Log In

Especiais

Retrospectiva 2006 – XXV – A busca pelo próximo Lost

Pin it
Cenas de Threshold, Invasion e Surface

Daughtery e Richard tentam provar o que o governo americano que esconder: que há algo muito, muito grande no fundo do mar. Russell e seu cunhado Dave observam estranhos acontecimentos na cidade após a passagem de um furacão – incluindo uma radical mudança no comportamento de sua ex-mulher. E a doutora Molly Caffrey é chamada às pressas pelo exército para montar a equipe que irá investigar os acontecimentos que levaram a população de um navio à morte.

O que estas três histórias tem em comum? Muita coisa.

Surface, Invasion e Threshold foram todas grandes apostas da temporada 2005/2006. E todas fracassaram (Threshold sequer conseguiu entrar o ano de 2006 nos EUA). Todas foram exibidas no Brasil este ano e fizeram fãs por aqui. Todas sinalizavam um retorno do marginalizado gênero sci fi ao primetime americano. E, mais importante do que tudo, todas, de uma maneira ou de outra, tinham algo de Lost.

Na TV americana de tempos e tempos se cria alguma coisa e a partir dela nascem diversas cópias. Depois do sucesso de Lost em 2004-2005 os produtores de TV correram atrás de sua própria série de culto, com o objetivo de arrastar multidões de telespectadores para a frente da TV (e para fóruns na Internet, convenções de quadrinhos e também para garantir vendas recordes de DVDs e produtos relacionados). Lost reacendeu uma chama paixão (e de consumo) que não se via desde Arquivo X. E, assim como Arquivo X em sua época, deverá ser muito copiada ao longo dos próximos anos.

A primeira leva destes cylons de Lost flertava justamente com os elementos sobrenaturais da série e pelas tramas repletas de mistérios e deram o pontapé inicial para o que os crítica vem chamando de dramas serializados – série dramáticas com uma linha narrativa igual a das telenovelas, com episódios interligados, exigindo a fidelização dos telespectadores.

Surface, dos jovens irmãos Josh e Jonas Pate, Invasion, do experiente Shaun Cassidy, e Threshold, com assinatura do especialista em sci fi Brannon Braga, tinha as suas virtudes. A primeira atraía por remeter aos melhores filmes de Spielberg e James Cameron. a segunda pelo clima denso que criava e que lembrava filmes de terror B. Threshold vinha com uma fórmula a mais original (com destaque para o diferencial de ter episódios fechados em si), mas era também a mais complexa e a que tinha os personagens menos carismáticos. Apesar de suas qualidades nenhuma delas ultrapassou a marca da primeira temporada e todas saíram do ar com finais abertos.

Mas os produtores não desistem. Em 2006-2007 eles voltaram ao ataque com novos cylons, agora menos sobrenaturais e mais baseados mais nas características humanas de Lost: tramas de mistério, personagens com segredos, histórias que se interligam, flashbacks. Até aqui o saldo também não é bom: séries como The Nine e Six Degrees vão mal nos EUA. Mas alguns cylons começam a mostrar potencial, a desenvolver suas próprias fórmulas e conquistar seu próprio espaço.

Séries citadas:

É jornalista, pós-graduado em Jornalismo Digital pela Pucrs e trabalha com produção de conteúdo para Internet desde 1995. É editor de internet do Jornal do Comércio, de Porto Alegre. Fundou o TeleSéries em agosto de 2002. Na época, era fã de The West Wing, The Shield, Família Soprano e Ed. Atualmente é viciado em The Good Wife, NCIS, Game of Thrones e Parks and Recreation.

69 Comments

  1. Rosana Mi

    Mas pensando bem, apesar de amar Veronica, pra mim a série REALMENTE DUCARAIO é WEEDS…
    Cada episódio que vejo não acredito! É sempre tão divertido, e tão inteligente!

  2. Rosana Mi

    Mas pensando bem, mesmo amando Veronica, pra mim a série REALMENTE DUCARAIO é WEEDS!!!
    Cada episódio que vejo não acredito… é muito divertida e muito inteligente!!!

  3. Rosana Mi

    ops… achei que não tinha ido o post… tentei escrever a mesma coisa… foi maus…

    Bem, mas comentando as 3 séries citadas, só assisti Invasion e Surface. Essa última pra mim foi bem fraquinha, uma enrolação só, tinha um monte de coisa acontecendo, e de repente as soluções ocorriam fáceis demais… ou seja, um “suspensezinho” só pra terminar o episódio, e qdo começava o outro já se resolvia rapidinho, de qualquer jeito, sem nenhuma lógica…
    Invasion eu gostei mais, mesmo também achando a mesma enrolação sem fim…

    Sinceramente? Séries que, na minha humilde opinião, não causam espanto quando anunciam seu cancelamento… mesmo a gente gostando de alguns personagens, etc e tal… falta um que, um algo a mais…

  4. Raquel

    Sempre existe o lado contra, não podemos esquecer disso. Gosto é gosto , mas não significa que não exista o bom e o ruim. Existem séries ruins e ponto final como Invasion, mas que teve gente que gostou, e há séries ótimas e ponto final como Lost, que há uma parcela que não gosta.

  5. Raquel

    Sempre existe o lado contra, não podemos esquecer disso. Gosto é gosto , mas não significa que não exista o bom e o ruim. Existem séries ruins e ponto final como Invasion, mas que teve gente que gostou, e há séries ótimas e ponto final como Lost, que há uma parcela que não gosta.
    E Vm é du caraio, assim como Dexter!

  6. Leonardo

    Lost pra mim é e sempre foi uma série cheia de clichês, mas eu gosto e isso é fato. Como exemplo disso temos Chaves, Caverna do Dragão, nelas a gente sempre sabe o que vai acontecer mas ama assistí-la.

    Surface eu só assisti o season premiere e o finale e gostei muito. =P

    Threshold nem sabia em que canal passava…

    E eu gosto muito de Veronica Mars, mesmo que tenha mudado seu foco ultimamente…

  7. Lucas Barreto Gomes Leal

    Invasion pra mim tem mto mais de X files do que de Lost!!!
    não tem mto a ver com Lost pra mim não…a não ser essa coisa do episodio não fechar em si coisa que Lost não invetou somente resgatou

  8. Dário

    Gostei de algumas opniões que ví aqui, assim como achei outras muito incovenientes.

    INVASION foi sim, uma série muito boa, prendeu minha atenção em todos os episódios. Prendeu atenção até da minha família que não muito ligada a séries.

    Acredito que INVASION lembrou mais Arquivo-X, da qual sou praticamente devoto, do que Lost. Realmente concordo que uma série de TV não mexia tanto com as pessoas como LOST, desde a época de Arquivo-X.

    É uma pena uma série tão boa quanto INVASION ter acabado. E com um final que dava “pano pra manga” pra uma ótima continuação!

  9. Fernanda

    eu adorei Ivasion!!!!
    Poxa, acabar a série deixndo um suspense no ar é muita sacanagem!!!!! eu vi um dvd depois do outro e assim que acabei corri para a internet para ver se a 2º temporada estava a venda! e acabei de descobrir que ela nem existe! e que provavelmente nunca será gravada!!!!!!!!!!!!! aaaaaaaaque sacanagem!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  10. Ruben

    Não importa o que digam a série INVASÃO era d+
    uma das melhores séries dos ultimos anos. Quem não curtiu é por que não viu ou não possui capacidade suficiente para entender por que é ignorante!!!!!!!!!!!!!!!!!

  11. Edyen

    Ai, que saudades de threshould! Eu só queria saber como foi o último capítulo… Estava contando que a série continuaria, a acabei perdendo os últimos capítulos! Se alguém puder me contar, eu agradeço.

  12. Rodrigo

    O negócio mesmo é porradaria, sem essas frescuras de enigmas, miestérios, segredos sobrenaturais, melhor mesmo é 24 Horas, Jack Bauer neles!!!

  13. Julio Pires

    Acho uma falta de resepito com o telespectador terminar uma serie sem motrar o final da trama.

  14. juniorvelox

    Poxa caras falar que Lost é porcaria, isso nem merece resposta 24 horas tudo de bom e heroes sem comentario 10 d+, surface só acopanhei de uns dias para cá depois que vi na record semana passada e baixei tos os 15 episodios achei d+ pena que acabou sem final deixando um gostinho de quero mais. juniorvelox@hotmail.com .

  15. Bruno J.

    Realmente, não há como negar as semelhanças com o gênero muito bem aproveitado em Lost, infelizmente, nem todas séries conseguem implacar , com foi o caso de Invasion, que começou extremamente bem, com mistérios que prometiam, mas não sei como conseguiram se perder no caminho, a história começou a ficar chata e repetitiva e os mistérios cada vez mais deseinteressantes, quanto a Surface acabo de assistir um episódio, e acredito que o grande problema da série foi realmente não saber como levar os mistérios e incentivar o público a desvbendá-los, o que Lost de longe faz com maestria.

  16. dinho

    Surface era mto legal, mas pareceu que os roteiristas se perderam, e no final acabou pq não chamou a atenção de um público fraco (americano), tanto que uma série sem graça, sem sal, e sem nada ficou no ar por 7 temporadas (gilmore girls).A Invasion era muito boa, me lembrava dos filmes dos “Invasion of the Body Snatchers” e tinha todo o clima pra se manter por algumas temporadas, além de ótimos roteiros. A 3.a eu nem lembro se vi algum episódio… então nem comento…
    Agora falar mal de Lost, ou House pra justificar o fracasso de outras séries, não tem nada a ver…

  17. Stela

    Alguém poderia me falar como posso ter o último capítulo de Invasion, se é que teve um final!!!
    A série estava boa, porém a Warner reprisava demais!!!
    Quando voltei a assistir…kd a série???
    Só queria saber como acabou!!!
    abrçs

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account