Log In

Reviews

Review: Smallville – Void (episódio 105)

Pin it

cena de VoidSérie: Smallville
Episódio: Void
Temporada:
Número do Episódio: 105
Data de Exibição nos EUA: 6/4/2006
Data de Exibição no Brasil: 25/4/2006
Emissora no Brasil: Warner

Lana está se sentindo sozinha depois do fim de seu namoro, e procura a ajuda de alguns estudantes do curso de medicina, que desenvolveram uma espécie de soro que possibilita falar com os mortos. Dentro do universo de Smallville, esse tipo de plot até é aceitável. O problema é o tom moralista que a série tem às vezes. Nos primeiros minutos de Void, Lana argumenta:

Mas isso não é uma droga?!

Bola fora.

Usando o tal composto, Lana fala com seus pais mortos, que lhe dão apoio nessa fase difícil que ela está passando. Porém, o tal soro é extremamente nocivo à saúde (aquela cor verde geralmente significa perigo). Lex, com o intuito de protegê-la, resolve tirar satisfação com os traficantes. E, em mais uma estúpida decisão de roteiro, Lex toma uma agulhada em sua retaguarda. Ou alguém acredita que “O” Lex Luthor daria às costas para uma pessoa que tem uma arma potencialmente mortal em mãos?

Claro, isso foi um recurso usado para que pudéssemos ver o diálogo que ele tem com sua mãe, onde ela o acusa de ter feito às escolhas erradas, referência direta aos acontecimentos de Lexmas (e um pequeno tapa na cara de quem acusa a série de falta de continuidade entre os episódios). Vemos Lex usando uma luva negra, igual a que ele usa nas HQs, já que sua mão ficou deformada, devido a um anel de kryptonita que usa. A luva também já havia aparecido na previsão de Cassandra em Hourglass, da primeira temporada.

Chloe chega, descobre o antídoto e salva a vida de Lex. Clark chega ao local, e acaba infectado também pela substância. Nesse caso, é bem perdoável, já que Clark é fraco contra a kryptonita presente no composto.

O que nos leva à cena onde Clark conversa com Jonathan. Se eu gostei? Sim. Embora tenha parecido que trouxeram John Schneider de volta apenas para que ele contasse a seu filho que Lionel sabe de seu segredo. Jonathan funcionou como uma espécie de Deus Ex-Machina, já que os roteiristas não sabiam como fazer isso de outra forma. Por outro lado, o resto da conversa me agradou mais, muito mais. O assunto? O destino de Clark:

Você vai tocar as vidas de tantas pessoas. Não só como um homem, mas como um símbolo. Você é um símbolo de paz. Você é um símbolo da justiça.

cena de Void Precisa dizer mais alguma coisa? (Esse trecho me lembrou na hora de Batman Begins – um dos melhores filmes do ano passado. Quem ainda não assistiu não pode perder).

Foi muito interessante o uso da luz nesses “momentos post-mortem”. Enquanto Lex fala com sua mãe, não há nenhuma luz, tudo é escuro, assim como seu destino. E, no diálogo de Clark com Jonathan, tudo era muito branco.

Depois de conversar com seu pai, Clark acaba despertando, pois, como ele estava morto, seu corpo absorveu a kryptonita (Hã??). Mas, a pior conseqüência dessa ferramenta narrativa foi, sem dúvida, ter que ouvir o “nããããããão…” que todo personagem soltava, assim que estava retornando ao mundo dos vivos. Clichê mais do que desnecessário.

Clark indo até Honduras, através daquela visão aérea foi legal (me senti como se estivesse usando o Google Earth, hehehehehe).

Lionel se mostra cada vez mais dedicado a Martha, que lhe dá um belo fora. Daqui a algumas semanas haverá um ótimo episódio explorando a relação deles. Aguardem.

A última cena também foi muito bacana. O silêncio pode ser muito mais interessante do que qualquer diálogo entre Clark e Lana. Eu, pessoalmente, não agüento mais qualquer diálogo sobre a (ex) relação deles.

Infelizmente, fica a impressão de que fizeram todo o episódio visando apenas duas cenas importantes (que estão entre as melhores da temporada, diga-se de passagem) e que o resto foi feito de qualquer jeito.

Nota do episódio: 7 (principalmente por causa dos diálogos de Lex e Clark tem com seus entes queridos falecidos.)

Até o próximo episódio.

Séries citadas:

É jornalista, pós-graduado em Jornalismo Digital pela Pucrs e trabalha com produção de conteúdo para Internet desde 1995. É editor de internet do Jornal do Comércio, de Porto Alegre. Fundou o TeleSéries em agosto de 2002. Na época, era fã de The West Wing, The Shield, Família Soprano e Ed. Atualmente é viciado em The Good Wife, NCIS, Game of Thrones e Parks and Recreation.

12 Comments

  1. Juliano Cavalcante

    Pois é…pra mim, o que salva são justamente as cenas de Clark e Lex com seus pais mortos. Senão a nota seria bem por aí…

  2. Marcos Almeida

    Mas um episódio podreira de Small, mas não tão ruim quanto outros no passado. Mas uma coisa é incrivel: a capacidade da Lana de ser chata, até quando morre e vê seus pais. hehehe Enquanto todos os outros só precisaram morrer uma única vez pra falar com os pais e estes dizerem o que os filhos devem fazer, os pais da Lana só enrolavam a coitada pra ficar voltando e voltando e voltando e voltando…na certa também queriam que ela morresse, o que seria fantástico….hauhauhauahaua.

  3. Juliano Cavalcante

    Quem está chamando o episódio de podreira provavelmente não assistiu as duas cenas que eu citei acima…

  4. Anderson Vidoni

    Juliano realmente as cenas que falou foram bem legais, mas o que estou percebendo é que ninguém mais aguenta a Lana, é só ela aparecer que o episódio cai uns 4 pontos, por isso nota 5 pra esse.

  5. Anderson Vidoni

    Juliano a cenas que falou foram bem legais, mas o que estou percebendo é que o pessoal não ta mais aguentando a Lana, quando ela aparece o episódio cai uns 4 pontos, então esse episódio ganha nota 5.

  6. Anderson Vidoni

    Desculpe as duas mensagens e ainda com uma diferença tão grande é que tinha postado e não aparecia aqui de jeito nenhum, então coloquei ela de novo.
    Abraços, Juliano.

  7. Marcos Almeida

    Eu assisti, Juliano..e não foram só as duas cenas, foi o episódio inteiro…hehehe. E continuo afirmando que foi sim, mas como disse antes, foi podreira, mas não tão ruim quanto outros passados…hehehe.

  8. Juliano Cavalcante

    “a Lana, quando ela aparece o episódio cai uns 4 pontos, então esse episódio ganha nota 5.”

    hahahahahha…pior que eu concordo um pouco. Mas no próximo episódio ela toma uma decisão interessante (ou não, dependendo do ponto de vista, hehehehe)

  9. Jaydee

    O episódio foi fraco, mas o diálogo do Lex com a mãe, a luva aparecendo e a referência do Johnathan ao futuro do Clark salvam mesmo. Do mais, várias falhas no roteiro e a sensação de que tudo foi um pretexto pros diálogos pós-morten… Mas eu gostei… Nota 6 (sendo bem generoso)

  10. Francisco

    Ae galera,eu gostei do episodio…mas queria comentar mesmo do Episodio Final da 5 temporada que passou ontem nos EUA,mas graças ao portal smmallville e legendaz consegui ver!Muito xou o final da temporada,quem puder baixar pela net no portal acima(xou de bola o site) faça, pois o episodio valeu a pena… abraços

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account