Log In

Reviews

Review: Gossip Girl – The Serena Also Rises

Pin it

Gossip Girl - The Serena Also RisesSérie: Gossip Girl
Episódio: The Serena Also Rises
Temporada:
Número do Episódio: 23 (2×05)
Data de Exibição nos EUA: 29/9/2008
Data de Exibição no Brasil: 3/12/2008
Emissora no Brasil: Warner

São em episódios como esse que Gossip Girl mostra sua verdadeira essência e a razão de ser uma das melhores séries do gênero que já assisti. The Serena Also Rises mostrou tudo que GG tem de melhor: brigas, surpresas e novas amizades. E somente uma pergunta ficou no ar: alguém sentiu falta da Vanessa? Porque eu não.

Esse episódio teve como plano de fundo o Fashion Week e o desfile de Eleanor Waldorf, que nos proporcionou cenas incríveis e até fez mãe e filha se aproximarem por causa do “mapeamento” dos lugares, que Blair fez para ajudar a mãe. Mas Jenny tentando se mostrar mais útil, mudou tudo isso ao colocar Serena, Poppy e suas novas amigas na primeira fileira, por terem aparecido no jornal.

E com isso, Blair ficou ainda mais brava com S., que já havia ofuscado os convites do desfile que ela entregou para as amigas da escola, por causa da foto dela no jornal. Ela até relevou isso, pois como tradição elas iriam assistir o desfile dos bastidores. Porém, elas acabaram brigando mais uma vez e desta forma, B. resolveu culpar Jenny.

A forma como ela resolveu se vingar da little J. só mostrou o quão brava ela estava com tudo aquilo, pois tentar sabotar o desfile da própria mãe não é para qualquer um! O que ela não contava é que Jenny teria a grande idéia de chamar S. e as socialites para desfilar no lugar das modelos que ela mandou para casa. O que acabou sendo muito bom.

Gossip Girl - The Serena Also RisesE, numa cartada final, Blair entregou o vestido que a pequena Humphrey fez e iria usar na festa após o desfile para S. desfilar com ele! Só que o vestido acabou sendo um sucesso e Eleanor até assumiu os créditos por ele, por insistência da Blair e da própria Jenny. Aliás, a conversa que levou a isso, entre a B. e a J., foi uma cena muito linda, porque mostrou que o que ela queria mesmo é que Blair gostasse dela e que elas fossem amigas.

Contudo, uma das melhores histórias do episódio foi, sem dúvida, Chuck e Dan saindo juntos. Tudo bem que ele só fez isso para poder escrever melhor, mas C. dizendo que ele só faria isso, pois estava entediado, foi muito engraçado. E isso rendeu a revelação de um segredo. O tal segredo que aquele escritor queria que o Dan descobrisse sobre o “Charlie Trout”. O que ocorreu após ele defender Chuck no bar e eles serem presos. Afinal, será que a mãe dele morreu quando ele nasceu ou em um acidente de avião? Aguardemos.

Por último, Lily e Bart. Foi hilária a expressão dela ignorando o colar e procurando pelo tal quadro dela que ele teria comprado. Mas não gostei do jeito “a la Caleb Nichol” dele, por ter investigado toda a vida dela antes deles se casarem. E o que será que ela fez? Namorou algum ex da filha? Ok, já parei. Agora o próximo episódio promete e muito, pois pelo “promo-spoiler” da Warner, tem até briga entre Blair e Serena! XOXO

Séries citadas:

10 Comments

  1. Vitor S

    Gostei do episódio, só aquela coisa de “para escrever sobre algo é preciso viver aquilo” que o professor ensinou pro Dan que é ridículo (será que a autora de Harry Potter saiu voando em vassouras?)

  2. Isabela Gonçalves

    Também amei esse episódio, e reza a lenda que o próximo vai ser melhor ainda ;)

  3. Saulo

    O próximo é podre rs
    Não esperem nada da briga porque é MUITO sem graça!

  4. Juninho

    Esse episodio foi bem legal mesmo,e gostei da atitude da Blair no final,mostra que mesmo mostrando ser essa pessoa má,no fundo,no fundo há algo bom nela.
    A Briga do proximo episodio não foi sem graça,até porque é bem engraçada,rsrsrs,mas respondendo a Maria Eduarda,eu senti falta da Vanessa,e os proximos episodios só me fizeram gostar mais dela,na primeira temporada achava ela sem graça,mas nessa ela tah bem legal,e ela serve pra que as pessoas,principalmente as garotas,parem de se espelhar em garotas como Blair e Serena,e procurem verdadeiras virtudes,acho que as pessoas não gostam da Vanessa,porque em meio aos joguinhos de Gossip Girl,ela se destaca pelo seu caracter,ah esperem o episodio 12,foi demais!

  5. Gilberto Dutra

    O episódio como um todo foi legal, mas achei ridicularmente caricata as atitudes da Blair.

    Pareciam estratégias de vilãs de novela mexicana…

  6. Ana

    Bom, quando eu assisti… eu juro que tentei acreditar que a Serena entraria naquele vestido verde que era da Jenny (de verdade, a Jenny é um cabide andante).

    E concordo com quem falou que o próximo é bem sem graça.

  7. Renata

    Adorei ADOREI esse episódio. Adorei a Serena má mas eu acho que o que a amiga socialite dela falou é tudo verdade, a Blair precisa entender que ela não é prioridade, enfim, achei um dos melhores.

  8. ~vivi

    Odiei.
    A Blake é insossa demais pra “Queen Serena”, o Dan a cada dia fica mais babaca e o Chuck tá pesando a mão no olhar e na voz de vilãozinho (nem vou comentar a mexicanisse da mãe morrer no parto, eles estão no Upper East Side ou na beira do Rio Solimões?).
    Só a Jenny valeu, finalmente crescendo.
    Ah! E o negócio de “pra se escritor tem que ser arriscar” é plágio de Ugly Betty.

  9. Andrew Maxwel

    Bom episódio com Serena arrasando na runway, aliás teve Michael Kors por alguns segundos, fazendo alusão à Project Runway. O pior do episódio foi, claro, a pieguice de Chuck e a infantilidade da mimada pobre menina rica chamada Blair (ou seria blergh). Não me entendam mal, eu até gosto da personagem e Leighton Meester a interpreta com dignidade, porém as razões que ela encontrou para sabotar o desfile da mãe são de alguém de 12 anos. Se fosse Jenny até entederia…

  10. Aline

    Nem quando vira Queen, Serena consegue roubar a cena. Lamentável. Essa personagem poderia ser bem mais explorada. Mas gostei do diálogo final entre ela e Blair.

    Dan/Chuck renderia muitíssimo se tivessem deixado a storyline se aprofundar, não tinha porquê toda a história surgir, desenvolver e acabar num mesmo episódio. Teria dado um bom arco. Mas a tentativa foi feliz. Foi o melhor do episódio.

    E mexicana ou não, a história sobre a relação de Chuck e seu pai mostra muito o porquê dele ser como é hoje. Gostei.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account