Log In

Notícias

Séries de TV paga dominam a 65ª edição do Golden Globe Awards

Pin it

Imagem da transmissão do Golden GlobeOs vencedores do Golden Globe Awards foram anunciados neste domingo em uma conferência para imprensa, em um evento sem glamour. No lugar das estrelas de Hollywood, apresentadores de programas de variedades como Giuliana Rancic, do E!, se revezavam no palco para anunciar os vencedores. No lugar das mesas abarrotadas de indicados, jornalistas e convidados aplaudiam timidamente o nome dos vencedores.

É de se imaginar que se não tivesse ocorrido a greve dos roteiristas e a 65ª edição do Golden Globe tivesse sido igual as outras, ela provavelmente teria sido um evento de baixa audiência. Como já se anunciava pela lista de indicados, a premiação privilegiou seriados de emissoras de TV paga, muitos deles de baixa audiência. O único seriado de TV aberta a levar um prêmio este ano foi 30 Rock, com a estueta de Melhor Atriz em Comédia para Tina Fey.

Os grandes vencedores do ano foram o telefilme Longford, da HBO, com três estatuetas, e a série Mad Men, do pequeno canal AMC, com dois prêmios, incluindo o de melhor série drama. A melhor comédia foi a inglesa Extras, co-produção da BBC e da HBO.

Confira abaixo a lista dos indicados, com os vencedores em negrito:

Melhor Série Drama
Mad Men

Amor Imenso
Damages
Grey’s Anatomy
House
The Tudors

Melhor Série Comédia
Extras

Californication
Entourage
Pushing Daisies
30 Rock

Melhor Minissérie ou Telefilme
Longford

Bury My Heart at Wounded Knee
The Company
The State Within
Five Days

Melhor Performance de um Ator em Série Comédia
David Duchovny, Californication

Alec Baldwin, 30 Rock
Steve Carell, The Office
Ricky Gervais, Extras
Lee Pace, Pushing Daisies

Melhor Performance de um Ator em Série Drama
Jon Hamm, Mad Men

Michael C. Hall, Dexter
Hugh Laurie, House
Bill Paxton, Amor Imenso
Jonathan Rhys Meyers, The Tudors

Melhor Performance de uma Atriz em Série Comédia
Tina Fey, 30 Rock

Christina Applegate, Samantha Who?
America Ferrera, Ugly Betty
Anna Friel, Pushing Daisies
Mary-Louise Parker, Weeds

Melhor Performance de uma Atriz em Série Drama
Glenn Close, Damages

Patricia Arquette, Medium
Minnie Driver, The Riches
Edie Falco, Família Soprano
Sally Field, Brothers & Sisters
Holly Hunter, Saving Grace
Kyra Sedgwick, The Closer

Melhor Performance de um Ator em Minissérie ou Telefilme
Jim Broadbent, Longford

Adam Beach, Bury My Heart at Wounded Knee
Ernest Borgnine, A Grandpa for Christmas
Jason Isaacs, The State Within
James Nesbitt, Jekyll

Melhor Performance de uma Atriz em Minissérie ou Telefilme
Queen Latifah, Life Support

Bryce Dallas Howard, As You Like It
Debra Messing, The Starter Wife
Sissy Spacek, Pictures of Hollis Woods
Ruth Wilson, Jane Eyre

Melhor Performance de um Ator Coadjuvante em Série Drama, Comédia, Minissérie ou Telefilme
Jeremy Piven, Entourage

Ted Danson, Damages
Kevin Dillon, Entourage
Andy Serkis, Longford
William Shatner, Justiça sem Limites
Donald Sutherland, Dirty Sexy Money

Melhor Performance de uma Atriz Coadjuvante em Série Drama, Comédia, Minissérie ou Telefilme
Samantha Morton, Longford

Rose Byrne, Damages
Katherine Heigl, Grey’s Anatomy
Rachel Griffiths, Brothers & Sisters
Anna Paquin, Bury My Heart at Wounded Knee
Jaime Pressly, My Name Is Earl

Séries citadas:

É jornalista, pós-graduado em Jornalismo Digital pela Pucrs e trabalha com produção de conteúdo para Internet desde 1995. É editor de internet do Jornal do Comércio, de Porto Alegre. Fundou o TeleSéries em agosto de 2002. Na época, era fã de The West Wing, The Shield, Família Soprano e Ed. Atualmente é viciado em The Good Wife, NCIS, Game of Thrones e Parks and Recreation.

96 Comments

  1. Rubens

    Melhor atriz de comedia Tina Fey??!!?!… Esses criticos tem uma ideia bem estranha sobre o que deve ser uma comedia…

    (e, para variar, o seriado dela, 30 Rock, é mais um de audiencia baixissima…)

  2. george

    audiencia nao significa qualidade, n eh pq ugly betty eh mais popular q a america ferrera vai ganhar sempre…

  3. Rubens

    Bom, eu nao gosto de Tina Fey, mas entre ela e a serie Ugly Betty, melhor que ganhe ela mesmo… Ao menos Tina Fey tem dignidade em cena…

  4. Alvaro

    Achei mais do que justo a Tina Fey ter levado esse prêmio. Ela é genial em cena, e ainda consegue ser roteirista de 30Rock…
    Já David Duchovny ter ganho de Alec baldwin ou Steve Carrel…
    hmmm..I don’t think so…

  5. Victor Pacheco

    Tina Fey ter ganho como melhor atriz de comédia acho merecidíssimo. Considero 30 Rock uma das três melhores séries de Comédia da Atualidade, e ela faz um excelente trabalho… o problema é que a maioria das pessoas não está acostumada com humor inteligente, acham que só é comédia humor óbvio e escrachado.

    Risível mesmo é o David Duchovny ter ganho como melhor atoir de comédia, sobretudo considerando que concorria com Alec Baldwin, Steve Carrel e Ricky Gervais ( não digo nada do Lee Pace porque não conheço).

  6. Pedro Beck

    O Globo de Ouro para Duchovny soa como um mimo ao ator, algo do tipo:

    “Valeu por ter voltado. Viu como vale a pena?”.

    Sou fã incondicional do ator, mas meu voto era para o Alec Baldwin.

    Em Atriz de Drama a justiça foi feita. Em Ator idem.

    Jon Hamm é ótimo e não teria graça ver o Hugh Laurie ganhando todo ano.

    Michael C. Hall ainda está um patamar abaixo dos dois.

    Mad Men é ótima.

    Mas Damages é melhor.

  7. Mônica

    Victor, eu estou acostumada com humor inteligente e gosto bastante desse tipo de comédia. Mas continuo achando 30 Rock um saco. E não sei quanto a Anna Friel, mas Mary Louise Parker, America Ferrera e Christina Applegate são melhores que a Tina Fey.

    E tinha esquecido de comentar. David Duchovny ganhou! YES!!!!

  8. Luiza

    Concordo com quem disse que o premio pro Duchovny é mais para mimá-lo,na minha opinião era o único da lista que não merecia ganhar.Mad Man é uma série ótima e o Jon Hamm ótimo ator,torcia para o Michael C.Hall , mas achava difícil ganhar o personagem Dexter é muito polemico,outro dia li que o Dexter é um personagem que a gente não admite em público que ama.

  9. Ricardo

    Christina Applegate deveria ter levado como Melhor Atriz em Comédia; mas no geral concordo com o resultado.

  10. Francisco

    Tina Fey é uma roteiristas excepcional, e 30 Rock é genial. Mas no quesito atuação ela perde para todas que estavam naquela categoria, principalmente Applegate e Mary-Louise Parker.

    “mas entre ela e a serie Ugly Betty, melhor que ganhe ela mesmo… Ao menos Tina Fey tem dignidade em cena… ”

    Não entendi esse comentário. Quem não tem dignidade em cena? O que é, exatamente, ter dignidade em cena.
    Estou muito curioso agora.

  11. Fábio

    O Jon Hamm realmente dá um show de atuação em Mad Men ele parece que tem multiplas personalidades pelas diferentes etapas que expões seu personagem

  12. Rubens

    A… digamos… postura do personagem de Tina Fey (na verdade da atriz, pois é exatamente a mesma postura que ela tinha em Saturday Night Live) passa a imagem de um personagem com dignidade, porte, fleugma. Se ela fosse homem, poderia ser comparada a um caminho na direcao de posturas excelentes como as de George Clooney, Roger Moore…

    Ja a personagem de Ugly Betty é tipicamente aquela caipirona desajeitada e tapada que “todo mundo” adora safanear e falar mal (imagine uma menina daquelas na escola, como ela seria safaneada, humilhada e detonada pelos rapazes? Pouquissimos — provavelmente outros loosers — iriam nutrir uma minima simpatia por ela).

    Traduzindo melhor: existem muitos filmes e seriados com loosers flagrantes onde os sujeitos sao loosers, mas mantem a dignidade, e, quando nada, voce consegue simpatizar com eles. Um que eu me lembro agora é o Steve Carell, naquele filme em que ele faz um personagem que ja tem 40 anos e ainda é virgem (“The 40 Year Old Virgin”). Ele pode ser um looser naquele filme, mas voce sente ate vontade de ajuda-lo, pois o sujeito sabe manter um minimo de dignidade, nao é um idiota, não se rebaixa, mas também nao é nenhum barraqueiro de favela, nem uma Regina Casé.

    Ja Uggly Betty, ao menos para mim, é impossivel ter qualquer traço de simpatia por uma personagem como aquela… A serie ja me irrita apenas pela personagem em si. Ela nao é apenas looser, é idiota mesmo (do pouco que eu vi da serie, como no episodio de Halloween, onde se deixa enganar e é a unica a ir com uma fantasia ridicula). Não me admira ser um seriado feminino, que agrada a um público tipicamente feminino.

    E’ por aí… Imagem é muito também. :-)

    Mas isso tudo tambem é muito de opiniao pessoal, claro, não é nenhuma verdade absoluta… Prefiro ver a fleugma e a inteligencia sendo premiados no lugar da idiotice, mesmo que a idiotice seja apenas personagem.

  13. joao

    Mad Men >>> Merecido, mas quem merecia era “Damages”
    Extras >>> Merecido, mas que deveria ganhar era 30 Rock
    David Duchovny >>> Não merecia, Alec Baldwin merecia o premio
    Jon Hamm >>> quem merecia era Hugh Laurie, mas pelo terceiro ano seguido ficaria estranho, por isso foi justo.
    Tina Fey >>> Uhuuuuuuuuuuuuuuuuuuuu!!!! Muito mais que merecido
    Glenn Close >>> Merecido e incontestavel
    Jeremy Piven >>> Superduvidoso, quem merecia mesmo era Ted Danson
    Samantha Morton, não assisti, por isso não posso comentar, mas estava torcendo por Rose Byrne

  14. Marco

    Michael C. Hall é excelente, mas a atuação de Jon Hann é hipnótica, e muito mais difícil. Fazer um personagem ” simples” e se destacar é para poucos.
    Glenn Close está excelente!
    Tina Fey? Argh!
    Hugh Laurie, que bom que esse tiozão limitado perdeu.

  15. Marco

    George Clooney, postura em cena? Acho esse postura em cena me parece um novo eufemismo para chato!

  16. “Não me admira ser um seriado feminino, que agrada a um público tipicamente feminino.”
    Rubens ataca novamente!!!

  17. Francisco

    Assista a mais episódios de Ugly Betty e vc vai ver que ela não se rebaixa em momento algum. Uma das coisas mais importantes mostradas na série é que mesmo ela sendo “feia”, mal cuidada, latina, ela não tentar mudar o visual ou quem é para se adaptar àquela revista de moda.
    Um dos episódios em que isso mais é destacado é no episodio 10 da segunda temporada, exibido semana passada. **SPOILER**: Ela convence Daniel a fazer um desfile com mulheres de verdade, com gordas, baixas, negras, latinas, idosas… Em vez das anoréxicas de sempre. E no final, ela mesma encerra o desfile. Se fosse uma personagem sem dignidade, não teria a coragem de subir na passarela e mostrar seus aparelhos, seu cabelo, seu excesso de peso e tudo mais. **FIM DO SPOILER.** Ela tem é muita dignidade e não se rebaixa de forma alguma.

    Sobre o episódio de Halloween, se não me engano o 4ª episodio da serie, ela ainda é aquela garota inocente do Queens que pensa que realmente existe ir fantasiado para o trabalho em Manhattan. Afinal, no bairro dela, como foi mostrado, TODOS saem fantasiados de casa.

    Portanto, ela tem tanta ou mais dignidade que a Liz Lemon, que não tem vida pessoal e vive para resolver problemas dos outros. Mas é genialmente escrita (e não atuada) pela maravilhosa Tina Fey.

  18. Mônica

    Concordo com o Francisco. A Betty tem dignidade de sobra. Ela não se rebaixa de jeito nenhum. Além disso, é super fofa. Adoro ela!

  19. Silvia_05

    Realmente eles não gostam de Michael C Hall. Mais uma injustiça. Jon Hamm não tá taaanto assim. A 3a. temporada de House é uma das melhores. Se não queriam premiar Dexter, seria melhor ter premiado House.

    Agora, Jeremy Piven anda comendo ou dando prá alguém lá : não é possível! Ted Danson tá arrasando em Damages.

    Duchovny até merece por ter corrido o risco de um personagem bem diferente do que ele já fez.
    E Glenn Close tá imbatível.

  20. Paulo Fiaes

    David Duchovny! Yeah!!!! (2)

    sinceramente,

    vcs sao engraçados as vezes, eu so gostaria de saber pq David Duchovny nao merecia, tpo, os outros atores são talentosos, sem duvida, lembro q uma vez q Carrel perdeu, todos ficaram dizendo q nao podia, q era Carrel, q isso, aquilo, bla bla bla. mas vocês n param pra reparar em quem ganhou. Nao estou dizendo q David Duchovny seja melhor q Alec Baldwin ou o próprio Carrel, mas todos fizeram por onde. Na minha humilde opinião, ele merecia está nessa lista concorrendo e se ele merecia ta concorrendo, ele merecia ganhar assim como os outros. o que eu n entendo é Masi Oka concorrer, Heroes concorrer, Greys concorrer. porque ai sim digo q pra mim existem séries e atores melhores que deveriam está concorrendo. eu entenderia se falassem q ficaram triste pq torciam que Baldwin ganhasse, mas desmerecer um prêmio justo pra Duchovny. ahh, na boa. cada uma q escuto.

  21. Rafaelly

    Odiei que a Tina Fey tenha vendido…Era a única ali que não poderia vencer. Até mesmo a Ana Friel seria melhor que ela…digo isso pq não gosto muito de Pushing Daisies (mas é gosto pessoal mesmo.Não que ache a série ruim e tal.Só não é meu estilo…).E 30 Rock é muuuuuuito chata!!!

    Adorei o Duchovny ter vencido!!!O problema é a categoria em que colocaram Callifornication(quando penso em comédia ainda penso em sitcom ou seriados do estilo de Ugly Betty…Talvez esse seja meu mal…hehehe)Mas ele mereceu com certeza e não poder ver o David e a Glenn recebendo o prêmio me deixou hiper chateada…mas vá lá!

    Amei a Glenn Close ter vencido tb…A mulher está simplesmente fantástica em Damages, série aliás, que deveria ter ganho o prêmio de melhor série. Embora nunca tenha visto Mad Man…

    Mas o única coisa que me deixou um pouco triste foi a Rachel Griffts ter perdido pq a personagem dela em B&S é minha preferida e atriz é muito boa!

    E pior que é: O que o Jeremy Piven tem, hein!Carinha fuleiro que só vive ganhando prêmio…Tb tava torcendo pro Ted Danson!

  22. Giselle Bauer

    Amei o Duchovny ter ganho tava torcendo muito pra ele. E também acho que a Rachel Griffits merecia.

  23. Silvia_05

    Roberto:
    vou por ti.

    Mas que o teste do sofá deve tá rolando,certamente.

    Amo Duchovny, até mereceu. Mas nessa categoria de comédia fica duvidoso. É no mínimo injustiça com Steve Carell, que nunca leva nada prá casa.

    E por falar em categoria : o que é isso? MELHOR PERFORMANCE DE ATOR/ATRIZ COADJUVANTE EM SÉRIE DRAMA, COMÉDIA, MINISSÉRIE ou TELEFILME?
    Prá que tanta economia de prêmio? Por isso que tem tanta injustiça. Se Shrek (o próprio)concorresse então …

    Aqueles prêmios da MTV tipo Melhor beijo, Melhor Vilão, e outras bobagens seriam mais corretos.

    Anyway, até hoje não me conformo do Ben do Lost não ter levado um premiozinho. Afinal ele carregou a 3a. temporada de Lost nas costas. E eu nem sou Lostmaníaca.

    Mas sou Dextermaníaca. E torço pro Dex até o fim. Fazer a gente torcer prum cara pirado é talento prá poucos. Michael C Hall só leva quando criarem a categora MELHOR ATOR RUIVO SERIAL KILLER EM SÉRIE QUE SE PASSA EM MIAMI E NUNCA É PEGO ….

  24. Bruno Resende

    (Michael C Hall só leva quando criarem a categora MELHOR ATOR RUIVO SERIAL KILLER EM SÉRIE QUE SE PASSA EM MIAMI E NUNCA É PEGO …. ) Concordo com voce Silvia, ele sofria o mesmo problema em Six Feet Under, nunca ganhava.

    ADOREI a Tina Fey ter ganho sim, a série pra mim não é superada por Friends e The Office e ela é simplesmente genial como roteirista e ótima atriz, já quem deveria ter ganho foi o Alec Baldwin mas como ganhou no ano passado não quiseram repetir.
    Não ligo pro Duchovny ter ganho, só não considero a série dele uma comédia.

    E a Gleen Close foi indiscutivel a melhor do ano por sua atuação em Damages.

  25. Thomas

    Tem dois Rubens comentando ou é impressão minha?

    Ninguém se importa com o que cada um acha que foi justo ou com o ator/atriz preferido de um ou de outro, então…

    …eu ia comentar sobre o que li essa semana aí pelos comentários do TeleSeries sobre a Tina Fey, mas desisti. É lógico que quem gosta de Ugly Betty odeia a Tina Fey, e quem gosta da Tina Fey despreza Ugly Betty. É assim na TV, no cinema, na música…

    O mainstream rejeita a crítica e a crítica despreza o mainstream. Em uma premiação dessas procura-se um equilíbro. E é aí que tentando agradar a todos, não se agrada ninguém.

  26. Mônica

    Thomas, eu gosto de Ugly Betty mas não odeio a Tina Fey. Não acho graça nela nem no seriado dela, mas não a odeio e não a considero uma atriz ruim. Mas entre as cinco indicadas ela realmente era a mais fraca.

  27. Victor Pacheco

    Eu sou fã tanto de Ugly Betty, quanto de 30 Rock e conseqüentemente da Tina Fey…

    Gostaria de entender porque você acha que as duas se excluem, Thomas… o.O

    A propósito, eu não levaria o Rubens a sério… essa insistência dele de que é uma série feminina nada mais é do que uma tentativa fã de “botar lenha na fogueira”… ele sequer tem alguma evidência/motivo razoável pra acreditar nisso… é puro achismo e nada mais.

  28. Rubens

    Bom, eu nao gosto nem de 30 Rock, nem de Ugly Betty. Pra mim ambas as producoes sao chaterrimas. Eu só nao concordo que Tina Fey seja uma otima comediante, que mereça prêmios. Escrever textos é uma coisa, atuar é outra. E’ preciso separar a redatora e produtora da atriz.

    E Thomas, tem 2 Rubens escrevendo no site, sim. Se continuar assim, eu vou trocar o meu “handle” por outro.

  29. Rubens

    Victor Pacheco, a série Ugly Betty é tipicamente feminina, SIM, até porque trabalha esse lado feminino de “sentir peninha” e se identificar com a gordinha feiosa e jeca. Assim como 24 Horas é tipicamente masculina, ja que trabalha com um lado “tem mais que matar e enfiar a porr*da mesmo”.

    O problema é que algumas pessoas aqui nos comentários do TeleSeries nao sabem ler essa diferenciacao e insistem em dar a interpretação que “se é feminina, então NENHUM homem no planeta pode assistir ou gostar, senão é gay”…

    Nada a ver, né? Pelamordedeus…

    A interpretacao correta é que um seriado como Ugly Betty tem tudo para nao agradar ao homem tipico, ao homem médio, ou ainda à MAIORIA dos homens. Mas sempre existirá uma minoria de homens que vai curtir, uai! Isso me parece cristalinamente obvio!

    Afinal, nao tem homem que curte ate romance em filmes? Aliás, tem homem que gosta até de novela, quanto mais… Mas quem vai negar que a novela é um produto feito para agradar às mulheres?

  30. Rubens

    Victor Pacheco, a série Ugly Betty é tipicamente feminina, SIM, até porque trabalha esse lado feminino de “sentir peninha” e se identificar com a gordinha feiosa e jeca. Assim como 24 Horas é tipicamente masculina, ja que trabalha com um lado “pena é o cac*te, tem mais que matar e enfiar a porr*da mesmo, sem o menor remorso”.

    O problema é que algumas pessoas aqui nos comentários do TeleSeries nao sabem ler essa diferenciacao e insistem em dar a interpretação que “se é feminina, então NENHUM homem no planeta pode assistir ou gostar, senão é gay”…

    Nada a ver, né? Pelamordedeus…

    A interpretacao correta é que um seriado como Ugly Betty tem tudo para nao agradar ao homem tipico, ao homem médio, ou ainda à MAIORIA dos homens. Mas sempre existirá uma minoria de homens que vai curtir, uai! Isso me parece cristalinamente obvio!

    Afinal, nao tem homem que curte ate romance em filmes? Aliás, tem homem que gosta até de novela, quanto mais… Mas quem vai negar que a novela é um produto feito para agradar às mulheres?

  31. Francisco

    Essa necessidade de dizer que algumas séries são femininas é pra se mostrar machão, Rubens? Você precisa se afirmar heterossexual sempre? Isso é coisa de homo enrustido que não aceita de forma alguma a sexualidade hein… “Faço questão de mostrar que sou macho, que não assisto Ugly Betty, Grey’s Anatomy ou Desperate Housewives para que ninguém descubra que na verdade gosto de ‘outra coisa’ (isso pra não dizer diretamente do que gosta)”.
    Minha nossa… já cansou! Deixa de ser chato e bate em outra tecla, pelo amor de Deus! Inventa outro jeito de ser ignorante e preconceituoso. Essa já tá velha. Todo mundo já leu seus comentários várias vezes.
    Tenho uma idéia: que tal dizer agora que as sitcoms são pra pessoa ignorantes, burras, que tem preguiça de pensar?

  32. Rubens

    Não Francisco, nao seja burrinho e desatencioso… Preste mais atenção a todo o thread da conversa. Ocorre que alguem sempre retorna ao assunto (desta vez foi o caso do Vitor Pacheco), e então eu escrevo uma resposta ESPECIFICA A QUEM PERGUNTOU/COMENTOU.

    A resposta nao era para você, e portanto é você quem está entrando de para-quedas no papo de puro intrometido, meramente para me agredir. E ainda se mostra um completo ignorante, porque dizer que uma serie é para o público feminino nao tem absolutamente NADA a ver com “machismo” (até porque eu nao ironizei ou humilhei quem assiste), é apenas uma classificação.

    Ocorre pura e simplesmente que alguns programas, QUER VOCE QUEIRA OU NAO QUEIRA, e independente da sua opiniao pessoal doentia que deseja ver preconceito em tudo, sao sim programas destinados a publicos especificos: ou a jovens, ou a homens, ou a mulheres, ou a adultos em geral, ou a crianças…

    Ugly Betty tem claramente uma visão feminina, mais delicada, sobre as coisas. E eu nunca vou me cansar de repetir que a maioria dos homens nao acha a menor graça nesse tipo de delicadeza. Isso nada tem a ver com preconceitos, tem a ver com a realidade.

    [ ]s Rubens,
    de saco cheio dos patrulheiros com viseiras que só enxergam preconceito em tudo…

  33. Francisco

    Se você posta seu comentário num espaço público, é aberto para que qualquer possa concordar ou discordar com você. Se não quer que ninguém “caia de páraquedas” na conversa, não comente. Muito agradecerão por serem poupados de seus comentários infelizes.

    Então vamos por partes.
    O problema, amigão Rubens, não é se as séries são ou não para o público feminino. Ugly Betty é uma série claramente voltada para o público feminino. O problema é essa sua necessidade de, a todo momento, sem cansar, usar isso como argumento para a série ser “idiota” (“A serie ja me irrita apenas pela personagem em si. Ela [Betty] nao é apenas looser, é idiota mesmo (do pouco que eu vi da serie, como no episodio de Halloween, onde se deixa enganar e é a unica a ir com uma fantasia ridicula). Não me admira ser um seriado feminino, que agrada a um público tipicamente feminino.”). Ou seja: você afirmou que a série é idiota, mostra uma “caipirona”, “feia” e “looser” porque é voltada para o público feminino. Agora me diz que isso não é preconceito, sexismo?

    O que irrita (não só a mim, mas a muita gente aqui) é essa sua necessidade constante de se mostrar machão a cada segundo, de causa polêmica. Tudo bem, entendemos, você é macho, não gosta de UB, gosta mesmo é de 24 Horas, Starsky & Hutch e o Incrivel Hulk (não posso nem encaixar Lost nessa categoria, afinal, Lost é uma série que tem muitos pontos voltados para o público feminino. É só pensar que quase todo episódio temos Jack ou Swayer sem camisa para agradar a mulherada.)

    Portanto, você é preconceituoso SIM em seus comentários, e isso foi provado no trecho de um cometário seu que colei acima.

    No mais, tenho mais coisas pra me preocupar do que ficar rebatendo comentários preconceituosos de um indivíduo qualquer da internet.
    Preciso assistir Os Sopranos.

    Abraços, amigo.
    Boa tarde

  34. Jonathan

    Eu não assisto 30 Rock, portanto eu não posso me posicionar quanto a série. Mas Ugly Betty eu já assisti, e posso dizer que a coisa mais estapafúrdia que eu ouvi nessa semana foi o Rubens com o seu “Não me admira [Ugly Betty] ser um seriado feminino, que agrada a um público tipicamente feminino.”

    Acho que o maior exemplo que nós temos hoje em dia de como essa divisão é a maior furada é o canal sony com as suas “mentes perigosas” e os seus “machos de respeito”.

    Ugly Betty é tão feminino quanto The Sarah Connor Chronicles é masculino, no entando, a premiere da segunda teve uma audiência de 18,29 milhões – sendo a estréia de maior audiência da FOX em oito anos -, e eu te garanto que nesses mais de 18 milhões de pessoas, boa parte da audiência era feminina.

  35. Lucas

    Caindo de paraquedas, se me permitem…

    Concordo plenamente com o Francisco. Aliás, concordo com absolutamente tudo que ele falou, parece até que já nos conhecemos.

    Enfim, vou por partes também. Rubens:

    – E daí que agrada mais o público feminino? O que isso tem a ver?

    – O problema não é você achar que UB agrada as mulheres. O problema é ficar batendo na mesma tecla, aparentemente só pra chamar atenção. Que outro motivo teria? De tanto falar isso, até parece, como o Francisco falou, que você só faz isso para parecer machão. Sem ofensas, mas é isso que parece.

    – Me desculpe, mas quando você falou que a Betty era idiota e isso agrada o público feminino, isso não passa de preconceito e machismo.

    – Obviamente você não tem nenhuma noção de quem as personagens realmente são. Se fosse pra escolher uma “looser”, a Liz Lemon (Tina Fey) ganha de longe.

    PS: adorei a Tina Fey ganhar, mas algumas mereciam MUITO mais.

  36. Rubens

    Francisco, ok, entendi o seu raciocinio. Só que ele é completamente equivocado (e eu tenho culpa nisso, de fato só agora eu percebo que deixei o texto dúbio). Mas voce poderia ao menos confirmar se sua conclusao é a correta, antes de agredir.

    Quando eu digo que “Ugly Betty é para o publico feminino”, o que eu quero dizer é que as mulheres, de um modo geral, adoram ter “pena” de alguem ou alguma coisa (e entao se afeiçoam, defendem e protegem esse alguem/coisa). Talvez isso tenha algo a ver com o instinto maternal das mulheres, sei la’. Nao tenho a menor intencao de analisar porque isso acontece, só sei que acontece. Ja homem, normalmente é mais insensivel.

    (isso fora o provável fato de muitas mulheres se identificarem com a personagem mesmo, em alguns pontos como a sensação de “exclusão”, por nao corresponderem aos modelos de beleza).

    Ficou melhor explicado, agora?

  37. Rubens

    Lucas, eu so assisti a uns 3 episodios de 30 Rock (nao consigo gostar da serie) e, de fato, nao fiquei com a impressao que a Liz Lemon (Tina Fey) seja uma looser. Pelo menos ela tem um bom emprego e fisicamente nao é de se jogar fora, apenas tem uma vida sentimental complicada. Se existem mais coisas, eu realmente “perdi”.

  38. Lucas

    “I have been sexually rejected by not one but two guys who later went to clown college.
    I get super nervous whenever I hear a vacuum cleaner because when I was a kid my mom used to turn on the vacuum to drown out the sound of her and my dad fighting, which is why I rarely vacuum my apartment, like never.
    I have had three donuts so far today. Once in college, I pooped my pants a little bit at a Country Steaks all-you-can-eat buffet and I didn’t leave until I finished my second plate of shrimp.
    A couple months ago, I went on a date with my cousin. Wow… I am a mess. And I lied, I have had five donuts today.”
    Liz Lemon

  39. Luis Felipe

    Não tem discussão, os amigos que já postaram tbm confirmam que Damages foi a melhor estréia de 2007. O show merecia ter ganho como melhor seriado, Gleen Close mereceu o prêmio e foi muita sacanagem terem premiado o Jeremy Piven, quem devia ter levado era o Ted Danson.

  40. Vinícius R.

    intrometendo atrasadamente… Desperate Housewives é mais assistida por homens do que por mulheres. Se eu me lembro bem, é BEM MAIS, algo do tipo 70% mais por homens…

  41. Caio

    Como assim Pushing Daisies saiu de maos vazias?

    Consigo até entender perder o melhor série cômica ( apesar da série ter sido adorada pelos críticos ), mas Anna Friel perder melhor atriz pra Tina Fey ( e olha que eu adoro ela como atriz e roteirista, e adoro 30 rock )?

    As atuações dela e do Lee Pace ( dele mais ainda ) são maravilhosas. Conseguir atuar tão bem numa série de roteiro tão confuso ( nao quer dizer ruim, já que Pushing Daisies é minha segunda série preferida, atrás apenas de Veronica Mars ), e conseguir tocar tanto na comédia quanto no drama não é pra qualquer um

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account