Log In

Reviews

Revenge – Confidence, Intuition e Forgiveness

Pin it
Série: Revenge
Nome dos Episódios: Confidence, Intuition e Forgiveness
Número dos Episódios: 2x03, 2x04 e 2x05
Exibição nos EUA: 14, 21 e 28/10/2012
100
5
2

A vingança começa a se tornar mais ardente. E a cada vez que Emily Thorne tenta se aproveitar da situação para conseguir penetrar nas camadas ferventes de Victoria Grayson, seu poder aumenta tornando o poder um grande muro de fogo impenetrável. Mas para toda doença, existe uma cura. E Emily Thorne precisa correr atrás disso.

Nesses três episódios de Revenge, a nossa pequena vingadora, sofreu, lidou com situações que nem imaginaria e em várias reviravoltas, ela conseguiu e perdeu quase tudo. Como eu sempre digo em relação às temporadas posteriores a primeira, já temos a visão de todos os personagens e de suas histórias. As temporadas posteriores têm como fundamento se aprofundar ainda mais na problemática e mostrar por que veio. Revenge mereceu ganhar essa segunda temporada?

Confidence

O episódio que explorou de modo bem significativo o relacionamento misterioso dos pupilos do Takeda, o homem com cirurgia plástica, mostrou que ambos tiveram um misterioso romance que acabou em tragédia quando Aiden deixou Emily para trás, quando viajou em busca de salvar sua irmã.

O estranho aqui é saber que ‘confiança’ é uma palavra que possui várias significados para Revenge. Emily diz não confiar em ninguém, mas mesmo assim necessita da ajuda dessas pessoas para conseguir atingir os seus objetivos. Ela está certa nesse ponto. Para alguém que pratica a vingança, a confiança deve ser testada a todo o momento. É como se fosse uma validação de login que utilizamos para acessarmos a algo pessoal. A confiança é algo momentânea, segundo Revenge, e essa é a verdade. Aiden, por sua vez, quer retomar a confiança que Emily sentia por ele algum dia, algo que duvido. Da mesma forma que os personagens, nós, os vingadores, temos que desconfiar de qualquer movimento realizado dos personagens. Diria que até Jack pode se tornar um instrumento de análise se pararmos para pensar que suas ações estão sendo tomadas de modo transparente e muitas vezes, inesperado.

Acredito que a cena que tenha chamado mais a minha atenção, de fato, foi a cena onde Victoria apresenta a família unida para a mídia. Eu senti um calafrio na espinha tão grande quando a Ashley afirmou que eles estão mais fortes do que nunca, por que é uma verdade. Apesar da família Grayson não ser a família do ano e eles tentarem acabar com a vida um do outro, todos permanecem juntos quando alguém tenta invadir o seu ninho. Os Grayson são um terrível inimigo que se Emily quiser derrubar, precisará mais do que uma arma para isso.

E a grande revelação do episódio certamente foi ver a mãe de Emily tendo um caso com Gordon – o suposto nome do homem do cabelo grisalho. E temos tantas perguntas agora que sabemos que ela está realmente viva. Por que o pai de Emily a escondeu? Por que Gordon não contou para Emily que ela estava viva? O que mais Emily precisa fazer para conseguir as respostas? Seria tão fácil se Victoria não tivesse mandado aqueles guardas na casa de David. Aquilo mudou a vida de Amanda, ou diria, Emily.

Intuition

Quem diria que a pessoa que você mais ama é a pessoa que você deveria mais odiar, não é? A vingança pode ter seus momentos bons que te trazem o sangue de poder. Mas tem os momentos de tristezas e impiedade.

Emily iniciou sua jornada sabendo apenas que seu pai havia sido preso injustamente pelo maior amor de sua vida. Mas ela descobriu da pior maneira, que tinha uma irmã e que sua mãe estava viva. Família é sempre complicada. Apesar de eu acreditar que os termos ‘pai’ e ‘mãe’ são meros títulos que rotulamos nas pessoas, a mãe de Emily não me parece ser uma mãe que eu desejaria a mim ou a qualquer outra pessoa. Ficou claro nesse episódio que o acidente de avião foi realizado por um grupo chamado Iniciativa. Esse grupo incluía Conrad, Victoria, Gordon e a própria mãe de Emily. E se vocês tiverem concluído tudo o que eu concluí, de certo modo, a própria mãe de Emily enviou e praticamente matou David. Por que ela faria algo assim? E o pior, quais eram os motivos da mãe de Emily para praticar tamanha carnificina com as pessoas do avião?

Ashley foi desmascarada por Daniel, que tem se mostrado uma pessoa fortemente inteligente nessa temporada. Após sofrer em todas as formas pela sua mãe, seu pai e a todos em sua volta, ele está arrumando as mangas e está pronto para confrontar toda a impunidade que ocorre em sua família. Ele não quer ser como seus pais e isso não só está certo, como é o dever dele. Ashley, por sua vez, está se mostrando um personagem chato, que me deixa entediado e que está consumindo minutos preciosos na série que podem ser concebidos a outro personagem mais relevante, como o Declan – se é que vocês me entendem.

E falando em Declan, o que será que aquela dupla dinâmica pretende fazer com os dois? Quer dizer, ambos já passam por dificuldades financeiras. Por que os dois estão interessados em comprar o bar?

Quem aqui não ficou chocado com o acidente de Amanda, que atira a primeira pedra! Victoria, a maior bitch de toda a série, atacou novamente e atacou com garra! Mas foi um choque e tanto saber que a mãe de Emily queria matá-la. Não é algo que uma mãe faz. E apesar de tudo o que a falsa Amanda fez na série, ela nunca fez pensando em prejudicar ninguém. Se formos pensar, ela é apenas uma pessoa sem rumo que infelizmente acabou caindo na rede embaraçada da vida de Amanda Clarke.

Aiden se mostrou uma pessoa de confiança. Certamente, na cena em que ele puxava Emily para um conforto de amigo, hesitávamos junto com ela. A dor de saber que sua mãe é um monstro é um dor horrível. A pior dor é a dor do sofrimento. Uma dor que te corrói aos poucos e te torna fraco e vulnerável. Mas acredito que Emily não ficará parada sabendo que sua mãe fez tudo isso. Ela buscará a verdade e principalmente: buscará sua vingança.

Forgiveness

Para que assistir novela das oito? Revenge se tornou uma novela cheia de reviravoltas! Engraçado, chegamos até esse ponto e já aconteceu tanta coisa, não é? Pensei que a busca pela mãe de Emily demoraria uma eternidade, mas aqui está ela. Kara está parada ao lado de Emily perguntando se a filha havia perdoado ela. Mas que coisa curiosa, não é? Emily abandonou a sua antiga vida para se vingar da morte de seu pai, e as coisas mudaram totalmente de figura. Ela ainda quer se vingar dos Grayson? Agora que ela encontrou sua mãe, o que ela fará? E o pior, o que os Grayson farão com Kara?

Acredito eu que a maior bomba do episódio foi ver Mason ressurgindo das cinzas trazendo flores para Amanda e querendo uma coletânea completa do que aconteceu com a mãe da Amanda. O que Mason pretende? Lucrar e faturar com a maior bomba e revelação da história? E o pior de tudo é que ele está destinado a conseguir o que quer dessa vez, principalmente pelo fato de ele saber que a verdadeira Emily não é a Amanda Clarke!

As cenas desse episódio foram tensas, emocionantes e muito verdadeiras, no meu ponto. Todos os atores derem um show de interpretação, principalmente Emily VanCamp com sua atuação magnífica ao escutar sua mãe pedindo perdão para a falsa Amanda.

Deixei dois episódios sem comentar, mas achei relevante comentar agora sobre a versão feminina de Tyler, Padma. Quem é ela? O que ela quer? O que pretende querendo o contrato de David Clarke? Poxa, fiquei tão chocado ao saber que ela era uma ameaça, pois esse romance estava caindo como uma luva no momento atual para Nolan. Ele está tão sozinho e passando por dificuldade com a morte do pai – que só veio misteriosamente à tona agora -, ele merecia esse romance. Mas um verdadeiro é claro. E Emily certamente está pecando em se esquecer dele, agora que ela conseguiu um novo parceiro para a vingança, Aiden.

E falando no homem que tem praticamente o nome de uma doença (piadinha), eu achava que ele merecia uma confiança, mas eu estava errado. Ele é particularmente individualista, e apesar de querer o melhor para Emily, ele age por conta própria e vai prejudicar muito o Nolan conquistando a empresa dele.

Considerações Finais

Revenge deu uma grande girada em sua trama nesses três episódios e certamente pretende afundar ainda mais nessa grande cama de gato. Não sabemos ainda quem morreu no barco como mostrado no começo da temporada, mas certamente não é uma pessoa qualquer. Não sabemos ainda qual será o próximo passo de Emily, já que em meu ponto de vista, sua vingança ficou sem rumo agora que ela encontrou sua mãe e suas emoções estão muito abaladas agora. Mas se vier à tona a verdadeira identidade da verdadeira Emily, a nossa pequena vingadora estará em sérios apuros. Qual será o próximo passo de Amanda Clarke?

Séries citadas:

Bacharel em Ciência da Computação pela Universidade São Judas Tadeu. Nasceu em São Paulo, Brasil, no ano de 1993. Trabalha com desenvolvimento de software na Foster, empresa afiliada a WPP, estuda teatro e desenvolve vários experimentos em seu Laboratório. Assiste Once Upon a Time, Nashville, Downton Abbey e muitas outras.

Website: http://www.mariomadureira.com.br

10 Comments

  1. biancavani

    Sem dúvida mereceu uma segunda temporada!
    Estou gostando de ver que Emily está mais fria, caso contrário a revenge acabaria sendo contra ela.
    Muita coisa nova acontecendo (menos o Declan: ê menino tonto!), adorei o fato de a mãe não ser boazinha, pois isso foi inesperado para mim. O personagem Aidan também acrescentou muito à história: chega de pares bobões para Emily.
    Nunca entendi por que Emily trata Nolan tão mal.

  2. Mario Madureira

    O Nolan está muito cute nessa temporada! Até eu fiquei chateado por ela não ter falado com ele referente a morte do pai dele. Na verdade, a Emily trata mal todo mundo. Ás vezes ela trata bem, mas para benefício próprio! =/

  3. Mario Madureira

    Verdade Luks! Essa segunda temporada está muito boa! O Mike teve tempo de montar uma vingança mais apimentada para essa temporada!

  4. biancavani

    Mas o Jack ela sempre tratou bem. O Sammy (que está hoje no paraíso dos good dogs) também. Charlotte, idem. Mas o nosso bom Nolan, não; ela o trata bem rispidamente ele (e, na verdade, a desatenção para com ele é até o de menos). Creio que isso será explicado mais na frente.
    SUPERCUTE! O Nolan sempre foi meu personagem masculino predileto.

    Tive de abortar meu comentário anterior (compromisso em cima da hora), então acabei não falando da Padma. Legal, ela também tem motivações secretas (e a gente estava pensando: “que legal, um bálsamo para o pobrezinho).
    Outra coisa que veio dar mais gás: por cima de Victoria e Grayson-pai tem um grupo poderoso. Uau, mais desafios e vinganças para nossa Revenger! E assim a história ganha mais complexidade..

  5. Mario Madureira

    Com certeza! Pensei que a temporada inteira ficaríamos naquela história de encontrar a mãe da Emily, mas parece que o buraco é mais embaixo! E pensando desse lado, realmente existem pessoas que ela trata bem.

    Campanha “Emily trate o Nolan melhor!”. Aquele momento que você imagina um spin-off de Revenge, entitulado de “Revenge – Nolan’s Turn”.

  6. Pingback: Destaques na TV – Terça, 4/12

  7. Pingback: Destaques na TV – Terça, 11/12

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account