Log In

Reviews

Review: One Tree Hill – I Would For You

Pin it

One Tree Hill - I Would For YouSérie: One Tree Hill
Episódio: I Would For You
Temporada:
Número do Episódio: 126 (6×20)
Data de Exibição nos EUA: 20/4/2009
Data de Exibição no Brasil: 3/2/2010
Emissora no Brasil: Fox

One Tree Hill decaiu bastante o ritmo neste finalzinho de temporada. E isso dificilmente acontecia, pelo menos se compararmos com as temporadas antigas. Era exatamente nesse momento que a série conseguia os seus melhores episódios, mas o que estamos vendo aqui é uma repetição daquilo que já vimos, com pequenas diferenças que não implicam mais nenhuma diferença no tom narrativo. Talvez o maior problema seja em continuar apostando no romance adolescente de Mouth e Millie, o que prova um contraste incrível entre duas situações completamente diferentes.

É sempre bom começar com a primeira cena que marcou o episódio: o retorno da mãe de Brooke. Na verdade, ela voltou com a ideia de transtornar um pouco a vida da sua filha, com o intuito de criar uma relação dúbia até para sair da mesmice que estamos assistindo. É claro que o fato dela querer que Brooke volte a gerenciar a Clothes over Bros apenas por ela estar a ponto de fechar e ter que salvar todos os funcionários não me parece algo que se aceita facilmente. Aquele risinho irônico a entrega, principalmente quando Brooke aceita. O mais irritante (e olha que ela tem sido a melhor personagem), é que agora a série ficará sempre retornando o caso do Julian, o porquê dela não ter aceitado e coisas do tipo.

Além disso, um outro erro muito grave, é que o roteiro cria um suspense bastante interessante em relação ao acidente sofrido por Peyton ainda no início. Eu já estava pensando que era uma maneira que a série tinha criado dela perder o bebê, ou algo do tipo. Mas tudo se resolveu muito fácil. Mal acontece e, na próxima cena, já a vemos em casa e Lucas dizendo que ela precisa descansar. Agora, ele terá a longa jornada de consertar o seu carro, o que implica dizer que teoria do Paulo Fiaes de que ela possa morrer no final da temporada tenha um cunho de verdade e uma lógica que vai criando força, principalmente ao vermos estas duas cenas que se tornaram chave neste capítulo, enfadonho e caótico.

One Tree Hill - I Would For YouAinda assim, é bom salientar que teve situações até boas, como o Jamie escolhendo ficar na escola que estava e não se mudar para uma outra que representa os nerds americanos ou, ainda, os bons momentos entre Jack e Sam. Mais uma vez, a repetição de Nathan, agora se passando por Quentin, e ensinando o seu companheiro a jogar numa posição no time que este não sabia. Não digo que One Tree Hill se tornou uma série cansativa, ela somente perdeu a sua mágica, o seu brilho, a sua maneira de contar as estórias com tons que funcionavam muito bem, que davam uma identidade. Hoje, não consigo ver isso. Enxergo apenas um drama que está se repetindo, batendo na mesma fórmula. Isso é sinal de cansaço, sinal de que precisamos encerrar todo este ciclo.

* * *

Texto publicado originalmente no weblog Sob a Minha Lente.

Séries citadas:

2 Comments

  1. Carlos Iago

    A 6ª temporada começou perfeita, com chances de ser a melhor, mas depois ficou chata…nem o último episódio é BOM mesmo…

  2. Heloisa

    Acho que o pior de ter de comentar é já ter assistido ao final de temporada e estar acompanhando a nova temporada, né?! E realmente esta temporada está muito solta, muito esquisita… Também achei que ela perderia o bebê no acidente e “tudo” se resolveria, mas…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account