Log In

Reviews

Review: Criminal Minds – Masterpiece

Pin it

Criminal Minds - Masterpiece
Série: Criminal Minds
Episódio: Masterpiece
Temporada:
Número do Episódio: 73 (4×08)
Data de Exibição nos EUA: 19/11/2008
Data de Exibição no Brasil: 1/9/2009
Emissora no Brasil: AXN

Martin Luther King Jr.:

O ser humano deve desenvolver, para todos os seus conflitos, um método que rejeite a vingança, a agressão e a retaliação. A base para esse tipo de método é o amor.

Um episódio ao inverso: traçar o perfil das vitimas a partir do conhecido criminoso. Um criminoso que acredita ter realizado o crime perfeito e que tem algo muito forte contra Rossi, além de admirar a inteligência de Spencer. Ou melhor, além de usar a inteligência de Spencer a seu favor.

Eu simplesmente fiquei encantada com este episódio de Criminal Minds. A maneira como a história foi montada, o roteiro inteligente, o jogo de imagens que, em muitos momentos, deixavam a tela em diversas profundidades, como se os pensamentos do criminoso ofuscassem o pensamento dos membros da equipe.

Criminal Minds - MasterpieceMe surpreendi com Rossi desvendando o criminoso e seu crime – talvez eu fizesse um reparo demonstrando depois de solucionado o caso e obtida a confissão, mostrando em que momento Rossi sacou tudo – será que ele descobriu a ligação Rothschild e seu irmão e então soube o que ele planejava?

Eu esperava um salvamento em último minuto, algo acontecendo e impedindo que a equipe se ferisse. Não esperava que eles já fossem para a casa com tudo tão bem planejado.

Ah, fui só eu a achar exagerada DEMAIS a reação de Jordan à intromissão de Morgan? Eu senti vontade de bater na garota – talvez eu, simplesmente, goste demais do Morgan.

Mais um episódio em que a atuação de Gray Gubler se destaca, dessa vez com Mantegna também mostrando serviço com bem mais tempo na tela. Apenas Hotch que anda um pouco apagado.

Séries citadas:

20 Comments

  1. Nana

    Concordo com a Tati: O Melhor episódio até agora!!!
    Muito bom mesmo! Inteligente.
    Mas faltou pra mim o momento em que ele desvenda o mistério e salva a equipe.

  2. Ligia

    O Melhor episódio até agora (3)

    Também senti falta a explicação…como assim ele matou a charada?? mas isso não tirou o brilho do episódio…cada vez mais foca no pessoal dos agentes. Simone…nao foi só vc q achou um exagero a forma com q a Jordan tratou o Derek…acho q não sou imparcial nesse caso, mas ele tava tentando ajudar!!!!!

    Sentindo falta do Hotch…ele ta realmente apagado… e a JJ fez falta tambem!
    Que venha o próximo!!!

  3. Cristiano

    Eu não acompanho Criminal Minds. Mas assisti a esse episódio por causa do Jason Alexander. Queria Ver “Geoge Costanza’ bancando uma de psicopata…

  4. Daniele

    Eu adorei este episódio….

    Achei a Jordan bem exagerada mesmo! é para rolar um clima entre eles gente, mais do q já rolou…rs

    Agora impagável a cara dos alunos qdo o Reid informa todos os cursos que fez…rsrsrs e depois o Rossi comentando q ele foi chamado lá por ser jovem para inspirar novos agentes…rsrs

  5. Mauricio Costa

    O Rossi não desvendou toda a história de cara. Ele apenas desconfiou da facilidade com que Reid descobriu o local e sacou que devia ser uma cilada. E usou isso para que o acusado confessasse tudo espontâneamente, o que deu certo.

  6. bia mafra

    Bem, algumas coisas. odeio review grande, mas realmente sempre falta alguma coisa nas curtas. e o que faltou? A EXCELENTE atuação do jason alexander, demorei para reconhecer e o achei simplesmente maravilhoso e o coloquei agora no rol dos atores injustiçados e ja voto nele para o proximo globo de ouro em participação especial.
    2 – concordo com mauricio em partes, acredito tambem que o rossi nao desvendou a historia toda, mas nao por causa da facilidade do rossi, mas pelas discrepancias do personagem e da historia contada.

  7. DIMAS

    Talvez Rossi tenha percebido a intenção do Rothschild, em razão da manipulação dele em cima do Reid, pois sabia que uma pessoa como ele facilmente perceberia a sequência de Fibonacci, levando-o a descobrir o local onde estavam a professora e as crianças. Com isso Rossi percebeu que a intenção não poderia ser essa, facilitar a salvação daquelas cinco pessoas e sim enviar outras cinco para tentar a salvação e aí sim ele conseguir seu objetivo.
    Houve uma análise precisa do Rossi, com uma visão sistêmica da situação, enquanto Reid teve uma visão específica e científica. É isso que torna interessante essa Equipe de Criminal Minds!

  8. Livia

    Ah, fui só eu a achar exagerada DEMAIS a reação de Jordan à intromissão de Morgan? Eu senti vontade de bater na garota [2]

    Jánão havia ido mt com a cara dela no primeiro ep. q ela apareceu, depois dessa então passei a detestar. Não só a atitude dela com o Morgan, mas tb depois indo correndo pro Hotch. RIDICULO.
    Espero q a JJ volte logo e q essazinha suma.

    Não gostei mt do ep., tava mt bom até o final, o lance de Rossi ter sacado tudo e tal. Tb queria um salvamento de ultima hora.

  9. Simone Fernandes Miletic

    Não foi só desconfiança, porque quando Garcia liga para Hotch depois da confissão ele pede que ela avise ao Rossi que ele estava certo, de que eles encontraram os tanques de ácido fora da casa.

    Rossi comenta que Spencer tbm ajudou, porque foi graças a sequência Fibonacchi que ele percebeu que ele não mataria os cinco reféns. Então ele sabia que o alvo era a equipe.

    Bia e Adelaid: nenhum porque não sou muito fã do ator e também não vi nada demais na atuação dele, acho que roteiro é que funcionou muito bem.

  10. Rodolfo Milet

    Também gostei muito deste episódio. O detetive que aparece discutindo com a novata no início do episódio é o ator Paul Michael Glaiser, o Starsky, da dupla Starsky & Hutch original, seriado dos anos 70 :)

  11. Aline

    Realmente, foi ótimo esse episódio,aliás, Criminal Minds anda cada dia melhor,a única série policial que assisto apaixonadamente.

    “Espero q a JJ volte logo e q essazinha suma”: concordo plenamente c/ vc,Morgan e essa doidinha aí não gostei. Humpf!

  12. ju

    Ótimo episódio, mas a Jordan… Quis que ela fosse vitima do assassino. Mulherzinha histérica! Volte logo JJ!

  13. Claudemir Antonio Zamproni

    Outro episódio muito bem realizado!!! Assisti-o com interesse e emoção.

  14. claudia

    Realmente foi de prender o folego.A Jordan…não vejo a hora dela ir embora.

  15. Debora..

    Exelente episodio ..JJ volta loga por favor aquela garota não dá ! Pra quem estava se intregando ao seu novo trabalho ela estava se achando demais ..faltou humildade e sobrou arrogancia achando que não precisa de ajuda de ninguem! agora ela faz parte de uma equipe ..
    O que deu em Rossi ciumes de Spencer ou inveja da sua inteligencia ?
    Se sentiu ofendido quando Hotch cogitou a hipotese de Spencer falar com o criminoso ele pode ter mais experiencia,mais inteligencia já é outra coisa né .. disputa de ego.. ? Passou da idade..né. Do mais achei tudo muito bom .. Parabens !

  16. Ligia

    Depois de tudo que foi falado aqui, nao acho q tenha sido disputa de egos, analisando bem ele matou a charada q era meio pessoal, qdo ele (o assassino) falou que tinha lido os livros dele, isso ainda no carro, e pedindo o Reid ele ia brincar muito e nao perder a cabeça como fez com o Rossi. Gostei muito. È um episodio q se encaixa cada vez que vc pensa nele…

  17. Camila lindinha

    Fala serio,Gluber,a cada momento da serie me surpreende .Trabalha bem,e poe tanta personalidade no personagem,q parece q respira da mesma maneira q contracena;
    Nen preciso dizer q ele além de tudo,tbm é meu favorito;rsrsrs

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account