Log In

Reviews

Review: Dexter – Dexter e Crocodile

Pin it

Cena de DexterSérie: Dexter
Episódios: Dexter e Crocodile
Temporada:
Número do Episódio: 1 e 2
Data de Exibição nos EUA: 1 e 8/10/2006
Data de Exibição no Brasil: 8 e 15/7/2007
Emissora no Brasil: Fox

A essa altura todos já devem ter ouvido falar de Dexter, a melhor estréia da temporada (Heroes? Esqueça.) É a história de um técnico forense (CSI) da cidade de Miami, que é um serial killer. Mas ele não mata qualquer pessoa. Graças a um protocolo ensinado por seu pai adotivo (mostrado através de ótimos flashbacks), ele mata apenas quem tem culpa no cartório (o índice de sucesso da polícia em Miami não chega a 15% – prato cheio para ele). Como seu pai também era um tira, Dexter também recebeu todo um treinamento em como não deixar rastros.

Qual a explicação para uma série protagonizada por um psicopata (mesmo que “bonzinho” – daqui a pouco explico as aspas) ter atraído tantos fãs? Os motivos são diversos, mas vamos nos focar apenas em dois no momento (1) a nada menos que brilhante composição de Michael C. Hall (indicado ao Globo de Ouro, SAG, TCA e, se houver justiça no mundo, ao Emmy) e (2) à universalidade do programa.

Universalidade? Como alguém pode se identificar com um protagonista que literalmente fatia outros pessoas? Olhe bem de perto. Nesses dois primeiros episódios, Dexter falou mais de uma vez que seu disfarce usado para conviver em comunidade é uma versão um pouco diferente do que todos nós fazemos todos os dias (ele chega a se comparar com sua irmã Debra, nos dizendo que o verniz que ela usa para não se mostrar tão vulnerável se assemelha ao que ele usa para não se mostrar tão invulnerável). Não é irônico que a arma usada por ele para esconder sua monstruosidade é a mesma que nos faz ser tão humanos?

Assim como House (que também possui um leading man deslocado), em Dexter nós veremos ao longo dos episódios como a sociedade tenta humanizá-lo. Aqui, o catalisador foi sua namorada, Rita, e seu chove-não-molha em termos sexuais com ele. Dex fez questão de arranjar uma parceira traumatizada pelo ex-marido e que não se interessa em transar. E acreditem, isso é um alívio para ele. Na sua ausência de sentimentos, Dexter tenta racionalizar todas as relações interpessoais. Ou seja, sexo não faz sentido (visto que é um ato altamente instintivo). Não é impossível de se prever que logo-logo os coelhinhos irão para cama. Será que ele agüenta o tranco? Veremos em breve.

Apesar de apresentar um protagonista fascinante, Dexter possui uma galeria de personagens marcantes. Além dos supracitados Henry (seu pai), Debra, e Rita, temos Angel, o tira boa praça, a tenente LaGuerta, altamente política e ambiciosa e o Sargento Doakes, o único policial que tem sensibilidade o suficiente para perceber que o nosso serial killer preferido não é igual aos outros. Ah, e tem também o Ice Truck Killer.

Cena de CrocodileO ITK (Assassino do Caminhão de Gelo) é o grande nêmesis de Dexter nesta primeira temporada. Ele seqüestra prostitutas e lança seus corpos (devidamente sem sangue, congelados e cortados) pela cidade. Mais que isso, ele sabe quem Dexter é, e deixa pequenos presentinhos para ele (o primeiro exemplar foi uma boneca cortada exatamente como suas vítimas).

Agora vem a parte interessante: mais do que um inimigo a ser batido, o Assassino do Caminhão é considerado por Dex um rival, e até mesmo um colega. Grande parte do seu prazer em trabalhar na polícia é ajudar a prender os assassinos não por seus crimes, mas sim por não passarem de açougueiros, que pouco se importam com seus métodos.

Com o ITK, a coisa muda de figura. Ao possuir um modus-operandi tão ou mais cuidadoso que o do protagonista, Dexter passa a admirá-lo profundamente. Reparem que nesse contexto, a identidade das vítimas pouco importa (são trabalhadoras que vendem seus corpos para dar de comer a seus filhos, segundo Deb). É aí que minhas aspas lá do início são explicadas. Levando em conta esses dois primeiros episódios, Dexter tira assassinos e pedófilos de circulação, não porque ele adquiriu um senso de justiça, mas sim por que ele apenas segue o protocolo de Henry.

Lanço aqui um desafio: enojado com as dublagens da FOX? Quem tiver acesso, assista com o SAP ativado. Mesmo aqueles com pouca fluência no inglês conseguirão se virar. A série não tem muitos termos complexos em seus diálogos, além da dicção do elenco (em especial de Hall) ser muito acima da média. A pronúncia dos personagens é bem clara.

Pra encerrar esse meu primeiro review, temos a Dexter Quote da semana. Uma das grandes pérolas emitidas pelo nosso novo filósofo, em forma de narração. Sempre carregadas de uma grande carga de cinismo, essas observações estão entre os momentos mais brilhantes da série. Vamos a ela:

That’s my burden (ser um serial killer), I guess. But I don’t blame my Foster Parents for that. Harry and Doris Morgan did an wonderful job raising me. But they’re both dead now. I didn’t kill them. Honest.

Cotação (notas de 0 a ****):
Dexter – *** [quase ****] (excepcional)
Crocodile – *** (muito bom)

Séries citadas:

37 Comments

  1. Luciana

    Não consegui ver o seriado no domingo, tem algum horário alternativo? Obrigada.

  2. Carlos Souza

    Infelizmente não vou poder assistir, não tenho fluencia no ingles e nem confiando na sua indicação, Juliano, vou arriscar com meus conhecimentos linguísticos …

    Fox, tô fora !!!

  3. Rô Floripa

    Salve Juliano, vc voltou! Estava sentindo sua falta no Teleséries.
    Pois é, não dá para assistir dublado, pq a voz do Hall e a maneira dele falar são totalmente especiais na construção do personagem. E vc tem razão, vale a pena se esforçar e praticar o listening assistindo o ep no som original.
    Eu tentei boicotar 100% a Raposa, mas não consegui ficar sem assistir Dexter. As outras séries eu não vejo mais.

  4. Cristiano Vieira

    Beleza Juliano! Que bom que você vai falar sobre DEXTER.

    Ah! Pra constar eu me apaixonei pela irmãzinha maluquete dele.

  5. Bruno

    realmente dexter é uma otima serie, quando soube da dublagem e dos horarios (domingo e sabado a noite) resolvi baixar todos os episodios na semana passada, já vi 4 e estou gostando, como disse otima serie.

  6. gustavo

    vc nem imagina o que acontecerá nos próximos episódios!!!!
    Cada um melhor que o outro.
    excepcional.

  7. Apollo

    Até que fim alguem tirou Heroes desse plano, Dexter é muito melhor, original e inovadora.
    Agora, eu conto os minutos para para as pessoas perceberem que heroes só faz esse sucesso todo por causa da gigantesca produção e a divulgação exagerada e qualidade exaltada. Isso tudo disfarça que é uma serie que não tem nada de original, tem mais cliché do que qualquer outra coisa. Dialogos = 0, Roteiro = 0, Originalidade = 0. Uma otima fotografia e uma otima direção, mas isso não engana ninguem com esse roteiro sugado e pronto de “Vamos correr contra o tempo para impedir que um desastre acontessa”
    A serie vai tentar se segurar na temporada fazendo noticias e aumentando a produção com mais e mais personagens, mas no fim espero que a razão prevaleça, porque toda vez que eu assisto essa serie um Déjà-vu me pega já sem surpresa.
    Tem muita coisa boa na TV como Dexter, infelizmente só assisti até o 7 episodio na Internet e não pretendo assistir dublado na Fox, que cá entre nós, ser dublado não poderia ser o fim do mundo, mas aquela dublagem que eles estão usando parece que o proprio locutor do canal faz o trabalho, me lembro até das series dubladas do People + Arts, da BBC.

  8. Paulo Fiaes

    Como já disse, otima review. bem superior a aquelas de smallville, que por sinal, mostra que você esta no caminho crescente, escrevia para Smallville e agora escreve para Dexter. percebeu a diferença.

    como te disse, o q me assusta é eu me ver parecido com Dexter em muita coisa, menos na parte da fatiação, acho q eu desmaiaria assim que cortasse alguém, mas essa complexidade dele, me assusta, por me fazer ver o quanto sou complexo. mas enfim, aqui não é lugar pra eu ficar falando isso. novamente, otima review. abraços

  9. Helena

    Vamos esquecer que a série é mostrada dublada na Fox e as comparações com Heroes que são descabidas e pensar na grande série que é Dexter.
    Só vi estes dois episódios, gostei bastante e como dizem que os outros são ainda melhores, mal posso esperar.
    A frase dita no review “eu não os matei, honestamente” mostra a qualidade enorme da série, principalmente na narração de Dexter.
    Dizer que Michael.C hall estáapenas bem chega a ser insultante, o cara está perfeito. Mal posso esperar para ve – lo nos outros episódios.
    Com vários personagens cativantes, incluindo Dexter, está é disparada a melhor estréia do ano.

  10. Simone Miletic

    Oi Ju!

    Maravilha de review, que bom que você aceitou a missão!

    E o seriado é justamente isso: EXCEPCIONAL.

    Pena a FOX sacrificar parte da qualidade… Não vejo a hora que ela ajeite as coisas.

    Beijos

    Si

  11. Fábio

    Bem para quem perguntou a Fox reprisa 0:00 do sabado os episodios.

  12. Fabiano

    Dexter realmente é excelente… Não vejo a hora de que a 2ª temporada comece!
    Tentei rever na Raposa, mas sem condição… a maior falta de respeito o Michael C. Hall com voz do Patolino.

  13. joelma

    pq tem pessoas q só sabem elogiar uma série falando mal de outra??
    cada série é uma coisa diferente, realmente Dexter foi a melhor estréia da temporada, mas heroes tb é muito boa, no seu próprio contexto, não quero assistir séries todas iguais (vide CSI que gosto muito, sua franquia e as suas muitas imitadoras) gosto de variedade, e sejam boas ou ruins, cada um tem seu gosto e é desagradável e sem propósito ficar comparando
    pode falar mal quem quiser claro, mas sem comparações nada a ver

  14. Thiago FLS

    Sou mais um que está apelando para o SAP. A boa dicção dos atores realmente deixa os diálogos fáceis de entender mesmo sem legendas, mas o chato é quando alguém grita aqui em casa e eu não consigo ouvir uma fala importante.

    É uma pena que o closed caption da Fox, que funcionava perfeitamente na DirecTV, não funcione na Sky.

  15. Vanessa Brdo

    Gente, assistam pelo torrent… não vale nem mais a pena se irritar com a Fox, vou é ignorá-la. Quanto a série, estou gostando muito. O piloto é um dos melhores que já assisti, e Michael C. Hall está excelente. Mas como disse o Juliano, não é só ele, o elenco é muito bom. Li uma entrevista do produtor dizendo que vai ser fiel ao livro, então a identidade do assassino do ITK será o mesmo. Bacana, é difícil uma adaptação ser totalmente fiel. E se Hall não for indicado ao Emmy, não levo mais essa premiação a sério (se é que levava antes).

  16. Ricardo

    Achei os dois episódios fantásticos, já assisti ao terceiro episódio e estou prestes à assistir ao quarto. Estava pensando: a série é uma das melhores da atualidade, senão a melhor. Heroes está me enjoando, o único drama acima de Dexter é Lost, que após um começo fraco nunca esteve tão boa.

    Estas séries de canais pagos americanos são ótimas. Basta ver Six Feet Under, The Wire (nunca assisti, mas dizem que é ótima) e a própria Dexter.

    Quando eu falo que eu assisto Dexter, as pessoas perguntam: O laboratório? O desenho? Que falta de cultura. Estou recomendando a todos a assistir.

    É legal perceber que o ITK faz Dexter questionar as próprias habilidades. O que é mais incrível são dois Dexters diferentes mostrados na série. Primeiramente, o Dexter irmão/amigo/namorado, e em segundo o Dexter serial killer.

    Parabéns à Showtime pela série e parabéns à Michael C. Hall pela atuação.

    Por favor: BAIXEM a série se possível.

  17. Apollo

    “pq tem pessoas q só sabem elogiar uma série falando mal de outra??”
    Joelma, porque falar bem de Dexter não é a questão, a questão é que Heroes já está na minha garganta a muito tempo, precisa tossir um poquinho.

  18. Ricardo

    Não estou falando mal de Heroes, assisto à série mas ela não é a minha preferida, apesar de gostar muito. Só quero enfatizar que Lost e Dexter estão um nível acima das outras.

  19. Natalia

    Não assisto mais o canal da Raposa. Desde que Bones começou a ser exibido dublado, abandonei o canal de vez.
    Só vou voltar a assistir, quando o som original e as legendas voltarem.

    Mas, pelo visto, por enquanto, a Raposa continua fazendo o que mais gosta de fazer:

    LINK

  20. Djalma

    Graças à nossa “querida” Fox, já baixei todos os episódios de Dexter e vi os 8 primeiros. Simplesmente brilhante. Não conhecia o trabalho do Michael C. Hall (não acompanhei Six Feet Under) e posso dizer que estou impressionado. Nunca pensei que um serial-killer poderia se tornar um dos meus personagens favoritos na TV, o cara é sensacional.
    O único ponto negativo é que agora só faltam 4 episódios para acabar a primeira temporada, eu quero mais!!!
    OBS: Quando preciso dar umas risadas eu coloco na Fox na hora de Dexter. Uma dublagem daquelas pro Michael C. Hall é uma comédia!!!

  21. Thomaz Jr

    Ótima coluna.
    Dexter é um soco no estomago nesse marasmo que é os dramas da TV. Os dramas em geral apelam demais. É dificil ver como seres humanos a maioria dos personagens dos dramas de TV.
    As séries investigativas são chaterrimas para mim.
    Dexter consegue ser uma série de drama e uma série investigativa e ser boa. Por mais bizarro que o Dexter possa ser ele é mto mais humano que os MC lindos de Gray’s ou os detetives de Without a Trace.
    Dexter tbm não precisa apelar para o mundo dos mortos ou para mutantes.
    O ser humano por si só qdo bem explorado é mais interessante q qq efeito especial. Dexter é a prova.

  22. Cesar

    O review está ótimo, Juliano! Pinçou perfeitamente as características da série.

    Como não tenho tempo para baixar nada, assisti pela Fox e achei ótima. Não vou me incomodar nem privar de ver uma série porque é dublada.

  23. Tatiana

    Olá Juliano, que bom que vai ter reviews de Dexter, APESAR da DUBLAGEM HORRIVEL, a série é simplesmente sensacional, adorei tudo(menos as vozes é claro)Estou tentando baixar para poder acompanhar com audio, para então me apaixonar de vez.
    Ótimo Texto……

  24. Ricardo

    Se você não puder baixar Dexter, não deixe de assistir a série só porque ela é dublada. Ela é brilhante demais para ser esquecida.

  25. Rodrigo

    Desculpem a pergunta idiota: Aonde baixo os episódios dessas séries?

  26. Ricardo S

    Ótimo review Juliano. Fiquei mais q impressionado com Dexter, a série é espetacular. O roteiro de cada episódio é dividido em várias tramas: crime do dia, o assassino da caminhão, o alvo do dia do Dexter, a sua relação no passado com o pai. O incrivel é q não é nada confuso, pelo contrário, a história flui muito bem.
    E ainda tem o visual perfeito do seriado. Começa pela a abertura incrivel. Putz, o que é aquelas pontas de dedo bloco de gelo e ele inmerso na banheira olhando pra cabeça de boneca. A série é realmente foda!

  27. thiagooool

    Adorei a serie realmente incrivel. Estou vendo com a fox msmo e pra mim dublado nao me incomoda tanto. Para mim a Fox qaundo voltar a poder ter legendas sera a melhorpor possuir varios seriados como prison break, 24 e agora dexter.

  28. Luciano Bruce

    Dexter é show, acabei de ver “Crocodile”…
    Grande review, Juliano. Nunca pensei que diria isso, mas estou torcendo por um serial killer!

  29. Lucas "Gandalf" Leal

    adoro dexter!
    e o fato é que nos indentificamos tanto com ele pq o senso de justiça comum é de que criminosos merecem morrer…e é isso que Dexter faz!
    realmente ele não faz por ‘justiça’ mas sim pelo treinamento, mas veremos mais pra frente que ele tem mais senso de justiça que muitos que nunca cometeram nenhum crime…mas mais pra frente falamos sobre
    ótima review…queria escrever eu sobre a série (pq sou apaixonado por ela) mas acho que ela está em ótimas mãos!

  30. Silvia

    Odeio o Dublado!

    Odeio a Fox!

    Fox é tão muito mau pressentimento!

  31. giba

    Dexter é algo, eu acabei baixando pra assistir; o trabalho de voz de Michael C Hall vale a pena ser acompanhado; ele tem uma dicção fantástica e pra quem é detalhista como eu, a empostação dele é tão brilhante que sequer lembro do personagem dele em Six Feet Under; que foi um trabalho excelente tb. Da mesma forma que fica dificil imaginar outro ator interprentando Dexter depois de conferir o trabalho de Hall, fica dificil aceitar outra voz que não a dele. Pra quem nunca assistiu no original e é obrigado a engolir as legendas, vale a pena conferir. Em tempo, nada tenho contra dubladores, acho que tem excelentes dubladores, meu problema é a arbitrariedade da Raposa que sequer disponibiliza um bom som original. E no caso de Dexter dificilmente outra voz que não a original é capaz de mostrar um serial killer tão harmonizado com sua falta de culpa.

  32. Mica

    Acabei de assistir o segundo episódio e, sinceramente, quem não tem condições de baixar a série deve sim assistir dublada (ou com SAP, se possível…no meu caso, não é, minha tv não tem a opção) na FOX.
    A série é maravilhosa demais para ser deixada de lado, mesmo que a pessoa odeie a dublagem.
    O Dexter é perfeito! Ou melhor, o ator é ^_^. Quando vi a abertura do segundo episódio eu quase tive um piripaque. Que agonia! Como situações tão cotidianas conseguem se tornar tão aflitivas!?? Que horror!!!
    Estou entusiamadíssima com a coisa toda e ainda mais com o review do Juliano.
    Queria assistir um episódio por semana para poder lembrar na hora de comentar (sou muito esquecida) mas não sei se conseguirei me conter :-(

    Btw, Dexter já tem segunda temporada ou ainda não?

  33. Maria

    Que bom achar um local em que se comenta Dexter. Infelizmente a série caiu no pior canal possível para retransmissão no Brasil, a famigerada Fox e, com isso, muuuita gente deixará de ver esse espetáculo – o melhor seriado dos últimos tempos, com os personagens mais ricos, densos, multifacetados e o destaque maior que é o protagonista, brilhantemente interpretado pelo Michael C.Hall.

    Aliás, incrível esse ator e a série não terem sido indicados para o Emmy!!!

    De qualquer forma, não deixem de assistir: dublada(uma opção é ficarem no idioma original e alternarem com a dublagem em alguns momentos, para pegar o sentido geral), copiada na net, do jeito que for, porque é IMPERDÍVEL.

    Já assisti toda a 1ª temporada e acreditem, a série vai crescendo até um climax fantástico.

    Uma pena se passar despercebida no Brasil…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account