Log In

Notícias Novos Pilotos e Séries

Produtor dá detalhes sobre ‘The Mob Doctor’, que estreia nesta segunda nos EUA

Pin it

É fã de dramas médicos? Se a resposta for ‘sim’, então você será um espectador feliz. Mais uma produção do gênero chega nesta segunda-feira, 17, à TV americana, pelo canal Fox: The Mob Doctor. Em entrevista ao TV Guide, o roteirista e produtor da atração, Josh Berman, deu detalhes sobre o novo programa e o que o inspirou a criá-lo.

De acorodo com Berman, tudo começou quando a atriz Jamie Lynn-Sigler (da série sobre a máfia italiana The Sopranos) participou de Drop Dead Diva, atração em que trabalha, e uma questão aleatória veio à sua cabeça: o que aconteceria se Meadow Soprano tivesse frequentado a faculdade de Medicina e se tornado uma médica?

Mas como ser produtor de série de TV tem lá seus privilégios, ele tratou logo de acabar com a dúvida e criar um programa sobre a máfica no mundo da medicina.

The Mob Doctor é a história da Dra. Grave Devlin (Jordana Spiro, de Harry’s Law) que tenta equilibrar seu “trabalho oficial”, no hospital, com um “serviço obscuro/oculto”: para pagar a dívida do irmão (Jesse Lee Soffer, de The Mentalist), ela presta serviços de saúde à máfia de Chicago.

Berman, com a ajuda do co-produtor Rob Wright (também de Drop Dead Diva), começou a pesquisar médicos que se viam na mesma situação que a Dra. Devlin na vida real.

“É o ventre do crime organizado, por assim dizer. Então, quando descobrimos que histórias assim existiam de fato, decidimos: temos que fazer [a série]!”.

The Mob Doctor vai explorar, também, a vida pessoal da Dra. Grace – tanto a relação dela com o namorado (interpretado por Zach Gilford, de Friday Night Lights) quanto com o antigo chefe da Máfia, e agora amigo, Constantine (William Forsythe, de Boardwalk Empire).

“Temos episódios que se passam só no hospital e outros apenas em ‘campo’ [mundo do crime]”, revela o produtor. “Quando Grace está em campo, não existe toda aquela burocracia do hospital, ela só tem que se preocupar com o paciente. Então, ela leva essa energia e paixão com ela para o hospital.” De acordo com Berman, ela passa a valorizar mais a opinião do paciente do que as regras que seu chefe dita.

Mas as coisas não serão tão fáceis quanto parecem. No episódio-piloto, por exemplo, a máfia lhe envia uma mensagem para matar um dos pacientes do hospital, que, segundo eles, é um informante. Um dilema moral será colocado à moça, que terá que escolher se vai mesmo tirar a vida de uma pessoa para salvar a sua própria família. Para a atriz e protagonista, Jordana Spiro, a grande questão é “Até onde eu estou disposta a ir? Existe uma linha que não deve ser atravessada?”.

Nascido numa família de médicos, o produtor Berman contou com a ajuda da mãe na hora de escrever o roteiro. “Ela me deu algumas dicas valiosas sobre os diálogos entre as enfermeiras. Mas, aí, ela continuou a me dar lições gerais de escrita e precisei mandá-la para fora da sala”, disse humorado.

Vamos à pergunta que não quer calar: o que faz The Mob Doctor diferente dos muitos outros shows médicos já existentes? Berman não perdeu o humor para responder. “Eu sei que é fácil dizer ‘ER – Plantão Médico encontra A Família Soprano‘, mas eu acho que estamos muito longe disso. Trata-se da história de uma mulher que vive em dois mundo super opostos e tenta ser boa em cada um deles.”

Segundo o produtor, na primeira temporada da série, a vida de Grace vai sofrer diversas reviravoltas. “Nunca trabalhei em um programa onde havia tantas histórias para escolher. É um emaranhado de riquezas”, mostrou-se entusiasmado.

E se você ainda não se convenceu de que a atração é realmente diferente das outras, Berman está muito convicto disso. “Não acho que exista um personagem igual a Grace na TV nesse momento e espero que o público se apaixone por ela tanto quanto eu me apaixonei”. O discurso de Berman, pelo menos, está inspirador.

The Mob Doctor estreia amanhã, segunda-feira, na Fox americana. Será que o espectador também vai viver esse amor à primeira vista? Confira o trailer:

Com informações do TV Guide.

 

Séries citadas:

É jornalista formada pela Unesp e pós-graduanda em Gestão Cultural. No TeleSéries, escreve mensalmente a coluna Estilo. Aficionada pelas histórias de terror, sobrenaturais e de mistério, também não dispensa aquela comediazinha romântica... Pushing Daisies, Jeannie é um Gênio, A Feiticeira, Riget, Lost in Austen, Wonderfalls, Samantha Who?, Copper, Harper's Island e Hannibal estão entre suas séries preferidas de todos os tempos! :)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account