Log In

Reviews

Pretty Little Liars – The Goodbye Look

Pin it

Série: Pretty Little Liars
Episódio: The Goodbye Look
Temporada:
Número do Episódio: 2×02
Data de Exibição nos EUA: 21/06/2011

Eu confesso que a segunda parte da primeira temporada me desanimou bastante. Tivemos episódios bem arrastados em que a trama andou, mas parou no mesmo lugar. Os mistérios que cercam a identidade de –A ficaram entediantes e a trilha sonora, tão boa no inicio, já não existia mais e, por fim, os romances estavam superficiais.

Contudo, a premiere me deixou bastante esperançosa e esse segundo episódio foi apaixonante.

Claro que ainda não sabemos a identidade de –A, mas o suspense voltou a ficar interessante. Ian está desaparecido e não se sabe ao certo se está vivo ou morto. Os vídeos que o incriminavam também sumiram do computador de Emily (aliás, pra quem tem muitos segredos, as meninas são bem sonsas hein? Onde já se viu ter uma prova daquela e deixar o computador aberto em cima da escrivaninha? É pedir pro ladrão roubar né?!) e Jason Dilaurentis está de volta à Rosewood.

Houve uma troca no elenco e agora Drew Van Acker vive Jason, não mais o gatíssimo Parker Bagley. Não sei pra vocês, mas eu fiquei dividida pensando por quê a troca de ator ao mesmo tempo que me preocupada com a volta do irmão de Alisson.

A princípio seu retorno é mistério, há uma possibilidade, a julgar pela última cena, que ele esteja escondendo Ian na sua casa, mas pra mim Ian morreu e –A está pregando uma peça nas meninas.

O pai de Hanna resolveu ser pai agora e também apareceu em Rosewood. A terapeuta aconselhou os pais que seria melhor manter as meninas separadas e é isso que o pai de Hanna tenta convencê-la – uma tarefa difícil já que esteve longe tanto tempo. Porém, Hanna é tão doce e amiga que não deve ficar com raiva por muito tempo. Assim como não ficou com raiva de Mona e as duas já se entenderam.

Falando em Mona, acho muito difícil, muito mesmo, acreditar que ela seja –A. Ela não tem a coragem e nem mesmo inteligência pra bolar isso tudo! Vou ficar bastante decepcionada se descobrir lá na frente que ela está por trás de tudo.

Emily está começando a encontrar um lugar na trama agora com esse problema de ter de ir embora para o Texas. Mas já que não estão seguindo a risca o que está nos livros, não vejo muita utilidade nessa mudança, seria melhor investir nesse relacionamento com Samara. No início até estranhei a presença dela, mas sem duvida, qualquer interesse amoroso pra Emily é melhor que Maya e a psicopata da natação (sim, eu esqueci o nome dela!). Será que ela vai ficar por mais tempo? E Emily vai ficar em Rosewood sozinha ou a mãe vai desistir de seu casamento e ficar também? Isso está começando a ficar interessante.

A proibição das meninas de serem amigas ficou até boba, elas não enfrentaram nenhuma dificuldade pra se verem ou conversarem, até porque nenhum dos pais, com exceção da mãe de Emily, está verificando se elas estão conversando. Fizeram um auê todo episódio passado e simplesmente esqueceram que elas se vêem na escola, se falam por telefone, email e sms. Uma oportunidade desperdiçada que poderia ter rendido mais.

Apesar desses deslizes do roteiro (outro furo, que falo mais logo a frente, foi Ezra e Aria dando um beijasso no estacionamento e ninguém vê!), o que me empolgou mesmo foi o contorno dado aos romances.

Até agora nada de Sean, Lucas, e Caleb aparentemente sumiu. Mona e Noel foi algo passageiro. Mas Ezra e Aria, Spencer e Toby marcaram presença e mostraram que o romantismo ainda não morreu.

Em um período que o interesse tomou lugar do romantismo e as séries teens só se preocupam em mostrar relações superficiais é um alívio ver a delicadeza e sinceridade dos romances em Pretty Little Liars.

Ezra está deixando a escola de Aria pra dar aula na faculdade. Ela ainda não o havia perdoado e eu estava agoniada querendo vê-los juntos, mas a série não decepciona quando esses dois fazem as pazes. Que cena linda! Revi várias vezes.

Também achei super fofo Spencer e Toby. Esse casal, aliás, não tem descanso hein?! Ela é suspeita de homicídio, e ele não consegue um emprego por causa da fama que tem na cidade. Sem falar que eles também não podem se assumir né? Mas os poucos momentos que estão juntos faz tudo valer a pena.

A única coisa que atrapalha Spencer é sua irmã Melissa. A garota é chata demais e boba, porque se Ian fosse inocente como ela acredita, não teria fugido e a deixado grávida pra trás, não acham? Os roteiristas bem que podiam diminuir o tempo dela em cena, seria perfeito.

Mas esse início de temporada está maravilhoso, e de bônus a trilha sonora estava perfeita. Vamos ver se os produtores conseguem manter o suspense atrativo até que finalmente revelem a identidade de –A. E até lá roer as unhas pra que ninguém descubra as mentiras e os segredos das “pretty little liars”.

Séries citadas:

Bacharel em Direito e servidora pública. Já chegou a ver mais de 30 séries, mas hoje prefere ter vida social. Atualmente acompanha Arrow, The Good Wife, The Voice e Scandal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account