Log In

Reviews

Review: The Good Wife – Running

Pin it

The Good Wife - Running

Série: The Good Wife
Episódios: Runninga
Temporada:
Número do Episódio: 23
Data de Exibição nos EUA: 25/5/2010
Data de Exibição no Brasil: 26/7/2010
Emissora no Brasil: Universal

Não sei se sou exigente demais com episódios que encerram uma temporada. No meu ponto de vista, esse último episódio deveria ser grandioso, ou com um final daqueles que a gente não espera. Não que o episódio do final desta primeira temporada foi ruim. Ele manteve a boa média dos demais episódios. Por isso sempre fico na dúvida: minhas expectativas são altas, ou se é isso que todo mundo também espera de um final de temporada também? Começamos com a família Florick em um restaurante, tendo um dia feliz como uma família novamente.

Até ai tudo normal, não fosse a garçonete tentar passar seu telefone para Peter que prontamente recusa. Isso pareceu mais um alerta para demonstrar que Peter está mudando e não propriamente um teste de seu caráter. Aliás, quando fica demonstrado que ele não quer mesmo concorrer, parece uma prova verdadeira que ele quer mesmo reconstruir sua família. E Kalinda descobriu que o detetive com quem ela vinha saindo pode ser corrupto. Essa informação ganha mais força quando o policial que fez a denúncia aparece morto. Mas o que foi mais interessante foi a abordagem que ela fez no bar para tentar descobrir se ele era mesmo corrupto. E quando ele diz que sempre ajuda os amigos deixou ela ainda mais intrigada. E também teve outra cena quente com a agente do FBI. Será que na próxima temporada ela irá se revelar?

The Good Wife - Running

Eli Gold começa a abrir duas frentes para fazer com que Peter concorra. Outra indicação de que Peter realmente quer fazer uma mudança em sua vida. A primeira investida dele é em cima de Alicia. Ele ainda está tentando cobrar favores dela por ter levado seus negócios para sua firma. Como era previsto, era isso que ele tinha em mente desde o começo. Alicia descobre que Cary agora trabalha para a promotoria. Will e Diane percebem que isso pode ser perigoso, uma pessoa que conhece a firma e ainda quer se vingar por ter sido despedido. Mas isso parece que vai repercutir ainda mais na próxima temporada.

Diane acabou fazendo o depoimento do seu especialista em balística e conseguiu tirar sua credibilidade. Está certo que ela apenas estava fazendo seu trabalho, mas ela poderia deixar outro advogado fazer esse depoimento uma vez que ela tem sentimentos por ele. Não foi uma jogada inteligente. O caso de Alicia se complica e Cary declara que ela terá uma “temporada de perdas”. E a segunda investida de Eli é com a mãe de Peter. Ela procura o pastor e promete que Peter irá concorrer. O que se percebe é que ela é também ambiciosa e apesar de reconhecer os erros do filho ela não vai deixar que ele abaixe a cabeça. Ela fará de tudo para que ele tenha tudo que tinha antes do escândalo e não poupará esforços para isso.

O jantar de Alicia e Will prometia, mas não tivemos também nenhuma revelação. Pareciam dois amigos conversando. Parece que Will quer algo, mas não se declara abertamente. E ele parece esperar por um sinal dela. Como nada disso ocorre, os dois ficam na mesma, apenas como bons amigos. Apesar de ele insinuar que eles têm opções, não chega a ser uma grande declaração. Kalinda revela para o detetive que ela estava saindo que ele pode ser de fato culpado. Ela mantém a marca de sempre falar o que pensa. Mas ela também acaba traindo a firma ao revelar quem de fato avisou o traficante sobre a ida da polícia. Até que ponto sua decisão foi ética, uma vez que ela se sente compelida a fazer justiça, como uma ex-policial, mas também deve lealdade a firma em que trabalha?

The Good Wife - Running

O episódio termina como o inicia da temporada: Peter fazendo um pronunciamento, mas agora para anunciar que irá concorrer as eleições para Procurador Geral. Eu só não vi lógica do porquê Alicia não estar desde o começo ao lado dele como no episódio piloto. O final, que prometia ser surpreendente, ficou um pouco sem sal. Por que a expectativa era se Alicia ficaria ao lado de Peter ou iria atrás de Will? Mas no primeiro telefonema de Will para ela, Alicia já dá a resposta. Ela precisa de um plano. Não vai jogar tudo para o alto para ver se ela e Will possam ter um relacionamento. Isso demonstrou que ela foi bem ponderada. Por isso não teria sentido ela largar tudo segundos após dar essa declaração. O bacana da cena é que eles conseguiram transmitir bem a preocupação de Peter com a hesitação de Alicia. E ela pensando muito se atenderia ao telefone. Ótima cena, fechando uma excelente temporada.

E no fim das contas ela está certa. Ela investiu em seu casamento, mesmo quando o barco estava naufragando. Deixar isso tudo e naquele momento em particular, para mim não condiz com a conduta que ela sempre teve até agora. Por isso achei o final morno. Mas nunca se sabe. Podemos ter uma surpresa. Mas se tivermos, será pelo menos para mim, uma grande surpresa, digno de um final de temporada.

Séries citadas:

Luiz Marcelo é advogado. Fã de Lei & Ordem, Desperate Housewives, Grey's Anatomy, 24 Horas, The Good Wife e The Shield.

12 Comments

  1. fernanda

    duvido que ela atenda o telefone no inicio da proxima temporada!

  2. ketilly

    Fiquei literalmente no bom e velho português falando “Puta” da vida HAHAHAh com esse final, esperava muito mais, apesar da cena ser bastante sugestiva e deixa aberto um bom inicio de 2ª temporada. Também acho que não condiz com o comportamento dela em toda temporada e o que ela vem lutando.

    Não acho a Kalinda bonita, mas essa agente do FBI é lindinha AHAAHAH, e nem acho que elas combinam, provavelmente é uma coisa passageira assim como aparentou ser um caso antigo, até hoje me lembro daquele apresentador falando que existia uma lésbica na empresa, enquanto elas comiam pipoca. Kalinda pode ser reservada e de fato ninguém tem haver com a sexualidade dela, mas sei la ….

    E achei a cena da garçonete muito forçada por mais que existam mulheres interesseiras e daquele jeito.

    Que venha logo setembro, sem mais

  3. José Eduardo Brum

    Foi impactante o final de temporada. Acho q vc, Luiz, teve expectativas demais. Pra mim, preencheu. Foi ponderado, direto e cheio de dúvidas. Como a Fernanda, duvido que ela atenda. E do jeito q a série é, se ela atender, é o Will colocando Alicia num novo caso (isso já aconteceu antes).

    Gosto quando as coisas se fecham, são cíclicas. Mesmo com todos os problemas, sofrimentos e superações, voltamos às cenas do plito, no qual, Alicia e Peter se avaliam, pensam se dão ou não certo. É isso q este season finale mostrou: eles ainda tem duvidas se poderao ser um casal. Ela precisa de um plano do Will; ele ainda nao sentiu q convenceu a esposa. Existem dúvidas.

    Dianne foi mto dura, sim. Ossos do ofício, eu acho. Kalinda foi destaque. Gosto q ela seja justiceira, mas deve haver consequencias, ela traiu a firma.

    E o Eli. Gosto dele, mas tenho medo de q ele perca a graça, tornado-se fixo. Esporádico é bem mais legal.

    É clichê, mas temos de esperar a volta. No entanto, TGW foi uma surprendente estreia.

  4. Flávia

    Também duvido que ela atenda… Mas se atender, aí a coisa fica boa, pega fogo! Porque aí, com ou sem plano, ela dá mais um passo na direção contrária da imagem de good wife. Peter não merece uma good wife, e o arrependimento dele não convence ninguém.

  5. Rafael de Souza(São Vicente SP)

    Universal Channel adquire seriado Universal

    Novidade na TV paga. O Universal Channel anunciou a compra do seriado canadense “Rookie Blues”, que também é veiculado nos Estados Unidos, atingindo índices na casa dos 7,25 milhões de espectadores.

    A série acompanha o trabalho de um grupo de policiais recém saídos da Academia de Polícia, que precisa conviver com fracassos, competições, triunfos e camaradagens.

    Devido aos bons índices alcançados pelo programa tanto no Canadá, como nos Estados Unidos, a série foi renovada recentemente para uma segunda temporada com 13 episódios.

    No Brasil, a trama policial será veiculada a partir do dia 12 de setembro, um domingo, às 19h. Além de “Rookie Blues”, o Universal Channel estreará novas série nesse semestre, entretanto, os nomes dos seriados ainda não foram revelados pela emissora.

    Link com a Informação:http://natelinha.uol.com.br/2010/07/28/not_32920.php

  6. Tati Siqueira

    Oi Luiz, pensei que só eu tivesse essa opinião.

    The Good Wife teve episodios brilhantes, mas no final deixou a desejar.

    Vamos aguarda a nova temporada, e quem sabe com um começo espetacular;

  7. CAZ

    Também fiquei decepcionado com este finale: tudo muito ambíguo, e situações beirando o clichê; para uma série que se pretendeu inovadora, deixou a desejar neste final de temporada.

  8. bia mafra

    Eu nao achei um episodio MARAVILHOSO, mas um bom episodio. o mais interessante e a venda dos advogados. mesmo sabendo que ela eh culpada, ela fez um bom negócio e eles não podem fazer nada, estão defendendo o interesse dela. esse foi o motivo de nunca querer fazer direito, ter que defender um culpado. mas todos têm direito a defesa e a desta vez se deu bem, o escritório não podia fazer mais nada. a decepção da Alícia, ao mesmo tempo que a redenção, afinal esse era o dever dela, foi excelente. adorei mesmo.

  9. claudia

    Para um episodio final de temporada achei que ficou devendo.
    Tbém acho que ela não atende o telefone.

  10. Aline

    Também não acho que ela atenderá o telefone, afinal, o nome da série é The Good Wife, se ela atender e abandonar o Peter, ela seria uma bad, terrible wife. Estou mais empolgada para ver a continuação de Cary e Alicia do que Peter/Alicia/Will.

  11. Luana

    O que acho é que ela não atenderá o telefone, ficará com Peter mas fará da vida dele um inferno- não acredito que ela vá ser tão “boazinha” depois de ter sido humilhada publicamente. É claro que ela quererá vingança.
    Quanto ao Peter não vejo nenhuma santidade nem honestidade nas suas atitudes, vejam o sorriso quando soube que estava livre, e com aquela mãe.

    Bem, vamos esperar a próxima temporada

  12. Carmen Lucia

    Sabe,eu acho que ela e o Will,tem uma quimica legal,ele é lindo e parece apaixonado por ela,desde o primeiro capitulo a gente ver como ele trata ela diferente,sempre foi assim,sinto que da parte dela sempre foi amizade(até o epi 17),pra mim ele sempre olhou pra ela querendo algo mais,mas eu não consigo querer eles juntos,o beijo foi incrivel,mas ela podia ter deixado o Peter antes,depois de passar por tudo,depois que ele ficou livre,ela abandona ele,agora que ele vai concorrer denovo?É, essa seria uma boa vingança,mas ela não é assim,essa não é a Alicia que conhecemos ao longo da serie,e mesmo que ele tenha sido um cananha traindo ela,ela escolheu ficar com ele,se fosse eu sinceramente tinha deixado ele no momento eu que soube de tudo,sem confiaça não dá pra ficar junto,mas se por alguma razão,eu tivesse escolhido ficar com ele,eu não o trairia,de forma nenhuma,e nessa altura do campeonato,se ela fizer isso,ela que será a canalha.E não é por nada não,mas o Peter é bem fofo de vez em quando!

    Eu tenho uma coisa horrivel com lealdade e fidelidade,eu fico puta da vida,quando tem traição!Em Vampire Diaries,por exemplo o casal é o Stefan e a Elena,ele é um chato,mas ama ela,só que ela tem uma quimica incrivel com o irmão(lindo,gostoso,maravilhoso e bad boy) dele,mas ainda assim eu quero que ela fique com o Stefan,por que ele a ama,luta por ela,ta do lado dela sempre,e por que eles estavam juntos antes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account