Log In

Reviews

Review: Grey’s Anatomy – Brave New World

Pin it

Grey's Anatomy - Brave New WorldSérie: Grey’s Anatomy
Episódio: Brave New World
Temporada:
Número do Episódio: 82 (5×04)
Data de Exibição nos EUA: 16/10/2008
Data de Exibição no Brasil: 23/2/2009
Emissora no Brasil: Sony

Um episódio bem leve. Grey’s normalmente acerta quando vai para esse lado, quando não tenta criar tantos dramas deixando no fim tudo jogado, como se não houvessem consequencias do que houve anteriormente. Mas parece que com esse episódio a série voltou aos eixos.

Debora Cahn escreveu um episódio bem pesado na temporada passada (Losing My Mind) e outro nessa temporada de Private Practice (Ex-Life), então foi mais do que agradável ver que ela se deu bem nessa linha mais calma, apesar de ter começado aqui um arco, o do diário, que provavelmente não servirá para muito no desenrolar da série, pois os problemas de Meredith são bem mais extensos que apenas sua mãe.

Para provar como o episódio foi descontraído, basta ver a pegadinha que a roteirista usou com aquele alarme, fazendo muitos se perguntarem “mais uma situação de evacuação?”, é não foi isso, e o melhor para terminar foi a frase do Chefe:

A droga do teto caiu semana passada, não preciso de uma série de falsos alarmes. Este lugar já está bastante ridículo.

Nada melhor do que um pouco de senso crítico na cabeça e boca dos personagens, ao que acontece ao seu redor.

Tivemos duas reações ótimas nesse episódio: a primeira com a Bailey e sua expressão quando Callie falava de seu encontro com Erica, e a segunda quando Cristina descobre o admirável mundo da dermatologia. Que serviu para mostrar como realmente certas coisas não são para todo mundo, ou alguém imagina Cristina sossegada, sem fazer uma cirurgia ou suturando alguém?

Grey's Anatomy - Brave New WorldDerek apesar de ter sido o primeiro a quebrar as novas regras do Chefe na semana passada, fez algo realmente notável nesse episódio ao separar vida pessoal da profissional quando ele simplesmente não se importou com as briguinhas da Izzie e Karev, fazendo-os entender que cada situação tem seu momento para se resolver ou não. E falando em Derek, é ótimo perceber que sua relação com Meredith já não é mais insegura como antes, hoje os dois formam um casal regular, como qualquer outro, e por incrível que pareça, normalidade é uma grande evolução para a personagem principal.

E por fim, George finalmente teve alguma serventia nessa temporada, o modo que ele se viu naquele garoto e se relacionou com ele foi extremamente bem escrito, principalmente nas cenas da agulha e sua reação ao ver que estava na sala de cirurgia errada.

É ótimo quando a série se dá conta que não precisa se levar tão a sério ou investir tanto no melodrama para ser boa, só é necessário saber contar a história.

Músicas do episódio:
Patrick & Eugene, “Altogether Now”
The Bird and the Bee, “My Love”
Emiliana Torrini, “Big Jumps”
The Whitest Boy, “Done With You”
Josh Radin, “One of Those Days”
Brett Dennen, “Ain’t Gonna Lose You”
Bernadette Moley, “Love to Me”
The Rescues, “My Heart With You”

Séries citadas:

6 Comments

  1. Milena

    A cara da Bailey foi muito engraçada. Quase cai da cama de tanto rir. E as cenas cenas no departamento de dermatologia? Até revi a reprise porque adorei esse episódio.

  2. Fernanda

    Não gosto de Grey´s Anatomy, mas por um incidente do destino (euauauhae) sintonizei no Sony bem na hora que a Callie diz pra Dra. Bailey que a cardiologista tinha chamado ela pra sair! A expressão da Bailey é sensacional, ri demais c/ essa cena… uhaeuaeuuea

  3. Raquel

    Episódio com vários momentos gostosos e engraçados. Gostei muito.

  4. Egnaldo

    O melhor da temporada, sem dúvida, até agora. Tomara que seja só início.
    O conflito entre os internos, a cara da Bailey e a ‘sessão dermatologia’da Cristina foram nota 10.

  5. Camila Oliveira

    Ótimo episódio, a começar pelo título que é o nome de uma música do Iron Maiden…

    As cenas no andar da dermatologia estão entre as minhas preferidas de toda a série.

    A cara da Bailey também foi sensacional, a Chandra Wilson está sempre ótima, por sinal.

    Não gostei do que o Alex fez com a Izzie ‘roubando’ o paciente dela, ainda bem que ela também foi esperta. Eu achei o Derek mais chato do que de costume nesse episódio.

    Me matei de rir quando o George levou o menininho para a OR errada. O pior, ou o melhor, foi que o moleque achou mais legal ver o paciente com o tumor no rosto sendo operado do que o que estava normalzinho.

  6. Paulo Antunes

    Baita episódio. Me fez recuperar a fé na série.

    Adoro esta coisa de mostrar outras partes do hospital. ER fazia isto muito bem, com alguns arcos ambientados na UTI Neonatal, na área psiquiátrica, etc., etc. Eles tem um universo inteiro pra explorar, deviam fazer isto constantemente.

    Fiquei surpreso também com a forma sensível que está sendo desenvolvida a relação da Callie e da Erica. Não acho que as duas tenham grande química, mas, ainda assim este prometia ser um dos grandes destaques da temporada. Pena que vai ter aquela maldita mudança de elenco…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account