Log In

Reviews

Review: Law & Order: Special Victims Unit – Lunacy

Pin it

Law & Order: Special Victims Unit - LunacySérie: Law & Order: Special Victims Unit
Episódio: Lunacy
Temporada: 10ª
Número do Episódio: 206 (10×04)
Data de Exibição nos EUA: 21/10/2008
Data de Exibição no Brasil: 2/12/2008
Emissora no Brasil: Universal

Este foi, sem dúvida, um dos episódios mais excêntricos da série. Olivia, Elliot e Munch (hilário e paranóico novamente. Oba!) batendo papo com astronautas? Não posso deixar de imaginar os produtores e roteiristas reunidos em uma sala durante dias, preparando todas as ramificações dessa trama complexa, repleta de bifurcações e – palmas para a equipe – povoada por personagens tridimensionais. E esse último aspecto foi fascinante: em pouco mais de quarenta minutos, todos os personagens que apareceram na tela apresentaram uma sólida caracterização pessoal, reforçando o realismo do contexto.

O rumo da investigação cobriu todas as perspectivas e desdobramentos possíveis do caso em questão. A teia de acontecimentos foi esculpida com primor: desde o desvio que os levou ao estuprador do táxi, passando pelo marginal que roubou os pertences da vítima, depois voltando as atenções para o admirador lunático da moça (aliás, o título do episódio deve ter pregrado uma peça em muita gente, que deve ter concluído de antemão que era ele o assassino), até chegar ao frio comandante Dick Finley e sua verdadeira ‘Lunacy’ – “a Doença da Lua” -, como foi magistralmente poetisada por um dos saudosos insights do Munch. A ascensão da astronauta prodígio Marga Jenssen representava a materialização do único empecilho que o impediria de, pela primeira e última vez, ir de encontro ao objeto de sua devoção, ao qual ele dedicara anos de sua vida.

Tudo está aqui: comentado e questionado. Preparados? These are their stories.

Aquele começo foi perturbador. Todo o processo de descoberta e manipulação daquele cadáver com as mãos decepadas foi incômodo. Acrescentando ainda toda a descrição precisa da Dra. Melinda Warner em relação ao parasita aquático que ainda estava se alimentando do tecido vaginal da vítima e… Vamos seguir adiante?

Mais perturbação à frente. O que foi o álibi daquele estuprador do táxi para escapar da acusação de assassinato?

Eu estuprei essas mulheres que você falou, sim. Mas não matei niguém. Nesta noite em questão, eu estava fora da cidade.

Alguém pode confirmar isso?

…Eu peguei uma mulher na rua e… a ataquei dentro do táxi. Posso te dar a localização dela e ela vai confirmar tudo. Chame-a aqui e pode perguntar… sobre tudo o que eu fiz com ela.

Quando a vítima é então identificada como a astronauta Marga Jenssen, os detetives mergulham no universo das missões espaciais para investigar o background da vítima e são auxiliados pelo mulherengo e cínico ex-companheiro militar de Elliot, Dick Finley, hoje figura cativa do programa espacial. Mais alguém aí quis socá-lo sempre que ele se insinuava para a Olivia? E quiseram arrancar os cabelos quando ela aceitou sair com ele? Logo um cafajeste, Liv? Não, não…

Marga era um verdadeiro prodígio e embarcaria numa importante missão em breve. Os detetives falam com os companheiros de trabalho de Marga e Dick, sempre prestativo, aponta alguns dos desafetos da moça no local de trabalho. No entanto, nada parece fora do comum. Os detetives falam com a namorada da astronauta, que imediatamente pergunta sobre um de seus objetos pessoais: um colar em forma de Lua que ambas sempre usavam – não encontrado na cena do crime.

Sem pistas, Dick Finley até chega a levantar a possibilidade de que um fanático a estivesse perseguindo, já que os astronautas são, ao seu modo, celebridades aos olhos dos freaks e geeks e não era rara a chegada de cartas peculiares ou esquisitas. Deus saba quantas ele já havia recebido. Examinando a correspondência da moça, diversas cartas excêntricas são encontradas em nome de um Anton Tibhedaux: um homem de meia idade, já conhecido entre a segurança do local, que costumava seguir Marga e até fantasiar um relacionamento com ela. O Dr. Huang (ele finalmente apareceu em uma singela participação) confirma suas fantasias, mas ainda assim não há provas que o liguem ao dia e hora do crime.

O foco da investigação muda quando o cartão de crédito da vítima é usado em um posto de gasolina e todo o suor dos detetives é direcionado para o garoto problema filhinho de papai responsável pelo furto. Ele clama que achou a carteira dela no lixo e, depois, sabe-se que ele penhorou o colar de Marga. Mais uma vez, não há como provar que ele a matou durante um assalto. No entanto, a peça será recolhida da casa de penhores e será avaliada pela perícia em busca de digitais.

Nesse meio tempo Dick Finley e Elliot compartilham suas histórias com o pessoal do Squad, fazendo-os rir e se admirar com suas aventuras, até que Dick se lamenta que não viverá mais tantas outras, embora ele honradamente tenha sido o preferido para comandar uma missão à Lua em 2018. Munch, voltando à velha forma, questiona mais uma vez o pouso do homem na Lua, remetendo a um clássico momento da primeira Temporada. Foi um momento bacana de se ver. Quando eles ficam à sós, surge, então, a pergunta de um milhão de dólares. Dick pergunta a Elliot se ele já se envolveu com Olivia e a resposta não poderia ser mais dúbia:

Eu sou casado.

Vejam bem. Ele não disse “ela é minha amiga” ou “ela é como família para mim”. Essa resposta implica que a responsabilidade com sua família é, pelo menos atualmente, o que o impede de investir em algo com a Benson. Será que eu fui longe demais nessa leitura? O tempo dirá.

Dick Stabler, o flho de Elliot, vai à SVU para conhecer o famoso homem admirado por seu pai, responsável pelo seu nome e, em meio a tietagem, ele ganha um foguete miniatura de Dick Finley. Nesse momento, enquanto o jovem suspeito de assaltar Marga vai sendo levado pelos corredores da delegacia, um piscótico Anton Tibhedaux puxa uma arma do cinturão de um policial e grita: “você matou minha amiga!”, disparando um tiro certeiro no peito do garoto, causando pânico no squad.

Law & Order: Special Victims Unit - LunacyAí é que Dick Finley tira a sorte grande. Uma provável testemunha identificou o assassino de Marga e o matou. Cabe a ele agora executar esta pseudo-testemunha antes que ela seja desmentida e, assim, fechar de vez o caso Marga Jenssen. Numa encenação de luta pela arma, Dick atira ‘acidentalmente’ em Anton.

Na volta pra casa com seu filho após o susto, Elliot discorre sobre as escolhas que fez na vida e nos fatores que o impediram de sonhar muito alto. Dick Stabler comenta o quão frustrante deve ser ter que abrir mão do que se quer por causa dos outros e, brincando com o foguete que ganhara, acaba por dizer que nada nem niguém o impediria de ser o que quisesse. “Nem sua família?”, Elliot provoca. “Ninguém!”, Dick fala com veemência e pousa o foguete na mesa. Elliot, então, é tomado de uma suspeita terrível enquanto mantém os olhos fixos no objeto: Será que Dick Finley se livraria de Marga Jenssen, antes que ela se tornasse ainda mais influente e provavelmente, tomasse seu posto no futuro? Coincidentemente, ele sempre tratava de imediatamente atirar a investigação para onde fosse, sempre apontando alguém. Seria possível? Elliot imediatamente vai ao encontro de Finley para despejar todos os seus temores e finaliza:

Suas digitais vão ser encontradas naquele colar, não vão?

Finley se dá conta de que seu crime não foi perfeito (porque diabos ele foi jogar os pertences de Marga no Lixo, ao invés de levá-los consigo? Por que não usou luvas?) e investe contra Elliot. Quando Olivia chega ao local do encontro, pronta para o jantar com Dick, encontra diversas viaturas no local. Numa cena que resume todo o contexto do episódio e seu título, Finley contempla melancolicamente uma estonteante e inatingível lua cheia.

Um belo final de mais um ótimo episódio.

Séries citadas:

36 Comments

  1. marília

    ha! hj eu sou a primeira…

    devo ddizer que o review tá até melhor que o episódio. Eu sabia que era o Dick… não vou mentir que tive minhas dúvidas e cheguei até a pensar que ele tinha entrado na trama pra se envolver com Liv mesmo (linda no fim do episódio, hein? passou mal né, Angelo?)

    Eu amo Stabler. na moral… ele com litle dick foi muito bonitinho… agora que uruca é essa meu irmão, que qnd o filho vai lá tem tiroteio? e little dick tá enorme… essas stablers vão crescendo e ganhando histórias… eu adoro!

    Munch é uma delícia… como eu ri com ele!!!

    e realmente o começo me embrulhou o estômago… pensei que tava vendo dexter.

    a pergunta de um milhão: rá! não pensei da resposta dessa maneira… agora que vc falou… mas não sei… acho que o “eu sou casado” foi pra enfatizar que ainda que Olivia seja linda e maravilhosa ele não “a pegaria” pq é casado… si lá… acho que foi meio uma forma de dizer que não traiia a esposa com quem quer que fosse.mais uma questão moral dele, do que qualquer relação com Olivia, penso eu.

  2. marília

    agora, algém pode me responder pq as reprises diárias passaram da 2º temporada para a 9º de repente?

  3. Gard

    Adorei este episódio… comecei a assistir a série há pouco tempo, mas já sou fã!!!! E de verdade, desde o começo estava desconfiada que o Comandante Dick Finley era o assassino, ele parecia muito bacana e prestativo pra ser verdade. E a cada dia gosto mais da Olivia.

  4. Mônica A.

    Eu só desconfiei do Dick na cena da luta. Ali tinha um monte de policial preparado e ele resolve lutar com o atirador? Muito estranho.

    O episódio foi ótimo, como sempre. E a resposta do Elliot sobre a pergunta de um susposto caso entre ele e a Olívia realmente foi dúbia. Se ele não fosse casado..

    Também fiquei “como assim, a Liv vai sair com o Dick?”. Além do cara ser o maior cafajeste, ele tem idade pra ser pai dela.

    Ótima review, Ângelo. Parabéns!

  5. Marcelo

    Não achei muito bom, do jeito que a trama desenvolveu ficou bem claro para mim quem era o culpado, o melhor do episódio foi a interação dos personagens e o desenvolvimento do Elliot

  6. Mary

    Eu achei a principio interessante caso o Dick fosse um novo interesse romântico pra Olivia, não tenho preconceito de idade, e sabemos que ‘do mato Stabler não sai coelho.’ Seria ótimo que ela realmente arrumasse alguem… que não seja um assassino. :) No mais, ótimo episódio.

  7. Ângelo Romão

    Bem vindos mais uma vez!

    Marília,

    little Dick, de ‘little’ não tem mais nada mesmo, como você disse. Agora eu gostaria que a filha mais velha de Elliot, Maureen, reaparecesse (com a mesma atriz no papel, claro). A personagem já deve ter o quê? Uns 25 anos? Seria bacana um papo entre Elliot e sua filha adulta relembrando os momentos da 1ª Temporada, quando ele transformava todo o temor infligido pelos casos da Unidade numa superproteção com seus filhos. Falando nisso, já imaginou um episódio final repleto de retrospectivas e aparições? Casey e Alex são imprescindíveis. A gente merece isso.

    E o Comandante já tinha cara de ser o autor do crime, mas eu também me desviei achando que a função do personagem na trama seria apenas se envolver com a Liv.

    Quanto ao ‘pulo do gato’ nas reprises, acho que isso se deve tanto à validade do tempo de exibição de cada temporada estipulada por contrato (elas têm que ser compradas periodicamente pelo canal) como também deve ser um meio de estimular a compra em DVD das temporadas 3 e 4. Lembro que isso acontecia com as reprises de Gilmore Girls no Warner Channel: sempre que a temporada em questão ficava disponível em box, a exibição na Tv parava por certo tempo.

    Espero ter ajudado.

  8. Renata

    Ângelo adorei seus comentários e eu também desconfiei deste comandante desde o começo. Quanto a resposta do Elliot,não vi dessa forma,afinal ele esteve separado por um bom tempo e nada aconteceu(nem uma insinuação,nem mesmo um olhar,nada),acho que é por isso(e outras coisinhas)que eu não consiga vê-los de outra forma,que não seja como parceiros e amigos.

  9. Kate

    Confesso que não gostei muito desse episódio , achei arrastado sei lá!
    Sinceramente desconfiei desse Dick poucos minutos após ele aparecer, achei meio óbvio.
    Esperava mais de Olivia “prostituta por um dia” mas foi num piscar de olhos . Taí um episódio que gostaria de ver, Olivia se disfarçando de “slut” para desvendar um caso.

  10. Renata

    O que me leva a continuar sendo fã desta série é que mesmo após dez temporadas,ainda conseguem manter o mesmo padrão de qualidade. Muitos acham que a nona temporada foi fraca(eu discordo),acho que como todas as outras temporadas se alternou,entre ótimos episódios e outros nem tanto. Acho que por isso esta não deveria ser a temporada final,acho que há muito a ser explorado e retrospectivas e aparições poderia ser só o começo.

  11. Ana Maria

    Eu diria que foi mais um episódio típico de SVU:dinâmico, agil e intrigante. Sinceramente eu jamais pensei que o astronauta tão festejado fosse um assassino frio e cruel. Mas é por isso que eu gosto de SVU. Os enredos são mirabolantes e tomam rumos inesperados.E sobre a colocação do Ãngelo quanto à relação Eliot/Olívia tudo é uma interrogação. Principalmente agora que é praticamente certa a saída de Mariska. Em publicação recente ,com ela na capa, a atriz confessa que pretende deixar a série para se dedicar a família, mais especificamente, deseja ardentemente ter mais um filho. Mariska reclama do pouco tempo que tem para curtir seu filho de 2 anos e arremata: ” eu só quero poder ver meu filho”.Podem chorar fãs ardorosos( nos quais me incluo) E vamos curtir os últimos episódios que ainda terão a presença da atriz.

  12. Renata Simone Braga

    Engraçado,mesmo sem saber dessa notícia eu sempre achei que seria a Mariska a ir embora primeiro. Se for verdade só espero que o Chris Meloni decida ficar pelo menos mais um pouquinho,caso contrário,será difícil encontrar substitutos a altura desses dois.

  13. Ângelo Romão

    Já eu sempre achei que o Meloni seria o primeiro a sair. Principalmente depois de ele ter bradado aos quatro cantos que a negociação de contrato com a NBC para as temporadas 9 e 10 não foram NADA agradáveis. Agora é a Mariska que anuncia seus planos (bastante compreensíveis, por sinal).

    Portanto, só mesmo um milagre para manter nossa dupla SVU por mais tempo. Pessoalmente, e por mais que eu ame a série, acho que esse deveria ser, sim, o último ano enquanto ambos ainda têm carinho por seus personagens e a temporada está agradando. A equipe deveria caprichar nos roteiros e ir fechando o ciclo enquanto é tempo, preparando a finale histórica que o programa merece.

    Uma troca de elenco, para mim, seria ridícula. A série tem um tema polêmico e que pode ser explorado indefinidamente, mas Elliot e Olivia se tornaram a identidade dela. E também ficar esticando o show, com os atores já apáticos e telespectadores acompanhando por ‘obrigação’ seria duro de aguentar. Arquivo X sempre vem à mente nesse sentido: saiu o Mulder, depois a Scully virou coadjuvante de luxo, e Dogget e Reyes tentaram tocar o barco. Mas a verdade é que depois de 9 anos, muita gente só estava ali na espera de ver um final para algo que assistiram por tanto tempo. E foi morníssimo… SVU não merece sair de cena assim.

    Acho que a NBC deveria anunciar o fim desde já. Tenho certeza que os números de audiência só cresceriam rumo ao series finale. São 10 anos, com qualidade, e bastante material deixado para os fãs. A despedida é dolorosa, mas acabar bem compensa o choque da perda.

    Quando saiu aquela nota sobre o fim de Gilmore Girls (minha outra grande paixão), o chão sumiu abaixo de meus pés. Eu, que achava que a série duraria uns 10 anos, recebi aquilo como soco no estômago. Então, a série apresentou uma segunda metade de temporada deliciosa e uma sucessão de episódios bacanas que culminaram num final emocionante, verossímil e respeitoso com o legado da série que eu não consigo mais imaginar uma oitava temporada lutando contra a crítica, os fãs mais puristas, e a renovação de contrato do elenco, com a chance de escorregar na história por uma brincadeira do destino.

    Que venha um bom final para SVU.

  14. marília

    Angelo, ajudou sim.

    e lógico que a gente merece uma retrospectiva… e como a Maureen sofreu com o papi, hein?

    E as promotoras deveriam voltar mesmo… talvez como advogadas ou juízas… ou vítimas (ugh… que cruel)

    concordo em td com o que vc falou acima.

    menos sobre GG.

  15. Ana Maria

    É Ângelo, eu concordo com voce que SVU merece um grande final. Mas será que essa é também a opinião dos diretores da NBC.Afinal, porque acabar com um seriado que para a emissora é líder de audiência. E Dick Wolf sempre diz que em suas séries o que mais conta é o texto e não os personagens, minimizando a importância dos atores no sucesso de suas criações.Veremos se ele tem razão e se SVU sem Mariska e Cris( supondo que ele também sairá) conseguirá repetir o êxito de até agora. Com relação a saída de Mariska mesmo lamentando, não precisa nem dizer porque, acho uma decisão inteligente da atriz.Foi com esse personagem(Olívia) que ela ganhou notoriedade, recebeu premios, teve seu talento reconhecido.Mas a série já dá sinais de desgaste e a atriz precisa se renovar, dar um novo rumo a sua carreira.Se ela sair para se dedicar à família, gesto compreensível e até louvável,tenho certeza que em breve ela estará de volta.Mariska é atriz por vocação e não suportará ficar muito tempo longe das câmeras. E quem sabe,dentro de algum tempo a veremos fazendo um personagem cômico, porque a própria atriz tem dito que seu forte é a comédia.Quanto ao Cris, embora não esteja nada acertado quanto a sua saída,quando da última renovação surgiram problemas no relacionamento com o pessoal da NBC e não será surpresa se ele também deixar a série.Vamos aguardar. Pode ser que tudo isso não passe de especulação. Por enquanto vamos curtir os novos episódios e vibrar com essa décima temporada que está sensacional.

  16. Ângelo Romão

    E a dúvida vai continuando. De fato, não dá pra se ter certeza de nada até o momento. E é isso que dá medo. As emissoras não estão nem aí para o público e o fim geralmente é anunciados às pressas. Vamos curtir e tentar esquecer a especulação.

    Marília,

    em que exatamente você não concorda sobre GG?

  17. Renata Simone Braga

    Ângelo, eu concordo com você. A ¨marca¨que Elliot/Olívia deixaram na série é muito forte,mas tenho minhas dúvidas que esta seja a última temporada. SVU continua tendo uma boa audiência, ao contrário das outras franquias law e order que por muito pouco não foram canceladas. Mas sim, eu também espero um grande final, já imaginando a saudade que vai deixar.

  18. marília

    Ângelo… melhor eu não entrar em detalhes…

    senão toda a cordialidade que SVU construiu entre nós, se dissipará…

    vc promete que após o que eu vou dizer, vc não vai ficar com raiva?

    pq eu, já resolvi na minha cabeça, que vou ignorar que o cara que faz os reviews maravilhosos de uma série espetacular é tbm fã de GG.

    então lá vai:

    eu tenho pavor de Rory e Lorelai.

    prontofalei.

  19. francisco koller

    Com todo respeito aos fãs, acho que Law and order suv deveria ser estrelada pelo Richard Belzer, que é de longe o personagem mais interessante da série. Poderia ter uma parceira careta e um tanto moralista, para ser seu contraponto. Dann Floreck e Ice-T são aproveitados ao mínimo, o que é uma pena e a nova promotora ainda não mostrou a que veio. É minha opinião e acho que ficará no ar enquanto estiver rendendo milhões de dólares ao sr. Wolf.

  20. Ana Maria

    Adoro esses debates envolvendo SVU. Eu também adoro o Belzer, acho o Munch fantástico. Ele dá o toque de humor tão necessário àquele ambiente impregnado de histórias escabrosas. Mas, meu prezado Francisco, com todo o respeito à sua valiosa opinião o Belzer como astro de SVU depois de se ter um Cris Melloni e uma Mariska Hargitay como dupla principal, sinceramente, não vai funcionar.O Belzer é feio demais e por mais que se queira valoriza o talento temos que admitir: beleza em televisão é fundamental. Como um coadjuvante de grande valor, que deve ser valorizado tudo bem, mas daí a estrela maior não o vejo com tal possibilidade.

  21. Ana Maria

    Esta é para o Ângelo. Li seu review e mais uma vez fiquei encantada com seus comentários. Não o conheço pessoalmente mas pelas suas análises e colocações percebe-se sua inteligência e bom senso.Estou ficando cativa desse review semanal. Espero que o mesmo tenha vida longa. Um abraço.

  22. Ângelo Romão

    Marília,
    claro que não vou me chatear com sua opinião e você tem todo o meu apoio para expressá-la. Se tem uma coisa que não me falta é respeito pela diversidade. Eu citei GG como um exemplo aleatório de perda (no caso, minha) que acabou sendo melhor, com a intenção de estabelecer meu argumento. Sei que a série, como muitas outras, é um caso extremo de amor ou ódio e entendo todos os fatores que levam alguém a gostar ou não de Lorelai e Cia. OK? Continue aqui, sempre participando e acrescentando, até porque o foco desse espaço sempre será SVU.

    Francisco Koller,
    Munch, até hoje, recebe minha simpatia tanto quanto Olivia e Elliot. Eu até cheguei a expressar nos comentários da Review passada a perda de espaço do personagem e no quanto a parte cômica trazida por ele faz falta. Nesse episódio tivemos um gostinho dos velhos tempos e espero que esta temporada nos traga algum episódio centrado nele.
    Quanto ao Belzer estrelar a série, é como a Ana Maria falou. É praticamente impossível atrair o público da Tv aberta com um protagonista com seus 60 e tantos anos. Além de que o personagem já foi privado do tempo em tela porque, de fato, seria incoerente ter o Munch nessa idade fazendo ativamente trabalho de campo. Ele não tem mais preparo físico para perseguir suspeitos pelas ruas ou lutar corpo a corpo numa necessidade.
    Mas não se sinta só, pois você está falando com um grande admirador do Munch.

    Ontem, eu (re)assisti ao episódio ‘Contact’ da 1ª Temporada, onde uma mulher que foi assediada num metrô diz que, para não se sujeitar mais a esse tipo de situação, gostaria de morar no suburbio e ter um Mustang. Ao que Munch completa:

    “Amem, irmã!”. Genial.

    Ana Maria,
    que bom que você está gostando. É tão bom compartilhar algo de que gostamos com alguém, não é? Pode ter certeza que sua presença também é apreciada. Abraço.

  23. francisco koller

    Aos amigos Ana Maria e Ângelo, obrigado pela contestação. Viva Law and order.

  24. Paula

    Oi, pessoal!
    Ângelo, achei engraçado quando li tua opinião sobre a resposta dúbia do Elliot para a pergunta de um milhão de dólares, pois pensei a mesma coisa. Ele poderia ter dito qualquer coisa, mas a resposta abre espaço para que possamos pensar que o fato de ele ser casado é o que o impede de se envolver com a Olivia. Claro que se pode dizer que ele já esteve separado e não tentou se aproximar dela nesse período, mas o caráter dele jamais permitiria isso, já que a separação não era definitiva. Ele jamais brincaria com os sentimentos da Olivia. Aquelas outras mulheres (incluindo a chata da Dani Beck)não significavam nada para ele.
    E que coisa mais fofa aquela cena em que a olivia se divertia com as hitórias que o Dick contava sobre o Elliot. A cada episódio ela vai conhecendo um pouquinho mais do passado dele.
    Agora, quanto ao fato de ela aceitar o convite do Dick para jantar, só pode ter sido por adimiração. Não tem outra explicação. O Elliot falou tão bem dele, que ela ficou impressionada e resolveu dar uma chance para o pobrezinho. E ela não tem sorte mesmo. Só arruma chave de cadeia (rsrsrs)
    Vamos ver o que o próximo episódio reserva para os dois!
    Eu continuo na torcida pela renovação dos contratos por mais algumas temporadas! Quem sabe o Papai Noel nos dá esse presente de natal!

  25. marília

    e vc tem dúvida que eu continuarei por aqui, Angelo?

    poder conversar sobre SVU é uma delícia pra mim!

    e até por isso que evito falar de final, de saída… tô curtindo tanto essa temporada… não quero ficar depressiva…

  26. Renata

    Paula, acha então que a separação não era defintiva? Para quem? Kathy entrou com o pedido de divórcio(do qual ele se recusava a assinar os papéis) e ele nunca quis. Gente eu sei que vocês fantasiam um romance entre eles, mas svu, não é uma LOVE STORY. Vocês acham que depois de trabalhar ao lado de alguém(dez horas ou mais por dia)veríamos os dois saindo de mãos dadas ,indo pra casa, cenas de amor, eles discutindo a relação? Fala sério!

  27. Ângelo Romão

    Sinceramente? Eu faço parte daqueles que não acreditam (ou não querem) um relacionamento entre Elliot e Olivia. Mas o ponto que levantei refere-se somente ao desejo: será que eles pelo menos já desejaram um ao outro em algum momento? Não falo de namoro ou casamento, só de hormônios.

    Eu não acredito nisso porque nunca houve olhares ou indiretas entre eles (eu desafio alguém a me mostrar alguma cena). Mas essa é uma pergunta que não quer calar e, estatisticamente, a maioria dos fans querem, sim, vê-los juntos. Então, os produtores podem virar o jogo a qualquer momento (principalmente se a série for acabar).

    Eles já se pronunciaram sobre o NÃO acontecimento desse relacionamento, mas sempre fazem questão de deixar um rastro de esperança ao declarar coisas como “nunca diga nunca” no blog oficial da série. Inclusive na seção de perguntas dos leitores eles deixam bem claro que NÃO postem mais perguntas referentes a esse assunto, pois eles já não aguentam mais a mesma história.

    No entanto, esse é um assunto tão forte dentro da série como qualquer outro e está longe de ter fim.

  28. Ana Maria

    Francisco,
    Que bom que voce aceitou nossa contestação com elegância e educação. Eu compartilho com voce na admiração pelo Munch e a estendo ao Tutuola e demais personagens da série.Acho que SVU é homogênea na qualidade do seu texto e talento dos seus atores.Vamos continuar curtindo “nossa” série na esperança que dias melhores virão.

  29. André L.

    Cara, fico muito feliz de SVU (a melhor série policial dos últimos anos), estar recebendo reviews de qualidade. E discussões tão boas! Parabéns a todos que participam ;)

  30. Taciana

    Finalmente o Huang apareceu. Será que eu fui a única que sentiu a falta dele no segundo episódio? O tempo todo o pessoal se perguntava como poderiam ajudar o menino, se ele tinha jeito, se o irmão tinha mesmo sido molestado ou instruído a dizer que sim… o tempo todo eu achava que alguém ia pedir a opinião dele e nada!
    No mais, achei o episódio arrastado e previsível.

  31. marília

    Huang é tão dispensável. E chato. não sinto a menor falta… A médica legista sim, é ótima… sinto falta tbm de trials nessa temporada, pra poder conhecer melhor nossa nova (por enquanto chata) promotora

    lembro qnd ele pareceu nas primeiras temporadas e o Elliot não tinha a menor paciência pra ele… affe eu adorava.

    aliás, eu adoro td que elliot faz. menos ter ficado com danni beck.

  32. Paula

    Renata, não sei te dizer o que faz com que grande parte dos fãs torça para ver a Olivia e o Elliot juntos algum dia. Realmente, nunca houve nada entre os dois que pudesse nos fazer desejar isso. Uma das razões poder ser o fato de que os dois são infelizes na vida pessoal e, como eles se dão tão bem como colegas, poderiam se dar bem como um casal. Além disso, o Elliot é o único homem no universo da Olivia, e, além da Kathy, a Olivia é a presença feminina mais marcante na vida do El. E eles ficam lindos juntos. E se o Elliot fosse feliz no casamento, acho que nem pensaríamos nessa possibilidade. Mas eu tenho plena consciência de que esse relacionamento só seria possível no final da série, pois as circunstâncias do trabalho deles jamais permitiriam isso. E é claro que eu não pretendo que a série termine tão cedo. Vê-los juntos não passa de um desejo de um merecido final feliz para os personagens.

  33. Renata Simone Braga

    Paula, eu não acho que o problema seja na vida pessoal e sim no trabalho. Eles estão totalmente comprometidos, dedicados a esse trabalho, que o pouco que sobra é o que vai para a vida pessoal. Por isso, eu não me iludo achando que seria diferente se eles namorassem, acho que seria até pior, pois o profissiona/pessoal iriam acabar se misturando e aí sim seria o fim da relação. Há um episódio na 3 temporada em que Elliot desabafa com Olívia sobre seu casamento com Kathy e num determinado momento ele diz:¨ela acha que eu a estou afastando¨e Olívia (sabiamente) responde:¨e está, é exatamente isso que você está fazendo e se continuar agindo assim você vai perder a melhor coisa que já lhe aconteceu¨. Concordo com a Olívia.

  34. Ana Maria

    Alô Renata, eu não sei qual sua profissão mas acho que voce tem talento para psicóloga. Nossa, quanta sabedoria, como voce define bem a ligação do Elliot com a Olívia.Eu, que sempre defendi a união dos dois já estou me rendendo aos seus sábios argumentos( estou só repetindo o que já havia dito anteriormente).Entretanto, veja bem, lá no fundo do meu coração, aindo nutro uma esperança que os dois venham a ficar junto se, somente se,a série chegar ao final; o que não desejamos é claro.Quero apenas fazer uma pequena contestação: o Elliot sim já demonstrou ciúme da Olívia. No episódio denominado “morta de fome” em que Olívia frequenta um bar para solteiros como isca para atrair um possível estuprador, ao marcar um encontro após receber um e-mail ficou visível no rosto do Elliot que ele estava incomodado com o encontro.Acho que se o Elliot se separar novamente( e esse casamento já está fazendo água, o barco esta furado), quando aí, ele estará realmente totalmente desligado da Katty, ele quem sabe verá Olivia com outros olhos. Vamos aguardar.

  35. Renata s. Braga

    Oi ana, obrigada por suas palvras, mas mesmo que eu torcesse para que eles ficassem juntos no final, eu iria querer ver o desenrolar desse relacionamento, jamais iria conseguir me contentar com um beijinho xoxo, faltando dez minutos para terminar a série, iria querer muito mais.

  36. Ana Maria

    Renata, eu já imaginei os dois sairem da série e fazer uma comédia, qualquer coisa desse tipo juntos.
    Seria demais não? Eles formam realmente um casal muito bonito,tem ótima química e são talentosos.Quanto ao que voce colocou sobre a relação dos dois eu concordo totalmente. Acho que se ficarem juntos tem de ser uma “gran finale” daqueles de ficar na história. O Cris,eu o acho maravilhoso( suspiro) tem pegada e é muuuuiiito viril.Por sinal no 7º episódio da temporada ele vai aparecer só de cuequinha,( Deus do céu vai matar gente do coração), e a Mariska de calça e soutian.Esse review vai bater record de comentários. Até o próximo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account