Log In

Reviews

Review – Smallville – Escape

Pin it

Smallville - Escape

Série: Smallville
Episódio: Escape
Temporada:
Número do Episódio: 190 (9×16)
Data de Exibição nos EUA: 2/4/2010
Data de Exibição no Brasil: 21/4/2010
Emissora no Brasil: Warner

Quando eu pensava em Escape sempre vinha a música do Rupert Holmes em minha mente. Sabe aquelas músicas que você fica cantarolando sem ao menos saber a letras, mas mesmo assim ela faz todo o sentido do mundo? Gosto de pensar nessa música, na letra que eu não sei, e no ritmo que faz todo o sentido. Escape é aquele tipo de música que você coloca no carro antes de partir para uma viagem. E talvez por causa disso, eu relacionava a música com esse episódio, quando ele não passava de um mero spoiler na minha lista de episódios antecipados.

“Chloe e Oliver encontram Lois e Clark em uma pousada”,”Bhansee Prateada vai aparecer”, “Lois e Clark dividem a mesma cama”, ah! eram tantas possíbilidades. E eu só conseguia imaginar um por-do-sol romantico em um episódio sem falas, só olhares.Escape foi um pouco diferente do que eu imaginei, mesmo assim rendeu alguns bons momentos, especialmente quando fugiu do padrão smallvilliano de drama, apesar de ter tido como motivo principal os romances Clois e Chlollie.

Então, para não perder um pouco da mágica que eu tinha reservado para esse dia, vou fechar os olhos e escutar Escape, imaginando o que poderia ter acontecido, e eis que na minha história…

Tudo estava certo para a viagem surpresa que Clark havia preparado para Lois. Ele havia se certificado de que tudo sairia perfeito naquele fim de semana, pousada no campo, lugar distante e romântico, paz. Um momento para ele curtir com sua namorada.

Mas mal ele sabia que o lugar que deveria ser um paraíso poderia ser o palco de um grande pesadelo. Coisas estranhas estavam por acontecer: quarto alagado, lendas irlandesas, espíritos vingadores, Chloe e Oliver. Como escapar desse pesadelo?

Primeiro, se você é o Superman, um cano estourado não pode te deter. Fato. Clark invade o cenário de Queer eye e redecora seu ninho de amor. Borboletas no estômago e corações acelerados, havia chegado a hora. Finalmente.

Lois vestia um tímido traje de noite e Clark vestia cinza. E tudo estava perfeito.

Ele estava nervoso:

Esse é o lado da cama que você gosta de dormir?

Ah, sim, sim. Não se preocupe.

Eu só quero que você fique confortável.

Entre um sorriso e uma expressão de conforto ela garantiu que estava confortável. Realmente eles pareciam ter nascido para aquele lugar. Um ao lado do outro, nada poderia separá-los. Clark se inclinou para beijá-la, e ela retribuiu o gesto com paixão. Eles não tinham como fugir, havia chegado a hora de consolidar o amor e nada podería atrapalhá-los. Clark interrompeu o beijo para olhar a face de sua amada, e vê o quanto ela era perfeita para ele. Ah, o amor… as horas se passaram e os dois não notaram que já era de dia. Mas eles não queriam saber o que estava lá fora, onde estavam, que dia era, que horas, qual planeta… nada os interessava mais do que ter um ao outro.

Mas Lois era apenas humana, e precisava se alimentar. Clark foi rapidamente até a cozinha e providenciou um café da manhã caprichado. No saguão, ficou sabendo de um estranho acontecimento da noite anterior, aparentemente uma Banshee Prateada havia atacado o local, mas um casal de super-heróis que estava de passagem, salvaram a noite e tudo voltou ao normal.

Clark e Lois estavam juntos novamente, e quando o fim de semana havia acabado, era hora de voltar para a maravilhosa realidade. um lugar onde ele teria que passar o resto da eternidade com sua amada.

No caminho de volta, entre o Maior Novelo de Lã e o lindo por-do-sol, Clark aumenta o som do carro e joga o celular da Lois pela janela.

Fim.

Se ao menos isso tivesse acontecido…

Para o Alto e Avante

Tom e Erica estavam entrosadíssimos em Escape. Todas as cenas estavam maravilhosas. Os dois têm um timing perfeito para comédia e uma química estonteante para o romance.

Chloe e Oliver estavam adoráveis para um casal que não é casal e que pregam a filosofia do “sem laços”. Apesar da barra forçada que eu acho que é Chlollie, os dois são ótimos atores e conseguem vender qualquer baboseira que Souders e Peterson inventam.

A cena do café da manhã foi hilária.

Já a cena final foi alguma coisa de intrigante, não? Que virada! Para mim, o episódio se resumiu a última cena somente.

Zod!

Coquetel de Kryptonita

Que diabos foi a Banshee Prateada nesse episódio? Não me admira que a DC queira processar a WB. Poxa, o estúdio acha que é assim? Que só porque tem o direito de uso dos personagens do Superman podem usá-los com leviandade? Que absurdo…

E aquele celular? Tão inconveniente quanto a Banshee. Aposto que a fabrica desse celular é da família McDougal.

Smallville - Escape

É só que às vezes os spoilers atrapalham. Não tive Piña Colada, nem banho de chuva, nem uma noite de amor sem fim. Minha Escape era diferente.

Escape evocou 7,5 espíritos irlandeses (0 a 10).

Escrito por Genevieve Sparling.

Dirigido por Kevin Fair.

Séries citadas:

30 anos, é formada em jornalismo pela Unesp e em Letras Inglês e Literaturas pela UFRN. No "TeleSéries", já foi colaboradora e editora de Notícias, agora é Editora de Conteúdo e escreve a coluna mensal "Sintonia". Já passou pelo Vírgula e pela Rede BomDia, do DIário de S. Paulo. No tempo livre, vê Bones, Hot in Cleveland, It's Always Sunny in Philadelphia, entre muitas outras séries. Fã do Clark Kent e música country.

Website: http://naliteral.blogspot.com.br/

8 Comments

  1. André

    Clara,

    Se não me engano, a história da Banshee nos quadrinhos e no episódio tem origens escocesas.

    Tom e Erica estavam muito bem em Escape.
    E salve a cena final, porque o resto é melhor deixar no underground world

  2. Bernardo SA

    Gostei da sua descrição do “what if” do episódio :)

    Quanto à química do Tom e da Erica, por incrível que pareça (já que ele é um ator limitado), ele consegue boa química c/ as atrizes smallvillianas – desde as cenas ‘épicas’ c/ a Kristin Kreuk, o relacionamento mãe-filho com a Annette O’Toole (a Martha sempre foi o lado coração do Clark) e a amizade (antigo, já que atualmente anda um saco) c/ a Allison Mack.

  3. Mônica A.

    Minha Escape era diferente também. E bem melhor que esse episódio. Pra mim só valeu mesmo pela química do Tom e da Erica, que é perfeita.

    Até mesmo aquele final me irritou.

  4. Fal

    Adorei a cena no banheiro. Que musiquinha que o Clark tava cantando mesmo?! hihi O que foi aquilo? A Lois de escocesa… hilário. E que graça os dois no final. Tinha que ter aquele celular dos infernos pra atrapalhar. E pior, Zod do outro lado…
    Gostei da sua versão pro episódio Clara, devia escrever uma fanfic. Adoraria algo assim.
    E concordo contigo Tom e Erica tem uma química incrível.
    Nada contra os atores, mas não gosto de Chlollie. Deviam colocar a Canário de vez em Small pra acabar com essa história.

  5. Jo

    eu não li nenhum spoiler, quando vi que os dois iam para um final de semana romantico quase morri… mas como sempre nada acontece, affe, terminei o episódio gritando com aqueles dois

  6. João da Silva

    Não tem como a Black Canary aparecer muito em Smallville, pois a atriz que a interpreta está ocupada fazendo a série Stargate Universe.

  7. Cristiane Martins

    Eu posso até parecer louca mas adorei Escape, por motivos óbvios, Clark e Lois tentando escapar da rotina, mas sendo surpeendidos por um espírito vingador, bem típico do casal.
    Dei muitas risadas com a situação embaraçosa que Chloe pôs CLark no banheiro, devido ao histórico de paixonite aguda que ela teve pelo amigo na adolescência vê-lo “in natura”, deve ter sido ótimo.
    Achei um episódio leve, e preparatório para o que está por vir, afinal Zod está mais poderoso que nunca.
    Falta pouco para o final, e pelo que ví em Checkmate esse sim é o episódio da temporada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account