Log In

Reviews

Review: Star Wars: A Guerra dos Clones – Ambush e Rising Malevolence

Pin it

Star Wars: A Guerra dos Clones - AmbushSérie: Star Wars: A Guerra dos Clones
Episódios: Ambush e Rising Malevolence
Temporada:
Número do Episódio: 1 e 2
Data de Exibição nos EUA: 3/10/2008
Data de Exibição no Brasil: 13/2/2009
Emissora no Brasil: Cartoon Network

Depois de uma “longa e longa espera de uma terra muito distante…”, Star Wars: A Guerra dos Clones chega ao Brasil.

E recheado de surpresas nas propagandas do canal pago Cartoon Network. Várias propagandas mostrando um pouco do universo, apresentação de personagens, e o mais legal de todos, a do R2D2 em uma pista de skate! Além das propagandas, um especial sobre o desenho em computação gráfica, apresentado diretamente do Rancho Skywalker.

Mas vamos ao que interessa! Os episódios!

A grande expectativa entre os fãs, era como o canal iria nos brindar com a série. E heis que o Cartoon exibiu dois episódios dos 22 da primeira temporada. Nos EUA já está no episódio de número 18.

Na primeira história temos, finalmente, um episódio totalmente focado no mestre Yoda. E isto mostra que George Lucas de burro não tem nada. Para aqueles que como eu, queriam muito mais do que malabarismos e um combate de sabres, como os mostrados nos episódios 2 e 3 nos cinemas, Ambush foi um prato cheio para se deliciar.

O que achei muito interessante, foi a narração colocada logo no início do episódio, no melhor estilo jornalístico, para apresentar todos os problemas que a República está enfrentando atualmente. E isto foi uma bela jogada da produção, para que aqueles que não assistiram a primeira versão de Clone Wars não fiquem perdidos literalmente, no espaço.

A galaxy divided by war! Peaceful worlds must choose sides or face the threat of invasion. Republic and Separatist armies vie for the allegiance of neutral planets. Desperate to build a Republic supply base on the system of Toydaria, Jedi Master Yoda travels to secret negotiations on a remote neutral moon…

Nesta história, mestre Yoda segue em uma nave Consular, a da mesma classe que apareceu apenas alguns minutos nas telas do cinema em Star Wars Episódio 1.

Mestre Yoda segue em uma missão secreta diplomática para negociar em uma Lua neutra de Rugosa.

Mas o que ele não sabe, mas já imagina, que os problemas só estão começando… E enquanto isso na Sala de Justiça… ops, melhor, na lua neutra, temos a sempre de mal humor Asajj Ventress tentando mudar sua profissão de assassina Sith, para embaixadora Sith, o que fica claro… é melhor ela continuar como uma assassina.

E o episódio flui da maneira como qualquer fã espera. Cheio de adrenalina, momentos de humor vividos pelos dróides e até mesmo por Yoda. Outro ótimo momento… uau, quantos momentos, é a batalha entre os Clones e Yoda contra os Dróides. Em menor número, Yoda senta-se calmamente enquanto os clones o olham e pensam… “enlouqueceu depois de tantas centenas de anos…”. Lógico que não foi bem isso o que eles disseram, mas alguns midiclorians me disseram por meio da força.

E depois deste momento zen, Yoda levanta apenas as mãos e pronto… a Força sobrepôs o uso da força. Outra bela demonstração de sabedoria, foi na caverna, quando Yoda senta-se com seus Clones e mostra que mesmo sendo iguais na aparência, eles são diferentes internamente. Um mais agrassivo, outro mais pensativo… e ficamos lógicamente, com mais raiva do que irá acontecer a estes Clones no final do Episódio 3.

E foi isto… para aqueles que ficaram torcendo o nariz para George Lucas por ter colocado a Saga em um novo formato, ou seja, o uso de CGI, deve ter ficado feliz da vida agora.

Pois como dito por Lucas e seu diretor Dave Filoni, este tipo de animação torna todas as impossibilidades da filmagem com atores reais em possibilidades infinitas.

E pelo que podemos perceber, eles aprenderam algo com o mestre Yoda em Episódio V.

E chegamos ao segundo episódio da noite. Rising Malevolence. Paras os fãs de batalhas espaciais, um show de efeitos. E para os fãs mais antigos, algumas referências aos filmes da Saga. E mais precisamente ao Episódio IV.

Uma das grandes sacadas de George Lucas – e olha que ele tem muitas -, agora foi colocar uma aventura totalmente focada em um dos mestres Jedi que menos aparições fez durante a nova trilogia, mestre Plo Koon. E o mais interessante é saber que ele foi o antigo mestre de Ahsoka Tano, a pupila de Anakin.

Neste episódio fica evidente que o jovem Jedi futuro Sith, já está fazendo escola. Ahsoka é teimosa, cabeça dura, fala antes de ser consultada… muito parecida com Anakin. Tanto que os dois mais parecem irmãos.

Star Wars: A Guerra dos Clones - AmbushComo colocado no começo deste artigo, este é um episódio de batalhas e referências. Logo no começo somos apresentados a poderosa nave do General Grievous, a Malevolence. Uma homenagem clara, para os que conhecem, do famoso submarino Nautilus, de “20 Mil Léguas Submarinas” de Julio Verne. A nave capitaneada por Grievous destrói facilmente as naves da República, entre elas a do mestre Plo.

Rapidamente todos fogem em cápsulas espaciais. E aqui temos uma das primeiras referências para os fãs da Saga, já que o número da Cápsula de fuga é o Um-Nove-Sete-Sete, que é destruído neste episódio. Conseguiram captar? Não?

Pois bem, nós ajudamos! 1-9-7-7, ou se preferirem 1977, é o ano em que o Episódio IV: Uma Nova Esperança foi a ar. Outra é quando os separatistas abrem fogo. Uma explosão de energia desce o túnel e dois dróides de batalha cobrem seus olhos. Esta é uma alusão ao disparo da Estrela da Morte, como visto em Uma Nova Esperança e O Retorno de Jedi, quando os homens do Império cobrem os olhos para se protegerem do feixe de energia disparado da Estrela.

E mais uma que podemos pegar, mas em inglês, foi o bate papo entre os clones dentro da cápsula de fuga, junto ao mestre Plo: “No, this one goes here, that one goes there”, “Não, isto vai lá, aquilo vai ali”. Esta frase foi dita por Han Solo para Chewie quando a Falcon estava se preparando para partir de Hoth no filme O Império Contra Ataca.

E assim terminamos mais um sucesso de bilheteria, ou melhor, de audiência. E como bem colocado nas antigas séries de TV… asseguir cenas do próximo episódio!

Será que nossos heróis conseguirão escapar? Não deixem de assistir ao próximo e emocionante episódio de… Clone Wars!

E que suba o letreiro!

Frase Jedi:

Great leaders inspire greatness in others.

Azhiel é editor do Aumanack.

Séries citadas:

13 Comments

  1. Mica

    Aff, agora tenho que baixar esse negócio…

    Me lembrou que eu abandonei as HQs. Eu até gostava das histórias, mas o traço da maioria dos desenhistas era sofrível.
    Mas você me deixou curiosa. Aaahhh…pq fui ficar sem tv a cabo bem agora!?

  2. Ale Rocha

    Adoraria ter toda esta empolgação com A Guerra dos Clones e até mesmo com a nova trilogia. Sou fã ardoroso da trilogia original e acho essas novidades totalmente dispensáveis.

  3. Natan

    Na cena em que os dróides vão destruir o POD, um deles canta o tema do Vader. Também gosto da trilogia antiga, mas é por causa de Clone Wars que comecei a amar Star Wars de um modo geral.

  4. WampaOne

    “E mais uma que podemos pegar, mas em inglês, foi o bate papo entre os clones dentro da cápsula de fuga, junto ao mestre Plo: “No, this one goes here, that one goes there”, “Não, isto vai lá, aquilo vai ali”. Esta frase foi dita por Han Solo para Chewie quando a Falcon estava se preparando para partir de Hoth no filme O Império Contra Ataca.”

    Para os losties de plantão, essa referência também foi usada na série, Michel fala para Jim (que seria no caso, o Chewbacca por não falar inglês hahahaha) quando o pessoal está montando o raft para sair fora da ilha, ainda na primeira temporada.

    Muito bom esse review. Apesar de alguns momentos bem infantis (afinal, é voltado para crianças), eu estou achando fantástico. É claro, eu sou fã de carteirinha…

    Quem quiser se aprofundar mais ainda, no site oficial http://www.starwars.com, tem resumo do episódio, quotes, etc, tudo em inglês claro. Os resumos estão estruturados tal qual os sites tv.com, imdb, etc. Tem também uns quadrinhos que introduzes cada capítulo, detalhando eventos que antecedem cada episódio, além de links para o databank (base de dados) atualizado a cada episódio com novas raças, personages, até para cada clone. Fantástico, é Expanded Universe em tempo real!

    MTFBWY

  5. Rodrigo Pereira

    Bem legal o desenho. Eu até já baixei alguns episódios e afirmo que as coisas vão ficar ainda melhores.
    Agora, os dróides são muito chatos. Mesmo meu irmão pequeno não achou graça neles. E são tão bobos que acabam não parecendo ameaçadores como deveriam ser. Yoda pode matar mil deles que eu não vou achar nada demais. Dá a impressão de que se eles invadirem a minha casa, com duas janelas quebradas, eles vão sair perdendo.
    Agora, um episódio focado principalmente no yoda foi esperto. Veremos muito de Anakin no decorrer da série, portanto não precisavam mesmo começar com ele.
    Aguardem o terceiro episódio que é ainda melhor que estes dois.

  6. Lucas "Gandalf" Leal

    Ale dispensavel até é mesmo, mas é incrivelmente divertido!!!

    eu adorei a série, leve sem ser mto infantil e super divertida!
    essa coisa da Ahsoka foi mto bem sacada, senão ficar focando só no Anakin e no Obi-Wan ia cansar…

    e não adianta sou fanático pelo Yoda =D
    (e tem alguém q não seja)

  7. Mancini

    Achei esses 2 episódios muito chatos,deviam focar a série só nos personagens do ANNAKKIN e do OBI-WAN,Yoda só funciona como mestre do LUKE SKYWALKER,e esses novos personagens são um saco tambêm.

  8. Fernando dos Santos

    Alguém sabe de onde o George Lucas tira nomes como Panaka,Amidala,Dooku e Cypho Dias?

  9. leo

    pow ai pode me dizer qual o nome do robo general do mal pow não to podendo acompanhar o esqueci quase tudo de star war valeu

  10. Yoda

    O Yoda é fera só que é velho más eu sou ele ele é muito legal antigo mestre jedai só que ele é feio no fileme eu assis star wors no cartoonnetwork eu tenho sky!

  11. Tigas456

    interresante esse é o unico desenho de tv que nao tem aquelas infantilidades como os outros

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account