Log In

Reviews

Review: Private Practice – Know When to Fold

Pin it

Private Practice - Know When to FoldSérie: Private Practice
Episódio: Know When to Fold
Temporada:
Número do Episódio: 18 (2×09)
Data de Exibição nos EUA: 10/12/2008
Data de Exibição no Brasil: 23/3/2009
Emissora no Brasil: Sony

Como eterna fã de Dawson’s Creek que sou fico radiante quando qualquer um deles aparece em um novo show. Em Private Practice, Meredith Monroe aparece em uma personagem que parece ser sua cara: teimosa, determinada, correta e apaixonante.

Lea recusou a cirurgia que Addison propôs e por isso procurou a Pacific Wellcare que logo deu uma resposta fácil para sua doença. Lógico que a intenção aqui era desencadear a briga entre as duas clínicas e Oceanside Wellness perdeu o primeiro round.

Sam e Pete roubam um paciente prometendo-lhe saúde sem observar as reais condições dele e o atleta, que é igualzinho Michael Phelps, morreu no final. Falando em Pete, ele e Violet finalmente ficaram, e eu digo finalmente porque ela era a única que ainda não tinha caído na lábia dele (Naomi não conta nessas horas) e algum dia isso iria acabar acontecendo.

Na verdade isso só aconteceu depois de sua tentativa frustrada com Sheldon. Eu que primeiramente havia gostado dele e achei que seria uma boa companhia para ela não esperava que tudo fosse se desenrolar tão rápido – ela pedindo pra sair com ele e os dois acabando na cama, foi uma atitude desesperada pra criar uma estória para ela, uma vez que Cooper está concentrado em Charlotte.
Private Practice - Know When to Fold
Aliás, Charlotte achou que estivesse grávida (talvez da Marjorie ou do Walter) e por isso os dois se reaproximaram, mesmo que um pouco. Eu achei tudo muito clichê, só serviu mesmo para KaDee Strickland e Paul Adelstein darem um show em cena.

Know When to Fold não foi o melhor episódio – a série parece estar revezando espisódios bons e outros nem tanto – mas valeu a pena só pela cena em que Sam aprende a andar de bicicleta. Simplesmente inesquecível.

Séries citadas:

Bacharel em Direito e servidora pública. Já chegou a ver mais de 30 séries, mas hoje prefere ter vida social. Atualmente acompanha Arrow, The Good Wife, The Voice e Scandal.

9 Comments

  1. Tati Siqueira

    Apesar de não gostar de Charlotte no inicio de Private Practice, passei a adorar e esperar a cena em que ela aparece; Ela e Cooper dão um show a parte.

    Os episódios sensacionais de Private, estão por vir…….do 11 em diante é emoção a flor da pele;

    :)

  2. Camila Oliveira

    Esse episódio foi mediano. Na verdade, só de ler a review nem tinha conseguido lembrar muito bem – um pouco por causa da review em si que não dá muitos detalhes, mas parte pelo episódio que não foi muito marcante.

    O que eu gostei mesmo foram das cenas do Cooper e da Charlotte juntos, os dois dão show mesmo, e o Pete e a Violet. Já falei que não gosto do Sheldon, não falei? A Violet é muita areia para o caminhãozinho dele. Já o Pete é compatível.

  3. SILVANA

    SHELDON COM VIOLET É RIDÍCULO, O CARA NÃO CONVENCE MESMO COMO PAR DELA.PETE FICOU LEGAL, EU ACHEI QUE DESDE QUE ELE FALOU DA BUNDA DELA, TINHA CLIMA DE VAI ROLAR.

  4. Gard

    Comentando na ordem da sua coluna. 1:Assim como você também sou fã de Dawson´s Creek e adorei rever a Meredith Monroe. Ela tá toda bonitona. O novo corte de cabelo combinou suuper.
    2: Desde o episódio em que Pete faz aquelas massagens redutoras no bumbum de Violet senti que rolou uma química entre os dois e que dali poderia sair algo. Gostei muito dos dois terem ficado juntos e creio que histórias mto boas poderão surgir daí.
    3: Não acredito que a história entre Violet e Sheldon foi uma tentiva desesperada de criar uma história para a psiquiatra. Mulheres quando se encontram sozinhas muitas vezes tomam medidas desesperadas.
    4: Adoooro Charlotte e Cooper. Com certeza uma das melhores coisas da série. Que venha mais deles por aí.
    5: Sam aprendendo andar de bicleta foi ÓTIMO. Ri demais.
    OBS: A Addie arrasou com o novo corte de cabelo. Combinou com ar de mulher poderosa e moderna!!

  5. Danny

    Nunca fui um grande fã de Grey’s Anatomy. Gostava de assitir, mas nunca fui fã. Acabei assistindo também Private Practice. A primeira temporada foi ruim, mas esta até melhorou. Houve uma altura em que eu até preferia assistir Private do que Grey’s, pois Private tinha no certo um ambiente que me recordava a época de ouro de Grey’s, embora nunca tendo chegado ao mesmo patamar de qualidade.

    Mas este episódio, realmente, não foi assim tão bom. E o próximo ainda vai ser pior.

    Atualmente, aquilo que mais me incomoda em Private Practice é a péssima construção de personagens. No início, Dell era suposto ser o surfista gostosão por quem todas babam. Agora, ele é um um cara certinho, que tem um monte de trauma: foi violado, foi pai, a mãe da filha é toxicodependente, a sua história com Naomi, a maneira como conhecemos o seu avô na temporada passada… É como se fossem 2 personagens diferentes.

    E o mesmo acontece com Sam. No início ele era suposto ser um médico confiante em si mesmo, tanto a nível pessoal como a nível profissional. Não é isso que temos visto este ano. Primeiro descobrimos que ele não sabe conquistar mulheres e agora descobrimos que ele não sabe andar de bicicleta…(?!) Não tem nada a ver com a personagem da primeira temporada.

    As outras andam à deriva. Nesse momento, por incrível que pareça, Charlotte e Cooper estão segurando a série, graças à maravilhosa interpretação de KaDee Strickland e Paul Adelstein.

  6. ketty

    Nossa eu sou meio suspeita para falar de PP porque sou super fã da Kate, acho as atuações dela maravilhosas e as vezes chego a preferir PP do que Greys a origem de eu ter começado a gostar.
    Mas existem alguns episódios que são meios fracos mesmo e sempre vão existir assim como existem em séries grandes.

    Apesar de adorar a Violet tbm senti esse clima entre ela e o Pete, mas prefiro ele com a Addison! E acho sinceramente a personagem do Sheldon desnecessarios.

    Charlotte e Cooper dão um show de interpretação, fora que a história deles é ao mesmo tempo muito engraçada e emocionante.

    Sam aprendendo a andar de bicicleta foi uma grande metafora para os personagens de Sam e Naomi que acho que eles ainda tem uma chance.

  7. Lara Aurich

    Gard,

    Eu concordo com você que carencia muitas vezes levam a atitudes desesperadas, mas acho que num curto espaço de tempo como foi Violet e Sheldon, não. As vezes pode acontecer de você se interesar por uma pessoa que antes não seria possível, mas pedir pra sair e acabar na cama no mesmo encontro?? Aí acho que não…

    Quanto a Charlotte e Cooper, eu confesso que não gosto do casal, eu não acredito em um relacionamento daqueles, mas sem dúvida nenhuma KaDee Strickland e Paul Adelstein dão um show à parte, eles estão sempre muito bem em cena.

    E a Addison arrazou no corte de cabelo, mas nem tanto no figurino né?

  8. Raquel

    Lara Aurich, quanto a isso:
    “Eu concordo com você que carencia muitas vezes levam a atitudes desesperadas, mas acho que num curto espaço de tempo como foi Violet e Sheldon, não. As vezes pode acontecer de você se interesar por uma pessoa que antes não seria possível, mas pedir pra sair e acabar na cama no mesmo encontro?? Aí acho que não…”

    *Onde vc vive? Numa comunidade Amish?
    *Arrasou é com S, não z.

  9. Lara Aurich

    Poxa Raquel!! Mil desculpas!!! Ainda bem que tem você pra corrigir meus erros, não é verdade?!! O que seria da gramática sem você?! Thankyou!!

    Eu vivo sim numa comunidade Amish, esquenta cabeça não! Tô muito bem assim!!

    Bjãoo!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account