Log In

Reviews

Review: One Tree Hill – Racing Like a Pro

Pin it

One Tree Hill - Racing Like a ProSérie: One Tree Hill
Episódio: Racing Like a Pro
Temporada:
Número do Episódio: 90 (5×02)
Data de Exibição nos EUA: 8/1/2008
Data de Exibição no Brasil: 8/10/2008
Emissora no Brasil: Fox

Gostei do episódio de estréia, vi um defeito ou outro, mas prefiro não falar deles por agora, estragaria o prazer de ter assistido essa premiere.

E como foi um episódio duplo, tivemos na segunda parte outros personagens sendo desenvolvidos e a turma toda se reencontrando de fato.

Pelos filmes e séries que vejo, a impressão que eu tenho é que é da cultura dos americanos ficarem distantes no período da faculdade e se reencontrarem depois. Aqui não é tão diferente de lá, se eu for ao meu passado lembrarei de pessoas que eram tudo pra mim no final da minha adolescência e das quais hoje, anos depois, tenho apenas algumas lembranças. Poucos ficaram, alguns sumiram por um tempo e depois retornaram e muitos continuam vivendo sua vida a procura de um futuro melhor, de um mundo melhor.

Com o retorno de Brooke e Peyton, a turma está reunida, mas hoje as coisas não são mais como antes, nem entre eles.

Nathan ainda não se perdoa e Haley acaba tendo que lidar sozinha (mentira, com Luke) com tudo na vida dela. E as coisas também não estão fáceis pra ela que é a esposa de um ex-promissor jogador de basquete profissional e professora de colegial de Tree Hill. Mas uma coisa que sempre admirei em Hales foi a capacidade dela de se acostumar com as mudanças da vida e também de acreditar que no fim as coisas acabam se resolvendo.

Tenho que destacar a criança que entrou na série, boa adição dele e muito boa a interação dele com os demais personagens.

Disse no outro texto que foi interessante mostrarem que a familia Scott permaneceu unida, mesmo agora, no seu pior momento. E não digo isso apenas por causa de Nathan, Luke também não está numa boa fase, sua vida profissional está boa, mas estagnada. Ele conseguiu escrever apenas um livro e está tendo um bloqueio criativo. Sua vida pessoal também não é das melhores, apesar de está namorando, ele não deixa claro que está feliz com sua parceira e ainda guarda um certo ressentimento por ter levado um fora de Peyton.

One Tree Hill - Racing Like a ProJá destaquei no outro texto a importância de se ter um sonho e de realizá-lo, mas manter esse sonho é tão importante quanto realizá-lo. Essa chama dentro de você não pode apagar e todos os dias é necessário acordar sabendo o que deve ser feito e ir atrás. Ainda não ficou claro o motivo do bloqueio de Lucas, pode ter sido Peyton, mas na verdade, o motivo é o que menos importa, ele precisa encontrar uma maneira de seguir em frente, continuar fazendo aquilo gosta, não misturar as coisas. Não se enganem, se acomodar com a vida é tão ruim quanto não viver, e aqueles que não se dão conta disso acabam perdendo tempo demais sem saber o que estão perdendo. Esse é o Lucas de hoje em dia.

E Mouth continua sendo o personagem mais se aproxima de uma pessoa “comum”. Ser bom no mundo de hoje não é suficiente, tem que ter alguma coisa a mais, seja alguém que indique, um rosto bonito, um corpo sarado, ou alguma outra coisa tão sem importância quanto. E viver nesse mundo sem tais requisitos é doloroso e injusto. Mas a vida é desafio, até para aqueles que têm quase tudo, e desistir, não tentar, fugir, são para os fracos. Pois pior do que digam que você não é capaz, é você dar razão para o que dizem de você. E Mouth sabe que todo caminho que se preze tem suas curvas e pedras, mas se tiver paciência, personalidade e persistência, no final seguiremos por uma longa reta da realização.

E assim é a vida para aqueles que acham que é cedo para se importarem com isso, ou que já é tarde pra mudarem sua atual situação. Saibam que todos os dias são novas chances, e depende exclusivamente de nós abraçarmos essas chances e superarmos nossos medos e ir ao encontro do que mais desejamos desde que nascemos, ser felizes.

Séries citadas:

7 Comments

  1. Carlos Iago

    O Jamie foi a melhor aquisição dessa temporada, que pra mim vai ser a melhor…esses 2 primeiros episódios foram ótimos (Y)

  2. Tati Leite

    Eu estou completamente ‘apaixonada’ pelo Jamie. Ele é muito fofo!!! Ele com a roupinha que a Brooke fez para ele estava tão lindo. Toda vez que o Jamie aparece é o momento: ah, que lindinho. rsrsrs

    A Peyton me incomoda muito. E eu pensei que nessa passagem de tempo as coisas iriam melhorar. Eu não sei. Parece que ela não sabe ser feliz. Podem me tacar pedra mas eu sempre achei o Lucas bem melhor com a Brooke (e olha que o Lucas não é nem de longe o meu predileto).

    Nathan e Hales são o melhor casal EVER mas espero que eles consigam mais momentos felizes porque coitados, tem sempre uma quiprocó para atrapalhar.

    Estava meio óbvio que o Lucas seria o ‘novo’ Keith com exceção que graças ao bom Deus ninguém teve a idéia tosca dele ficar apaixonado pela Hales. Aliás, isso foi o que me encantou em One Tree Hill desde o início. Não baterem na tecla dos irmãos disputam a mesma garota.

    E eu concordo com vc. Temos que correr atrás da nossa felicidade. Mesmo que ela esteja longe. Até porque, obstáculos foram feitos para serem derrubados.

  3. dougas

    esse menino eh mto engraçado… sempre bom vê-lo atuando e falando como adulto mas com a inocência de uma criança!!! sucesso pra ele!!!

  4. Vicente

    Assisti aos dois episódios em separado – como a FOX exibiu. Mas também decidi assisti-lo, mais tarde, na sequência. E olha que a diferença é enorme! Ele rende muito mais como foi exibido nos EUA: como um só. Quem gravou deveria experimentar.
    De qualquer forma, adorei esse recomeço.
    Muito bom também voltar a ler os reviews do Paulo Fiaes após assistir aos episódios…
    Até o próximo.

  5. Ivna

    eu realmente nao consigo descrever como eu amei essa temporada. foi tudo tao perfeito, as cenas perfeitamente gravadas, cenas lindas, mesmo nos momentos ruins,
    JAMIE RULES! [2]
    NALEY EVER!
    BROOKE ROCKS ;)

  6. , miss kids. bitch

    Jamie Scott, ele é perfeito.
    muito fofo e uma super criança. a série melhora cada vez mais apesar dos conflitos existentes dentro dela.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account