Log In

Opinião Preview Reviews

Primeiras Impressões – ‘The Secret Circle’

Pin it
Se você gostar de The Vampire Diaries, poderá se encantar com essa série.

E mais uma série chega para se unir a The Vampire Diaries, Supernatural e outras no hall das histórias sobrenaturais. Sou apaixonada por esse gênero a muito tempo, e quando as primeiras notícias sobre The Secret Circle saíram, eu já fiquei curiosa para ver o resultado final, principalmente por que é baseado nos livros da L.J. Smith e por que o roteirista é Kevin Willianson, velhos conhecidos dos fãs de Vampire Diaries, como eu.

Confesso que além da Phoebe Tonkin e da Jessica Parker Kennedy, heranças da minha infância e do início da adolescência, não conhecia muito do elenco da série até a estreia e não me decepcionei com a atuação deles. Mesmo Louis Hunter, que só teve umas três ou quatro falas no episódio piloto, as fez bem.

Como toda série da CW que se preze, já foi perceptível que Secret Circle vai ter além das tramas principais, um lado mais romântico explorado com a história de Adam e Cassie, de seus pais e de suas famílias serem ‘alinhadas nas estrelas’. A parte do triângulo amoroso entre eles dois e Diana pode deixar tudo mais clichê futuramente, mas eu tenho a impressão que dessa vez, vai ser diferente e, quem vai movimentar essa história não é Diana, mas Faye. A filha da diretora da escola de Chance Harbor (porque sempre tem só uma escola na cidade?)  parece ser bem ambiciosa, e algo me diz que ela não vai sossegar até conseguir a liderança do Círculo, até agora, de Diana.

Uma coisa que se tornou uma grande interrogação para mim e para outras pessoas que assistiram o episódio foi ‘A que vieram os adultos da série?’. O que aconteceu com o último Círculo que matou grande parte dele e fez a magia ser proibida? Porque eles levaram Cassie até Chance Harbor? Porque Ethan, o pai de Adam, não faz parte da ‘panelinha’ formada por Dawn e Charles? Porque eles escondem dos filhos que sabem sobre o Círculo? E, por último, mas não menos importante, o que eles querem do Círculo?

Com todas essas interrogações somadas às tramas pessoais dos integrantes do Círculo, o primeiro episódio de The Secret Circle terminou e já deixou aquela sensação de ‘Mas, já? Vou ter que esperar pela semana que vem…’ A série tem tudo para deslanchar e fazer muito sucesso conforme a exibição dos episódios. Antes mesmo da estreia, eu já sabia que acompanharia e o primeiro episódio só serviu para confirmar as minhas expectativas: Minha wachtlist aumentou.

 

 

Séries citadas:

8 Comments

  1. Ari Teles

    Pra mim foi uma série não tão extraordinária. Aquela típica série onde os próximos episódios vão me dizer se continuo a acompanha-la ou se vai ficar esquecida…  E  o protagonista dá pinta de gay, não me conveceu!!

  2. Anônimo

    O Adam dá uma pinta mesmo, achei que só eu tivesse reparado, kkkkk

  3. MicaRM

    Eu tenho paixão pelo Thomas Dekker, mas sempre achei que ele no fundo joga na concorrência.

    Eu gostei do piloto. A garota que faz a Faye é muito, muito, mas muito ruim, e a personagem também não ajuda, mas todo o resto me prendeu. Eu sou trash demais, socorro!!!!

  4. Anônimo

    Que atire a primeira pedra quem nunca gostou de uma série um pouco clichê. SC está definitivamente na minha watchlist.

  5. Anônimo

    Putz, se eu for te falar tudo que eu gosto que tem alguma coisa clichê, não sairia daqui hoje.

  6. Bianca Mafra

    Achei o piloto corrido, muita informação de uma vez, poderiam ter nos “cozinhado” mais tempo, mas, apesar da tematica sobrenatural, a historia me lembra muito pretty little liars, segredos, jogos, vamos ver se vai seguir o rumo do uma revelação por episodio

  7. Pingback: Destaques da Semana – Brasil – 7 a 13/11

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account