Log In

Reviews

Review: Gossip Girl – Piloto

Pin it

Cena do episódio piloto
Série: Gossip Girl
Episódio: Piloto
Temporada:
Número do Episódio: 1
Data de Exibição nos EUA: 19/9/2007
Data de Exibição no Brasil: 8/11/2007
Emissora no Brasil: Warner

Eu tenho que confessar que Gossip Girl era uma das séries que eu estava mais ansiosa pra ver nessa nova temporada, já que sou fã dos livros faz anos, e sempre achei que a história daria um ótimo seriado. Eu tenho que dizer que sim, gostei da série, mas pra isso tive que me distanciar bastante de tudo que já sabia dos livros, já que na série os personagens são um pouco diferentes e as histórias então, nem se fala! É o meu primeiro review no TeleSéries, e eu ainda não sei exatamente que “linha editorial” seguir, mas vou tentar apenas comentar o episódio, e não simplesmente contar tudo que aconteceu, porque acredito que a maioria das pessoas que lê os reviews, já viu o episódio. Nesse primeiro texto eu também vou fazer alguns paralelos com os livros, mostrando algumas semelhanças e diferenças. Aliás já que esse é meu primeiro review aqui acho que devo me apresentar propriamente. Meu nome é Julia Mathias, muito prazer!

Episódios pilotos são basicamente episódios de apresentação. Apresentação da série, da história e principalmente dos personagens. Eu gostei, mas eu não conseguia tirar minha cabeça dos livros, o tempo todo. É que eu acompanho a história da turma do Upper East Side a muito tempo, desde o lançamento do primeiro livro. E pra mim foi simplesmente impossível ignorar as ENORMES diferenças de um pra outro.

Primeira coisa: a Serena! Porque ela tinha que ser tão triste na série? No livro ela não tem um irmão que acabou de cortar os pulsos pra se preocupar (ele é mais velho e está na faculdade) e é bem mais louquinha. Vocês lembram de Brittany Murphy em Grande Menina, Pequena Mulher? Então, assim que Serena devia ser… Leve, maluquinha, despreocupada e com um charme que deixa todas as garotas com inveja e faz todos os garotos babarem quando ela passa. E tudo isso sem fazer esforço algum. A Serena é aquela garota que acorda, mal passa maquiagem, pega a primeira roupa que vê no armário e ainda assim fica mais bonita que qualquer outra garota.

O que leva ao segundo problema. Pra mim a Blair acaba chamando muito mais atenção do que devia. A Blair no livro é como uma sombra da Serena. Ela tenta, tenta, tenta, mas no final nunca chega aos pés da “It Girl”. Além disso botaram a Blair muito bitch na série. No livro ela também apronta das suas, mas no fundo é só uma garota romântica que sonha em ser como a Audrey Hepburn, ir pra Yale com o Nate, casar e ter uma vida feliz. Tudo bem que ela faz umas maldadezinhas pra conseguir o que quer, mas ela não devia ser tão descaradamente má. Ela é acima de tudo uma lady. Espero que nos próximos episódio mostrem o lado mais doce de Blair Waldorf.

Outra coisa que me chamou a atenção foram as famílias dos adolescentes. Nos livros elas raramente aparecem, e parece que na série vão ter presença constante. O pai do Nate por exemplo, nunca deu as caras nos livros. É impressão minha os eles são novos demais? O pai do Dan por exemplo (que pra começar devia ser barrigudo e usar roupas meio sujas) parece mais um irmão mais velho. E falando na família Humphrey… Jenny deveria ter PEITÕES! Isso, peitões, muito grandes mesmo. Dão tanta ênfase a isso no livro que pra mim foi muito estranho ver uma garotinha magrinha no papel da Jenny. Pelo menos botaram uma atriz bem simpática, e no final do piloto eu já estava apaixonada pelo personagem.

E falando em personagens apaixonantes, fala sério… Como não se apaixonar por Dan Humphrey? O cara já é o novo Seth Cohen e, apesar de ser um pouco menos dark que nos livros, o personagem com certeza foi a melhor coisa desse episódio piloto. Eu já gostava do ator, Penn Badgley, desde A Montanha, um seriado cancelado na primeira temporada que acabei assistindo de madrugada no SBT. O seriado realmente não era grande coisa, mas o ator já chamava atenção. No livro o personagem era um pouco mais intelectual e desarrumado, daqueles que citam Nietzsche, tomam mais café do que água, e escrevem poemas esquisitos; mas até que gostei desse Dan Humphrey mais light.

Mais a grande surpresa pra mim foi a falta de uma das personagens principais do livro, e por algum acaso a minha favorita. Cadê a Vanessa? Pra quem nunca leu os livros Vanessa é a melhor amiga de Dan (e apaixonada por ele), uma garota dark, que quer ser uma cineasta famosa e mesmo ainda estando no colégio já produz filmes de arte bastante elogiados. Vanessa é cínica, irônica, e nada romântica, só usa preto e é a única que entende Dan de verdade. Eu dei uma olhada na página da série no IMDB e não tem nenhuma Vanessa entre os nomes do elenco. Eu realmente espero que ela entre ainda nessa temporada, porque senão vai ser beeem estranho.

Cena do episódio pilotoMas mesmo com todas essas diferenças eu gostei sim da série. A trilha sonora por exemplo é muito boa. Eu diria perfeita se lá pelo meio do episódio não tivesse tocado uma música do Akon. O personagem Chuck também é ótimo! No livro ele acaba ficando meio esquecido mais frente, mas espero que na série o personagem continue forte. Amei o Chuck de Ed Westick! Ele é exatamente como eu imaginava: afetado, chato, e nojento. Com certeza vai ser daqueles personagens que eu vou odiar com gosto… Enfim, no geral eu gostei, só preciso fazer um esforço um pouquinho maior e manter os livros longe da minha cabeça enquanto estou assistindo a série. Claro que vai ser difícil, afinal eu já li uns sete livros da série, mas prometo que vou tentar bastante.

E vocês, acham que a série é a nova The O.C. ou que não passa dessa temporada?

Séries citadas:

Estudante de design, é fã de Gilmore Girls, Firefly, Battlestar Galactica e Felicity. Atualmente assiste Sons of Anarchy, Friday Night Lights, Mad Men e Glee.

50 Comments

  1. Olga Nogueira

    Julia, achei seu review excelente de ler! Sabe, eu não gostei nem um pouco do piloto de Gossip Girl e desisti de acompanhá-la mas vou me manter lendo seus reviews, por que eles sim, acho que valerão a pena. E me deu até curiosidade em ler os livros…

  2. claudia braga

    Eu gostei da série, gostei dos personagens, realmente como não gostar do Dan? e que pai mais lindo ele tem!!! os pais parecem ser no máximo 10 anos mais velhos que os filhos….gostei da review.bjos

  3. Pedro Jayme

    Não li o livro, comecei a assistir de curiosidade e estou gostando. Não acho que tenha nada a ver com The OC, no máximo guarda algumas semelhanças com Beatiful People, não só por se passar tb em NY mas pelo confronto de classes.
    Gosto do jeito, da atitude de Serena, tentando um novo rumo em sua vida. Dá pena vê-la sofrendo com a inveja de Blair.
    Os outros personagens prometem boa dose de emoção também mas, Julia, achei o Dan meio chato, sério, nada a ver com o Seth Cohen. E não gostei dele virar as costas pra Serena. Como ela disse, passado é passado…Dan está conhecendo a maior gata da vida dele, legal, sensível e longe de ser a metida patricinha que ele imaginava. Não dá pro cara cobrar nenhuma atitude da Serena..ele me parece o sr. certinho demais pro meu gosto.
    Mas é isso aí…estou curtindo. BJs

  4. Mica

    Também achei errado o Dan virar as costas para ela naquele episódio. O que ela fez foi errado, mas quem já não errou na vida? E ela mesmo disse que se arrependeu, além do que, faz um bom tempo, antes mesmo dela ter conhecido o Dan.
    E achei o Dan meio feinho…o pai dele é muito mais apetitoso, heheheeh.
    Sobre a idade do pai, bom o ator tem quase 40 anos (38), então acho que dá uma diferença para ser pai. Precisamente 17 anos mais velho que o ator que faz o filho, então…é um pai novo, mas com idade suficiente.

    Agora, você falou tanto nos livros que fiquei curiosíssima. Que livros são esses? Quais os nomes? Autor? Tem em português? Como nunca tinha ouvido falar nos benditos!?

    E continuo achando que a melhor coisa nos episódios é a própria Gossip Girl. Fico doida de vontade de saber quem é a moça. E adoro a entonação da Kristen.

  5. Mica

    Deixem-me fazer somente mais um comentário: o guri que faz o irmão dela tem 17 anos…com cara de 17 anos. Nossa, como 03 anos na vida de alguém (principalmente um rapaz) faz diferença!

  6. Darth Cesar

    Cansei, essa série é meio Melrose Place com gente mais nova e The OC, até o Ryan irado tem! e eu perdendo House, mudei de canal.

  7. Leon Marques

    Pode ser que seja eu entendendo errado. mas… teoricamente aquela garotinha que narra (a tal gossip girl), seria uma garota que escreve fofoca num blog, certo ?

    O problema é que, não reparei no primeiro episódio, mas, no segundo, ela narra cenas em que no local só estão as duas pessoas conversando. Coisas que não tem como ela saber. Achei isso estranho.

    Outro ponto estranho : Jenny parece ser infinitamente mais nova que o resto do pessoal.

    E eu não gostei daquela historia de chuck e blair armando coisas. Foi “Malhação” demais.

    Muita gente dizendo que não tem nada a ver com The O.C. Eu achei na verdade, muito parecido. São intrigas de uma sociedade rica. Tem o Sandy (o pai do dan), o Ryan/Seth (o dan, que é uma mistura dos dois), a Summer (blair), a marissa (serena), Luke (chuck). a diferença é que a Blair e a Serena são inimigas aqui.

    E eu não gostei daquela historia de chuck e blair armando coisas. Foi “Malhação” demais.

    No fim das contas, é bom, mas eu acho que poderiam ter afastado um pouco mais de The O.C.

  8. Neto Paes

    Tb achei errada a atitude do Dan virar as costas pra ela. Eles estão apenas se conhecendo, ele não tem o direito de cobrar nada dela. E alguém mais notou q o cabelo dele cresceu de um dia pro outro, já que o segundo episódio é no dia seguinte?! hauhua

  9. Diego M.

    Excelente! É isso que resume gossip girl! Tanto o livro quanto a série, Julia, primeiro de tudo bem vinda, e eu amei sua coluna pois sou um dos que tem a mesma opnião que vocÊ, AMA os livros, mas AMA também a série, e sim, fica tranquila que a Vanessa aparece, mas não fique tão tranquila, não tem absolutamente nada, NADA a ver com os livros, ela aparece a partir do 6 episodio…parabens garota! you know we love her…XOXO

  10. Thiago

    Olá Júlia, seja bem vinda!

    Sobre a série, assisto sem compromisso, não vejo nada de grandioso nela e sinceramente,essas tramas de glamour, riquezas, jovens ricos revoltados, já me cansou!! Mas, ainda continuarei acompanhando. O piloto, de todas as séries do genero teen, esse foi o pior que assisti, o que não quer dizer que achei ruim, mas até o pilto da fracassada HP eu achei melhor (minha opinião, é claro). :D

    Mas enfim, é isso aí, gostei mais da sua Review do que o episódio em si!

    Bjos! :)

  11. Marcelo T.

    Para ser honesto, ainda não vi nada de mais na série. O enredo, basicamente, é uma reciclagem do filme “Segundas Intenções” (que já era uma refilmagem de “Ligações Perigosas”). Mas como não tem nada melhor no horário, seguirei acompanhando. Só espero que o ator que interpreta o Dan fique menos careteiro, porque as cenas que ele protagoniza são duras de assistir.

  12. Fernanda

    Oi, meu nome é fernanda e eu gostaria de pedir, que se alguém souber de algum site para baixar o 1º episódio de gossip girl me ajude..
    eu li todos os livro e tem mais ou menos um mês q estreiou o gossip e eu estou sem tv a cabo, pqe caiu uma árvore gigante na minha rua.
    meu email é fernanda1_marques1@yahoo.com.br..

    agradeço antecipadamente..
    me ajudem !!

    beijos

  13. Mari

    Olá gente..

    Realmente qdo vi q a serie ia começar eu queria mto ler os livros antes de começar a ver a serie, sempre prefeiri em adpatações ler o original antes.
    Mas tó vendo pela net, tô no 6º episodio e ate q a série tá engrenando.
    Acho que ainda faltam algumas coisas, um roteiro mais rico e os personagens mais aprofundados.
    Realmente é inevitavel comparar o livro com a série, ainda mais com tantas mudanças.
    Mas é notavel, q sendo produzida por quem ela é, o produtor Josh “The O.C”..
    UMa coisa é apaoxinante desde o coemço, o “Garoto SOlitario” Humprfey..
    Era apaixonada pelo Cohen, ficou um vazio tremendo qdo O.C terminou,pq realmente oq me mantia na serie era seu personagem..
    Mas o Dan é um forte candidato a “sexy geek” da tv.

    SObre a Vanessa, ela existe sim e claro TOTALMENTE diferente do livro, pelo q vi ela aparece no episodio 7.
    Ele é eio morena de cabelo enroladao, dá uma olhada nas fotos do elenco, ela tá junto nas fotos.

    Um ps: Kristen Bell narrando a série, e toda aquela
    ” XX, you know you love me.
    Gossi Girl

    Bjusss

  14. Mari

    Olá gente..

    Realmente qdo vi q a serie ia começar eu queria mto ler os livros antes de começar a ver a serie, sempre prefeiri em adpatações ler o original antes.
    Mas tó vendo pela net, tô no 6º episodio e ate q a série tá engrenando.
    Acho que ainda faltam algumas coisas, um roteiro mais rico e os personagens mais aprofundados.
    Realmente é inevitavel comparar o livro com a série, ainda mais com tantas mudanças.
    Mas é notavel, q sendo produzida por quem ela é, o produtor Josh “The O.C”..
    UMa coisa é apaoxinante desde o coemço, o “Garoto SOlitario” Humprfey..
    Era apaixonada pelo Cohen, ficou um vazio tremendo qdo O.C terminou,pq realmente oq me mantia na serie era seu personagem..
    Mas o Dan é um forte candidato a “sexy geek” da tv.

    SObre a Vanessa, ela existe sim e claro TOTALMENTE diferente do livro, pelo q vi ela aparece no episodio 7.
    Ela é meio morena de cabelo enroladao, dá uma olhada nas fotos do elenco, ela tá junto nas fotos.

    Um ps: Kristen Bell narrando a série, e toda aquela
    ” XX, you know you love me.
    Gossi Girl

    Bjusss

  15. Thiago FLS

    Dos dois pilotos que Josh Schwartz co-escreveu e produziu desta temporada, o de Gossip Girl era o que menos me interessava, mas eu o achei muito melhor que o de Chuck. Assim como The O.C., é uma sucessão de clichês muito bem executados, num mundo de fantasia bastante atrativo.

    Nunca li os livros, mas espero que continuem tomando várias liberdades em relação a eles, pois os formatos têm necessidades diferentes.

  16. Rafaelly

    “O enredo, basicamente, é uma reciclagem do filme “Segundas Intenções” (que já era uma refilmagem de “Ligações Perigosas”)”

    Ai Marcelo…era exatamente com esse filme que eu achei a série parecida e eu odeio esse filme!!!!

    Quanto ao Dan ser parecido com o Seth, não concordo não…Aliás, The OC, apesar de tb falar de um grupo de riquinhos tinha muito mais alma do que Gossip Girl…Acho a série fútil demais…Não sei…Não me agradou muito.

    Acho que o melhor da série é a narradora fofoqueira mesmo.A entoação dela é o diferencial.

  17. Lucas

    A Vanessa aparece a partir do sexto episódio.
    E a Taylor que interpreta a Jenny realmente é a mais nova e fica um pouco bizarro, mas a personagem é tão apaixonante que você releva isso!

  18. Thais Afonso

    Julia, seja bem-vinda. Eu já amava seus textos no Pop Candy, então é muito bom vê-la por aqui. Tenho certeza que você vai fazer muito sucesso aqui no TeleSéries, porquê você escreve muito bem.

    Bjs.

  19. Mica

    Na verdade não é a Taylor que é nova demais, as outras é que são muito velhas. A diferença na série é de quase dois anos, certo? Mas na vida real é maior.

  20. Rafaelly

    Ah é, Julia…perdoe e minah falta de educação…hehehe

    Apesar de não ter ido muito com a cara da série, parabéns pela estréia.Tua review foi muito melhor que o piloto em si!

  21. Custódio

    Olá, Júlia. Pelo visto tenho mais uma review semanal pra ler, além da do Diego (Supernatural). Em primeiro lugar, quero te parabenizar pela excelente crítica. Esclareceu alguns pontos pra mim, que já sou fã da série mas nunca li os livros. Vou esclarecer alguns pontos, pois estou acompanhando junto com os EUA.

    – A Serena na série realmente começa meio triste. Mas isso é por conta do que motivou sua “fuga” repentina, pois ela ainda está abalada. E ainda tem a sua inimizade com a Blair. Mas, a partir do momento que elas voltam a tornar-se amigas, ela fica tão extrovertida quanto no livro.

    – A Blair começa também muito megera. Mas tudo por que descobre a traição de sua melhor amiga (Serena) com seu namorado (Nate). Quando tudo se resolve, ela mostra seu lado mais humano e (quem diria?) adorável. Ainda vamos ter muita pena da Blair.

    – Segundo a sua descrição, o Dan realmente parece ser o personagem mais modificado. Primeiro, que ele se veste bem (até o celular dele é caríssimo, um Motorola K1). Ele não tem nada de dark e se mostra um garoto sensível e meio desajeitado no relacionamento com Serena.

    – A amiga do Dan, Vanessa, aparece sim. Aliás, é uma personagem que eu gostei bastante. Ela é super divertida. Mas não se veste de preto. Ela parece mais aquelas protagonistas pobres de novela mexicana…

    – A Jenny é minha personagem preferida. Ela ainda vai aprontar bastante. Sobre ela ter peitões ou não, acho que ela nem precisou ser como a Jenny dos livros. Ela é perfeita!

    – O Chuck é realmente o grande “vilão” da história. Pra falar a verdade, parece ser o único personagem realmente do mal. Mas o melhor é ver o que a Jenny apronta com ele…

    – A trilha sonora é realmente excelente. Nos três primeiros episódios ela é bem notável, bem marcante. Nos episódios seguintes a trilha sonora vai ficando meio de lado, diante de tantos acontecimentos na série.

    – Sobre comparações com The O.C., eu sei que elas existem e sempre existirão. Mas as diferenças entre as séries são bem maiores que as semelhanças.

  22. Carol

    Oi Julia!
    teu review ficou ótimo!

    pena que a série é fraquinha! não tem nada a ver com OC…
    eu li só o primeiro livro, e concordo com você: a Serena da série não tem nada a ver com a Serena do livro, o Eric da série não é o Eric do livro, a Blair não é a Blair enfim… ficou distorcido demais! por mais que tenha q ser adaptado, tem certas coisas que não se podem mudar.

    vou continuar assistindo só por causa do Dan e do pai MARAVILHOSO dele!

    e a Jenny É mais nova que o pessoal! é pra ela ser mais nova sim, tipo uns 15 anos
    e ela tem cara de 15 anos e o resto de 17, ou seja tá certinho ;D

  23. Thomas

    Legal demais seu review, Julia, me deu até vontade de ler os livros.

    Pelo que você descreveu só pegaram a história do livro e deixaram mais pop, muuuuito mais pop. Mas é sempre assim, o livro é sempre melhor que o filme.

    Sobre a narração, nem tudo que é narrado está no blog da Gossip Girl na série. A narração é muito bem feita pela Kristen Bell e é o diferencial da série, deixa ela mais parecida com um livro, justamente.

  24. camila...

    Bem legal o review, julia…fiquei com vontade de comentar tb…
    eu estou gostando da série e acho que ainda tem potencial pra melhorar…espero que gg não tenha nada a ver com the oc que pra mim só valeu a pena pelo seth e pela summer…

    eu achei o dan fofo, mas acho que se ele fosse mais dark como disseram que ele é no livro, ia ser mais interessante…

    quanto a jenny, eu confesso que achei ela meio chatinha, tipo adolescente deslumbrada com a possibilidade de ser popular, espero que a personagem não vá por esse caminho…

    eu adorei a blair , a atriz é ótima tb…

    quanto à serena, acho que tentaram ressuscitar a marissa…menina rica, linda, fashion e problemática…um perfil que costuma agradar.

  25. Custódio

    Camila, a Serena não é problemática. A única semelhança com a Marissa é ser rica, popular, gostar de um garoto pobre (tudo bem, o Dan é quase-pobre hehehe).

    Mas ela não é problemática.

  26. Renata

    Eu não li os livros mas já to interessada desde quando soube que iam fazer a série.
    Gostei do piloto, gostei do segundo episódio. Achei o Dan extremamente parecido com o Seth, só que ele não é bobão como o Seth e isso é um grande upgrade. Outra coisa que eu achei muito legal foi quando todo o grupo tava junto contando os podres, as claras. Achei OTIMO. Vou continuar assistindo com certeza.

    E bom review!

  27. Matheus

    Achei que pdoeria falar apenas da série, nao ficar comaprando livro/série.

    Tudo precisa de adaptações =]

  28. Lenon Fernandes

    tb achei a comparação ótima!! Eu confesso que sempre me interesso mais pelos livros do que pela série (isso acontece com filmes tb!!!!)

  29. Lucas "Gandalf" Leal

    JUuuuuuuuuuuuuuuu (levanta a placa “Eu ja SABIA”)
    seja bem-vinda!!!agora só falta entrar pro e-mail do grupo TeleSéries =D
    realmente sobre gossip girl eu virei pouquissimas vezes aqui comentar hehehe
    mas vc me entende neh? não é nada pessoal!pelo contrário se eu aparecer vai ser só pq é vc que escreve ;)
    sobre o episódio comentar mais mesmo, pois já havia escrevido no seu blog minhas opiniões sobre a série
    mas o texto ficou mto bom viu, tirou leite de pedra!
    hahaha
    =***
    T+
    mas

  30. Eudes Junior

    Essa série é chata.Eu gostei mto mais da canadense “The Best Years” do canal sony q dessa Gossip Girl. Criou-se toda uma expectativa sobre ela, pra mim naum dá. E a CW renovou por desespero. Pq dpois de Smallville parece q dá mais audiencias.Acho q já tô velho demais pra essas séries teen (e olha q eu tenho 21,nem taum velho eu sou rss).E o segudo episódio tbm naum gostei. Mto cliche. A única série q gostei dessa nova temporada foi “Ugly Betty”, e olha q a história é bastante conhecida mas conseguiram dosar mto bem.

  31. Carlos

    Bom, na verdade seu review foi comparando a série com os livros. Como não li e nunca vou ler os livros, acho que você deveria se restringir a comentar sobre o seriado e seus detalhes técnicos.
    E só para te deixar feliz, a Vanessa entra na história lá pelo episódio 6.

  32. Juliana,
    Seu review foi ótimo, e gostei sim das comparações com o livro…

    Quanto a série, tbm não achei assim tãooooo boa não, é legalzinha, quando não tiver nada pra fazer, concordo com o Eudes, The best Years é melhor, talvez seja uma série menos cool, mais a história inicial foi mais consistente e tem temas que gerariam enormes discussões aqui.

    Eu não gostava de The OC, assisti alguns eps da 1º temporada, mas sempre achei a Marisa uma chata com falta de serviço, não tinha motivo nenhum pra ser problemática.

    Eu também adorei o Dan… e a sua irmã. Detestei o Chuck, e o Nate é lindo mais por ser tão manipulado torna-se sem graça. Já os pais… a história dos pais seria muito mais interessante que a história dos filhos… E o pai do Dan…

    Bom quanto a idade dos personagens, creio que o problema está mais nas roupas e maquiagem, isso os tornam mais velhos do que realmente são.

    É isso! Bjs

  33. Zadig M. F. Gama

    uau! nunca tinha lido uma coisa tão legal antes.
    apesar de não conheçer muito sobre os livros -assim que a minha mãe descobriu que estourei o cartão de crédito, só consegui comprar o primeiro, ainda assim escondido dela- eu gostei muito da série.
    li o primeiro livro duas vezes, uma no sábado e outra no domingo e concordo no que se refere a fidelidade da história, não deveriam mudar tão bruscamente a história, afinal, foi por isso que fizeram a série baseada nos livros

  34. Caio

    Não gostei muito do Review não… Se manteu muito nos livros e não julgou a série apenas como uma série…

    E a Vanessa aparece a partir do episódio 6

  35. Carlos augusto

    Muito bom seu primeiro review bom acho GG uma serie bem legal embora seja fã de The oc,acho que GG embora seja do mesmo produtor não tem nada a ver uma com a outra e sim acho que Gossip girl tem seu espaço garantido não como um novo The oc mas uma serie nova e boa,Li alguns livros e realmente não são bem parecidos com a serie cada um tem seu charme.Audiencia no Brasil estreia de Gossip liderou na tv paga como The oc mas com no segundo episodio a audiencia cresceu muito de Gossip superando a de The oc no segundo episodio da primeira temporada.

  36. Julia Mathias

    Gente muuuuito obrigada pelos elogios e pelas críticas também. Nesse review eu fiz muitos paralelos com o livro porque achei que seria interessante pro pessoal que não leu saber a origem dos personagens, mas no próximo eu já quase nem falo dos livros.

    E eu sei que a Vanessa aparece no sexto episódio, é que quando escrevi a review eu não sabia ainda =)

    Mas tenho que dizer: O-DI-EI a Vanessa da série.

  37. Marcella Bié

    Mal você sabe que na internet eu pude ler um pouco do livro, hahaha.
    Eu preciso ver o restante dos epsódios.

    Mas ao assunto central, a diferença entre o livro e a série, chega ser beeeem grande. Eu não vou falar detalhes porque falou tudo. Quero acompanhar a série e poder dizer depois: mesmo assim foi bom, mesmo com TUDO diferente. Rs!

    E viva o Dan! haha

  38. - M. Mayara'

    – Amei o review, comecei a ler o livro agora e já notei as diferenças quanto a série.
    Eu assisti essa série ” A Montanha ” que foi cancelada, você por acaso saberia onde eu encontraria pra baixar?

    thank you so much! abraço! =D

  39. rolf de carvalho

    nao perco um dia se quer pois isso e muito legal mesmo tudo de bom …… serena e muito gostosa

  40. Debora

    fala serio Julia, eu naum gostei nem um pouco da serie… eu acompanho Gossip Girl a um tempao, tenho todos os livros, sou fanatica por eles, mas a serie mudou tudo… aff.. a Serena deveria ser a garota mais LINDA do mundo, mas na serie ate a Jenny é mais bonita q ele e mais louquinha.. e essas historias do pai do Dan ja ter tido um caso com a mae da Serena??? por favor… ODIEI TOTALMENTE…

  41. Debora

    naum quero parecer mto obsecada por enviar dois comentarios , mas esqueci de falar uma coisa: deveriam ter dado o livro para os diretores e as atrizes e atores lerem, para eles entenderem o mundo de Gossip Girl…

  42. Daniela Lino

    Eu assisti o piloto e tenho acompanhado,ta,bém já li os livros, e apesar das diferenças eu tenho gostado.A série faz uma leitura bem diferente da Serena do livro, mas acredito que seja mais pra chamar a atenção, já que toda série tem que ter a riquinha”boazinha”.Adorei o Chuck, mas odiei o Dan, ele tá muito estranho, e fofura demais cansa.Já o Chuck, tá arrasando, enquanto o Nate não tem feito nada demais.

  43. Daniela Lino

    Eu assisti o piloto e tenho acompanhado,ta,bém já li os livros, e apesar das diferenças eu tenho gostado.A série faz uma leitura bem diferente da Serena do livro, mas acredito que seja mais pra chamar a atenção, já que toda série tem que ter a riquinha”boazinha”.Adorei o Chuck, mas odiei o Dan, ele tá muito estranho, e fofura demais cansa.Já o Chuck, tá arrasando, enquanto o Nate não tem feito nada demais.

  44. Thaís Natânia

    Nossa Julia você escreve bem e tipo achei legals esse seu comentario ai..vou ver se consigo encontrar
    o livro..mais a nem sei se acho..mais parabéns adoreiii esse comentario seu!
    E fala mais ai!
    bjkss bye

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account