Log In

Reviews

Review: 24 Horas – Day 5: 10:00 P.M.-11:00 P.M. (episódio 112)

Pin it

cena de Day 5: 10:00 P.M.- 11:00 P.M.Série: 24 Horas
Episódio: Day 5: 10:00 P.M.- 11:00 P.M.
Temporada:
Número do Episódio: 112
Data de Exibição nos EUA: 3/4/2006
Data de Exibição no Brasil: 19/6/2006
Emissora no Brasil: Fox

Bom, começamos na CTU com todo mundo tenso e preocupado com o paradeiro de Jack. Mas eis que no meio das chamas e fumaça, para alívio de Curtis e todos na CTU, aparece Bauer carregando Bierko. Sem praticamente nenhum arranhão! Na verdade Jack Bauer é um Highlander, só cortando a sua cabeça mesmo. Mas o fato de Jack não ser ferido ou parar no hospital deve ser atenuado devido ao próprio conceito da série, o tempo real. Antes de voltar a CTU, Jack faz uma ligação para Buchanan revelando que está com medo (medo?), de que a conspiração desta vez tenha chegando nos altos escalões do governo. Se não me engano é a primeira vez que vejo a palavra “medo” sair da boca de Jack Bauer. O que significa dizer que o “medo” dele na verdade significa terror, calamidade, para nós, meros mortais. Exageros à parte, no retiro presidencial, Aaron e Wayne, que estava dentro do porta-malas, finalmente estão a Então Wayne revela para Aaron que seu irmão tinha uma fonte na Casa Branca e que precisa falar com ela para descobrir por que Palmer foi morto. A informante no final das contas é a assessora de Martha, a “invisível” Evelyn.

Wayne encontra com ela e a pressiona para que revele o teor dos e-mails que ela e seu irmão trocavam. A princípio ela se nega a revelar algo, mas com a insistência de Wayne ela diz ter provas de quem de fato orquestrou os eventos do dia, porém ela não quer revelar nada, pois sua filha fora seqüestrada. Na CTU, a Homeland Security, apesar dos esforços de todos e mesmo com a busca por Henderson ainda em andamento, chega para tomar o lugar da unidade. Porém, para que Karen tenha tranqüilidade em seu “reinado” sem a interferência de Buchanan, Miles tenta assegurar com que os erros da CTU sejam corroborados, de preferência por alguém que presenciou todos os fatos do dia e não seja parte da equipe dele. Miles mira em cima de Audrey e teria sucesso se a loira não apoiasse as ações e, como a Karen reconheceu, a CTU não tivesse impedido que várias pessoas morressem. Com classe e com propriedade, ela percebe que a proposta de Miles na verdade é um meio para que a CTU seja responsabilizada caso a Homeland Security não obtenha sucesso e se recusa assinar o documento. Nem a sutil ameaça de Miles, que o pai dela possa ser também responsabilizado, a faz mudar de idéia. O interessante é que quando Miles cita o Departamento de Defesa, ela se inclina a mesa parecendo que de fato iria assinar o documento. Ela até estava com uma caneta em mãos! Mas a ligação de Jack, que a pedido de Wayne tentará resgatar a filha de Evelyn, acaba alterando o quadro para Audrey.

Com Chloe fora de suas funções e a grande suspeita que alguém da Casa Branca possa estar envolvido, se faz necessário que Karen fique fora desta manobra de Jack, já que ela deve reportar suas ações diretamente ao vice-presidente. Realmente é fácil desconfiar de Gardner por colocar a CTU mais longe de Henderson, no entanto a idéia de policiar a cidade com a lei marcial, afasta um pouco essa teoria. E precisando de Chloe para acionar os satélites para o local onde a troca da evidência pela filha de Evelyn ocorrerá, Audrey age rápido e assina o documento que aponta várias falhas de Buchanan na CTU durante as ações deste dia. Wayne e Gardner têm um rápido encontro no retiro presidencial. Ele esconde o curativo em suas mãos e Gardner parece surpreso em vê-lo. Mas Aaron e Wayne conseguem sair dali aparentemente sem levantar suspeitas. Na CTU, uma irritada (na verdade mais irritada ainda) Chloe está inconformada de perder seu posto. Afinal há muitas coisas que precisam ser feitas. Ela se dirige a Buchanan que acredita que a decisão de dispensar a CTU será revertida. No entanto, quando Miles revela a Chloe que ela não será mandada embora a pedido de Audrey e ela fica surpresa. E Miles ainda revela a Buchanan (parecia que ele estava adorando esse momento) que Audrey assinou um documento responsabilizando-o pelos erros durante o comando dele à frente da CTU. Buchanan diz não acreditar, porém quando Audrey revela que é verdade, ele fica pasmo. Afinal ele a defendeu para que ela não fosse torturada e sempre confiou nela. Chloe fica surpresa também. Essa foi uma medida que certamente foi movida pelas circunstâncias, porém Buchanan não sabia disso e foi surpreendido. E a Audrey parecia tão boazinha…

cena de Day 5: 10:00 P.M.- 11:00 P.M.Evelyn recebe a ligação de Henderson e fala com sua filha, com Jack ouvindo a conversa. A pobre menina deve estar imaginando que o Robocop está desprogramado. E enquanto recebe o endereço de Jack, Audrey vê Buchanan saindo. Ele lança o olhar “você me paga sua sem-vergonha” (isso para ficar em palavras publicáveis). No entanto, ela não tem tempo para lamentar sua decisão e vai direto a Chloe, que está com muita raiva dela, tanto que para receber sua atenção ela precisa agarrar a sua mão. Porém, quando Audrey menciona Jack, a situação muda e rapidamente ela concorda em ajudar. Jack encontra Wayne e Evelyn. E pede que Wayne vá embora enquanto ele e Evelyn seguem para fazer a troca. Wayne, com uma declaração emocionada que comove até mesmo o durão Jack, revela que não conseguiria ir embora e quer ajudá-lo a apanhar a evidência que aponta o verdadeiro culpado pela morte de seu irmão. Jack aceita relutantemente e eles partem. No retiro presidencial, o vice-presidente pergunta a Logan porque Wayne não o visitou, aguçando ainda mais as suspeitas sobre ele. Logan revela que não se dava bem com Palmer e esse pode ser o motivo. Jack Wayne e Evelyn chegam em uma refinaria de carvão, o lugar da troca. Evelyn vai à frente enquanto Wayne e Jack se encarregam de eliminar os homens de Henderson. Destaque para o momento em que Wayne hesita em matar um dos capangas e deixa todo mundo com o coração na mão até o último instante.

No maior estilo 24 Horas, muitos tiros correria e muita tensão, até que no final Evelyn leva um tiro sem maior gravidade e ela finalmente revela quem está por trás de tudo. Durante sua fulga, Henderson telefonema e, para a surpresa de muita gente, descobrimos que um dos presidentes mais abobalhados da história da tevê americana está por trás dos ataques! Espanto geral e uma revelação que até mesmo chega a surpreender os mais viciados fãs da série. Aliás, é uma baita reviravolta tendo em vista que desde a quarta temporada Logan parecia fraco e incompetente para orquestrar ou fazer parte de um plano como esse (seria o caso também de Bush e do nosso presidente?). Mas mesmo tentando direcionar o público a fazer crer que o vice-presidente poderia ser o autor da conspiração, em 24 Horas uma coisa que parece lógica nunca reflete a verdade dos fatos. Por isso eu achava que na verdade Mike Novick seria o autor ou um dos mentores desta conspiração, afinal ele tem acesso a informações privilegiadas, era contrario a lei marcial e ficou fora de foco nessas últimas horas. Abaixo segue, o depoimento de Gregory Itzin ao TV Guide sobre o que ele achou de ser o grande vilão desta temporada:

Eu fiquei bastante deprimido por algum tempo. Como ator, você quer ser amado ou querido, e quando o seu personagem de repente se revela o malvado, você se se sente marginalizado. Pode soar infantil dizer isto, mas você começa a pensar ‘O que vai acontecer quando Jack Bauer, o anjo vingador da América, não gostar mais de mim?’

Aproveito para agradecer os elogios que a coluna vem recebendo! Obrigado e espero que continuem se divertindo com ela!

Séries citadas:

Luiz Marcelo é advogado. Fã de Lei & Ordem, Desperate Housewives, Grey's Anatomy, 24 Horas, The Good Wife e The Shield.

18 Comments

  1. Eric

    O melhor episódio de 24 Horas até agora. A revelação que o Logan é o traidor pegou todo mundo de surpresa. E eu achando que o traidor era o vice-presidente, coitado. Essa 5ª temporada esta maravilhosa.

    Otimo review Paulo. Mais o que aconteceu com o Luiz Marcelo?

  2. Juliano

    ‘O que vai acontecer quando Jack Bauer, o anjo vingador da América, não gostar mais de mim?’

    HAHAHAHAHHAHAHAHHAHAHAHAHA…muito bom isso.

    Ótimo review, Marcelo.

  3. Thiago

    (eric, qm escreveu foi o marcelo. o nome do paulo é um errinho só. já-já corrige)

    Quando eu tava vendo o episódio, tava esperando logo que Bauer descobrisse que o vice fosse o traídor. Mas minha nossa! O presidente é o manda-chuva na situação? Caramba! Agora faz sentido: um homem tão idiota não poderia ser o presidente dos EUA (ehr… na ficção pelo menos) então ele ser um banana era tudo uma fachada. Está aberta agora a Caixa de Pandora. Por isso o Roboco naõ abria o bico.

    O Greogory Itzin é dos melhores atores nessa temporada e traz credibilidade demais na temporada. Vai ser legal vê-lo como vilão. Mas, em contraponto… a série terá algumas horas chatas, com certa enrolação. Mas com final dos melhores.

    Pobre Buchanan. Jack vive ensinando pessoas à comenterem o primeiro homicídio (Kim, Kate, Wayne…) Chloe rocks!!!
    E tamo vendo muito 24 Horas, né? Desde quando um tiro na perna, de metralhadora, não é nada demais? =p

  4. Luiz Marcelo

    Ei, eu fiz o review eheheh!! O Editor deu um lapso somente. Ou ele gostou tanto da coluna que resolveu “apropiar-se” dela! :p

  5. Paulo Antunes

    Luiz, mil desculpas!
    O texto já foi devolvido ao seu verdadeiro autor.

  6. Paulo Antunes

    Aliás, discordo do que você disse que 24 Horas é uma série em tempo real.
    O tempo em 24 Horas é surreal!
    Na quarta temporada, demorou uns quinze minutos para a Mandy conseguir um documento com o perdão presidencial. No episódio passado, a Collette conseguiu a imunidade (assinada pelo presidente e revisada por seus advogados em Zurique) em cinco minutos.
    24 Horas é uma série de sci-fi!

  7. Luiz Marcelo

    É claro que é complicado administrar a questão do tempo em todos os 24 episódios. Vc precisa, por exemplo “esquecer” que congestionamentos existem em LA :p

    Mas o que eu me referi que certas coisas são inviáveis pelo próprio conceito da série. Por exemplo que alguém pare para comer, Jack ir ao banheiro, etc.

    Mas todas as séries tem esse toque sci-fi. Ou alguém acha mesmo que em Veronica Mars alguém sobreviveria a um acidente de um ônibus que cai de um despenhadeiro?

  8. sandra wolga

    adorei o episódio só acho que os roteiristas terão muito trabalho para me convencer desta reviravolta, pensem nos detalhes dos episódios anteriores…

  9. ILF

    Muito bom o episódio, e só melhora daqui para frente. Só achei estranho que no capitulo anterior eles torturam Audrey, que filha do secretario de segurança sem problema nenhum. Mas Evelyn que corfimou que sabia quem era o mandante de tudo, recebeu outro tratamento, era ela que mandava.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account