Log In

Reviews

Review: Lost – Something Nice Back Home

Pin it

Lost - Something Nice Back Home
Série: Lost
Episódio: Something Nice Back Home
Temporada:
Número do Episódio: 81 (4×10)
Data de Exibição nos EUA: 1/05/2008
Data de Exibição no Brasil: 9/06/2008
Emissora no Brasil: AXN

O episódio foi uma decepção para os fãs de Jack e Juliet. Uma felicidade para os fãs de Jack e Kate. Mas, honestamente, acho que foi ruim pros dois lados. Por quê Jack não consegue parar de machucar as mulheres de sua vida? Eu, que nem sou muito fã de Kate desde a segunda temporada, quis bater no Jack quando ele briga com ela por causa da promessa que ela fez a Sawyer. Ela o ama, ela aceitou se casar com ele, ele já pode parar com o ciúme doentio. Sawyer está na Ilha, e nada nunca vai acontecer (pelo menos até este momento, em que nenhum dos dois pensa em voltar).

O complexo de herói de Jack estava mais forte que nunca. Acho incrível como ele diz “eu vou tirar vocês da Ilha”, “eu salvei você”. Ele está indo pelo mesmo caminho da megalomania que Locke trilhou quando descobriu que era importante. Tudo bem que as intenções são nobres, mas de bancar Deus na televisão já basta Horatio Caine. Até sobre a cirurgia Jack quis ter controle. Por isso, quando Kate o mandou calar a boca, foi simplesmente ótimo. Quando Juliet o ignorou e mandou Bernard apagá-lo durante a cirurgia, foi melhor ainda.

Aliás, falando um pouco da loura, acho que esse foi o melhor episódio da personagem em toda a temporada (sim, melhor que o próprio episódio dela). Eu amava Jack e Juliet na temporada passada (Kate e Sawyer também), mas nessa eu vi dois dos meus personagens favoritos se modificarem e enfraquecerem com certa dor. Acho que praticamente depois de todo episódio Paulo Fiaes e eu conversávamos e o assunto ressurgia. Kate tratava Sawyer que nem um cachorro, e Juliet virou coadjuvante de ombro de Jack. Ela estava sempre lá e até tentava ser útil, mas parecia que sua personalidade tinha sido comida pelo Monstro da Fumaça. Na cena em que está fazendo muitos fãs do casal choramingar (eu amo vocês, mas por favor, superem), Juliet diz a Kate que o beijo entre eles foi na verdade para que ele se convencesse que não ama a Sardenta, e então diz a Jack que sabe que ele está acordado, eu deveria me decepcionar, mas eu vibrei (tá, eu já estava um pouco desiludida, isso ajudou).

Antes de ser uma fã do casal, eu sou uma fã de Juliet. E naquele momento a Doutora recuperou boa parte de sua dignidade. Foi como se ela dissesse “pare de brincar comigo!”. Foi ela retomando o controle da própria vida, que de alguma maneira ela tinha deixado Jack assumir. Obrigada Deus Jacob por devolver a minha personagem preferida sua personalidade. Agora você poderia dar ao Jack algum senso de humildade? Obrigada.

Antes de falar de Aaron, eu só queria falar de mais uma coisinha. Eu adorei Jin encostando Charlotte na parede e fazendo-a prometer que tirará Sun da Ilha. Aliás, toda a interação de Faraday e Charlotte com o casal de coreanos e entre si foi muito boa.

Agora, falando do bebê, parece que seja lá o quê incomodava tanto Jack sumiu. E a resposta de porquê Claire não está com ele foi no mínimo surpreendente. Eu esperava qualquer coisa menos que a australiana entrasse na floresta com seu pai e simplesmente abandonasse Aaron. De qualquer forma, poderiam Charlie e Christian ser duas manifestações da Ilha quando Christian aparentemente está relacionado a Aaron ser abandonado e Charlie insiste que Aaron não deve ser criado por Jack? A Ilha entrando em contradição?

Lost - Something Nice Back HomeComo as coisas estão complexas! Sabemos agora que ambos Sawyer e Claire fizeram a escolha de ficar; por sua conversa parece que Rose e Bernard também ficarão na Ilha. Jin exigiu que sua mulher fosse retirada, mas não falou nada de si, parece que ele acredita (e que se cumprirá assim) que tem que sacrificar-se pela segurança dela e do bebê. Então as únicas dúvidas que ficam no ar é se Des e Juliet, que tem entes amados que desejam rever, também fizeram sua decisão de ficar na Ilha.

E a promessa que Kate fez a Sawyer? Aposto todas as minhas fichas que antes de ela partir o trambiqueiro contou sobre Clementine e pediu alguma coisa relacionada à filha. E Kate provavelmente estava ao telefone com Cassidy, que ela já conhece e com quem já tem meio que uma camaradagem. Eu adorei a atitude da Sardenta, achei muito doce que ela esteja cumprindo a vontade de Sawyer. O que me faz ficar ainda mais irritada com Jack. Comprometido a manter segredo sobre a Ilha ou não, acho que ele pelo menos podia tentar encontrar Rachel, que deve sentir uma grande dor por sua irmã desaparecida há anos, e contar a ela que Juliet está viva e bem.

No saldo, eu gostei muito do episódio. Mas ele não teve muitas novidades. É a segunda vez que temos um episódio morno e devagar depois de um grande episódio cheio de revelações. E talvez Something Nice Back Home não resista a uma revisitada (The Other Woman pareceu bem mais fraco quando eu vi pelo AXN, apesar de que Eggtown ainda é, pra mim, o pior episódio dessa quarta temporada). Mas agora existe mais uma pergunta: foi apenas o ciúme de Jack e sua recém começada jornada nas drogas que criou aquele Jack de Trough the Looking Glass, ou algumas visitas mais a Hurley ajudaram? Por quê Jack quer voltar pra Ilha tão desesperadamente?

PS: Eu ainda amo aquele beijo de The Other Woman.

PS2: Um membro do Fórum Jacket lançou a campanha “Juliet Burke for Craphole Island Leader 2009!!” Eu já aderi.

Este review foi publicado originalmente no weblog Séries Addict.

Séries citadas:

É estudante de comunicação. Não vive sem The Good Wife, Parks and Recreation e 30 Rock. Ah, e Gossip Girl, que apesar do bom senso, ainda nao conseguiu largar.

12 Comments

  1. Holly

    Ótima análise.
    Eu adoro Juliet e o Sawyer. E pensando pelo lado “casais” da série, acho que seria uma dupla bem mais interessante do que KAte e Sawyer ou Jack e Juliet. Na verdade sempe achei Jack um super mala e a Kate tá ficando cada vez mais parecida come ele. Ou seja, se merecem.
    Fora isto, acho que a cirurgia de Jack foi totalmente dispensável, pois sabemos que ele está vivo fora da ilha. Então soou um pouco “encheção de linguiça”. Mas sou suspeita, odeio o Jack e além de apoiar a campanha “Juliet Burke for Craphole Island Leader 2009”, sempre defendi o lema “Die Jack, Die”.

  2. Mica

    Não tenho tempo (pra variar) para comentar agora, mas queria fazer uma pergunta: o primeiro relance do futuro, ainda na temporada passada, com o Jack e Kate conversando e ele todo barbudo se passa depois do flash forward desse episódio né? Quero dizer, acontece depois do Jack e Kate já terem deixado de ser um casal. Ou não?

    Não vi o episódio da batalha judicial pelo Aaron, e por conta disso só ontem é que fui me dar conta que o Jack é tio do Aaron. Volta e meia eu esqueço que ele é irmão da Claire. Ele sabe disso, né? É só ela que não sabe (se bem me lembro).

    Eu gostei desse episódio, gostei da Juliet nele, gostei dos coreanos e…bom, o povo do avião não é feito só de personagens principais. Qual será a explicação para o restante não ser resgatado também?

  3. Mica

    Eu acho que a cirurgia do Jack foi mais para dar tempo de mostrar o restante do povo. Para a interação de Jin e Sun com os dois do helicóptero, para a conversa entre Bernard e Rose, para o motivo da Claire não ter saído da ilha…
    O que me fez lembrar, quando aquele vidente falou sobre o bebê da Claire antes dela pegar o avião, ele disse que ela é quem teria que criá-lo? Ou que ela nao deveria criá-lo? Não lembro mais. Eu só lembro que havia algo de muito errado com o bebê (e que provavelmente por isso que ele a mandou para o vôo).

  4. Holly

    Mica,
    A cena do Jack barbudo é depois disto sim.
    O julgamento foi de Kate, pelo assassinato do pai dela.
    Não ficou claro se Kate sabe do parentesco, mas em uma cena ela diz que sabe porque Jack não quer ver o Aaron ( no episódio do julgamento – antes de ficarem juntos), então da a entender que ela sabe que jack é tio de Aaron. Mas é só suposição.

  5. Roberto

    Quem em sã consciência se importa com casais nessa série?
    Qualquer cena envolvendo esses romances idiotas é perda de tempo.

  6. Darth Cesar

    Thais, sem querer parecer o cara do contra, mas até entendo o momento do Jack (pós ilha), a paranóia de começar a ver o fantasma do pai, a culpa pelos que ficaram na ilha (até aqui nem sabemos o que ocorreu na saída) e agora os segredinhos da mulher, não sei o que a Kate esta escondendo, mas porque ela não abriu o jogo depois que aceitou o noivado? Acho que os dois erraram… Fiquei meio perdido com a aproximação do Jack e a Kate na ilha, parece que foi ontem que ele ignorava ela. No restante esta sendo muito bom acompanhar as peças se juntando e agora já da pra começar a entender o motivo daquela fase do Jack/barbudo.

  7. Holly

    Não que seja o que mais me atrai na série, mas tem muita gente que se importa, Roberto.
    Te incomoda? Azar o seu.

  8. Paulo Fiaes

    vou colocar aqui o que escrevi no seu blog:

    “Bom, vamos as considerações do ep.

    1- O episodio foi legal, pow, a galera quer q todo ep seja cheio de ação igual ao ultimo, mais uma vez, Lost é mais do que isso.

    2- Gostei de Juliet ter apagado Jack, provavelmente, se fosse pela sardenta, ela faria a vontade dele, Juliet ali naquele momento recuperou a dignidade dele, e mais, depois falando pra ele q sabe q ele ta acordado, foi um termino do relacionamento q n existiu.

    3- Acho q ainda é necessário um ep pra explicar o porque de Jack querer voltar pra ilha, ja q até agora ele n ta nem aí para os outros, mas como vc falou, pode ser q quem ficou, quis ficar, exceto Juliet e Des.

    4- a pessoa com quem kate casa no futuro, será sawyer? bom, gostei dele ter ficado vivo, e novamente, é melhor ele sem ela, assim como Juliet sem jack. Agora, a raiva de jack eu acho q n é nem pela promessa, e sim pq ele n tem Kate só pra ele, o tanto que ela gosta dele, ela gosta de sawyer, e isso pra qualquer homem é foda.

    5- pai de jack é jacob?? bom, intrigante isso, mas sei la, ainda n gosto desse rumo que a série tomou, mas parece ser inevitável, teremos explicações paranormais.

    6- nem todas as pessoas no cargueiro são ruins, acho q isso q acabará ajudando os oceanic-6.

    7- bom, analise mais detalhadas e possiveis teorias no MSN.

    excelente texto”

  9. Giselle

    Eu gostei do episódio. Tá certo que o Jack tem o seus momentos “mala” como o de querer orientar a Juliet na cirurgia mas eu goto dele. E acho que ele tem mais a ver com a Juliet do que com a Kate.
    Legal o Sawyer protegendo a Claire. E também adorei o Jin encostando a Charlotte na parede. foi muito show. Sobre o favor da Kate deve ser algo relacionado a filha do Sawyer.
    E o pai do Jack lá na ilha? Eita .
    Será que ele é o Jacob? Pode ser Paulo.
    vamos agurdar.

  10. Patinha

    Lost é uma série pra lá de SACAL! Esse chove-não-molha é muito chato. Não entendo essa febre por Lost, pra ser honesta. Mas gosto é aquela coisa, né?

  11. Patrícia

    Eu acho que o pessoal que passa aqui só pra comentar que a série é chata, devia parar de perder tempo com isso… se não gosta, nem leia a review, nem os comentários, isso não leva a nada.

    Bom, voltando à série, acho que tudo o que eu pensei já foi dito antes: acho que comecei a entender como o Jack chegou àquela fase “barbuda”. O episódio foi legal, pq, como disse o Fiaes aí em cima, nem só de ação vive Lost. Gostei da interação entre os coreanos e Charlotte e Faraday.

  12. Raquel

    Adoro Lost, e ler reviews sobre Lost. Mas vc é uma escritora azeda demais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account