Log In

Reviews

Review: Dexter – Return to Sender

Pin it

Cena de Return to Sender
Série: Dexter
Episódios: Return to Sender
Temporada:
Número do Episódio: 6
Data de Exibição nos EUA: 5/11/2006
Data de Exibição no Brasil: 12/8/2007
Emissora no Brasil: Fox

Nosso herói está encurralado. A esposa de Jorge Castillo (morta por Dexter semana passada) foi resgatada do fundo do mar e colocada dentro do trailer onde Dex cometeu os assassinatos. Quem foi o responsável pela devolução ao remetente? Ele mesmo, o Ice Truck Killer. Vingança por não ter aceitado matar Tony Tucci? É uma hipótese levantada pelo protagonista. O fato é que o vilão mais classudo da temporada (isso que ele ainda nem apareceu!) está mais perto do que se imagina.

Dexter está numa corrida contra o tempo para evitar que seu nome seja ligado ao incidente. Ele opera em várias frentes: sabota o companheiro de laboratório que estava descobrindo pistas demais (“That’s it. No more donuts for Masuka.”); desacredita um perfil certeiro montado por sua própria irmã e forja uma arma de crime (supostamente usada por Jorge para matar a esposa). Onde obter o material para fazer isso? Da lâmina onde o sangue da Sra. Castillo está guardado – retirada diretamente da coleção de Dexter. Mas eis que o ITK, já sabendo do estratagema que seu companheiro usaria, desenhou um singelo smiley no sangue.

Mesmo com todas as dificuldades da tarefa, Dexter consegue incriminar Castillo. Ou quase. Uma aresta ainda falta ser aparada. O “olho” que o observou na semana passada é na verdade um garoto cubano de oito anos de idade, que está fazendo um retrato-falado para LaGuerta. Mas não foi a imagem de Dex que ele viu matando Valerie e o livrando de seu martírio. Foi Jesus Cristo. Dexter Morgan, psicopata/serial killer, salvo pelos céus. Ironicamente brilhante.

O episódio teve ainda o divertido jantar na casa da Sra Doakes, onde Debra Morgan (e sua boca suja) fizeram sucesso, para o desconforto de James. Debra, aliás, foi tema central dos flashbacks da semana. Durante sua adolescência, ela sempre ficava de fora dos passeios de Dexter e seu pai (fato que a deixa magoada até hoje). Mr. Morgan tem o motivo na ponta da língua:

As pessoas próximas nunca podem saber a verdade sobre você. É assim que você os protege caso algo dê errado.

Cena de Return to SenderA verdade é que Dexter não anda numa maré de sorte. O quase-ex-marido de Rita foi solto da prisão e pode aparecer a qualquer momento. Além disso, ele anda tendo pesadelos incômodos, como aquele em que sua irmã está cortando seu rosto, exatamente como ele faz com suas vítimas. Pra fechar com chave de ouro: uma mensagem profética de seu pai:

A tempestade está chegando.

Não duvidem disso.

Cotação: *** (excelente)

Séries citadas:

14 Comments

  1. Olá Juliano,

    Eu confesso que até hoje eu não havia me impressionado com a série Dexter, não sei se é porque as criticas eram tão boas e minhas expectativas eram grandes, ou se a dublagem está estragando a série, ou se realmente esperei de mais.

    Mas não posso deixar de observar que é uma série que meche com nossos conceitos, é pra mim mais uma série psicológica do que um drama policial. E o fato do pai do Dexter utilizar do problema dele para matar bandidos é no mínimo questionável.

    Ele não agiu certo, mas por outro lado, de acordo com a série, o Dex somente os mata se ele realmente consegue provar que os seus escolhidos são bandidos. Mas até quando ele conseguirá fazer isso.

    E sobre este eps que pra mim foi perfeito, eu achei que ele mataria o garoto, ou que isso passaria pela cabeça dele. Pois apesar das provas forjadas o garoto poderia tê-lo incriminado e como ele sairia desta?

    Bem tenho coisa a bessa pra falar mas acho que já foi demais hj deixa pra próxima.

    Seu review foi excelente, direto ao ponto, gosto disso.

  2. Tatiana

    Pelo que li aqui, um excelente episodio, vou ver na reprise(em um belo horário)no sabdo, mais eu adoro dexter(apesar da voz horrivel)…..

  3. Cesar

    “Dexter” entrega o que promete: trama bem construída, bom texto, interpretações convincentes e alguma bizarrice.

    Este episódio, em particular, foi tenso, interessante e o desfecho, perfeito.

  4. João Nilson

    Ótimo episódio. Pena que por conta do dia dos pais eu perdi o final.
    Dexter esta se mostrando a melhor serie dessa entressafra.

  5. Carla

    Uma das minhas frases favoritas estão nesse episódio: “That’s it! No more donuts for Masuka!” Ahuahauhauahauhau

    Até em um momento tenso o Dexter me diverte!
    :)

  6. Thomaz Jr

    Há mto tempo algo na Tv não me deixava tão “viciado” como DEXTER.
    Esse episoódio foi ótimo e a review tbm.

  7. sandra

    Estou cada vez mais apaixonada pela série. Está certo que o moral do, digamos, mocinho da trama, não está muito de acordo com o que é certo. Mas, se acreditamos em Smallville, porque não acreditar em Dexter?
    Para mim série boa, além de tecnicamente perfeita, é aquela que me monstra mundos fora do meu cotidiando. Parabéns pelo review.

  8. Mica

    De fato, Fê, o que o pai do Dexter ensinou ao Dexter (matar bandidos) não é uma coisa correta. O problema aqui, é que ele tinha duas opções:
    1) Deixar o filho por conta própria…o Dexter sem dúvida alguma viraria um assassino psicopata, mas não bom o suficiente e seria preso e provavelmente morto. Ou seja, a primeira opção dele seria a de condenar o filho à morte ou à prisão perpétua.
    2) Dar uma direção ao Dexter e tentar mantê-lo e à sua necessidade de matar dentro de um limite (mas que, se pego, mesmo assim será preso e talvez morto…mas conseguirá se livrar por um tempo um pouco maior, devido a todo o treinamento).

    Que o Dexter mataria alguém inocente por necessidade? Não tenho dúvidas. Mas acho que por um bom tempo ainda ele conseguirá controlar os seus impulsos e só mataria um ‘inocente’ se fosse extremamente necessário mesmo (tanto que não matou o quase ex-marido da Rita, apenas o incriminou).

    Acho Dexter uma série fantástica e o ITK é tão fantástico quanto o Dexter, hehehehe.

  9. Ricardo

    Já assisti a temporada inteira. Meu Deus, acho que não nada tão bom xD

  10. Silvia

    E teve gente perguntando porque o pai de Dexter não o levou a um terapeuta prá tratar os problemas psicológicos do filho??? PUTZ, tem gente que não sabe que o grau de psicopatia dele NÃO tem cura. A cena do pai do Dexter perguntando sobre os osso dos cachorros foi uma das mais comoventes que eu vi. O olhar de desesperança dele é fulminante. O que fazer, então? Ensinar o garoto a canalizar essa necessidade para o “bem”. É difícil não gostar de Dexter, assim como é difícil não ter pena dele, assim com é difícil não torcer por ele. Neste episódio, a tensão é bárbara, o desespero interno dele é quase nosso, pois não matar crianças é uma das regras que ele certamente leva à risca.Imposssível não grudar na cadeira!!!

    Depois de ver toda a primeira temporada, mais os 2 novos episódios, acabei indo atrás do livro – só tem em inglês.(quem tiver paciência, aguarde a versão nacional que vai sair logo). O primeiro capítulo, que é a morte do padre pedófilo, é de arrepiar!!!

  11. Thomaz Jr

    Mica, não conte coisas que vc sabe por estar adiantada, por favor. Assim como mtos já vi td a série mas tem quem não e para eles não é legal já saber certos fatos futuros da série.

  12. Lucas "Gandalf" Leal

    é Mica vacilou e soltou, sem querer com ctz, um spoiler ali, mas pega nada ficar falando isso só chama mais a atenção pra quem não reparou!!!
    bom esse episódio pra mim é o melhor da série até agora e fica pau a pau com o 02×02 que vazou e eu achei MTO barbaro…
    enfim só vendo!
    a série é demais e as reviews estão maravilhosas, eu li as antigas que eu não havia lido dada a minha ausencia e sem palavras a qualidade da série e da review!
    parabens, eu queria escrever sobre Dexter mas acho que não teria a competencia que vc tem!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account