Log In

Reviews

Review: Law & Order: Special Victims Unit – Shadow

Pin it

Law & Order: Special Victims Unit - Shadow

Série: Law & Order: Special Victims Unit
Episódio: Shadow
Temporada: 11ª
Número do Episódio: 236 (11×12)
Data de Exibição nos EUA: 13/1/2010
Data de Exibição no Brasil: 6/4/2010
Emissora no Brasil: Universal

Primeiramente quero expressar as minhas sinceras desculpas pelo atraso do review dessa semana, tive alguns problemas pessoais e acabei me atrasando para escrever esse review e, aproveito também para agradecer a todos que estão sempre acompanhando os reviews, lendo e deixando os seus comentários, muito obrigado pelo apoio. Sem mais enrolações, vamos ao episódio dessa semana.

Nessa temporada com tantos bons episódios, acabamos por ter dessa vez um episodio regular. Shadow pra mim foi assim, bem morno, sem grandes acontecimentos a acrescentar.

Nessa semana tivemos duas participações mais que especiais de Naveen Andrews (o Sayid de Lost) e da sempre ótima Sarah Paulson (Studio 60 on the Sunset Strip). Não acompanho Lost, então é uma das primeiras vezes que vejo a atuação de Andrews na telinha, e sinceramente não achei nada demais na sua participação em SVU. O mesmo não posso dizer de Paulson, que na minha opinião foi quem salvou o episodio, sua performance foi mínimo magistral, e já deixo registrada a minha torcida para que ela seja indicada ao Emmy de Melhor Atriz Convidada em Drama.

Eu confesso que tenho as minhas dúvidas quanto às participações especiais em SVU. Acho legal e bom para série em termos de audiência ter nomes conhecidos da TV e do cinema aparecendo de vez em quando na série. Já tivemos Robin Willians, Lynda Carter, Cynthia Nixon, Bradley Cooper, Alfred Molina, Bill Pullman, Ellen Burstyn, Christine Lahti e em breve teremos até Sharon Stone. Esses, claro, são apenas alguns nomes, já que nessas 11 temporadas tivemos muitas e muitas participações especiais. Lá fora, inclusive, costuma-se parodiar a série, chamando-a de Law & Order: Special Guest Star Unit. Se isso é bom ou ruim, prefiro ficar sem saber.

Eu como telespectadora digo com toda sinceridade, não assisto a série por causa dos convidados especiais, nem por causa da Mariska e do Chris, assisto a série por ela mesma, pela temática e as historias, e por expor a verdade e o realismo, sendo ele bom ou ruim. Quantos casos nós acompanhamos na série e vimos um pedófilo ou estuprador ser inocentado no tribunal? Muitos e, isso é a verdade mais pura expressada na forma de uma série. Porque todos nós sabemos que isso acontece na vida real, que criminosos saem impunes. Isso é a realidade, finais felizes são muitos bonitos, mas na vida real eles dificilmente acontecem. E é por isso que eu sou apaixonada por essa série, por expor a verdade crua, chocante e por muitas vezes revoltante que existe na humanidade.

Law & Order: Special Victims Unit - Shadow

Voltando ao episódio, Anne (Sarah Paulson) é uma sociopata manipuladora que mata os próprios pais para ficar com o dinheiro da herança, levando Ash (Naveen Andrews), um detetive da divisão de fraudes a ficar em seu encalço para conseguir provas para prendê-la. Depois de algumas tentativas frustradas de colocá-la na cadeia, Ash e Olivia se unem para prender Anne. Mas como conseguir isso? Fácil, mandando a Olivia disfarçada (de novo) para seduzir o diretor da fundação que Anne desviou dinheiro, e pronto, tudo resolvido. Depois de algumas ameaças e, um tiroteio armado, Anne finalmente confessa o assassinato dos pais, dando assim um final feliz ao episódio.

Shadow simplesmente não convenceu, toda a trama pra mim foi muito forçada e sem sentido. Basicamente foi um episodio pra encher linguiça. Mas como eu disse anteriormente, depois de tantos episódios excelentes nessa temporada, acredito que seja normal e aceitável um episodio de nível relativamente fraco como foi esse.

Uma ótima semana a todos, e até o próximo review.

Séries citadas:

12 Comments

  1. Cleide

    Amanda nem me importo de vc estar atrasada pois só assisti ao episódio neste fim de semana, e tenho que concordar com tudo que falaste, não poderia ter sido melhor comentado

    eu tb assisto a série por ela mesma, e confesso que ri quando vc disse: Law & Order: Special Guest Star Unit
    heheheheheh

    mesmo o Boss dando a desculpa para a Olivia do porque pegar esse caso …. para mim não convenceu, acho que o caso em si era para Nave Mãe

    e como só acompanho mesmo pela tv, eu assisti ao promo do episódio e tinha ficado com a sensação que o Naveen Andrews era o cara-mal, e não foi nada disto

    Naveen Andrews é um dos personagens de Lost que menos simpatizo e por incrível que pareça me lembro dele no Paciente Inglês ao lado da Juliette Binoche

    aguardando o próximo episódio e review *__*

  2. Carlos T.

    Sempre li os textos de L&O:SVU, mas nunca comentei antes. Achei o episódio médio, não foi auqilo tudo não. Quando vi a Olivia seduzindo o cara também pensei Olivia bancando a sexy de novo??? Também achei bem óbvio o final, alguem realmente acreditou que a Olivia ia morrer?

    e como só acompanho mesmo pela tv, eu assisti ao promo do episódio e tinha ficado com a sensação que o Naveen Andrews era o cara-mal, e não foi nada disto

    Fiquei com a mesma impressão quando vi a promo, já tava esperando uma reviravolta no meio do episódio, pois ultimamente nos episódios sempre acontecem algumas reviravoltas meio mirabolantes.

    Falando no assunto inicial, eu comecei a assistir por causa da Mariska, mas agora vejo por causa das histórias mesmo e porque virei um grande fã da franquia “Law & Order”, mas acho que não precisava de tantos convidados não, realmente virou Law & Order: Special Guest Star Unit. Nunca fui muito fã de episódios com atores convidados não.

    O próximo episódio parece que vai ser bom, vou tentar comentar mais por aqui.

  3. Renata S. Braga

    Ótimo review Amanda, embora eu discorde de alguns pontos. Gostei do episódio, não achei ele fraco ou regular, ele estava mesma medida que os episódios anteriores. E quanto a participação dos convidados especiais na série, eu particularmente gosto muito, acho que só tem a acrescentar.

  4. Nina

    Bom review, bom episódio, meio surreal em alguns momentos, mas me agradou. SvU não precisa de convidados especiais para brilhar, para ser melhor ou para aumentar a audiência, ela por si só já garante tudo isso.

  5. Flávia C.

    É, como disse a Cleide, também acho que esse episódio ficaria bem lá na Nave Mãe.

    Contudo, foi bem interessante ver o charme do Naveen Andrews passeando pela tela, com aquela delícia de sotaque britânico, hahahahaha. Que delícia!

  6. Eduardo

    Não precisa se desculpar Amanda, pois só o fato de você ter a iniciativa para escrever é o que conta.
    Mas vou ter que discordar de você. Shadow para mim foi um dos poucos episódios excelentes da temporada.
    Talvez tenha algumas críticas a fazer, mas nem por isso deixa de manter a qualidade.
    Primeiro o fato de não haver crime sexual algum, o que vem se repetindo muito ao longo dessa temporada. Tivemos um caso de desaparecimento que nada envolvia estupro em Solitary, mais tarde outro que envolvia crianças assassinadas em Anchor, porém sem algum componente sexual. Agora isso se repetiu em Shadow e irá se repetir novamente em Torch, episódio 21 dessa temporada que ainda não foi ao ar nos EUA. De vez em quando não vejo problema algum, é bom pra variar, mas também isso não pode ficar tão frequente, pois os detetives deveriam investigar somente os casos sexuais, teoricamente. Outro ponto é que talvez esse episódio tenha sido previsível demais. Assisti baixando pela internet e só de ter visto os vídeos promovendo o episódio, já sabia o que ia acontecer nele inteiro. Mas eu prefiro assim. Previsível do que caso haja alguma reviravolta simplismente absurda e estrague o episódio inteiro.
    Apesar desses dois fatores, o episódio todo foi muito bem conduzido. Eles conseguiram transformar uma história simples, na qual uma mulher simplismente mata os pais para gastar a fortuna em um episódio interessante, mostrando todo o progresso que fizeram para capturá-la e tentar entrar na mente da criminosa, que manteve-se sem confessar até o final do episódio. Não acho que tenha sido forçado. Naquela situação era o plano perfeito para conseguir acusá-la dos assassinatos. Claro que Olivia não iria morrer, mas foi tudo bem bolado. (Até que seria legal se ela fosse baleada de verdade, parece que só o Elliot se ferra)
    Quanto aos guest stars, não vejo a MENOR necessidade de que chamem grandes atores, desde que a qualidade das histórias se mantenham, o que nessa temporada tem se precariarizado. Episódios com temas excessivamente repetidos, e outros mal-elaborados. Por enquanto, considero como episódios excelentes apenas três: Hardwired, Turmoil e Shadow.

  7. Fernando dos Santos

    Concordo com a definição da Amanda, também achei o episódio apenas regular,morno.Não foi bom mas não chegou a ser ruim, SVU já teve outros eps. mais fracos.

    O que me agradou foi o fato do roteiro tocar no tema dos crimes de colarinho branco e principalmente mencionar que nos Estados Unidos a punição aos white collar costuma ser branda(e isso quando há punição) assim como também acontece em nosso “Brasil brasileiro”.Na hora lembrei do célebre escândalo financeiro da Enron, um dos maiores da década passada nos EUA e do qual não resultaram prisões aos seus responsáveis.O fato rendeu um livro que posteriormente virou um elogiado documentário chamado ENRON:OS MAIS ESPERTOS DA SALA, já lançado em DVD no Brasil.

    Eu não vejo problema em de vez em quando explorarem o lado sexy da Olívia para obter informações.Até porque a Mariska é sexy mesmo.

    Quanto ao grande número de nomes e rostos conhecidos que desfilam como guest star em SVU, acho que isso ilustra bem o prestígio que a série ainda tem junto a crítica e publico americano, mesmo após 11 anos no ar.Dos convidados da semana passada, também achei o Naveen Andrews um tanto apagado mas o fato foi compensado pela performance da bela Sarah Paulson.

    De todas as falhas do episódio, a maior eu considero aquela armação exagerada que fizeram para a assassina confessar.Teve até direito a tiroteio falso, seguido de mortes falsas.Parece coisa daqueles filminhos de golpe.Nada a ver com SVU.

  8. Nanda

    Ok, minha opinião é totalmente contrária.

    Amei esse epi. Faz muito tempo que não gosto tanto de um episódio como esse. Sem grandes reviravoltas ou sensacionalismo, sem grandes dramas na vida de Olivia e Benson. Entretenimento puro.

    Achei Naveen fantástico, gostei da atuação contida dele, sem grandes maneirismos. Odiei Sarah Paulson, e normalmente gosto dela. Atuação muito afetada, totalmente clichê.

    E Ash é um personagem simpático, não me importaria se ele voltasse.

  9. Amanda Darling

    Acho que umas das coisas que eu mais gosto quando eu leio os comentarios sobre o review, é o fato de alguns concordarem com a minha opinião sobre o episodio e, outros no entanto discordarem expondo suas opiniões sem atacar nem a mim nem aos que concordaram comigo.
    Uma das coisas que mais me motiva a escrever é exatamente isso, o fato de todos aqui respeitarem a opinião dos outros, isso me deixa realmente contente

  10. Eliane Moura

    Caramba!! Esqueci de ver SVU ontem!!! Anyway, esse episódio foi ridículo.
    Dois detetives com pelo menos 10 anos de prática JAMAIS pensariam que o crime foi um homicídio seguido de suicídio, pq as vítimas estavam cobertas!!! Ninguém se suicida embaixo da coberta! E ninguém mata a mulher com um machado e se mata com arma de fogo. Homicídio seguido de suicídio é um crime comum, mas o assassino usa sempre a mesma arma. E as manchas de sangue na parede estavam totalmente erradas.E, é claro, a filha das vítimas jamais poderia ter entrado na cena do crime. E os detetives deveriam ter notado que ela nem expressou nenhuma emoção pela morte dos pais. Simplesmente indigente.

  11. Mônica A.

    Embora não seja um dos melhores episódios da temporada foi um bom episódio. Talvez pela presença do Naveen Andrews, que adoro. Acho o máximo a atuação contida dele. E a Sarah Paulson também não decepcionou.

    Eu assisto a SVU por causa de tudo. Adoro as histórias, os atores e os convidados especiais.

    Amanda, ótima review. O episódio dessa semana foi muito bom e mal posso esperar pra saber sua opinião.

  12. francisco koller

    Parecia um mau capítulo de Lost. Seriam Mariska e Meloni, Jacob e homem de preto?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account