Log In

Reviews

Review: House – Teamwork

Pin it

House - Teamwork

Série: House
Episódio: Teamwork
Temporada:
Número do Episódio: 117 (6×08)
Data de Exibição nos EUA: 16/11/2009
Data de Exibição no Brasil: 3/12/2009
Emissora no Brasil: Universal

Sabe aqueles episódios que são escolhidos para serem submetidos as votações do Emmy? Onde a equipe escolhe aquele em que tivemos acontecimentos marcantes ou atuações memoráveis ou até uma participação especial? Ou aquele capítulo que mudou a série e criou muitas expectativas nos fãs? Como foi com Broken, que tu pensava na hora em mostrar para todas premiações possíveis para dar os devidos prêmios merecidos para a série.

Pois bem, este aqui foi o exato oposto. Espero que escondam este episódio dos votantes que não vêem a série e só votam baseados no chamado Emmy Tape. Pois (eles) seriam capazes de tirar o prêmio da série. Eu juro que poucas vezes vi um cliffhanger jogar tanto contra um seriado. Saída de um personagem do elenco original e volta de um dos piores personagens da série. Isso tudo em meio a diversas situações forçadas e inverossímeis. Acho que não dava para ser pior, nem se tentassem. Ou seja, nem para serem deliberadamente ruins os roteiristas se prestaram.

Mas acho que estou exagerando um pouco, vamos considerar este foi apenas uma bola fora e que a série continuará no caminho que estava trilhando. E era um bom caminho. Mas no momento, é o máximo que posso fazer, pois esse episódio realmente me incomodou muito.

Detetive

O que ele está fazendo? Qual seu papel hoje na série? Ele está sendo apenas uma desculpa para dizer que o House está abalado por não ter conseguido nada com a Cuddy e ao mesmo tempo criar um retardamento no inevitável romance dos doutores? Neste foi patética a parte onde ele tenta analisar o Chase, usando do argumento de que era para o bem de sua namorada o House ficar com a equipe e etc. Chega a ser ridículo, já que essa cena teve a única e exclusiva razão dela existir foi para que o pupilo parecesse estar ficando confuso e termos o fim que vimos.

Wilson

Me incomodou um pouco ele vendo o House fazer as sandices que fez neste episódio e que eram características dele de antes e não dizer nada e achar que estava tudo certo. Não parece a mesma pessoa que briga direto com seu amigo por qualquer coisinha que ele diz. Mas isso é coisa pouca e passa quase despercebido perto do resto.

Paciente

Eu achei interessante ele ser um ator pornô, até por causa do House. Pena que ficou relegado a segundo plano e apenas serviu para forçar algumas discussões entre o Chase e a Cameron. Sinto que em um episódio mais sóbrio e sereno, onde não acontecessem tantas coisas, ele poderia ter um destaque maior e poderiam explorar melhor o potencial que tinha.

Seu problema, que parecia advir de seu trabalho, acaba se revelando vir de sua criação em um ambiente todo limpo, o que o fez ficar mais suscetível a algumas doenças. É a chamada hipótese da higiene.

Sobre de onde veio a solução…

Thirteen e Taub

Eu acredito que não esteja vendo coisas, mas soou tão forçado a volta deles. Não soou natural, foi forçado todo tempo. Não acredito que o Taub tomou essa decisão e até a Thirteen também não pareceu fazer sentido. Tudo foi pensado apenas para tentar explicar porque um deles voltaria a equipe. E quando eu penso que estavam tentando esconder isso um pouco, aparecem os dois com a solução do caso. E a paixão pelo diagnóstico diferencial nos corações.

House

Este não é o mesmo House dos outros episódios da temporada. Não é aquela pessoa que saiu da clinica em Broken. Se eu sempre vinha citando ele tentando ser um pouco mais humano, pensando nos outros e etc. Neste aqui nem a sombra desta pessoa passou perto. E a forma como ele arquitetou a volta dos pupilos e a destruição do casamento da Cameron e Chase, é algo que eu não pensaria que ele pudesse fazer. Não desse jeito. Também me incomodou a passividade dele ao ouvir tudo o que a Cameron disse na despedida. Resumindo, nem o House estava bem aqui.

Cameron e Chase

Eu tenho que me repetir pela milésima vez. Mas não fez muito sentido a separação deles. Na verdade, nenhum sentido. Soou forçada (olha eu me repetindo de novo) a forma como o Chase mudou do nada aqui. Se o personagem foi um dos que melhores se desenvolveram na série, aqui foi tudo jogado para o ar.

Ele já trabalhou com o House antes durante anos. Mas ele foi manipulado pelo doutor aqui facilmente. Ele já tinha largado o cargo de pupilo antes, voltou de favor, daí havia concordado em ir embora com sua esposa na boa. Daí só volta a trabalhar aqui por um favor ao Foreman. E no final ele acaba com o casamento para ficar na equipe do House. Pra mim só tem um motivo, só a Cameron iria sair da série.

E a Cameron? Achei que a Jennifer Morrison foi a única coisa boa deste episódio, desde o esporro que deu no House, até sua despedida. Mesmo com as situações inverossímeis e o roteiro fraco. A despedida em particular, foi bem meia boca com algumas falas bem fracas. Não acho que foi uma despedida digna da personagem. Mas deixo aqui meu adeus para a Jennifer Morrison.

House - Teamwork

Conclusão

Por que tudo soou forçado? Uma parte é culpa do diretor, que não soube transformar o material que tinha em algo crível. Mas não é qualquer um que conseguiria tornar este roteiro sólido. Acho que nem milagre.

O principal erro é que tudo aqui girou ao redor da conclusão. Então a Cameron iria sair. Ela tinha que se separar do Chase e voltaria alguém dos pupilos que foram embora. Pronto, saíram arrumando qualquer justificativa para chegar ao resultado final. E não estavam nem aí para a continuidade ou lógica dos personagens, o que mais se viu foram coisas que não condiziam com o histórico dos papéis.

Sinceramente, me deixou muito triste ver este episódio e torcerei muito para o próximo melhorar e voltar ao normal da temporada. Hoje teremos o resultado.

Séries citadas:

20 Comments

  1. cat

    É sei exatamente como vc se sentiu…Eu ando meio decepcionada com a série. Apesar de ser mto fã de House e acreditar q tenha sido apenas um recaída dele, não aceito que os roteiristas sejam tão burros em insistir nesse time (13 e taub). Fica minha imensa saudade da série que está sendo reprisada as 20:00, com pacientes interessantes e personagens consistentes, com a história q te prende e tudo. Olha só a falta de elementos mto legais: quadro, a bola, house tocando piano e buscando a resposta, a clínica, enfim, mta coisa msm.. Infelizmente,a algumas quintas durmo antes do episódio acabar e isso nunca aconteceu, nem qdo eu assistia só na record e o horário era ingrato ou fazia maratona e ficava até 03 da manhã…
    Acho q rever as temporadas antigas q me fez ficar tão melancólica…
    Mas, vou falar q um dos melhores episódios dessa temporada ainda está por vim, o nome dele: Wilson!!

  2. gabriele

    eu concordo plenamente. Pela primeira vez eu posso dizer que ODIEI o episódio. Durante toda a exibiçao dele eu só me perguntava: porque? Porque tirar Cameron da serie, por que voltar com os piores personagens, porque aquele detetive tinha que aparecer naquela cena com o Chase, porque esse episodio nao gravado???

    que odio!!

  3. Márcio

    Para mim o pior episódio de todas as temporadas. Achei um absurdo a volta da 13 e do Taub, que é um ator muito sem graça por sinal. E o pior foi como eles voltaram, lamentável epísódio, perdeu completamente o rumo da série. Pelo que vi até agora, deveria terminar este ano a série, pois está em franca decadência.

  4. Carina

    Desta vez, não dá para negar que foi um episódio ruim (e eu nunca falo isto de um episódio de House!). É como se o roteirista nunca tivesse assistido à série e o colocaram para escrever o episódio porque ninguém queria escrever sobre a saída da Cameron. Náo tem nem o que comentar…
    Pelo menos, o ep. “Wilson”vem aí :D

  5. Tina Lopes

    Ai, eu perdi e não entendi nada. Cameron e Chase saíram? Oh lord. Eu não consigo assistir as reprises.

  6. Flávia

    Por algum motivo os criadores da série acham a 13 melhor que a Cameron. Por algum motivo eles não percebem que a maioria dos fãs acha a 13 detestável – e não uma detestável no bom sentido, como era a Amber, ótima personagem, mas uma detestável no mau sentido. Ela faz mal à série. Uma pena a saída da Cameron, uma lástima a volta da 13.

  7. Alex

    O Taub é possívelmente o personagem que eu mais odeio na televisão. Dentro das séries que eu assisto pelo menos.
    A 13 pelo menos é bonita de se ver, mas eu ainda prefiro a Cameron como pupila do House.

  8. Lena

    “Sinceramente, me deixou muito triste ver este episódio e torcerei muito para o próximo melhorar e voltar ao normal da temporada.” [2]

    Ver 13 e Taub voltarem foi como se a série desse vários passos para trás depois de tudo que conseguiu avançar desde Broken. Uma lástima!

    Realmente aqui tudo soou forçado, desde House obsessivo pela volta dos dois (o que ele vê nesses dois?? ele não se moveu nem a metade pra recuperar o trio original qdo foram embora! não faz sentido!) até ver Taub largar (novamente) sua clínica de cirurgia plástica para ser empregado de outro médico.

    Que eu saiba a saída da Cameron se deve à decisão da Jenifer Morrison deixar a série… alguém sabe mais detalhes? Com a saída dela, claro que teriam que substituir a “garota bonita”, então devem ter tido a maravilhosa idéia de voltar com a 13… Que aparecessem com uma nova atriz então! Até hj me pergunto pq mataram uma personagem tão interessante quanto a Amber, pra ficar com essa chatinha sem graça da 13!

    Espero que eles tenham uma boa saída pra essa confusão que foi criada… ou então voltaremos ao mesmo marasmo das últimas temporadas…

    Volta, Cameron!!!! ;)

  9. Sidney

    A jennifer Morisson nao queria sair da serie, li isso em uma entrevista dela. Foi decisao dos produtores. Nao entendo a maldita obsessao deles pela Olivia Wilde, uma pessima atriz com uma detestavel personagem.

  10. Galvão

    Quando assisti o episodio, ri muito imaginando o quanto iriam reclamar …

  11. silvinha

    Eu também não gostei, achei tudo muito forçado mesmo,e só posso pensar que a saída da Jennifer Morisson é extremamente pessoal, pois a personagem era ótima.

  12. João da Silva

    Lena, se ao invés da Olivia Wilde colocassem uma nova atriz, o público reclamaria do mesmo jeito. Inicialmente o público reclamava o tempo inteiro da Jennifer Morrison, depois passaram a reclamar da Olivia Wilde. Se colocassem uma nova atriz o público reclamaria também, especialmente se a atriz fosse tão linda quanto a Olivia Wilde.

  13. Thiago Sampaio

    Nessas férias aproveito pra ver as temporadas antigas de House no Universal. Cara, a série era tão boa, tão boa… Também não entendo os motivos de desligar Cameron da série (nunca, nunca se deve tirar o personagem do ator popular que não pede pra sair!) e ainda trazer de volta Taub e Thirteen. Tá certo que esses dois não estão tão irritantes quanto antes, mas de onde que veio essa maestria dos dois em fazer diagnósticos?

    Pra piorar, Chase tá pior que a encomeda, se alguém tinha que sair era o mala do Foreman, Cuddy já encheu minha paciência e não sei de onde diabos o Lucas apareceu. Sério, é mil vezes mais sem sentido que Wilson com Amber… e mil vezes menos carismático. E o House a cada episódio é uma pessoa diferente. Achei mesmo muito baixo ele ter destruído o casamento de Chase com Cameron que, coitada… se ferrou =/

    Só faltei mesmo falar do Wilson, única coisa que ainda não desaponta no seriado, apesar de ele estar caindo naquela armadilha de TODO mundo ser o melhor terapeuta/analista do mundo e interpretar as ações dos outros, que respondem interpretando as interpretações e… argh!

  14. Cristiane Martins

    Eu amo a série como todos aqui, mas não acham que estão sendo radicais, eu não gostei do episódio por duas razões: a volta de 13 e Taub, e ver como House pode ser cruel e insensível com as pessoas.
    O que ele fez com Chase e a Cameron, foi desumano, frio, calculista e o pior é que ele nem estava sob efeito do Vicodin ou outro tipo de droga, foi tudo calculado, e não teve nem descência de dizer algo para Cameron, naquele momento tão triste onde ela expôs o seu sentimento.
    Quero pensar que a Cameron um dia volte para a série, pois ela faz toda diferença.

  15. Carlos Marques

    House foi frio, calculista,manipulador, desumano?? Alvissaras: House voltou a ser House !!

  16. cat

    Primeiro, uma das coisas q me tira do sério em House é essa insistência com 13 e taub. Eu não suporto a personagem 13, já tentei mas nem gosto de falar disso pq me irrita.

    Mas, respondendo ao post do João: eu acredito q mta gente reclame sim, eu reclamo, mas a personagem da Olivia Wilde, é mto, mto irritante e ela não é boa atriz, ao contrário da Jennifer (q por sinal eu sempre adorei!!!). Outra coisinha, a personagem da Franka Potente, se tivesse entrado pra série, seria mto bom! A sua personagem era sensível e tinha um mistério (exemplo era uma boa pesonagem e mto bem interpretada!!). Assim, como tinha o Alvie e o Dr. Nolan (q bem podia voltar a aparecer um pouquinho). Ou seja, é preciso o personagem ter carisma e conquistar o expectador, como os antigos pupilos. Outro exemplo, a entrada da Stacey, eu não queria q ela ficasse com o House, mas ela tinha uma história bacana e a atriz foi super bem.

    A verdade é q House externou novamente o seu pior, aquele House q por mais q a gente se divirta, é malvado, egoísta e manipulador. O cara q já humilhou mtas vezes a Cuddy, o Wilson e seus pupilos. Ontem vendo o episódio 1×11, o Wilson lhe pergunta se o vicondin não o tornou uma pessoa pior e ele responde q sempre foi assim. É basicamente isso, ele é assim, ele até tentou melhorar, mas “people don’t chance”.

    Olha já andei lendo q o elenco não sabia da saída de Cameron, a própria Jennifer foi pega de supresa. Segundo oq li, trata-se de medida estritamente criativa e q a atriz tem contratos assinado para alguns episódios. Apesar q torcer por sua volta, não sei se será definitiva, mas vamos torcer!

  17. antonium

    a volta da camerom depende da “criatividade” dos roteiristas….leia-se=Audiência,a única coisa que importa para eles…..

  18. Adilson

    Adorei o episódio, pois tivemos um House que voltou a ser House, a Cameron indo embora (já vai tarde!), a volta da Thirteen, enfim um dos melhores episódios da temporada. A minha única coisa que tenho a reclamar da série é esse envolvimento da Cuddy com o Lucas, que é bem forçado.

  19. Cyssinha

    Pior episódio de todas as temporadas de House!
    Foi tudo ruim: do House até os vermes que o paciente teve que engolir no final do episódio.
    Essa mania irritante de insistir na Thirteen…
    Só pode haver alguém muito importante por trás das câmeras que está exigindo a permanência da Olivia Wilde em “House”.
    Cameron merecia um final digno e não essa bobagem que fizeram.

  20. ANDERSON

    POXXA FINALMENTE UMA PESSOA QUE ENTENDA O Q SENTI QUANDO ASSISTI A PORCARIA DESSE EPISÓDEO. É SIMPLESMETE IRRITANTE ASSISTIR ISSO, VER O HOUSE AGINDO COMO UM LOUCO EGOISTA E OS OUTROS SIMPLESMENTE PASSIVOS, O HOUSE DESTRUIU UM CASAMENTO SINCERAMENTE, TANTOS MEIOS DE SE TIRAAR UM PERSONAGEM DE UMA SÉRIO PQ LOGO ESSE TÃO APELATIVO. E A VOLTO DESSES DOIS NUM É PRECISO NEM COMENTAR! ESSE EPISÓDEO É UMA MANCHA NESSA SÉRIE TÃO BRILHANTE! INFELIZMENTE HOUSE PERDEU PONTO OCM ISSO! ATÉ PARECE Q HOUSE É DISPROVIDO DO MINIMO DE PRINCIPIO E SENTIMENTO. BOM FICA AQUI O MEU PROTESTO, SE ALGUEM SOUBER DE UM CANAL QUE A FOX OUVE OS TELESPECTADORES ME AVISEM QUERO MANDAR MEU PROTESTO AINDA QUE SEJA EU SÓ!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account