Log In

Reviews

Review: O Aprendiz: Celebridades – Selling Hot Dogs

Pin it
http://www.teleseries.com.br/wp-content/uploads/2009/03/aprendiz.jpg

O Aprendiz: Celebridades - Selling Hot DogsPrograma: O Aprendiz: Celebridades (The Apprentice)
Episódio: Task: Selling Hot Dogs
Temporada:
Número do Episódio: 97 (7×01)
Data de Exibição nos EUA: 3/1/2008
Data de Exibição no Brasil: 4/3/2009
Emissora no Brasil: People+Arts

Foi ao ar nesta quarta no People+Arts o primeiro episódio da sétima temporada do reality show comandado pelo milionário Donald Trump, O Aprendiz. A novidade dessa temporada é que os concorrentes são 14 celebridades. Entre eles estão Gene Simmons, do Kiss, o boxeador Lennox Lewis, a playmate Tiffany Fallon, a candidata mais odiada (e provavelmente a mais famosa) de primeira temporada de O Aprendiz Omarosa e, porque logicamente que não poderia faltar um Baldwin nessa turma, Stephen Baldwin também é um dos candidatos.

Obviamente que quem ganhar o programa não vai trabalhar para Donald Trump nem receber um prêmio milionário – todo dinheiro arrecadado no programa será destinado para a caridade.

Devo admitir que não sou muito fã de reality shows e que nunca acompanhei uma temporada completa de O Aprendiz. Mas depois de assistir um episódio tão divertido como esse primeiro de O Aprendiz: Celebridades pretendo acompanhar até o fim.

Logo no começo quando os times foram divididos entre homens e mulheres. E achei que os homens ficaram com uma vantagem absurda no quesito “celebridade mais famosa”. No time das mulheres eu só conhecia a Omarosa.

Na hora de escolher o nome dos times já deu para notar que Vinnie Pastore (Família Soprano) vai ser o alivio cômico da temporada e Gene Simmons o cara mais concentrado e focado em ganhar o programa. Quem é fã de Sopranos, como eu, deve ter dado boas risadas quando Vinnie sugeriu mesmo que o nome do time fosse “The Bada Bing Boys” (referência ao clube de strip tease e quartel general de Tony Soprano). Mas eles acabaram fechando com a ideia de Gene e o nome do time ficou Hydra e o primeiro líder escolhido foi Stephen Baldwin. Do lado feminino, obviamente que Omarosa fez questão de ser a primeira líder e o nome do time que elas escolheram foi à palavra em espanhol para “businessman”, que também é a mesma em português, Empresario.

A primeira tarefa foi bem simples, quem arrecadasse mais dinheiro vendendo cachorros-quentes nas ruas de Nova York seria o time campeão. Do lado masculino enquanto se discutia se eles deveriam vender os cachorros-quentes por 25 ou 100 dólares, o astuto Gene Simmons pegou seu celular e pede para um amigo comprar o sanduíche por 5 mil dólares. Daí em diante foi só pegar a agenda de telefones e começar a pedir favores para dezenas de outros amigos ricos. As mulheres se deram mal, porque Omarosa se recusou a explorar o status de celebridade do seu time.

O resultado final foi um novo recorde de arrecadação de dinheiro do programa: os homens levantaram pouco mais 52 mil dólares, contra 17 mil das mulheres.

A playmate Tiffany Fallon acabou sendo despedida por não ter feito a ligação para seu antigo patrão e dono da Playboy, Hugh Hefner, que com certeza faria uma doação substancial e provavelmente teria dado a vitória para as mulheres.

No geral o episódio foi muito bom, além das minhas expectativas e deu para notar que uma das grandes vantagens da versão americana sobre a brasileira é a edição do programa. Tudo muito bem feito e sem enrolação. Outra vantagem que eles levam é o apoio de gente importante como o prefeito de Nova York que foi nas barracas dos dois times comer um cachorro-quente.

Já deu para ver nas imagens da abertura do programa que muita discussão, intrigas e surpresas estão para vir.

Tiffany Fallon
Eliminada: Tiffany Fallon

Texto foi publicado originalmente no weblog Série Maníacos.

Séries citadas:

8 Comments

  1. naomi

    foi mesmo muito engraçado!

    e quando o gene simmons explicou [errado, mas tá valendo, muita gente se confunde com mitologia grega e pelo menos ele conhece mitologia grega!] que “hydra é o monstro que guarda os portões do inferno” e vincent pastore retrucou que “não, essa é a minha mulher”, foi de chorar de rir.

    infelizmente, acabei topando com a informação de quem foi o vencedor, mas também tenho a intenção de aompanhar até o fim mesmo assim.
    :)

  2. Everton

    Putz detesto a Omorosa, porque cada vez fica mais evidente que ela é so bitch enfrente as cameras e tudo soa forçado…

    Sobre o episódio em si, achei legal, porém por uma questão de showbiz a Omorosa que teve uma atuação desastrosa, continuou….

  3. Paulo Antunes

    Minha única crítica é que o programa foi muito corrido. Nunca vi um bloco inicial de O Aprendiz tão rápido, os participantes mal foram apresentados e o programa já começou.

    Mas fora isto, achei o máximo, ri pra caramba. O Simmons e a Marilu são geniais. O Pastore é engraçado e o melhor foi ver o Piers Morgan e a Omarosa se queimando na sala.

    É interessante perceber que o programa será mais leve, já que o Trump não pode xingar uma celebridade.

    Só achei o final injusto. É claro, que a Omarosa tinha que ir pra rua. Mas ela é a garantia de polêmica do programa e vai ficar enquanto for conveniente para a produção.

  4. Michel Arouca

    Viu só Daniel. lol
    Realmente a demissão da Tiffany foi algo estranho e quem merecia tomar a bota era a Omarosa. Mas Trump é doido de mandar ela embora no primeiro programa. No decorrer da temporada vcs vão ver que valeu a pena manter ela no programa.

    PS – Nessa época eu ainda não era fã de Realitys, hj eu assisto uma cacetada.

  5. Gui Barranco

    Foi bom o episódio. Adorei o Piers chamando a Omarosa de Amorosa, e depois dizendo que ela era uma celebridade que ele não conhecia… hahahahahahaha

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account