Log In

Reviews Spoilers

Review: Glee – Bad Reputation

Pin it

Glee - Bad Reputation

Série: Glee
Episódio: Bad Reputation
Temporada: 1ª
Número do Episódio: 17
Data de Exibição nos EUA: 4/5/2010

Qual a reputação que nós temos? Os personagens de Glee colocaram à prova as suas no episódio desta semana. Resultado foi em um dos episódios mais divertidos até hoje.

A ideia de apostar em momentos musicais ímpares de Sue Sylvester tem dado cada vez mais certo. Sua personagem tem se tornado, para mim, o principal destaque da série. Seus musicais ganham em disparada dos constrangedores momentos em que Will Schuester tenta ensinar alguma coisa aos seus pupilos.

Dessa forma, dificilmente alguém não se curvará ao papel desempenhado por Jane Lynch, que vive Sue, após assistir ao clipe filmado por ela com Olivia Newnton-John, cantando “Physical”, sucessão dos anos 80.

O dueto não surgiu por acaso acaso. Um sub-grupo do Glee, emcabeçado por Kurt, tentando se livrar de sua boa reputação, postou clandestinamente no Youtube um dos videos de sue ensaiando caseiramente a música. O video se tornou um hit, com a escola inteira assistindo e debochando da treinadora, fazendo-a se sentir como um daqueles losers a quem ela tanto já esnobou e tirou sarro. A volta por cima foi então quando recebeu uma ligação da própria Olivia Newton-John, a convidando para refilmar o video e dedicar os lucros para caridade. Para mim este foi o ponto alto de Bad Reputation.

Claro, outras tramas não menos interessantes tiveram destaque, como a tentativa de Rachel de também perder sua boa reputação – acabou perdendo seu querido namorado e a amizade de Finn e de Puck. Ainda que seu video tenha sido divertido, a ideia de usar os três garotos para serem seu par no clipe não foi das mais felizes e, quando um descobriu da participação do outro, o clima não ficou nem um pouco bom. Tá certo que se não fosse por conta disso, não teriamos a ótima “Total Eclipse of the Heart” no final.

Glee - Bad Reputation

Bad Reputation estremeceu também a relaçao entre Will e Emma, a passiva orientadora da escola. Confesso que eu adoro quando Will se dá mal, não gosto dele, o acho entediante e sem sal. Então ver a cena de Emma, envenenada por Sue, adentrar a sala dos professores e soltar todas aquelas verdades para ele, incluindo o lance dele com a treinadora da equipe adversária, foi lindo. Resultado: a escola inteira rindo e o chamando de “slut” no dia seguinte.

Glee voltou do hiato com força total. Sue Sylvester e Rachel Barry tem sido os principais destaques. As duas personagens, verdadeiras cada uma a seu estilo. Rachel com sua confessa “patologia por querer se tornar popular” e Sue por sua inconfessa sensatez musical. No meio a tantos personagens disputando a atenção, as duas o fazem sem o mínimo esforço. Quem ganha somos nós.

Séries citadas:

É jornalista e se considera íntimo amigo dos personagens das séries a que assiste. Fã confesso de Grey's Anatomy, True Blood, Dexter, The X-Factor, Will and Grace e mais, no mínimo, algumas dezenas de séries.

16 Comments

  1. natalia

    total eclipse of the heart foi, pra mim, o ponto mais alto do episódio

  2. Victor Hugo

    Não gostei.. teve numeros musicais chatos se não fosse a ultima musica… a participação de Olivia Newton-John foi uma das mais dispensaveis.

  3. anderson

    Sei la, acho q se extrapolarem com essa idéia da Sue fazendo clipes, pode perder a graça.
    Mas no geral, episódio muito bom.

  4. markinho

    otima review ivan. abordou diferente da review q eu fiz. eu adorei o episodio mas nao aguento mais tnto destaque pra rachel, eu sei que ela é principal e tal mas acho que quinn, mercedes, kurt e artie podem render melhores tramas. o ep foi otimo, sue detonou e pra mim nem precisava dessa trama chata de rachel. os 2 clipes dela foram otimos, mas total eclipse me pareceu forte demais pra voz fininha dela sei la acho q se apenas os meninos cantassem ja q eles foram os magoados poderia ser melhor pois jesse tem voz pra total eclipse e puck mostrou q tem muito mais voz q finn.

    bom episodio so estou cansando de tanta rachel, que ver os outros e especialmente quinn q anda sumida. adoro ela.

    e concordo contigo, detesto o will. todo episodio q tem trama dele ou ele se apresentando é um porre tais cenas. tbem nao gosto nem um pouco dele.

  5. Leonardo Toma

    Só sei que não aguento mais Mr. Shue cantando/dançando músicas de hip hop. Deve ser a terceira vez já. No more rapping for him, please.

  6. Cat

    Realmente Glee adora colocar músicas velhas nos mp3 das pessoas. Confesso q adoro essas músicas antigas e no meu mp3 já toca faz tempo total eclipse of the heart, mas agora toca na versão Glee, assim com a Hello do Lionel Richie e Somebody to love do Queen, aquela Alone…aliás, ultimamente meu mp3 só toca Glee…kkkkkkkk

    Adorei esse episódio! clip hilário da Rachel e a reação dos rapazes tbm foi mto boa. Fiquei com peninha do Jesse, eu sempre pensei q ele tinha entrado pra dá op golpe na Rachel e no Glee, mas aki ele pareceu realmente gostar dela e ter ficado mto decepcionado.
    Sobre a Sue, adoro as cenas dela com a irmã Jane…são fofas e apesar da Sue mudar, ficar mais branda, a velha Sue sempre transparece!!! Adorei ver a Emma se impondo, realmente essa relação dela com o Will tinha que mudar, nunca daria certo com ela endeusando ele…foi mto boa a cena deles na sala dela. O Will tem que aprender a respeitar as mulheres, parece q não cresce…

  7. Aline

    Discordo quanto aos números musicais de Sue. Apesar de considerá-la uma das melhores personagens, achei Physical bem dispensável.

    Mas concordo completamente com sua afirmação sobre o Will. Ô personagem insuportável!

    Total Eclipse é brega demais, mas agora não consigo parar de ouvir =D Foi lindo e triste demais, quase chorei quando Jesse saiu da sala. Espero que ele e a Rachel se acertem, porque eles ficam muito melhores juntos do que Rachel e Finn.

  8. Mica

    Eu gostei do episódio que, para mim, teve dois pontos fracos: Olivia Newton-John (do clip só se salvou a Sue, e o motivo para a participação da ONJ foi patético) e Molly Shanon (que mulher mais caricata! Odeio esse tipo de humor).
    Gostei muitíssimo da atitude da Emma, que finalmente está aprendendo que tem valor próprio e a lidar com o fato de que deve ser respeitada (embora na verdade tenha sido ela a dizer que o Will precisava curtir um pouco a solteirice e se conhecer novamente).
    Não gosto do Will na maioria das vezes e não suporto mais (se é que algum dia suportei) ouvi-lo cantando rap. Tudo bem, era Vanilla Ice, um ícone da minha adolescência, mas está na hora de mostrar um pouco de qualidade vocal, Mr. Shue.
    De longe a melhor trama foi a de Rachel. Sim, porque a idéia do grupo de excluídos de cantar na livraria com aquela roupa ridícula foi no mínimo patética. Tenho certeza que Kurt e Mercedes poderiam pensar em uma ‘bad reputation’ melhor.
    Mas Run Joey Run foi divertidíssima (já reassisti um milhão de vezes) e as caras que o Jesse fazia ao perceber o que a Rachel fez… e as expressões de raiva de Puck e Finn foram impagáveis.
    Rachel errou em engambelar os três (custava falar antes?), mas o projeto era aquele mesmo, Bad Reputation, e foi o que ela fez.
    Desculpem, mas Jesse era o único ali no direito de ficar chateado (era o namorado afinal de contas). Puck não tem nenhum tipo de relacionamento com Rachel e poderia muito bem compreender o clip da mesma forma que eu. Finn…Senhor, Finn é um idiota! Até hoje ele só tratou mal a Rachel (não exatamente com palavras, mas com as atitudes dele), é egoísta até o osso (não estou nem falando do caso da mãe, mas sim da vez que Jesse anunciou que entraria para o Glee Club e ele perguntou ‘se todo mundo tirou o dia para magoá-lo’, e agora agindo como se o clip de Rachel fosse especificamente para espezinhá-lo, o que não era verdade), como não tinha direito algum de reclamar, já que não é NADA da Rachel (ele mesmo a dispensou) e estava sendo nada mais que um ator em um clip musical. A falta de bom senso desse guri me irrita. (não, eu não odeio o Finn, eu gosto dele, mas ele tem me tirado do sério ultimamente com suas crises adolescentes).
    Seja como for, fiquei de coração partido por Jesse e Rachel e achei Total Eclipse of the Heart lindíssima. É brega? Sim, e daí? E quem disse que o brega não pode ser bonito e apreciado? E a voz do Jesse é inigualável. Senhor! Doce como um anjo. Deixa Finn no chinelo. Mas fala sério, até o Puck e o Artir (e o Kurt) deixam o Finn no chinelo vocalmente.
    Aliás, eles deveriam usar mais o Puck. E a Santana. Muito bonita a voz dos dois. E estou sentindo falta da voz da Quinn, embora ela não tenha o mesmo brilho de Rachel e Mercedes (e mesmo a Santan), poderiam explorar um pouco mais a Quinn e a Tina, não? Rachel é a drama queen, e eu adoro ouvi-la cantando, mas isso não impede de usarem os outros membros do grupo durante os episódios.
    Bom, é isso aí. Até fiz review de Glee no meu blog, mas acho que acabei falando tudo aqui também ^_^.

  9. Claudemir

    Faltou dizzer, ainda, que as músicas apresentadas, segundo eles, são aquelas que, apesar de sucessos, possuem má reputação, ou seja, são populares e popularescas, bregas, e por aí. Foi, no geral, um episódio bom (porém, não dentre os melhores), e não concordo que o Will seja um personagem chato, não. A nova professora, vivida pela Molly Shannon, esta, sim, chata em altissimo grau, e totalmente dispensável; espero que não apareça mais.

  10. Fernanda

    Gente, também detesto o Will cantando hip-hop, mas parece que as pessoas esqueceram que ele canta Leaving on a Jet Plane lindamente (pelo menos, eu adorei essa versão) no episodio piloto… hahueuhaeuhae
    Quanto ao episódio, não tão bom qnt os outros, mas ainda assim um bom episódio!

  11. Mica

    Pois é, Fernanda, o problema é que os hip-hop são tão ruins, mas tão ruins, que eclipsa todo o resto. Eu nunca lembro de ter ouvido a voz dele mas sei que ele já cantou em vários episódios outras músicas (geralmente duetos). Mas não sou exatamente fã da voz dele.

  12. natalia

    a melhor musica q o will cantou pra mim é don’t stand so close to me/young girl.

    quem disse q só glee toca no seu mp3 – eu concordo plenamente, assisto mais por causa das musicas do q da serie mesmo.

  13. mabi

    o ep foi mass!! Amo a sue! a musica Total eclipse of the heart, ficou simplesmente perfeita!! E eu gostei dela na voz da Rachel( A voz dela é massa d ), tambem concordo q as outras meninas tambem tinham q fazer solos!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account