Log In

Preview

Primeiras Impressões: Galavant

Pin it

Em 2009 a Fox inovou ao reintroduzir o gênero musical à TV com Glee, que foi um sucesso de público e crítica (no seu início, é claro), e fez com que as pessoas se acostumassem a assistir musicais. Desde então outras emissoras americanas tentaram entrar nessa onda, como a NBC, que apostou na hoje cancelada Smash que abordava os bastidores de um musical da Broadway sobre Marilyn Monroe, e a ABC, que parece ser a mais bem sucedida no gênero atualmente, primeiro lançando Nashville, que acompanha o cenário country americano, e agora com Galavant, que tudo indica pode se tornar a mais bem sucedida de todas as séries musicais até agora.

LUKE YOUNGBLOOD, MALLORY JANSEN, JOSHUA SASSE, TIMOTHY OMUNDSON, VINNIE JONES, KAREN DAVID

Galavant foi criada por Dan Fogelman, famoso por roteirizar animações de sucesso como Enrolados, Carros 1 e 2  e Bolt, além de ser criador da série de comédia The Neighbors, também da ABC. A série conta a história de Galavant (Joshua Sasse), um cavaleiro medieval heroico e destemido que sai em uma jornada para reconquistar sua amada Madalena (Mallory Jensen) e destruir o Rei Richard (Timothy Omundson) que a “roubou” dele.

O primeiro grande mérito de Galavant até agora é com certeza a trilha sonora, pois de todas as séries musicais lançadas recentemente essa é a primeira que se encaixa nos padrões básicos de um musical, com as músicas introduzidas na história e ajudando a contá-la, diferente de Glee  que é o que chamamos de “jukebox musical”, que usa músicas reais adaptadas, e até mesmo diferente de Smash Nahsville, que apesar de terem composições originais elas não narram a história em si. Isso já torna a série extremamente inovadora. E para contribuir ainda mais, a trilha da série é composta por ninguém menos que Alan Menken, um dos maiores compositores de todos os tempos e que mantém o recorde de maior ganhador de Oscars vivo (8 estatuetas). Se você não está o reconhecendo pelo nome darei uma dica: ele compôs a trilha sonora da infância das crianças dos anos 90 (estou incluso nessa), com trilhas de filmes como A Pequena SereiaA Bela e A FeraAladdinPocahontas, entre outros. Aliado ao letrista Chris Slater (que também trabalhou com ele em Enrolados), os dois provam a que vieram com músicas extremamente cativantes e engraçadas, destaque para a música-tema da série (que se você já assistiu provavelmente está com ela na cabeça desde então) e Maybe You’re Not the Worst Thing Ever, apresentada no segundo episódio.

Também deve-se falar do ótimo elenco que com apenas dois episódios exibidos já conseguiu estabelecer o tom da série e provar seu talento. Joshua Sasse conduz bem seu Galavant que, apesar de não ser um personagem desafiador por assim dizer, não por isso não exige alguém talentoso. Mas o destaque fica com certeza com o casal 20 da série, Timothy Omundson e Mallory Jensen. Os dois brilham em cena, e tem uma química incrível. Karen David também merece destaque como a princesa Isabella Maria Lucia Elisabetta de Valencia (sim, você também vai decorar) que convence Galavant a sair em sua jornada de herói. E claro, não podemos esquecer das participações especiais que prometem acrescentar ainda mais à série. Até agora só vimos John Stamos como o Sir Jean Hamm (qualquer semelhança com John Hamm talvez não seja mera coincidência) mas foram confirmadas as participações de Hugh Bonneville e Sophie Mcshera (ambos de Downton Abbey), “Weird Al” Yankovic (comediante famoso por suas paródias de músicas famosas), Ricky Gervais (que dispensa apresentações), Anthony Head (de BuffyMerlin) e Rutger Hauer (Blade Runner) ou seja, podemos esperar e muito dessas participações.

Pessoalmente eu preciso dizer que estou muito satisfeito com Galavant, assim como todos os fãs de musicais também devem estar. Uma série musical autêntica, com músicas compostas por nada menos que gênios, boas atuações, e genuinamente engraçada, algo raro de se encontrar nas comédias americanas atuais, e com todas as boas críticas e audiência igualmente satisfatória, tudo indica que desta vez a ABC acertou em cheio e Galavant irá se manter na programação, mas principalmente, sem cair no lugar comum das séries de comédia atuais, nós não queremos isso, e Isabella também não

tumblr_nhtpalY7Go1qmvbmuo2_500

* * *

Galavant estreou nos EUA no dia 4 de janeiro, pela rede ABC. Não há previsão ainda de estreia no Brasil

Séries citadas:

Estudante de Produção Multimídia, cinéfilo de coração e futuro roteirista. Obcecado pelo Reino Unido e tudo que sai daquela ilha mágica, principalmente as séries, em especial Doctor Who, Sherlock e Downton Abbey. Também é apaixonado por animação, e sonha em ser roteirista de uma série animada.

4 Comments

  1. Paullo Mendonça

    Eu simplesmente ameiiiiiiiii…Só achei pouco episódios para a primeira temporada, espero que seja renovada!!! #Recomendo

  2. Thiago FLS

    Também curti os dois primeiros episódios. Espero que essa série não seja tão injustiçada quanto The Neighbors, que me divertiu muito em suas duas temporadas.

  3. biancavani

    Achei bem divertida, principalmente o segundo epi – mas, é claro, para quem gosta de comédia moderna musical.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account