Log In

Reviews

Review: Smallville – Pandora

Pin it

800px-909Smallville0128

Série: Smallville
Episódios: Pandora
Temporada:
Número do Episódio: 183 (9×09)
Data de Exibição nos EUA: 20/11/2009
Data de Exibição no Brasil: 12/1/2010
Emissora no Brasil: Warner

De vez enquando a ficção resolve explorar um dos temas mais controversos na Física: a viagem no tempo. Ao contrário do que se observa no imaginário popular, pular de uma dimensão para outra é coisa séria, e por isso exige um pouco mais de aprofundamento da nossa parte. Então, vamos a uma pequena revisão: O que é Viagem no Tempo?

Imagine que o espaço é um bloco, e que esse bloco pode ser divido em várias camadas, e que cada camada segue uma trajetória em linha reta, você está em uma camada que segue uma linha. Linha é um conjunto infinito de pontos. Cada ponto é um momento. Para frente é futuro, para trás é passado. Viajar entre esses pontos é viajar no tempo.

Mas o que acontece quando você acidentalmente modifica um desses pontos do passado? A camada muda, e a realidade que deveria seguir em frente não existe mais.

Essa é exatamente a problemática explorada pela ficção. Na Física, você teria que ler um pouco mais sobre O Paradoxo do Avô ou a Teoria Geral da Relatividade, para entender como isso acontece. Para nós (os não físicos), basta assistir ao clássico De Volta Para o Futuro, ler os contos do H. G. Wells, ou se divertir com Smallville, Dr. Who, Lost…

Em Smallville, esse assunto já foi explorado algumas vezes, como em Reckoning (5ª temporada), Apocalypse (7ª temporada), Legion, Infamous e Doomsday (8ª temporada). E quase sempre gerando alguns buracos no enrendo.

Mas se você não está nem aí se a ficção trata com seriedade esse tema, é mais simples seguir a máxima de dois filósofos brasileiros. Como diria Lulu Santos: “Tudo que se vê não é igual ao que a gente viu há um segundo, Tudo muda o tempo todo no mundo”,

A verdade é que se eu for tentar analisar Pandora no ponto de vista “realístico” eu vou pirar com as inconsistências, então com isso em mente, peguem carona no De Lorean e vamos ao review.

Finalmente vamos descobrir o que são as visões de Lois Lane, um dos grandes mistérios da nona temporada. Que realidade é essa? Porque o mundo está vermelho? Para quê tanta tirania? Chloe (Allison Mack) morrendo (outra vez)? Clark Kent e Lois encenado 9 semanas e meia de amor? O que aconteceu?

Nós queremos saber, e Tess Mercer também. Provando que com dinheiro e maldade tudo é possível, Mercy despistou Clark e conseguiu sequestrar Lois da UTI do Hospital Geral de Metrópolis. Depois disso, eu estava esperando que ela aparecesse em cena pendurada por um fio, no estilo Missão Impossível. Mas isso não aconteceu, droga.

Mas ignorando as coisas impossíveis, Pandora chamou a atenção pelo excesso pretensioso em referencias de continuidade. Isso não é uma coisa ruim, é só que geralmente, em uma série com tanto tempo, continuidade é a última na lista de prioridades. E quem diria que o Projeto Intercept seria usado por Tess para penetrar nas lembranças da Lois? Ou até mesmo a menção ao Sanatório de Belle Reve? E alguém notou o prontuário da terapeuta da Lois na tela do computador do Stuart? E isso não para por aí.

Durante a viagem ao futuro, o que também deve-se pontuar, provavelmente estourou o orçamento de Smallville com tanto efeito especial, Lois se vê em meio a kryptonianos voadores e humanos escravizados. Não há mais Borrão, o sol está vermelho, e pessoas voam sem licença de piloto. Isso é o que acontece no mundo onde não há Borrão, diz Lois. Não, isso é o que acontece no mundo onde não há Lois Lane.

O encontro/reecontro entre Lois e Clark no celeiro da fazenda Kent (orçamento, gente!) me fez querer assistir novamente a oitava temporada. De onde saiu todo aquele amor? Pelo o que eu me lembro, Clark quase morreu pelo Leprechaun Lang e passou o resto da temporada cozinhando a Lois, mas enfim, devemos seguir em frente, para o presente, e esquecer o passado, que não é futuro, que existiu porque foi modificado pela Legião e é o ponto de partida para o futuro que não deveria existir, mas também não é 3009 que provavelmente não existe. Desculpa, eu fiz de novo.

Voltando ao episódio, vocês querem um pouco mais de trívia sobre continuidade na série? Clark troca o relógio do seu pai por Lois. Esse relógio foi herdado por ele depois que Papai Kent faleceu em Reckoning. Esse episódio, por sua vez, também lida com viagem no tempo, e traz uma das coisas mais incríveis que eu já vi em Smallville e que deveria ganhar o Globo de Ouro da Continuidade, se isso existisse. Naquele episódio, Jor-El sentencia seu filho a perder quem ele mais ama. Uma série de acidentes acontecem tirando a vida de Lana e Jonathan. Mas se vocês prestarem atenção, nas duas realidades apresentadas durante o capítulo, Lois Lane é a primeira opção na lista da morte. Na primeira, ela é salva por Lana, na segunda, ela é salva por Clark. Mas, por “ordem de importância”, Lois deveria morrer, depois Lana, depos Jonathan… Agora, quatro anos depois, tudo faz tanto sentido. Entre o gesto, e falas dramáticas como “Lois, minha vida acabou quando você me deixou”, faz tudo ser mais claro.

Por falar nessa falinha cafajeste do Clark, foi um ótimo ponto de continuidade para a sua ultima fala na oitava temporada: “Clark Kent morreu.”

Aí eles transam.

Bom, mas o que eu gostei mais desse episódio foi a Tess. Não sei porquê, mas eu gosto dela. “Alguém tinha que salvar a Terra, e eu não podia desistir.” Claro que a Chloe tinha que chegar para estragar tudo. Fico imaginando se aquela carnificina liderada pela baixinha loira teria sido mais legal se a trilha sonora fosse “Killing In The Name Of” do Rage Againts The Machine. Divagações.

Espero que no presente, que agora não é mais futuro, porque o futuro foi mudando quando Lois voltou ao passado, Tess mate a Chloe. Eu disse isso? Desculpa.

Segredos foram revelados. Tess agora sabe o bastante para não cometer o mesmo erro e não confiar em Zod. Clark, que também comprou um bilhete para a premiere de as Memórias de Lois Lane, assistiu o bastante para saber que:

1- Lois deve ser boa de cama.

2- Zod mata ele.

3- Não pode ser sociopata.

Mas Pandora foi isso, serviu para que Tess e Clark acertem dessa vez, e salvem o planeta. Serviu também para que “Liga” se fortaleça, e serviu para que Clark pedisse Lois em namoro (sim, isso aconteceu).

Para o Alto e Avante

Toda a simbologia nazista, a estética do episódio, a mitologia envolvida, tudo isso fez de Pandora um episódio consistente e bonito.

Esse ano Smallville vai ganhar um episódio de Dia dos Namorados, por que o casal mais antecipado da história da televisão americana (haha) finalmente virou casal! Claro, com direito as Regras de Namoro da Lois Lane (referência as Regras de Reportagem), e mãozinhas dadas no elevador.

Tess Mercer! (Sem motivos, eu quis colocar aqui.)

Coquetel de Kryptonita

Chloe Sullivan exige que Dr. Emil continue explorando o cérebro da prima mesmo que isso coloque sua vida em risco. Claro, por causa da humanidade. Vamos matar os outros por causa da humanidade. Eu desisto! Não sei o que aconteceu com a Chloe.

Como que Alia usou seus poderes com o sol amarelo?

Por que Lois viajou um ano no tempo e não mil?

O que aconteceu com Shelby?

Já pensaram se a Lois volta grávida do futuro?

800px-909Smallville1326

Bom, nem tudo é perfeito, não é? E apesar da confusão causada em minha cabeça quando eu penso em viagem no tempo, achei Pandora uma ótima maneira de encerrar a mid-season. E agora, depois de toda essa aula de Física Avançada, o que se pode mudar no passado para que Zod não domine o planeta?

KNELL BEFORE KAL-EL, bitch!

E deem graças a Deus que eu não quis conceituar o que é Pandora.

Pandora despachou 8 De Loreans para o futuro (0 à 10).

Escrito por Drew Landis & Julia Swift.

Dirigido por Morgan Beggs.

Séries citadas:

30 anos, é formada em jornalismo pela Unesp e em Letras Inglês e Literaturas pela UFRN. No "TeleSéries", já foi colaboradora e editora de Notícias, agora é Editora de Conteúdo e escreve a coluna mensal "Sintonia". Já passou pelo Vírgula e pela Rede BomDia, do DIário de S. Paulo. No tempo livre, vê Bones, Hot in Cleveland, It's Always Sunny in Philadelphia, entre muitas outras séries. Fã do Clark Kent e música country.

Website: http://naliteral.blogspot.com.br/

16 Comments

  1. André

    Maria, parabéns pela review, Smallville está se reinventando nessa nona temporada com ótimas surpresas.
    Também adoro Tess Mercer e Lois Lane e acho que a loirinha mais famosa de Smallville tá ficando cada vez mais máquina e menos humana.

  2. Milla

    review incrível.

    acho q a produção fez o dever de casa direitinho estudando a historia abordada em smallville e estabelecendo a ligação com a Lenda Superman.

    sempre gostei da Chloe, mais agora ja esta começando a virar a versão “amiga de clark” da lana lang…eca… que saudade da Chloe “conciência humana de kal-el”… essa menina perdeu o coração, deve ter transformado em criptonita..a não esse é o metallo..rsrsrs

  3. Maria Clara Lima

    Obrigada pelos comentários. Realmente foi divertido escrever e rever Pandora. Tanta coisa para se falar, tão poucas linhas! Hehehe.

    A Chloe tem sido um problema, não? Depois de toda aquela história do ano passado, acho que ela se aproxima da morte.

    Depois de Pandora tem como a série melhorar? Hum…

  4. Daniele

    Olá,

    Eu não assisto smallvilee, mas esta primeira foto me lembrou Doctor Who.

  5. Lucas

    Pelo jeito teremos uma 10 temporada .. acho excelente .. é um numero ideal para se fechar Small … quem sabe agora o tal famoso boato de que o Clark só vira Super depois que Chloe morra (que segundo a Legion … ela nunca existiu) se concretize e assim teremos uma 10 temporada com um super de verdade com capa … (pelo menos agora nos vimos ela morta) e nao com roupa de Matrix … teríamos Lois & Clark … Perry White … Planeta Diario … participação de Lex … talvez Kara … as vezes até da Lana mas junto com o Pete … é aguardar ára ver .. porque acho pouco provavel Alysson renovar para 10 … se bem que dinheiro no bolso … porque Tom .. já assinou para a 10 !!!!

  6. Maria Clara Lima

    A Allison tem contrato até a décima temporada. (!?)

    Daniele, eu não vejo Dr. Who mas aquela cabine telefonica me lembra Superman. hehe

  7. Daniele

    Maria Clara,

    Não é uma cabine telefônica, e sim uma cabine policial…mesmo assim pode até lembrar.

    A foto me lembrou doctor who e achei mta coencidência abrir aqui e ver que no texto estava escrito doctor who, só isso…

  8. Maria Clara Lima

    Af! Eu sempre achei que fosse uma cabine telefonica! Agora faz mais sentido!

    Eu nunca acompanhei a série, mas vi algumas cenas, e a coloquei na minha lista de desejos. A BBC tem feito boas coisas, mas eu falei sério sobre a não-cabine. Me lembra realmente Superman. =]

  9. Pingback: Tweets that mention Review: Smallville – Pandora » TeleSéries -- Topsy.com

  10. André Braga

    Pelo que eu já li em entrevistas, apenas Tom Welling, Erica Durance e Justin Hartley tem contrato para uma possível 10ª temporada.

  11. Daniele

    Maria Clara,

    Recomendo, se tiver oportunidade assista Doctor Who é mto bom!

  12. Lucas Avila

    alguém notou o anuncio de maratona na ultima foto? é uma das razões que vão matar Smallville:Vampire Diares.

    excelente rewiew!

  13. Patrícia

    Ótima review! Gostei muito do episódio, e sua análise foi muito boa também!!!
    Concordo com o que falaram aqui, cadê a Chloe de antigamente?

  14. juninho

    excelente episodio,mto bom msm sv ta me surpreendendo cada vez mais,quando tds diziam que a serie tava morta,ela ta ai c mostrando mais viva do que nunca,e mais garantindo uma 10º tempo,ate eu que so clana gostei das cenas clois no epi rsrsr

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account