Log In

Opinião Reviews

Review: Esquadrão da Moda

Pin it

Isabela Fioretino e Arlindo Grund Há principalmente dois tipos de “programas de transformação”: os que emocionam, como o Extreme Makeover Home Edition e os que ridicularizam, fazendo humor.

Ninguém esconde que essa é a graça do Esquadrão da Moda, versão brasileira da franquia de sucesso What Not to Wear, que já teve suas versões inglesa e americana exibidas no Brasil. Entendida essa missão, o esquadrão escalado cumpre bem o objetivo: sem perder o salto, mesmo em situações delicadas, Isabela Fioretino e Arlindo Grund tem pronto um arsenal de tiradas para desqualificar o guarda roupa de seus participantes.

Tecnicamente, o programa escorrega (o áudio das “discussões” com os participantes é confuso, com todos falando ao mesmo tempo; a edição foge um pouco à logica, além de estar no meio termo entre veloz e tradicional) mas não cai.

Cena do Esquadrão da ModaNum momento de investir em qualificação, nem é tão irônico que seja o SBT quem tente ensinar seus espectador a se vestir, já que a piada é justamente criticar o coleguinha. Assim, o programa diverte, dá (poucas) dicas de como o espectador deve(ria) se vestir, mas não cria identificação com a platéia.

Se a graça é mesmo falar um pouco mal dos outros, o programa segue bem e sem perder a elegância, numa corda bamba onde caminham bem Isabela e Arlindo. Chamam atenção a beleza e a malandragem da primeira e o carisma diferente do segundo, que foge bastante dos padrões televisivos, do sotaque ao comportamento.

* * *

O Esquadrão da Moda vai ao ar nas noites de terça-feira, às 20h, no SBT.

14 Comments

  1. Juninho

    Assisti o progama,achei até engraçado,mas ofende um pouco o participante,pelo menos essa menina foi detonada,Isabela fazia questão de lembrar quase todo tempo sobre a forma fisica da garota,sem falar que eles sempre davam enfase ao tamanho dela,já o tal Arlindo levou varias investidas da garota (Tudo na Brincadeira lógico)e ele retribuiu as investidas com varios Tocos na menina.

    Levando um pouco dos padrões dos jurados do antigo Idolos,hoje chamado Astros,os dois apresentadores detonam mesmo o participante,tem que ter um pouco de coragem pra participar,mas não podemos negar a competencia da dupla,que embora eu não entenda nada de moda,acho que estão muito bem qualificados para as dicas,enfim o progama até que diverte!

  2. Edson R. Okudi

    É um reality fútil, com participantes e apresentadores fúteis, discutindo (ou impondo) futilidades. Chega-se ao ponto de se rasgar roupas consideradas “inadequadas”, pra que, no lugar dessas peças bregas, entrem roupas de grife, estilosas (na opinião deles) . É muita frescura e frivolidade. Sem contar que estamos num país de enorme desigualdade social no qual um salário mínimo não compra uma calça de marca famosa. Tudo bem que a culpa não é da calça e sim do País. Mas não deixa de ser um tanto quanto “provocativo” a ostentação de uma “moda” que exclui permanentemente os despossuídos e ainda ridiculariza quem não faz parte desse “mundo fashion”.

  3. Raruiz

    Edson Orkut, ops Okudi… (Desculpa foi inevitável o trocadilho…)

    Seu eu fiquei um pouco curioso no começo do post, você acabou com ela. O programa deve ser horrível. A imposição de futilidades é uma coisa que a TV brasileira não precisa no momento.
    Vou dedicar meu tempo a outras coisas, a TBBT na Warner que passa neste horário…

  4. Edson R. Okudi

    Caro Raruiz, sinta-se livre pra assistir o que bem lhe convier. Não se fie na opinião de ninguém. Afinal ninguém é dono da verdade. O importante é que exista respeito pela opinião alheia, por mais que ela nos contrarie, não concorda? Quem respeita o próxima, respeita a si mesmo e só se engrandece com isso.

  5. Simone Miletic

    Acho que o programa nacional perdeu justamente o que eu mais gosto nas versões britânica e americana: eles podem até acabar com a roupa da mulherada e dizer o quanto elas se vestem mal, mas eles respeitam o biotipo de cada um, dizem o que a pessoa deve valorizar e como fazê-lo. Nunca os vi falando mal da forma física de nenhum participante.

  6. Samara

    Concordo com a Simone, tanto o americano quanto o britânico respeitam e tentam ao máximo valorizar a silhueta das candidatas ou candidatos (aliás são pouquissimos) na transformação. As duas versões também passam dicas para o telespectador q pode se identificar com a candidata da vez.

  7. Amanda

    EU SEMPRE ASSISTO!!!ACHO MUITO INTERESSANTE SO Q ACHO Q AS VEZES VCS EXAGERAM TEM MOMENTOS Q AS PESSOAS Q PARTICIPAM SAO UM POUCO HUMILHADAS,MAS EU ADORO AS DICAS DE MODAS Q VCS DAO!!!

  8. Natália Beatriz

    Achei versão brasileira muito melhor do que as outras pelo programa buscar conhecer melhor a participante e traçar um estilo que valorize os traços da pessoa, para apresentar soluções para os maiores problemas da mulher brasileira: não saber distinguir o formal do informal, se mostrar demais ou se esconder demais, ser eclético em excesso, misturando estilos sem nenhum pudor. Na primeira vez que assisti, fiquei receosa com a forma um pouco agressiva de lidar com o estilo dos participantes. Mas depois entendi o tom sarcástico e como eles conseguiam fazer com que o participantes se olhassem. E só com muito sarcasmo e humor pra tratar de temas tão delicados como a aparência que alguém vem mantendo há anos! Mas as pessoas precisam ter consciência do próprio corpo, da aparência que elas transmitem e de qual a imagem elas gostariam de passar pras outras. Isso faz parte do auto conhecimento e da maturidade pessoal de cada um. Se você é alta, magra, baixinha, gordinha, tem cabelo liso, crespo ou encaracolado… cada pessoa pode se valorizar usando roupas mais adequadas às suas características, sem deixar de atender as suas vontades e gostos! E isso não é futilidade, é ter noção do que é ridículo, ou vai me dizer que alguma das participantes estava menos que ridícula? Umas cafonas, extravagantes, outras escondidas no meio de um monte de roupas.. e no final todas percebem o quanto podem ser mais bonitas e causar uma impressão mais agradável. E nós nos vestimos pra nos sentirmos bem, mas também pra agradar as pessoas ao nosso redor, porque não estamos sozinhos no mundo!

  9. Claudemir

    Boa noite.
    Gostaria de criticar a grade de programação do SBT, em especial dizer do ridículo que é o programa “ESQUADRÃO DA MODA” que a meu ver é um descaso e falta de respeito pela população brasileira. Vendo que, nem todo tem a mesmo privilégio que os apresentadores do programa têm… Vendo também que os dois falam tanto de moda, mais olhe bem para os dois… ELES SEM DÚVIDAS ALGUMA NÃO SÃO PADRÕES DE MODAS. E confesso que gostaria de ver os dois sendo criticado por pessoas que realmente entendem e vivencia moda. Por exemplo, Gloria Kalil, esta profissional que fala de moda sem esnobar ninguém e tão pouco usar frases pejorativas como “QUALQUER COISA VAI FICAR MELHOR” como disseram para a “VITIMA” do programa exibido no dia 02_05_09. Eu entendo que cada um se veste do jeito que se sinta bem, e não do jeito que eles acham que deve se vestir. Mais uma vez saliento, aquela roupa que o apresentador estava vestido é horrível… Cor sim cor não.
    Fica aqui um protesto de quem se orgulha de ser brasileiro.

  10. juvenilda alves

    È um progama maravilhoso quem crítica um progama desse ñ entende nada de moda e não esta enteressado em aprender;pois os que criticam não tem como aprender por que só tem tempo p/ critica,mas os que são criticados ñ tem tempo p/ a propria critica pois já aprenderam e muito e por isso hoje são professores ,sou aluna ativa do esquadrao e tenho aprendido e muito!!!

  11. ISABEL CRISTINA MASCARENHAS

    ISABELA E ARLINDO, COMO VAI TUDO BEM.EU QUERO A PRENDER VESTIR AS ROUPAS. MINHAS ROUPA É REDICULA. POR FAVOR ME ENSINA TENHO 50 ANOS, PESO 94 QUILOS, ALTURA 1,65. OBRIGADA PELO ATENÇAÕ

  12. luciana ribeiro

    Oi pessoal do esquadrão, amo assistir este programa e acho que a cada dia vcs estão melhores, detonando essa galera toda brega e sem gosto.Aproveito p/ saber qual o tom do loiro que o cabelereiro Rodrigo Cintra colocou no cabelo da Karisa, ficou ótimo!!!ela ficou muito mais jovem, realçou o rosto lindo que ela tem.Gostaria de usar o mesmo tom no meu cabelo.Vai,Rodrigo dá a dica aí!!!!!

  13. Bruno

    Ow… ISABEL CRISTINA MASCARENHAS
    Primeiro aprenda a concordância verbal, nominal e plurais, para poder pensar em aprender a se vestir, oK!?
    94 kilos p uma pessoa de 1,65m, é um exagero, deselegante mesmo, vc deve ser péssima!
    A mudança ocorre primeiro internamente, lembre-se.

  14. Mariana

    Eu acho o fim o sbt copiar o programa americano. A falta de imaginação dos apresentadores brasileiros é tanta que copiam até os trejeitos dos apresentadores amecicanos Cliton Kelly e Stacy London.Se quer fazer, faça com originalidade. Assistir uma vez e foquei com vergonha para eles. Continuo assistinho programa americano, afina, odeio cópia mal feita.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account