Log In

Preview

Primeiras Impressões – The Carrie Diaries

Pin it

Olá, pessoal!

Eu como boa admiradora de séries teens serei a responsável pelas reviews de The Carrie Diaries, um prequel (antecessor) de Sex and the City. Já aviso à vocês que na época que começou o seriado eu tinha apenas 8 anos, então não acompanhei toda ela, apenas alguns episódios. Sei que isso é um pecado, mas meu box tá ali na estante, guardadinho, esperando eu ter um pouquinho mais de tempo. Mas ok, vamos ao que interessa.

A premissa da série é contar a vida de Carrie Bradshaw em 1984, no auge da sua adolescência. Na época ela ainda estava conhecendo aquele que diz ser o homem de sua vida: Manhattan – local no qual mais tarde ela aprontaria todas junto com as amigas Samantha, Charlotte e Miranda.

Já no piloto somos apresentados à vida de Carrie e aos personagens do seriado, tendo destaque seu núcleo familiar composto pelo pai e pela irmã rebelde; os melhores amigos Mouse, Maggie e Walt; o novato e ao que parece par romântico de Carrie, Sebastian; e Larissa, a editora de estilo da Interview Magazine.

O pontapé inicial da história se dá por um fato já ocorrido que é a morte da mãe de Carrie, fazendo com que o pai tenha que cuidar sozinho das duas filhas. Ele fica preocupado com Carrie resolve colocá-la fazer um estágio em Nova Iorque. E é a partir daí que tudo se desenvolve.

Logo de cara somos apresentados à diferença entre os dois mundos: o subúrbio de Connecticut e a Manhattan, o local onde tudo acontece. E como pudemos ver ao longo do episódio Carrie está dividida entre estes dois mundos. Ela ama os amigos e a família, mas fica encantada por Manhattan e pela possibilidade de adentrar um mundo novo e cheio de gente interessante.

É muito interessante que ao mesmo tempo em que podemos ver Connecticut x Manhattan, podemos ver dois lados totalmente opostos de uma mesma Carrie. A mesma garota que ajuda Larissa a praticar um furto fica escandalizada ao ver dois gays se beijando. A Carrie que dá conselhos pra irmã mais nova é a mesma Carrie que desobedece à todas as ordens que recebe logo no primeiro dia de estágio. São estes paradoxos que tendem a fazer com que a história se movimente e com que nos apeguemos a personagem, podendo ver quem era Carrie e como ela se transformou naquela personagem tão bem interpretada pela brilhante Sarah Jessica Parker em Sex and the City.

Além disso acho que tem alguns plots que podem ser interessantes se bem explorados: Walt descobrindo-se gay; a rebeldia de Dorrit e a cleptomania. E no mais é uma típica série teen que aborda todas as temáticas que invariavelmente perpassam essa época de nossas vidas: o primeiro beijo; a perda da virgindade; descobertas; paixões (super fofos Carrie e Sebastian) e muito mais…

Achei muito bonitas as cenas em que Carrie, Dorrit e o pai parecem finalmente aceitar a perda da mãe delas e que resolvem se desfazer das coisas, especialmente o momento em que Carrie dá o vestido verde para a irmã. Muita sutileza. Cena bonita. Nem parecia que eu tava vendo a CW.

Antes de finalizar preciso dizer que eu gostei muito do piloto. Sem dúvida nenhuma é essa série que vai fazer com que eu substitua Gossip Girl no meu coração. Já tava super querendo ter uma melhor amiga como a Carrie. Fiquei empolgada não porque The Carrie Diaries seja uma obra-prima, mas porque é uma série teen – que eu amo – que se passa nos anos 80 – época na qual eu amaria ter vivido – cheia de referências à cultura pop – que eu amo (de novo) – e à Madonna – que é minha ídola. Como bônus temos uma excelente trilha sonora com o melhor do pop – meu estilo musical preferido – , que vai desde Madonna à Cyndi Lauper. Eu, sinceramente, não preciso de mais nada.

Séries citadas:

Relações Públicas e Mestre em Comunicação Midiática pela UFSM. Não esconde sua paixão por reality shows, sendo fã especialmente de The Voice, Survivor e The Amazing Race. Suas séries preferidas são Friday Night Lights e The O.C, mas também nutre um profundo amor por Friends e Sex and the city. Atualmente assiste Orphan Black, Orange is The New Black, Broadchurch, Faking It, Girls e Nashville... Suas paixões mais recentes são The Affair, How to Get Away With Murder e Scandal (cujas 4 temporadas completas assistiu em apenas 20 dias).

Website: http://www.assmanncomunicaçãoestrategica.wordpress.com

9 Comments

  1. paty

    Gostei da série,do ritmo,a série tem muito potencial.Gabriela eu também não vi a série com Sarah Jessica Parker mas me interessei e vou começar a ver.A atriz da série teen é muito perspicaz,lembro de ver um filme em que ela foi brilhante
    ,ótima atriz para o pape.o que acha?..vamos continuar nos encontrando por aqui,com o desenrolar da série..bj

  2. Gabi Assmann

    Sim! A AnnaSophia é ótima! Gostei muito dela em Fantástica Fábrica de Chocolate e Ponte para Terabítia. E achei que ela tá desempenhando muito bem o papel de Carrie, afinal é uma responsabilidade, né?
    Nos encontramos por aqui, sim! Beijos

  3. Paullo Kidmann

    A trilha sonora é sensacional #FATO! Anna Sophia ta demais na pela da Carrie, gostei muito da série!!! e espero que renovem… :D

  4. Biel Fresnedas

    Ficou ótimo Gab!
    Concordo 100% com você.
    Ela lembra a Carrie em algumas partes.
    No começo (nos 10-15 minutos) eu achava que seria bem teen, bem meloso e pouco sex n the city, mas…depois dela conhecer a Larissa, tudo mudou e fez com que eu tivesse interesse em continuar, e principalmente acompanhar.
    Ótima crítica!
    Beijao.

  5. Arthur de Melo

    Adorei o piloto de The Carrie Diaries! A CW adora fazer séries com diários né? Série bastante #teen mas super gostosa de assistir! Parabéns pela review Gabriela! =)

  6. Igor

    Mesmo sendo um prequel de SATC e lembrando GG, TCD tem tudo pra se destacar por si só, pelas história e pelo carisma dos personagens. Gostei do review e espero que daqui pra frente, a série siga desse ritmo pra melhor.

  7. 4ever...Hebert

    adorei a serie pena q ta com pouca audiencia, e a trilha sonora, ual, passou ate footlose, sem contar q todos os meus amigos se encaixao c um personagem

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account