Log In

Reviews

Review: Private Practice – A Death in the Family

Pin it

Private Practice - A Death in the Family

Série: Private Practice
Episódio: A Death in the Family
Temporada:
Número do Episódio: 32 (3×01)
Data de Exibição nos EUA: 1/10/2009
Data de Exibição no Brasil: 22/2/2010
Emissora no Brasil: Sony

Dificilmente desisto de uma série no meio da temporada, eu sempre espero por algum hiato ou pelo término da temporada para abandoná-la, porque aí eu nem volto pra acompanhar mais. Private Practice estava decepcionando tanto que cogitei a possibilidade de encerrar na season finale da temporada passada, mas Shonda Rhimes me deixou sem escapatória (e posso dizer agora Thank God!) já que tudo ficou indefinido com Violet e o bebê correndo risco de vida, Naomi deixando a clínica e Charlotte perdendo o emprego; então pelo menos o primeiro episódio eu teria de conferir.

Tá bom, você pode estar pensando que a criadora de Grey’s Anatomy jamais deixaria Violet morrer, talvez o bebê, mas nunca a médica. Pois eu não. A situação da série não era muito boa e quem sabe os roteiristas não tiveram um insight e pensaram em sacrificar um personagem em prol do crescimento da trama! Eu dei o benefício da dúvida e achei que tudo podia acontecer.

Pete e Naomi encontram Violet ensanguentada em casa sem a criança e correm para o hospital para salvar a vida dela. Enquanto isso os flashbacks mostravam Pete, Sam e Naomi diante de um caixão e Violet e Cooper na clínica. Passados 20 minutos de episódio e nada, eu já estava ficando sem unha de tanta aflição. Ver como a clínica começou e como eles eram diferentes (!!) foi muito bom, não me entendam mal, mas eu queria saber logo se alguém ia morrer.

Bom, Naomi e Sam (felizes e apaixonados) dando início a Oceanside Wellness precisavam de um médico para o grupo completar, Pete é convidado, mas Violet não gosta muito da idéia porque durante a sessão de terapia sentiu algo errado com ele: todas as respostas certas, os sentimentos certos, pouquíssimo tempo depois da morte da esposa. Alguma coisa estava errada.

Aí as coisas ficaram mais claras. Os flashbacks mostravam Pete enterrando a esposa e Violet compreendendo seus sentimentos, quando ele lhe conta que sua vida de casado era um tormento e que vivia brigando com a esposa.

Na sala de cirurgia Addison, tenta salvar a vida de Violet e foi como voltar na segunda temporada de Grey’s Anatomy, a médica que simplesmente esquece quem está na mesa de cirurgia, esquece quem está lá fora, simplesmente entra, corta e faz o seu sempre excepcional trabalho. O que foi aquilo sobre salvar Violet ou tentar salvar o útero? E quando ela tratou mal Naomi deixando Violet com ela pra cuidar do bebê eu pensei: “tá louca! Quer matar alguém, infeliz?!” Odiei-a o tempo inteiro. E amei.

Private Practice - A Death in the Family

Well, Copper, Pete, Sheldon e indiretamente todos eles “podiam” ter evitado essa tragédia. Acho que foi aí que Shonda me deu uma rasteira. Vê-los tão culpados e com raiva de si mesmos por causa do “e se” foi o melhor do episódio.

Aliás, retiro o que disse. O melhor foi Violet segurando o filho nos braços e saber que eles não morreram. O melhor episódio da série!

Séries citadas:

Bacharel em Direito e servidora pública. Já chegou a ver mais de 30 séries, mas hoje prefere ter vida social. Atualmente acompanha Arrow, The Good Wife, The Voice e Scandal.

9 Comments

  1. rafael

    Estou com os eps 1 ao 14 dessa temporada no pc para assistir. com private gosto de ver todos de uma vez para não perder a vontade.

  2. Tati Siqueira

    Eu já estou no 15º episodio e cada um me supreendendo de uma forma agradável; PP ficou melhor essa temporada; Thanks God!

  3. Ketilly

    sem duvida foi o melhor episódio da série. Fui surpreendida pelos fatos, e com o desenrolar da trama.
    Realmente esse episódio esclaresceu muitas coisas, em relação a como o Pete se comporta, e ainda bem que a Shonda não fez a besteira de tirar a Violet da série pois a Amy tem muito a acrescentar e iria realmente fazer muita falta, e talvez não compensaria um crescimento na trama.

    Fiquei muito aflita com as atitudes da Addison, mas devido ao passado dela com o Pete no fundo entendi o motivo das suas reações.

    Mostrar como tudo começou na Oceanside e a saida da Naomi foi um risco e tanto num episódio só, uma vez que eles se tornaram uma familia e envolve outras pessoas.

    Parabéns para Shonda pelo excelente trabalho já estou no 3×15 e posso afirmar que os acontecimentos continuarão com a mesma intensidade.

  4. Sophia

    eu não achei chatinho…achei chatérrimoooooo,esperava bem mais que essa agua com açúcar que foi esse episódio,mas como sou masoquista vou assistir até o fim.Só espero que melhore né?

  5. monnika

    Não segui a serie derde o começo ,e quando por casualidade assisti o capitulo anterior fiquei fascinada com a trama mirabolante da paciente psicotica roubar o bebe da propria psiquiatra-totalmente opera-soup!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account