Log In

Preview

Primeiras Impressões — Mixology

Pin it

Péssima e chata. Essas são minhas tristes primeiras impressões sobre Mixology.

Situada em um bar de Manhattan, a história acompanha a vida de cinco homens e cinco mulheres que, ao longo de uma noite, buscam um relacionamento amoroso. E como a primeira impressão é sempre a que fica, não pretendo voltar à esse bar tão cedo – ou tão nunca.

Criada por Jon Lucas e Scott Moore (ambos da comédia cinematográfica Se Beber Não Case), a série é quase um Lost com todo mundo preso em um lugar que não os deixa sair dali, a não ser quando flashbacks aparecem para nos deixar à par de alguma coisa que faria diferença no presente. Faria, porque realmente não faz. Quando se critica uma série, cabe a quem escreve perceber se o show é mesmo ruim ou somente não se encaixa em seu estilo de vida. Posso não ter ido à bares e anotado tudo o que acontece em um bloquinho, mas sei que Mixology vai parecer um pouco mais real e menos ruim para algumas pessoas. Prova é a voz que narra o episódio e diz “Esta é a história de 10 estranhos, uma noite, e todas as coisas ridículas que fazemos para encontrar o amor”. As referências de Friends e Sex and the City no início possivelmente sugerem que a coisa toda vai tentar ser mais real do que duas das séries preferidas de todo mundo,  o que pode não ser tão agradável assim.

A primeira noite…

Todo começa quando Tom (Blake Lee de Parks and Recreation), que é abandonado por sua noiva, resolve sair para uma noitada depois de mais de uma década, já que seus melhores amigos, o confiante Cal (Craig Frank) e o esperto Bruce (Andrew Santino de Crafty), vão fazer com que o amigo mergulhe novamente na piscina de oportunidades, queira ele ou não.

O primeiro encontro de Tom é com Maya (Ginger Gonzaga de Legit), uma advogada linda e seca — o que logo leva Tom, sensível, às lágrimas.

Enquanto isso, a mãe solteira Jessica (Alexis Carra) espera junto a sua amiga/inimiga Fabienne (Frankie Shaw de Blue Mountain State), um cara que ela conheceu na internet, o falido Ron (Adam Campbell).

Do outro lado do balcão, a garçonete Kacey (Vanessa Lengies de Glee) quer chamar a atenção do misterioso barman Dominic (Adan Canto).

…É a noite que não acaba tão cedo

Ainda que tudo pareça perfeito, o trio de amigos ainda tem várias pessoas para conhecer, incluindo a amiga compromissada de Maya, Liv (Kate Simses), que também parece ter um interesse instantâneo por Ron, depois que ele vomita na bolsa de sua primeira opção amorosa.

Para piorar o que já parece mastigado, nenhum dos personagens é engraçado ou cativante, o que faz você se perguntar porque a ABC achou que o show era um bom lead out para a tão boa e hilária Modern Family. Uma das melhores sitcoms no ar sendo seguida por uma das piores, que não retém a audiência. Estou quebrando a cabeça para entender…

Assistir Mixology é uma experiência irritante e frustrante, e eu não me importo em aprender os nomes dos personagens, e muito menos me preocupo com a sua felicidade no final da noite. Eu só quero que esses estranhos fiquem no bar sem nenhuma audiência até ABC cancelar a série. Assim, podemos fingir que isso tudo nunca aconteceu.

Séries citadas:

19 anos, mora em São Paulo, ama futebol e estuda Jornalismo. Está no TeleSéries desde 2011 e assiste mais séries do que os seus dedos da mão podem contar. Ama todas, mas Everwood, Friends e The O.C. sempre vão reinar em seu coração.

4 Comments

  1. Paullo Kidmann

    Gostei da série, não é a melhor comédia da temporada (longe disso), mas eu achei engraçada, tá é um pouco boba, mas os filmes Se beber não case (que eu não gosto!) são muito pior em termos do fora da realidade, e ainda assim é um sucesso! Respeito muito sua opinião, mas acho que vc foi realmente um pouco dura com a série; É algumas coisas são mesmo fora do real mas é uma série e no final das contas eles sempre exageram no mundo das séries…
    O seguindo episódio foi mais chatinho que o primeiro. Enfim gostei da série e vou continuar assistindo heheheeh.

  2. Paullo Kidmann

    Gostei da série, não é a melhor comédia da temporada (longe disso), mas eu achei engraçada, tá é um pouco boba, mas os filmes Se beber não case (que eu não gosto!) são muito pior em termos do fora da realidade, e ainda assim é um sucesso! Respeito muito sua opinião, mas acho que vc foi realmente um pouco dura com a série; É algumas coisas são mesmo fora do real mas é uma série e no final das contas eles sempre exageram no mundo das séries…
    O seguindo episódio foi mais chatinho que o primeiro. Enfim gostei da série e vou continuar assistindo heheheeh.

  3. Paullo Kidmann

    Gostei da série, não é a melhor comédia da temporada (longe disso), mas eu achei engraçada, tá é um pouco boba, mas os filmes Se beber não case (que eu não gosto!) são muito pior em termos do fora da realidade, e ainda assim é um sucesso! Respeito muito sua opinião, mas acho que vc foi realmente um pouco dura com a série; É algumas coisas são mesmo fora do real mas é uma série e no final das contas eles sempre exageram no mundo das séries…
    O seguindo episódio foi mais chatinho que o primeiro. Enfim gostei da série e vou continuar assistindo heheheeh.

  4. Paullo Kidmann

    Gostei da série, não é a melhor comédia da temporada (longe disso), mas eu achei engraçada, tá é um pouco boba, mas os filmes Se beber não case (que eu não gosto!) são muito pior em termos do fora da realidade, e ainda assim é um sucesso! Respeito muito sua opinião, mas acho que vc foi realmente um pouco dura com a série; É algumas coisas são mesmo fora do real mas é uma série e no final das contas eles sempre exageram no mundo das séries…
    O seguindo episódio foi mais chatinho que o primeiro. Enfim gostei da série e vou continuar assistindo heheheeh.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account