Log In

Reviews

Review: ER – 21 Guns (episódio 267)

Pin it

cena de 21 GunsSérie: ER
Episódio: 21 Guns
Temporada: 12ª
Número do Episódio: 267
Data de Exibição nos EUA: 18/5/2006
Data de Exibição no Brasil: 8/6/2006
Emissora no Brasil: Warner

A temporada passou voando e já estamos no último episódio do 12ª ano. Infelizmente, Gallant morreu no Iraque deixando a jovem Neela viúva na flor da juventude. É uma pena, e quase todo o nó na garganta do episódio passado, persistiu nas cenas de Neela com Pratt durante o enterro de Michael. O seriado não tem problemas em expolorar situações tristes e dessa vez, fez inclusive uso de método inédito: flashbacks. Em 12 anos, nunca precisou-se usar deste artifício pra preencher um episódio, mas aqui até que se encaixou e ficou bem nostálgico, apesar de toda a história dos dois ter se iniciado apenas dois anos atrás. Ela teve um casamento relâmpago num pedido não muito usual. Coisa que Abby parece condenar, como visto no começo de 21 Guns.

O “eu te amo” saiu de tabela e o pedido de casamento foi mais incomum ainda. Apenas pra contrapor ao momentos extremamente felizes de Abby e Luka, que têm uma química legal na tela, estão criando essas situações pra coloca-los um contra o outro. E como trabalha no PS, Kovac não poderá dar completa atenção ao seu problema pessoal: ainda existem fragmentos de Clemente. Kerry voltou a ser a bitch de sempre, daquelas de que pra se salvar não vê problemas em subir nos outros. Mesmo alertada várias vezes sobre Clemente, Weaver ignorou a situação até não poder mais e agora joga toda a responsabilidade nas costas do croata. Tudo o que precisamos no final de temporada: dois personagens disputando sua vaga no hospital pra ver quem fica no próximo ano. Isso é cruel.

E como Clemente não é mais atendente, ficamos com os residentes do quarto ano pra completar a vaga: Pratt e Morris. A viagem pra África foi a redenção de Greg que encaixou bela participação e ótimas falas com Neela. Por outro lado, Archie está se despedindo… Queimei minha lingua: se esse cara sair, vai fazer muita falta! Seu estilo de humor é bem forçado, verdade, mas está cada vez mais se aderindo ao ritmo de ER. Como faltam apenas 10 horas pra partir, Morris está filmando seu último plantão e fazendo questão de atender apenas gostosas. Alívio cômico melhor do que ele vai ser difícil de encontrar.

Díficil de encontrar também é alguém mais irritante do que Stevie. Personagem que não trouxe nada de positivo ao seriado, voltou ao PS após uma briga na cadeia ainda com os pontos da apendicite, apenas pra fazer Samantha perder o foco em seu turno. A enfermeira conseguiu se recuperar ao longo do ano, mas ao ver seu calcanhar de Aquiles ficou fora de ação, inclusive pra tutoriar Mary, mulherzinha arrogante. E a arrogância dela pode ser completamente contrastada com a simpática longa participação de Jerry. Gosto mais dele do que Frank, e esse personagem, que está no seriado desde o piloto, poderia muito bem ser aproveitado mais vezes como hoje.

Ma nos últimos episódios de uma temporada de ER, já tivemos casamento (ou quase um), Benton perigando ter pego AIDS, Mark com distúrbio pós-traumático, uma chacina pela cidade, lições de humanidade na África, a queda da sacada na despedida de Carter… Esse episódio está “normal” demais.

Something is wrong…

cena de 21 GunsDe onde veio isso? Mary nocauteou o guarda, libertou Rafe e apontou uma arma pra cabeça de Sam?!? Okay, chegamos à um ponto extremado aqui… E quando Luka descobre finalmente que Stevie está novamente no PS, vai ver o que poder fazer… e faz o que não devia. A situação se complica mais quando Kovac entra na cela: ele é grande, serviu no exército, mas não é dois! Porque reagir contra bandidos armados? Acabou imobilizado – literamente. O relaxante muscular o fez perder a respiração e Sam agora precisa correr pra salvar o amigo. É quando Abby parte em direção à sala… e não entra por um triz.

Com Kovac quase se recuperando após a entubação feita por Sam, é hora de partir. Passando pelos corredores do PS, Sam e nós ficamos tensos o bastante esperando que alguém encontre logo Kovac. O idiota do Morris não pegar sua dica foi uma falta feia. A alguns passos da liberdade, restou pra Abigail perceber que algo não estava certo…

Something is wrong!

cena de 21 GunsA audiência da série nos últimos anos não tem sido grande coisa, então um grande… imenso final de temporada veio pra resgatar os índices. 16 milhões de pessoas assistiram um tiroteio nunca visto antes em ER. Balas voaram pra tudo que é lado (incrivelmente não acertando os bandidos e Sam), Jerry salvou o moranguinho e Abby ao se jogar acertou a barriga de maneira feia. Tomadas de câmera incomuns ao estilo da série trouxeram um “que” de “apologia à violência”, como a maneira ‘cool’ de segurara a arma e a câmera lenta durante a recarga. O quadro de pacientes estoura, Abby se prende ao chão, lâmpadas explodem, policiais são baleados, e quando nada mais podia surprender… o mundo de repente pára pra Sam: Alex foi sequestrado e está amarrado na Van da fuga!

Várias séries nesse ano tiveram finais de temporada bombásticos. Without a Trace, que passa no mesmo horário de ER lá nos EUA, também teve um tiroteio em seu ambiente de trabalho. Vários personagens morreram em outras séries, mas… não sei se é porque adoro esse show, mas esses momentos foram sensacionais! Podem ter usado de verdadeiros clichês ou forçações de barrar, mas foi perfeito pra manter a audiência sintonizada. Minha única ressalva é que eu gostaria que a direção fosse de Christopher Chulack, não de Mary McCornick. Chulack tem nas costas um excelente currículo em se falando de tiroteio num PS: a chacina em More Monsters, na premiere da 6ª temporada de Third Wacth.

Mas McCornik, mesmo tendo dirigido muitíssimo menos vezes que Chulack e fazendo uso de cenas em câmera lenta, teve mais conquistas do que falhas. O pavor de Sam ao ver o filho é… perfeito! E o que dizer da última cena? Ao som de Open Your Eyes do Snow Patrol, Jerry, que fez um favor de levar um tiro logo agora que resolve ter destaque, é atendido na sala de traumas. Abby vai pegar o thorasseal, e… sob os olhares de Kovac, numa situação vista apenas em filmes de terror, coloca as mãos entre as pernas, fica pálica ao ver o sangue… e cai dura no chão.

Em Lockdown (episódio da Varíola) e Kisangani (primeiro africano) tivemos duas finales nota 10, apesar de também um pouco forçadas em suas premissas. Rampage (o da chacina) e The Show Must Go On (último de Carter) foram bem movimentados também. Mas… eu poderia citar todos onze finais de temporadas de ER, mas nenhum fez o que 21 Guns conseguiu fazer. Certo que em seu início, aparentava ser mais um melodrama como o episódio passado, mas numa reviravolta, conseguiu fazer corações irem à mil com cenas bem dirigidas e um gancho como nunca se tinha visto antes. Jerry vai sobreviver? Quando vão achar Kovac? Sam e o filho ficarão bem? Abby perderá o bebê?

ER tem tudo pra fazer uma grande 13ª temporada, afinal concorrerá apenas com novatas – incógnitas – no ano que vem, apesar de sofrer um hiato (ficará sem ser exibido entre janeiro e março) e nos últimos dois anos ter sofríveis premieres. Mas não tem mais a concorrência de Without a Trace: basta que
muito mais gente queira ver como termina essa fantástica história. Só em setembro nos EUA. E em novembro, por aqui no Brasil…

ps.: Não quer esperar tanto tempo e está doido pra saber como termina a história, mas completamente livre de spoilers? Escrevi o episódio da 13ª temporada no fiction.net (isso mesmo, eu não tenho mais jeito) em formato de roteiro, e… modéstia a parte, ficou muito bom. Completamente original,
a única coisa que mantêm do verdadeiro é o nome Bloodline. São 5 capítulos em formato de roteiro. Pra passar a página, acesse a barra que fica no canto direito escrito ‘chapter’ no link:
www.fanfiction.net/s/2952326/1/

Próxima review de ER? Só em novembro…

Séries citadas:

126 Comments

  1. vanessa

    estou muito ansiosa para retornar a nova temporada,.amo er ,nao perco nem o reprise das ultimas temporadas sei de cor e salteado.

  2. Luiza

    Nossa meu episodio muito bom e esperando ansiosamente pra 13 temporada em novembrooo!!!!

  3. priscila

    eu perdi o final da 12 temp.,pois fiquei sem tv a cabo. agora estou vendo a reprise. quando vi anunciar a 13 temp quase morri do coração, achei sensacional, e agora acho que descobri que é o último episódio da 12.Não estou perdendo er por nada ,e esse final ,aí é que não vou perder mesmo.

  4. Petra Lockhart

    Sou uma fã brasileira de ER e fiquei feliz de descobrir que tem um lugar onde posso conversar sobre uma das minhas séries preferidas! A conversa se limita a essa página de comments ou há algum fórum ou site do gênero para continuarmos o debate? De qualquer forma, parabéns pela inciativa!

  5. Manoela Zabotti

    Adorei encontrar este lugar, onde encontro tudo sobre ER, ñ perco um capitulo, mas… perdi o ultimo episodio da 12 temporada em junho, mas pude acompanhar o reprise de ontem na warner, graças a Deus!!! e agora aguardo ansiosament pela 13ª temporada como todo mundo nehh???

    Bommm, na verdade estou aqui, pq ñ consigo baixar de jeito nenhum a música do Snow Patrol (Open your Eyes) q marcou o ultimo episodio da 12 temporada neh?? então… gostaria de implorar para todos, se alguem tiver essa musica por favor me mande, ou me avise onde encontrar, aguardo ansiosamente!!

    Obrigada.

  6. Edna Schaper

    Adoro as séries as Warner, entre elas E.R. Gostaria de saber se alguem conhece a música que que tocou no último episódio da 12 temporada. Essa música tb toca nas chamadas da próxima temporada. Quem souber,por favor, responda através do meu e-mail.

  7. Thiago Sampaio

    A resposta tá no texto, Edna. A música se chama Open Your Eyes, e é do Snow Patrol.
    Esse é o único espaço, Petra. Se vc tiver Orkut, encontrará mais gente

  8. Gregory

    Hi everybody! Wanna see my cool pages? Would you please also visit my homepage?

  9. Claudio Henrique

    Qual o nome da musica tocada no episodio
    Murmurs of the Heart ?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account