Log In

Reviews

Review: Brothers & Sisters – Glass Houses

Pin it

Brothers & Sisters - Glass HousesSérie: Brothers & Sisters
Episódio: Telhados de Vidro (Glass Houses)
Temporada:
Número do Episódio: 40 (3×01)
Data de Exibição nos EUA: 28/9/2008
Data de Exibição no Brasil: 15/4/2009
Emissora no Brasil: Universal

Amigos do TeleSéries, aqui estou novamente escrevendo sobre o drama da família mais querida do mundo das séries atualmente. A família Walker esta de volta, e eu também.

Nesta temporada assisti somente os primeiros cinco episódios, deixando para acompanhar junto com a Universal Channel. O motivo: o pior de todos, falta de tempo. Então posso dizer, com certeza, que espero o melhor dos Walkers, como sempre.

A temporada já inicia com alguns dramas que iremos acompanhar durante esta temporada: o novo irmão, a adoção de Kitty e Robert, o namoro de Rebecca e Justin, a nova gerência na Ojai Foods e com isso, tudo que pode vir, inclusive o escritório de Kevin perdendo a conta da empresa da família.

A terceira temporada se inicia com a fusão da Ojai Foods com a Walker Landing para tentar saldar a dívida de 20 milhões de dólares adquirida pela antiga gestão, que foi a cargo de Saul e Sarah. Só para constar: estava com saudades da Sarah e de toda a sua raiva dirigida para a Holly.

Justin e Rebecca estão juntos. Nenhuma novidade. Somente, a principio, a necessidade de esconder de toda família. E tendo uma família com os Walkers, quem pode culpá-los?

Kitty e Robert estão tentando adotar e contam com a família para ajudar. Mas será que dará certo?

Brothers & Sisters - Glass HousesA decisão dos McCallisters de adotar levou a Kitty a pedir um favor de irmã a Sarah. Que devidos a problemas com o novo meio-irmão pediu a Nora para fazer. E para completar Sarah não escreve a carta e nem chega a terminar de ler. Neste momento já dá para imaginar a confusão que iria acontecer.

Para completar Kevin está a um passo de receber uma promoção devido a seu trabalho na Ojai Foods. O que ele não sabia era que estava prestes a perder a conta da empresa da família. Que belo começo de temporada.

Com a possível promoção, Kevin recebe as chaves da casa do chefe e, por uma grande confusão, acaba levando toda a família para o que deveria ser um romântico fim de semana com o seu marido.

Chantagens, mentiras e verdades não contadas, transformaram o perfeito fim de semana num completo desastre. A verdade vem à tona sobra a existência de um possível meio-irmão, o relacionamento de Justin e Rebecca, a demissão de Kevin pelo Tommy, o afastamento de Kitty e Sarah. A única que parece está lidando muito bem com todas essas crises é Nora, mas até quando?

Agora Holly também esta envolvida na história da nova/antiga amante de William. Não me entendam mal, adoro Brothers & Sisters, mas repetir a história, com um novo meio-irmão, é exatamente o que a série precisa?

E aonde está o tio Saul? O homem saiu do armário e sumiu?

Séries citadas:

12 Comments

  1. Thais

    Série MARAVILHOSA!!!

    Com certeza esse novo meio irmão vai ser bemmmm diferente da Rebecca,primeiro pq não tem mãe(já dá p se sentir aliviada,outra Holly ninguém merece!!!)e segundo que pelo que já li ele não vai ser bonzinho como Rebecca…Agora é só esperar!!!!

  2. FerNanda

    A série definitivamente não precisava dessa historinha de meio-irmão. Tô no 20° epi e muita coisa acontece com os Walker. Por isso achei desnecessária essa traminha do meio-irmão que é super chata por sinal.

  3. anderson

    Adoreiiiiiii o começo desta temporada. Promete.
    Tava com falta com os arrepios q B&S me causa, e akela cena final da Sally Field coma holly, meo deus, melhor atriz disparado.
    E acho otimo o meio irmao.
    bem vinda de volta B&S.

  4. Filipe

    “…bonzinho como Rebecca…”

    A Rebecca é uma falsa! Não acredito nela por nada! Não se esqueçam: a própria mãe disse para a Nora que ela não iria querer a garota na casa dela. Isso foi por algum motivo.
    Ainda sou contra o relacionamento semi-incestuoso Justecca. Eles foram irmãos durante um ano, pelo amor!
    Sarah Walker passando desodorante?! Só a Rachel Griffiths mesmo!
    E eu acho que, apesar de repetitiva, essa trama vai ser interessante. Eu não lembro de ter visto em lugar algum uma amante como a Holly. E uma segunda amante afetando a viúva e a amante #1 é uma abordagem interessante.
    Eu entendi a atitude do Tommy. Ele queria salvar a empresa sim. Não fez para magoar o Kevin. Só que ele deveria ter comunicado e discutido essa decisão com a família. Family business é muito complicado.
    Kevin e Scotty estão ótimos.
    E o que foi a Nora contando para a Holly que o William tinha uma outra amante e que eles tiveram o que a Holly nunca teve: um filho juntos. Vai Sally! Vai Patty!

    E o Justin precisa de uma storyline ASAP. Ele é o irmão mais chato e mais inútil para a série. Na 1.´ª temporada ainda ia. Na segunda, só no comecinho. Agora, pode jogar no lixo.

    Eu espero mesmo que essa temporada de B&S seja melhor que a segunda.

  5. Kelly-SP

    Se a Holly foi beneficiária do testamento por supostamente ser mãe de um Walker, como fica agora que esse laço não existe?

  6. Amanda Brito

    pelas minhas contas a temporada 1 teve 23 episódios, seuidos de mais 16 na segunda, somando 39 episódios.
    então esse é o numero 40, ao inves de 33, não?

    Resposta do Editor: Amanda, você está certa. Acabamos de corrigir a informação. Obrigado.

  7. Mônica A.

    Essa temporada está ótima. Adoro Brothers & Sisters e os dramas da família são sempre interessantes.

    Já tem um tempinho que vi esse episódio, mas amei, amei, amei ver meu diretor assistente preferido, dessa vez como chefe do Kevin. O Mitch Pileggi combina bem como chefe, não? Quem dera um igual. O meu é tão sem gracinha.

    Pra não dizer que a série está toda boa a Holly está cada vez mais nojenta e o novo meio-irmão poderia não existir. Bem que podiam explodir os dois. Não fariam falta.

  8. marília

    Felicidade plena = quartas a partir da 23h!!!!!

    episódio excelente pra começar uma temporada!

    Eu amo a Sarah, eu simplesmente adoro essa Sarah que não consegue deixar as coisas passarem, que cobra dos outros enxergarem aquilo que ela tá vendo, a Sarah sem limites, que estraga todo um fim de semana.

    Eu amo o Kevin, eu simplesmente adoro esse Kevin que morre de medo da família louca que tem ao mesmo tempo que ama cada minuto com eles, que é super competente e orgulhoso de si, o Kevin magoado, que não perdoará o irmão pela demissão e sim por este achar que Kevin (como ele mesmo achou por um bom tempo) não era parte do projeto do pai para a ojai.

    e amei a Nora, que feriu e jogou sal em cima daquela nazaré de pasadena! hahaha, não era a única amante e a outra ainda teve o filho que ela não teve de william. para quê melhor?

    @LilaLilu

  9. Tati Leite

    Sarah, Kevin e Nora são de longe meus personagens prediletos (depois de toda simpatia de Matthew Rhys, o Kevin ficou num lugar especial hehehe) e esse episódio teve o melhor dos 3.

    A Nora despejando a verdade na Holly só de raiva mostrou que ela é tão destemperada quanto a Sarah mas ao mesmo tempo que o destempero de ambas sempre tem um fundo de razão. Principalmente a Sarah. O pai deixou muita responsabilidade nas mãos dela e ao mesmo tempo a encheu de problemas e trouxe outros que ela nem tinha. Pq, em parte, ela perdeu a guarda dos filhos por confiar no pai e ir trabalhar na Ojai. E olha o inferno que a vida dela se tornou desde então?! E ser detentora dos segredos é algo angustiante realmente.

    Quanto a Rebecca continuo com meu pé atrás com ela. Não a acho uma santa. Pelo contrário, continuo defendendo que ela muito parecida com a mãe e na hora que o dela aperta ela sai atirando pra todos os lados. Ela não senta pra resolver. Dá chilique e vai embora.

    Por último, o Kevin tem toda razão de ficar magoado porque realmente as vezes fica difícil saber que lado que cabe a ele no legado do Sr. Walker. Kitty é a predileta, o Justin o eterno bebê – e acho que é exatamento isso que o personagem dele passa – Sara e Tommy foram criados para cuidar da Ojai. E ele?! Ele é o que afinal de contas?!

  10. Patrícia Y.

    Adorei ver o retorno de Brothers & Sisters, mais um pequeno barraco em família, como não podia deixar de ser, espero que essa temporada seja tão boa quanto a 2a.

  11. FIlipe

    Tati Leite, eu concordo com você em relação a Rebecca. Não confio nela por nada. Nem no Robert. O caso dele com a amante e a relação dele com a ex-esposa não me desceram e acho que isso ainda vai voltar.

    E Kelly-SP, o William não deixou o dinheiro para a Holly por causa da Rebecca. Ele nem sabia que a Rebecca era filha dele. Se você voltar na 1.ª temporada, toda essa história da Rebecca fica muito difusa. Foi mais ou menos assim:

    – Holly tem uma filha.
    – William é pai ou não?
    – Holly nega. Sarah não aceita.
    – Senha com ‘R’ no final.
    – Sarah confronta Holly e fala da senha para uma conta bancária de 32 milhões de dólares.
    – Holly diz que Rebecca é filha de William.

    E depois toda a história se envereda por um caminho tomando o que a Holly disse como verdade. Eu achei que fosse uma falha de roteiro na época.

    E o William deixou dinheiro para a Holly porquê ele gostava dela e viveu 20 anos com ela. 20 anos não é só um caso. É uma vida.
    Mas ele nunca quis que a Holly fizesse parte da Ojai. Isso ela conseguiu por pura manipulação.

  12. eudes junior

    Fica difícil eleger um personagem preferido entre Nora(pra mim a melhor mãe da TV atualmente), Sarah (Meu Deus, a Rachel Griffins é demais) e Kevin! B&S está sendo meu programa preferido das férias pois só agora pude assistir direitinho.

    Amo a Série!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account