Log In

Reviews

Review: 24 Horas – Day 7: 06:00 P.M. – 07:00 P.M.

Pin it

24 Horas - Day 7: 06:00 P.M. - 07:00 P.M.Série: 24 Horas
Episódio: Day 7: 06:00 P.M. – 07:00 P.M.
Temporada:
Número do Episódio: 155 (7×11)
Data de Exibição nos EUA: 2/3/2009
Data de Exibição no Brasil: 23/6/2009
Emissora no Brasil: Fox

Nenhum grande fato ocorre no começo do episódio. Entretanto, à medida que ele se desenrola, as coisas começam a ficar interessantes. E a emoção começa quando Jack se vê obrigado a interrogar Burnett, o assistente do senador Mayer. Tentando deixar Bill de fora de toda essa confusão, Jack o imobiliza e parte atrás do seu alvo. Gozado como ele sempre faz isso com quem em tese estaria do seu lado.

E Renee suspeita que algo estranho relacionado ao assassinato de Dubaku está ocorrendo no hospital. Talvez se ela ainda tivesse contato com Jack sobre as suas desconfianças, muitos eventos poderiam ter rumos completamente diferentes. Por exemplo, na Casa Branca, a presidenta se vê obrigada, depois de todo o cenário que Jack causou ao torturar o assistente de Mayer, a mandar prendê-lo.

Isso complicou muito as chances dele chegar perto de descobrir onde seria o ataque e mais longe ainda do perdão presidencial que a Presidenta estava disposta a conceder. Por outro lado, Chloe também enfrenta problemas quando Janis tenta descobrir o que foi deletado do arquivo com os nomes dos traidores do governo. Mas parece que a Janis não é movida por saber o que tinha no arquivo, e sim provar que Chloe está fazendo algo muito errado. Quando Chloe é escoltada, Janis parecia ter se livrado de uma grande rival.

Nem com o perdão presidencial a Presidenta consegue arrancar algo de Burnett, ou seja: ou ele tem uma saída para se livrar de tudo, uma coisa pouco provável, ou ele tem muito medo de que algo possa acontecer caso ele fale. Bill conversa com Tony e também se vê em uma encruzilhada, mas parece que ele tentará libertar Jack ou tentará descobrir por si só com Burnett onde será o ataque.

24 Horas - Day 7: 06:00 P.M. - 07:00 P.M.Os minutos finais sem dúvida foram de grande destaque para Renee que não só descobriu a equipe de Juma (achei estranho ele aparecer nos EUA) como também descobriu o plano da equipe dele para destruir a Casa Branca. Entretanto, a cena dos militares nadando e furando as pedras para atingir algum túnel secreto ou plantar bombas foi pra lá de forçada, principalmente em um dia em que pontos chaves deveriam estar fortemente vigiados.

Agora fica a expectativa: o que acontecerá na Casa Branca? Jack vai escapar de lá e retornar a busca por Juma e seus homens a tempo de evitar o atentado a Presidenta? Ou Renee e o FBI chegarão a tempo de tentar deter essa ameaça?

Séries citadas:

Luiz Marcelo é advogado. Fã de Lei & Ordem, Desperate Housewives, Grey's Anatomy, 24 Horas, The Good Wife e The Shield.

3 Comments

  1. DIMAS

    Realmente este episódios teve vários momentos “forçados”, entre eles a facilidade com que Dubaku é assassinado. Se ele era tão importante, como o FBI deixou que qualquer pessoa, simplesmente mostrando uma credencial chegasse perto dele? A explicação foi muito fraca.

  2. Eduardo

    Qualquer episódio dirigido por Brad Turner é sempre garantia de suspense e ritmo constante.

    Esse tipo de episódio é sempre divertido de assistir. Você vê as peças sendo arrumadas no tabuleiro, sabendo que alguma coisa está para acontecer em breve. 24 Horas ainda faz isso como poucas séries.

    Jack teve sua relevância, mas mais uma vez Renée roubou o episódio. Foi bastante ousado a iniciativa dela ir atrás do barco.

    Outro destaque foi Tony Todd, e sua performance como Juma. O cara tem uma voz e presença física pouco vista entre vilões na TV ou no cinema. E é um ótimo ator, com bastante experiência dos tempos de Star Trek (ele também fez A Rocha).

  3. marília

    Que Renee roubou o episódio o quê! ó quer saber, não dá. a mulher é completamente louca e sem noção… ocupa mesa no FBI e vem querer dar uma de malandra das ruas… qntas operações undercover ela deve ter feito? nenhuma. Eu simplesmente não consigo aturar Renee.

    achei nada forçado. achei tudo ótimo e verossímel (na medida que 24 permite, é lógico) se tava vários escalões comprometidos, se as coisas já estavam planejadas a um tempo, faz total sentido que a segurança naquele ponto debaixo d´agua devesse estar desprotegido.

    no mais, EU AMO JACK! qnd ele diz que ryan of all people should know do que ele era capaz… e mesmo assim o tal do assessor não arregou. ótima cena.

    achei o episódio fantástico e tô sedenta pela vingança da Clhoe. quem janis pensa que é?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account