paulo. No tempo livre, vê Bones, Hot in Cleveland, It's Always Sunny in Philadelphia, entre muitas outras séries. Fã do Clark Kent e música country.

Website: http://naliteral.blogspot.com.br/

7 Comments

  1. Pingback: Tweets that mention Smallville – Luthor e Icarus -- Topsy.com

  2. TB

    Sabe o que eu nao entendo?! Por que vc e o Isaque elogiaram a atuação do Welling só pela “versatilidade” de fazer o Ultraman. Para mim aquilo foi praticamente o mesmo de colocar o anel de kryptonita vermelha. Não teve versatilidade, ele aparece em apenas 2 cenas, o resto do personagem é esclarecido lá no universo alternativo pela irmã/namorada, Tess.

  3. Maria Clara Lima

    Para mim não foi TB. Eu não achei que ele estava com cara de Redk Kal-el, ele estava com cara de Ultraman. Por causa dessa diferença, é que eu o achei incrível!

  4. MicaRM

    Eu também achei que o outro Clark estava diferente e não era uma diferença red kryptonita. Mas o que eu gostei mesmo foi dele gostar da Tess lá. Os dois tem uma química fantástica e foram maravilhosas as cenas deles. Uma pena que foi um episódio só :-(
    Achei Luthor muito corrido, poderiam ter feito episódio duplo, dar mais tempo para o Clark se ambientar lá e o outro aqui. Os diálogos foram tão fracos que me davam dor. Mesmo assim eu gostei bastante, principalmente porque nos trouxe Lionel de volta e nos proporcionou uma espécie de redenção para a Tess, porque sinceramente esta moça merece.
    Icarus teve diálogos melhores, teve o pedido de casamento (lindo!), teve a morte do Carter Hall (tristíssimo), teve os dublês dos outros membros da Liga (parabéns pela produção que os fez aparecer sem mostrar os atores) … mas também poderia ser um pouquinho melhor.
    O que eu não consigo entender é como a população está sendo engambelada pelo governo. Quero dizer, ainda não vi um grande ato dos vigilantes (ok, a explosão que quase matou Slade, mas eles poderiam contra-argumentar, usar a mídia, provar que era tudo obra do Governo) para a população subitamente ter virado contra eles. É só obra do Darkseide? I’m sorry, mas isso tudo parece furado para mim. Mas pelo menos está rendendo boas histórias, então eu relevo.

    Estava pensando no bilhete que a Lois recebeu da Chloe…será que é por isso que ela não está morrendo de preocupação pelo sumiço da prima? Será que Chloe se comunica de tempos em tempos apenas com ela?
    Aliás, por que mesmo que a Chloe sumiu do mapa?

  5. Fernando dos Santos

    Eu acho que tanto Luthor quanto Icarus forneceram material promissor para o restante da temporada(que só volta em 2011).
    Entre os episódios sem dúvida Icarus fica em primeiro lugar mas por pequena margem de diferença na minha opinião.

  6. Marianamasse

    muito boa a review. mais quando vai ter a review do episodio 12 “collateral”, 13 “beacon” e os outros?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account