Log In

Reviews

Ringer – What Are You Doing Here, Ho-Bag?

Pin it

Série: Ringer
Episódio: What Are You Doing Here, Ho-Bag?
Temporada:
Número do episódio: 01×12
Data de exibição nos EUA: 07/02/12

Ringer é aquele tipo de série – ou ame ou odeie. Não tem meio termo. Nesses primeiros episódios percebemos isso e não há como negar. E quer saber de uma coisa? Como não amar uma série que tem dois episódios seguidos começando com mulheres tomando banho? Por isso digo, e repito to apaixonado por Sarah Mich… ehr quer dizer, estou apaixonado por Ringer. Risos e brincadeiras a parte, sim, Ringer me conquistou, já me cativou, já me prendeu. Precisa de mais adjetivos? Sim, Ringer me surpreende. Ou melhor: Shibongan (já posso apelidar carinhosamente a Siobhan assim né?) me surpreende. A loira mais perigosa de Manhattan nos surpreende a cada episódio, e a cada passo que ela dá. Mas este episódio sua atenção foi dividida com Chaterine, a mãe de Juliet.

E a mulher chegou com tudo. Como disse, abrir um episódio de Ringer tomando banho não é para qualquer uma. Esta sendo uma boa visão para o publico masculino da série. Que os deuses da CW continuem assim, nos proporcionando bons momentos. E a mãe de Juliet voltou apenas para atender o desejo da filha de passar um tempo em família. Mas o que Juliet não imaginava era que, mesmo depois de tudo, sua mãe ainda era a sanguessuga que Shiv não gostava e Bridget até tentou dar uma brecha. Mas não deu muito certo. E foi nestas cenas, que me lembrei de estar assistindo uma série da CW. Por quê? Porque Andrew e Cia. Descobriram que Juliet não foi tão inocente no caso com o professor, se é que houve algum. E a mãe da menina acabou falando mais do que devia. Resultado? Barraco. Aliás, barracos estão sendo constantes na série em? Bridget tem protagonizado alguns bem interessantes.

E Bridget? O que falar de Bridget nesta trama que começa a ficar cheio de pontas soltas e mais perguntas? Bom, a ex-viciada esta mostrando que não é só um rostinho bonito e que de retardada não tem nada. Não mesmo. No episódio desta semana, ela começou a ir mais fundo ao investigar o hotel em que Cora Farrel esteve, e até conseguiu chegar a Tyler. Já é um excelente progresso para nossa “detetive-fiasco”. E a partir dele, chegou a um anagrama feito por Shiv, com o nome de “Solomon”. Sério minha gente, é cada nome, cada apelido que esta série apresenta, que deveria ser indicado a categoria “pior criatividade de nomes”. E a pergunta que não quer calar é: o que Siobonga quer de Solomon ? Seria ele um personagem de desenho animado japonês? Ele estaria lá para matar Bridget? Mmm, não sei, mas algo não me cheira bem.

E ao mesmo tempo que Bridget chega mais próximo de descobrir a verdade sobre a irmã, Tyler demonstrou para Siobonga que sua irmã não é a péssima detetive que todo mundo achava que fosse. E Shiv precisa começar a mover as peças do jogo o mais rápido possível. E ela começou de fato. A primeira coisa que ela fez, foi vender o anel que roubou de Bridget. O dinheiro? Para conseguir um novo passaporte falso e tentar voltar para Paris. Eu sinceramente ainda não saquei deste vai e vem de Shiv, mas ela parece ter algo bem bolado.

Enquanto isso, Henry resolveu entrar na “Escolinha Bridget Kelly para Detetives Idiotas”. Como tarefa, resolveu seguir Shiv e ao se deparar com ela, acusa-a de ser Bridget. Nossa que confusão. Aliás, ele arrumou a maior confusão mesmo. E até envolveu o Agente Machado (mais alguém fica rindo da pronuncia latino-americana do nome dele?) nisso. O escritor denunciou que Shiv era na verdade Bridget. Mas, desculpe você fez isso com a garota errada. Ele é tão burro, que foi tentar incriminar a irmã que agiu do modo como a verdadeira Shiv sempre agiu! Ele só pode ter se graduado na escolinha de Bridget não acham? O Agente Machado até que tentou, mas viu que estava falando com a original. Eu não sei até quando este joguinho em que as duas permanecem em Nova York, interagindo com as mesmas pessoas vai continuar, entretanto, o fato mais do que notável é que isso não vai acabar bem para nenhuma das duas. Além do mais, Boadaway está envolvido com o ex-parceiro de Machado, que está assumindo a culpa dos assassinatos. Mais tramas?

No final, Shiobonga resolve contar toda a verdade para Henry. Ela o segura perto do carro de onde Bridget sai, e ela diz: “Viu, sou eu, Shiv. Eu ainda estou grávida, e ainda o amo”. Ele fez uma cara de panaca tão grande, que eu não estranharia que no próximo episódio ele dissesse “Qual é Siobhan, você tem uma irmã gêmea?”. Aliás, essa cara merece virar “emoticon” de MSN, fala sério. Mais retardado impossível. A verdade é que Henry já estourou minha paciência.

Entretanto, cada vez, mas, fico curioso para ver como todos vão agir ao descobrir a verdade, e o que Siobhan está planejando de fato para nossos protagonistas. E agora com Henry ao seu lado, o negócio pode começar a reverter. Se bem que, Henry para mim, não é sinônimo de perigo nenhum. Mas Shibonga e seu plano mirabolante promete agitar ainda mais a vida dos personagens da CW mais azarados de todos os tempos. Ficará só na promessa? Veremos.

Séries citadas:

Mineiro, professor e aficionado por séries. No TeleSéries resenha as séries Hawaii Five-0 e Saving Hope. Mas também é apaixonado por Grey's Anatomy,'CSI, Rookie Blue, The Vampire Diaries, The Good Wife, Homeland, The Walking Dead e muuuitas outras...

2 Comments

  1. Pedro Luiz Costa

    nunca vi 1 trio masculino tão imbecil na face da terra #Andrew/henry/Machado são ridículamente sem noção; Parabens p/ review. PERFEITA

  2. Lucas

    Boa Tarde
    A atriz Sarah Michelle Gellar foi a loura mais atraente que já vi.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account