Log In

Reviews

Review: House – Emancipation

Pin it

House - EmancipationSérie: House
Episódio: Os Emancipados (Emancipation)
Temporada:
Número do Episódio: 94 (5×08)
Data de Exibição nos EUA: 18/11/2008
Data de Exibição no Brasil: 29/1/2009
Emissora no Brasil: Universal

Esse episódio foi a tônica da temporada. Partes ultra mega chatas, com uns lampejos de coisas realmente boas. Após um bom e estável último capítulo, voltamos com tudo na montanha russa que é esta quinta temporada. Dá um pouco de medo do que nos aguarda pela frente, mas farei como os fãs que ainda acompanham a série e serei esperançoso.

Eu não vou me alongar, porque o episódio realmente não me agradou. Então irei separar em duas partes o review e falar do que me agradou e o que não me agradou nele.

Partes boas

• Abertura. Mas ai é covardia, toda abertura de House é boa.

• Eu realmente adorei a interação dos doutores amigos. Wilson assumindo a personalidade de House e dizendo todos aqueles “interessantes”, foi tudo muito divertido. Um exemplo do quão bom foi tudo isso é quando House fica irritado com o silêncio do amigo, e diz:

Reprimir suas idéias causa câncer.

Ou quando eles têm a conversa final no episódio e nos deixam com um ar bom, ao fim de um episódio não tão:

Foi legal o que fez pelo Foreman.

Ele fala.

Ele desvia.

Quase custou a vida de uma criança de quatro anos.

Sabia que Foreman conseguiria.

Sabia?

Só precisava provar para ele. Você é um chato. Mas um nobre.

Pareço esperto.

Obrigado.

Seu joguinho não funcionou. Não sou Foreman. Você não é eu.

Quer falar sobre ela? (Cuddy)

Não.

Certo. Você ficará bem, House.

É bom saber.

• Eu também gostei da interação do House com a paciente, achei a cena ótima e mostra porque Hugh Laurie é um monstro.

• E eu gostei do Foreman, sei que o povo anda reclamando dele e eu também não to achando ele tão agradável na temporada, mas aqui achei que ele foi muito bem.

• Foi bem legal ver Thirteen indignada ao descobrir que a garota tinha mentido sobre seu verdadeiro nome (na verdade não deu para ver, porque é exigir muito da Olivia, mas era o esperado).

House - Emancipation• Participação dos antigos pupilos. Será que perceberam que todo mundo gosta e a série também melhora, quando eles são mais incluídos? No último capítulo eles participaram bem e agora ganharam mais um pouco de espaço. Que continue assim e só cresça.

• Eu realmente gostei do texto do House na primeira rodada do brainstorming no diagnóstico da garota. Enquanto vinham aqueles clichês (a garota disse que não usou drogas, ela não iria mentir e bla bla bla), ele brincava com eles e apontava soluções diretas. Por mais que me irritasse o Kutner continuar achando que ninguém mente, apesar de toda semana ele ver que isso é mentira e outra pessoa achar que sim e ficarem na discussão. Vinha o doutor e acabava com essas babaquices em algumas palavras:

Já não tivemos essa conversa antes?

Partes Ruins

• Eu não sei até que ponto eles querem brincar com esses clichês, mas quando a equipe nova fica incumbida de dizê-los, a coisa desanda. Tudo fica mais explícito e ao invés de soar engraçado (‘tá, quando o House faz o que citei acima, até que soa), tu fica com raiva e pensando, que porra que fizeram com os roteiristas da série?

• Continuando nisso. Toda série com uns cinco anos, ainda mais uma procedural, uma hora ou outra vai se repetir utilizando coisas, situações e discussões que já houveram antes. E House sempre fez isso, o problema é que os atores da nova equipe não dão conta do recado e cada semana isso fica mais evidente. No último capítulo tu via a Cameron lutando pelo paciente e tudo funcionou tão bem, daí assiste a este episódio e sai odiando mais ainda o pessoal novo. Será que sou só eu que acha isso?

• A paciente do House foi meio chata, mas pode ter sido o pouco tempo que tivemos só com ela. Mas as viradas e mais viradas na história dela não me agradaram. Fora a forçada de o Kutner e a garota terem vidas parecidas e tal.

• O garotinho, também não acrescentou muito. O fato de terem criado tantas coisas acontecendo ao mesmo tempo, não permitiu nos envolver com o paciente direito, então não funcionou muito comigo. Foreman também se viu no irmão do paciente, só não foi tão irritante como o outro caso.

House com pouco tempo de tela e muito destaque para os novos pupilos inúteis.

• Pamela Davis e Leonard Dick, vocês realmente acharam que fazendo isso, sairia um bom episódio?

Conclusão

Até eu não consigo não me repetir, não precisa ser nenhum gênio para notar que o principal motivo desta temporada não estar a altura das outras, são os novos personagens. E tudo isso é culpa de David Shore e companhia.

Neste episódio se repetiu uma coisa característica de outros capítulos da temporada. A alternância de momentos constrangedores e de momentos ótimos. A montanha russa continua e neste aqui o saldo não foi tão positivo assim. Mas vamos nos ater aos bons momentos, quando me lembro das cenas do House e do Wilson, voltam as esperanças de que tudo melhore novamente.

Séries citadas:

15 Comments

  1. Fábio

    Aleluia o Foreman voltou a querer ser um médico e não um puxa saco, eu acho que a série no final da Temporada devia ter seguido esse rumo. O House cuidando de uma equipe o Foreman de outra com os dois. Devia ter um episódio pelo menos assim com o House fazendo uma eespecie de competição entre as duas equipes, claro que com aquelas sacadas dele. Fora essa reação do Foreman o episódio foi ruim.

  2. Carin

    Este foi, para mim, o episódio mais fraco da temporada. O paciente do Foreman foi mais interessante do que o paciente da semana (não em termos médicos, mas na relação ali exibida; me lembrou um pouco Dean e Sam – quem vê Supernatural, sabe do que estou falando).
    A cena que vc citou, aonde House confronta a paciente para saber o que ela estava escondendo realmente, foi excepcional. E, claro, não poderia deixar de mencionar as cenas dele com o Wilson, que são sempre interessantes… aí, lembro-me dos novos pupilos e a questão de que, se estas cenas fosse com algum deles, será que seriam tão boas?

  3. Camila Oliveira

    É engraçado. Lembro até hoje o quanto eu odiei quando a aquipe antiga parou de trabalhar para o House. Enquanto isso, várias pessoas diziam que tinha sido o melhor para a série, que Cameron, Chase e Foreman não estavam fazendo falta e blá, blá, blá… É só olhar os reviews dos primeiros episódios da quarta temporada e verão que não estou mentindo.

    Agora, a maioria das pessoas reconhecem que os novos pupilos não chegam nem aos pés dos antigos e os episódios não têm mais a mesma qualidade. Uma pena. Isso só prova aquilo que todos sabem. Em time que está ganhando, não se mexe.

    Particularmente, só gosto da 13, a mais odiada.

    Quanto ao episódio, achei fraco mesmo.

  4. Anderson Vidoni

    Camila, eu sou um dos que diziam isso, hehehe. Tenho que admitir.

    Meu ponto sempre foi que a evolução da série e da terceira temporada, fez com que a saída dos antigos pupilos fosse algo plausível e para mim seria bem vindo para a série essa mudança. A quarta temporada foi bem legal e divertida.

    Mas eis que são escolhidos os novos pupilos e a escolha já se mostrou um total fracasso. E ainda deixam os pupilos antigos rondando por ai, sem serventia para o seriado. Só que quando os antigos pupilos ganham destaque, eles deixam a mostra o quanto os novos são ruins e tu pensa, é melhor eles voltarem do que esses novos continuarem.

    Ainda acho que a mudança poderia ter sido bem sucedida, mas não foi o que houve. Hoje eu só torço para a série voltar a boa forma e com bons episódios e sem novelismo. O que ela mostrou que pode fazer em alguns lampejos dessa quinta temporada.

  5. Mauro

    Não achei o episódio uma tragédia completa, mas não chega nem perto dos episódios da metade da terceira temporada (o auge, para mim).

    E Camila, lembro muito bem disso. Eu era totalmente contrário à saída dos pupilos antigos. E, na época, a maioria das pessoas diziam que o importante mesmo era o House, e que os pupilos fariam falta mas isso não prejudicaria a série. Olhe no que deu!! Mas ainda gosto da série, claro que não é com a mesma empolgação de antes.

    E Anderson, sinceramente, você esta me deprimindo. Eu sei como você se sente, mas como vc tem a função não só de assistir a série como também de comentá-la, imagino que deva ser bem mais difícil. Mas vc tem que entender que isso reflete no seu “trabalho” e fica difícil apreciar os seus reviews.

  6. biamafra

    pois eh, ja dizia uma antiga escritora, confirmado por varios que o personagem toma conta da obra. isso quando o publico nao se mete. achava ainda meio besta o foreman la sem maiores brigas com house, que otimo que isso voltou. vcs que gostam da equipe antiga, diga-se de passagem, eu tambem prefiro, tem que lembrar que eles cresceram e nao querem viver sob a tutela do house, com exceção da cameron, entao acho impraticavel eles voltarem, mas gostaria de que pedissem sempre ajuda deles em casos mais dificeis. a equipe nova nao eh de todo ruim, gosto da thirteen com o house, falem o que quiser, mas ela nao abaixa a cabeça para ele, achando que ele eh deus. as discussoes deles dois sao bem mais interessantes do que a da cameron com o house. o kutner, eh o desmiolado que da certo, acho que deveria por um pouquinho mais do comico no personagem dele, da uma calibrada nessa parte. so acho o outro la um idiota, nunca acrescenta nada ao caso. ih, falaram muito isso da cameron, ja ne? mas o careca la eh insuportavel, sempre achei que a bitch deveria ter ficado no lugar dele. acho que a serie estaria muito melhor.

  7. Cyssa

    Concordo com a review e também com o comentário da Camila Oliveira (exceto sobre a 13).
    Tudo mundo elogiava a atitude de se afastar a equipe antiga e eu não conseguia entender “o porquê” de se mexer em time que está ganhando (bons atores, boas cenas, boa química)… o resultado está aí.
    Não fizeram um tipo de reality-show para contratar a nova equipe? O House bem poderia bolar um novo tipo de “paredão” e ir eliminando um por um.

  8. João da Silva

    Dos novos pupilos eu também só gosto da 13. Nem sei porque tem gente que não gosta dela. Ela é sem sombra de dúvidas a personagem mais tridimensional dentre os novos pupilos, e é por isso a única que faria falta se saísse.

  9. gabi

    eu concordo plenamente com sua review anderson. Nao há nenhum lampejo de esperança dessa equipe nova sair fora?! Gente, houve uma queda na audiencia de HOUSE, será que isso não é suficienta para os roteiristas sacarem que algo tem que mudar, ou melhor, voltar?
    Eu ainda acredito que teremos melhors momentos.
    um abraço a todos
    ate a próxima

  10. Edson

    Não creio que seja a roteirização o grande problema da quinta temporada de House. O problema foi a aposta equivocada na atriz Olivia Wilde pro papel de Thirteen. Olivia não é uma má atriz, mas não tem uma técnica de interpretação muito apurada. Ela não dá credibilidade à uma personagem que deveria ser extremamente sensível, triste e rancorosa, nos gestos, nas palavras e na interação com o restante do elenco. Quem sabe que está condenado à morte pelo Mal de Huntington, que é uma doença neurológica que vai tornando sua vítima numa espécie de demente, deveria ter uma postura parecida com a de House. Um “I don’t care” com um “leave me alone”(frase preferida de Greta Garbo). Mas Olivia não tem essa densidade dramática teatral. O máximo que ela consegue é um olhar de susto em filme de terror.

  11. marilia

    Vc demora tanto com os reviews que nem sei mais o que achei do episódio.

    após essa minha declaração malcriada da minha parte, devo dizer que concordei com tudo (ha!)

    gente esse povo novo é uó.

    13 acaba comigo… me da vontade de chutar a tv… Cameron na semana anterior me encheu tant de esperança

  12. Ana

    Oi Anderson
    Nossa, baixei esse epi a tanto tempo e eu achei tão ruim… que nem deu vontade de rever pelo Universal. Então, uma boa parte da sua review… eu fiquei boiando (só lembro que a menina do caso… era um pé no saco e eu nem tinha vontade de saber o que ela tinha).
    “que porra que fizeram com os roteiristas da série?”
    Simples… eles só escrevem os diálogos do House, do Wilson e da Cuddy ;)

  13. Joelma

    Eu concordo totalmenge com vc! essa equipe nova não funcionou! pior que os escritores da série não dão o braço a torcer!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account