Log In

Reviews

Review: Dexter – Father Knows Best

Pin it

Cena de Father Knows Best
Série: Dexter
Episódios: Father Knows Best
Temporada:
Número do Episódio: 9
Data de Exibição nos EUA: 26/11/2006
Data de Exibição no Brasil: 2/9/2007
Emissora no Brasil: Fox

Em um Spoiler Zone que eu fiz de Lost no ano passado, tinha dito que a ilha não passava de um MacGuffin. O termo foi cunhado por Alfred Hitchocock, um dos maiores diretores de cinema de todos os tempos. E o que cinema tem a ver com Dexter? Tudo. Não é de hoje que a TV gringa vem usando diversas ferramentas estéticas e narrativas que só eram encontradas na tela grande (Perguntinha rápida: qual foi o último filme de ação que você assistiu que tinha uma fotografia e uma edição superiores às de 24 Horas?). Outra grande contribuição do baixinho inglês foi o suspense hitchcockiano, presente em grande parte de seus filmes. Ele possui diversas características como o homem inocente que é acusado injustamente que precisa reunir provas para provar que não é culpado (Return to Sender, de três semanas atrás, não foi uma divertida subversão disso?).

Mas desde a última cena do episódio, o principal ponto em comum com o cinema de Hitchcock em Dexter é a criação de tensão e suspense causados por certas informações que nós espectadores sabemos, mas que os personagens ignoram (exemplo clássico: o corpo dentro do baú em Festim Diabólico). Estamos falando de Rudy, claro.

Claro, os roteiristas não são óbvios ao ponto de colocá-lo à espreita cada vez que um personagem abre uma porta, por exemplo. Em Father Knows Best, o Ice Truck Killer disparou uma série de insights, que para Dexter, Debra e Julia não passavam de excentricidades, mas nós sabemos exatamente do que ele está falando.

Dexter recebe uma carta dizendo que ele herdou uma casa de seu pai biológico, que acabara de morrer. Apesar de duvidar da veracidade da paternidade, ele então decide visitar a casa com Rita. Debra vai também, convenientemente convencida por Ruby. Lá, diversas memórias de seu passado são engatilhadas, e um teste de paternidade confirma: Joseph era mesmo seu pai. Mas porque Henry mentiu? Talvez ele realmente soubesse que isso seria o certo a fazer…

Doakes mata um homem em circunstâncias suspeitas. O relatório de Dexter e o testemunho de Angel dão a entender que ele foi abatido sem chance de defesa. Na conversa final entre Doakes e LaGuerta (que só não foi melhor por causa da limitada capacidade de interpretação de Eric King) é revelado que a vítima fazia parte de um Esquadrão de Extermínio Haitiano, e que muitas pessoas morreram por causa dele. Uma ligação de Washington e tudo parece estar resolvido. Angel é chamado de Dedo-Duro por ter entregado seu colega, mas numa ótima cena, Doakes exige que ele receba desculpas. Afinal, ele sabe que seu companheiro fez a coisa certa, assim como ele precisou ‘apagar’ alguém aparentemente inocente. (Note to self: quando até a encheção de lingüiça de uma série é ótima, é porque estamos falando de uma grande série.)

Cena de Father Knows BestRita recebe a visita de Paul durante a noite. Ele está bêbado e fora de si. Nada que um taco de basebol não resolva.

Por fim, a simpática velhinha que morava na frente de Joe recebe a visitas do homem da TV a cabo (hoje em dia deveria ser o homem da ADSL, mas enfim). E não é que Rudy era o tal homem? Então será que ele teve alguma coisa ver com a morte de Joe? Pelo jeito, ele sabe de coisas que ainda não sabemos. Eu só sei o que aconteceu com aquela velhinha…

Cotação: *** (excelente)

Séries citadas:

20 Comments

  1. Walber

    Tudo bem q a série é muito boa e talz, mas não acha q tá exagerando, toda cena de Dexter é espetacular,tmb não é assim.
    Tirando os exageros, ótima review.

  2. João Manoel

    Walber, estava lendo o review, e pensando exatamente o mesmo que você.
    Acho Dexter muito legal, acima da média das séries que passam ATUALMENTE na tv, porém tem um pouco de exagero por parte dos mais fanáticos.

  3. Jordan Bruno

    vale lembrar tbm que 24 Horas não tem câmera lenta … o que é muito bom! ouviu, Michael Bay?

  4. Lucas "Gandalf" Leal

    Juliano “Perguntinha rápida: qual foi o último filme de ação que você assistiu que tinha uma fotografia e uma edição superiores às de 24 Horas?).”

    edição eu não digo pq não sou um entendido do assunto, mas fotografia de “Filhos da Esperança” (que é um drama mas tem uma cacetada de cenas de ação) e a mais recente de “Ultimato Bourne” são superiores a de 24, esse ultimo ouso dizer (mesmo sem ser um entendido) que a edição tb…

    mas entendi o seu ponto hehehe

    e mais um ótimo episódio e mais um ótimo review…
    realmente quando a velhinha fala do cara da tv a cabo e pela cara do Rudy já da pra desconfiar…mas quando ele retorna de homem da tv a cabo no final é demais…ele literalmente ‘apagou a velhinha’
    e a cena do taco de baseball tb é mto boa…

  5. Mica

    Eu tinha tanta certeza que era o Rudy o cara da tv a cabo….quase deu vontade de bater no Dexter por não ouvir a velhinha falando para ele.

    Esse negócio do Henry também mentir para o Dexter, no fundo pode desestruturar toda a base que ele criou para o filho, não?

  6. Laís

    \o/
    Nooooooooooossa… eu não tinha visto que vcs estavam fazendo reviews de Dexter!.. Q ótimo.. pq eu realmente me encontra facinada por essa série..
    De começo puxei pq tinha ouvido falar.. e confesso que no 1° episodio não me prendeu por completo.. mas resolvi dar outra chance.. e se eu não me engano.. foi mesmo apartir do 3° episodio que me empolguei bastante.. e tive que puxar.. pq a minha tv acabo não tem fox.. então..e mesmo c tivesse.. eu não esperaria.. como alias ando fazendo com mtas series.. não aguento ficar esperando.. no final acho q minha tv acabo tá sendo paga atoa.. hsauhsuhas
    De qlqr modo.. quando apareceu a cara do Rudy em Dexter.. eu ja saquei q ele o ice truck killer.. mas fiquei do tipo.. “hmm sei nao hein.. acho q esse ai é ele”.. e obvio.. já tava meio na cara mesmo! Logico q o assassino tinha q ser alguem q entrasse assim meio de supetão na serie e q continuasse pra fazer parte da vida de Dexter!
    Oq mais me surpreende nessa serie é o fato de ser tão notavel a evolução de Dexter.. cheguei a achar mesmo q ele era frio.,.. sem sentimentos nenhum.. mas a cada episodio.. eu descubro e ele tbm.. o quanto ele pode SIM sentir as coisas!
    Adooooooooooooro! =)

  7. juliano cavalca

    Ele chegou a fazer essa reflexão, Mica. Mas no fim ele entendeu que “Father knows best”, etc;

  8. juliano cavalca

    Lucas:

    Tanto a fotografia quando a edição de Filhos da Esperança são fantásticos. Mas me referia mais ao cinemão comercial, como os filmes do Bourne. Gosto muito deles também, mas acho que o Greengrass abusa um pouquinho da câmera na mão.

  9. Glíca

    Meu marido me acha meio mórbida por gostar de uma série como Dexter. Ainda bem que vi que não sou a única. Já assisti à toda esta temporada e o final não decepciona, revelações bombásticas!

  10. Thomaz Jr

    Dexter é boa em tudo. Até hj na Tv vi poucas coisas tão boas qto Dexter. Pena que o Emmy acho Heroes e Grey’s melhores. Eles devem ser mais espertos que eu.

  11. edson

    Tvacabo é muito popular nos eua, principalmente com o advento tivo

  12. Lucas "Gandalf" Leal

    “mas acho que o Greengrass abusa um pouquinho da câmera na mão.”

    é isso vou ter que concordar tb…nos dois primeiros acho que nem tanto mas nesse ultimo tem algumas cenas que me incomodou…

  13. Silvia

    A melhor parte é torcer por DEXTER – será que na vida real a gente daria um desconto prum serial killer justiceiro??? Eu ainda me pergunto!

  14. Tati

    Ótimo!
    Só pude ver na reprise do sábado na Fox. Episódio excelente mesmo. Menção honrosa pra cena em que eles encaixotam as coisas na casa ao som de rock: aqueles estiletes, cordas, fitas adesivas e sacos de lixo preto, remetiam ao Dexter justiceiro em ação. A melhor série que tenho acompanhado nos últimos anos.

  15. Gabriel "earendil" Valente

    Respondendo a pergunta: Ultimato Bourne,hehe. =p

    Achei esse epis. um pouco abaixo dos outros,principalmente do último,mas a série continua ótima,com uma regularidade incrivel.

    De 0 a 5 estrelas: 3.

  16. Gabriel "earendil" Valente

    O Greengrass,na minha opinião, usa muito bem a camera na mão,que combina muito bem com os filmes Bourne,que sempre tem um nivel de tensão e paranóia muito bem filmados.

    Aliás, achei o Ultimato disparado o melhor dos 3 filmes.

  17. Juliano,

    Ótimo review, acho a série muito inteligente e realmente prende a gente, mas não dá prá dizer que é a única superior, cito: House e CSI.

    Quanto enredo Hitchocockiano eu lembro também de Twin Peaks, aliás assisti recentemente as duas temporadas, pena que o fim não era bem um fim, acho que esperávam uma terceira temporada, mas voltando ao Dex… Mica acho que é esse mesmo o objetivo do Rudy, tanto que ontem ele fez de novo (não é spoiler passou ontem), acho que o objetivo dele é desestabilizar o Dex fazê-lo matar pura e simplesmente pelo prazer, sem seguir os princípios do pai.

    Eu tô louca pra ver o review do eps de ontem pois achei o máximo.

    P.S: Ainda acho que o melhor ep foi o que o menino viu Dex como Jesus Cristo.

  18. Sobre os filmes…

    Adoro a saga Bourne, e também não gosto da câmera na mão. Achei Duro de matar 4 melhor que Bourne… ok ok ok.. eu sei que é exageraaado, mas amei assim mesmo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account